História A Menina Má - Imagine Yoongi - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Colegial, Imagine, Jimin, Jungkook, Kookie, Romance, Suga, Violencia, Você, Yoongi
Visualizações 740
Palavras 1.462
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oláááá

Acordados? Espero que sim.

Vejo que vocês curtiram bastante o capítulo passado.
Esse ficou menor mas ficou interessante também. Espero que gostem.

Boa leitura ❤

Capítulo 11 - Bloqueio de sentimento


Acordei com o despertador tocando. Eu dormi só quatro horas, isso não era justo. Procurei por meu celular em cima da mesa de cabeceira  mas ele não estava. Então me lembrei que eu tinha colocado  no meu bolso e peguei. Já era 6:00, hora de ir pra escola.

- Só mais um pouquinho - falei baixinho e desliguei o despertador, colocando na mesinha de cabeceira.

Quando fui virar pro outro lado para dormir, eu não consegui, pois alguém me impedia. Olhei por baixo da coberta e uma mão e uma perna estavam sobre mim. Virei meu pescoço pra trás e vi que era o Yoongi, dormindo abraçado a mim. 

- Mas não foi ao contrario ? Ah deixa - me ajeitei na mesma posição  e voltei a dormir com o Yoongi ainda abraçado em mim.  Devo admitir que estava gostoso desse jeito.

[...]

     Acordei com algo tocando mas dessa vez não era meu celular , na verdade, não parecia celular.

Yoongi sem mexeu, retirando seu braço e perna de cima de mim.

Quando me dei conta, era a campainha que tocava. Sentei na cama assustada. Olhei a hora no celular  e era 11:30. 

- Saída da escola. - olhei pro Yoongi que abriu o olho - Yoongi, os meninos. São os meninos, devem ser eles na porta - ouvimos a campainha de novo e levantamos da cama olhando um para o outro assustados sem saber o que fazer. - Vai atender -

- Eu não posso. Olha meu olho.. O que vou falar?  -

- Droga...fala que você escorregou no banheiro ao sair do box e caiu de cara na privada.-

- Isso não parece ser verdade. Eles nao são idiotas. O Jin é o mais esperto quando se trata disso - apontou para seu olho roxo.-

- Então diz que você se envolveu em briga com uns bêbados na hora que você voltava pra casa de noite. Você é cabeça dura, eles vão acreditar. - assentiu - Mas pelo amor de Deus,não deixa eles vir pra cima -

- Ta, É... - procurou por algo no quarto, mas não achou  e desistiu. Saiu do quarto descendo as escadas. Enquanto isso fui arrumando minhas coisas. Peguei meu celular, minha mochila e sai do quarto dele ficando perto da escada.

- Oi pessoal - disse Yoongi abrindo a porta com voz de sono.

- Que roxo é esse na sua cara ? - ouvi a voz do Jin.

- Ah..eu me meti em briga ontem - com dificuldade, vi apenas quatro garotos. Jin, Jimin, Jungkook e o garoto de sorriso quadrado. 

- Como assim briga ? Como foi isso?- Yoongi explicou o que aconteceu, tirando a parte que me envolvia. Ele mentia bem.

- Nossa cara, fiquei preocupado - disse Jimin. É até difícil de acreditar - Você e aquela garota idiota foi os únicos que faltaram - idiota o caralho, esse menino merece um tapa na cara e um chute no pinto pra parar de ser escroto.

- E-ela faltou ? Nossa - Droga, não gagueja Yoongi.

- Sim. Pensei na possibilidade de vocês terem se metido em encrenca já que ela mora aqui na frente - eles sabem? Droga Yoongi, eu te mato por ter contado.

- Não. Nem vi essa garota. Nem na saída da escola eu vi. Eu cheguei em casa e já sai pro banco pra pegar dinheiro. Ai na volta aconteceu isso -

- Vou no banheiro. Estou apertado - disse uma voz desconhecida por mim. Deve ser a do garoto de sorriso quadrado - merda, ferrou.

- Ei ei , você vai no meu quarto ? - Yoongi tentou impedir -

- Sim, porque? Você nunca achou ruim -

- Ah cara, nao vai lá não. Ta uma bagunça-

- Desde quando você liga pra isso Yoongi? - questionou Jimin.

- hã..sei lá. Vai lá então - merda. Fui pro quarto dele e abri a janela da sacada. Fechei com cuidado e me escondi numa parte que nao dava para me ver. Olhei com cuidado para dentro do quarto e o garoto entrou no banheiro. 

Depois de alguns poucos minutos, ouvi a porta se abrir. Olhei com cuidado e ele ia saindo  do quarto, mas parou na porta. Me Encolhi mais no meu canto torcendo para que ele nao tenha me visto.

Esperei um pouco e olhei de novo. Ele estava na mesa de estudos do Yoongi, olhando os remédios. Ele pegou alguns e saiu e quarto.


  (...)


Passou um longo tempo. Eu já estava sentada no chão. Eu estava um caco, sem escovar os dentre,  sem pentear o cabelo, sem tomar banho. Eu só me meto em confusão.

- ___, você ta ai ? - ouvi a voz de Yoongi me chamando. Sem me levantar , bati na janela da sacada, atraindo sua atenção. Ele veio , abriu a porta e saiu pra fora.

- Eles já foram ? - perguntei me levantando.

- Sim, já foram.. - 

- Ah aleluia, já são  12:30. - falei olhando  a hora no celular -

- Foram cedo, tem dia que ficam ate de noite - 

- Nossa.. Bom, eu vou indo. Preciso escovar dente , tomar um banho... - ele olhava para mim com um sorriso orgulhoso, estranho - O que foi ? 

- Nada não.. -

- Você esta bem ? Está melhor ? - cheguei perto de seu corpo e coloquei minha mão na sua testa. Ele me olhava mordendo os labios, e isso era tão tentador. Mas  ja que ele estava bem eu me afastei.

- Eu estou bem...graças a você. Obrigado -

- Isso é bom.. Não foi nada. Até deixei você dormir abraçado em mim - sorri

- Então você viu ? - assenti - Bom, minha febre passou durante a noite e senti que você estava gelada, pois fez frio a noite, então retribui -

- Entendi.. Eu vou indo, até Yoongi - entrei no quarto pronta para sair, mas..-

- Eu ouvi você me chamando de Suga ontem - ele entrou no quarto e ficou do meu lado.

- A-ah, então você ouviu - sorri sem graça - Bom eu.. -

-  Não precisa explicar. Eu te dei um apelido e você me deu um também. Vem, te levo na porta - começou a andar mais parou -  Mas só se você me chamar de Suga quando estivermos Sozinhos - 

- Eu te chamar de Suga ? - assentiu - E você vai continuar me chamando de menina má? -

- Você não esta sendo  tão má comigo agora. Vou tentar achar outro apelido, mas por enquanto vou te  chamar de menina má.. Posso ? -

- Esse apelido nao é nada mal. Mas se conseguir outro  pra mim, é melhor. Porque eu sou um amorzinho - passei por ele sai do quarto. Desci as escadas com ele atrás. - Ah, antes que eu saia - parei e me virei pra ele. E já que ele  vinha atrás, nossos corpos se chocaram quando virei e acabamos  ficando muito próximos. - É... Se você passar mal de novo, você tem me número - falei com a mão na boca.

- Porque você tapou a boca pra falar ? - falou e eu me afastei

- É porque eu não escovei os dentes e devo estar com bafinho -

- Para de ser boba. Eu também estou com bafo. Não escovei meus dentes ainda, esqueceu ? -

- Ah.. Bom, mas mesmo assim, é falta de educação.. Enfim, vou indo - fui para abrir a porta mas ele me segurou.

- ___, espera -  olhei em seus olhos esperando que falasse - Você quer sair comigo ? -

- Co-como? Sair ? Com você ? -

- Sim.. Hoje eu realmente preciso ir no banco. E também preciso ir em Hongdae. Vem comigo, posso te mostrar vários lugares e também posso te pagar um lanche, já que daquela vez você pagou pra mim. É o minimo que posso fazer depois dessa noite -

- Ah não sei se é uma boa ideia - 

- Ah qual é ..vai ser legal. É um passeio de amigos - sorriu simpático.

- Bom..OK então, preciso comprar umas coisas também - 

- Ótimo. Passo na sua casa as 14:30 - 

- OK, passa mesmo. Vou cobrir esse seu roxo no olho pra não chamar muita atenção - sorri e sai porta afora -

- Até logo menina má - gritou da porta

- Até Suga - falei sem me virar. Abri a porta de casa e entrei. 

No banho, refleti sobre tudo o que tinha acontecido. E eu nao estava acreditando que dormi com um garoto que até ontem de manha eu odiava demais. Me sinto estranha perto dele, meu coração despara toda vez que nosso corpo se encontra.

- Será que... - pensei um pouco nessa possibilidade e não, não era possível - Ah não, não posso. Isso não. Eu não estou gostando dele. Não quero, não posso, nao devo , fora de cogitação. Você prometeu não se iludir por nenhum garoto ___. Bloqueia esse sentimento.




Notas Finais


Owwwn , ela ta gostando dele mas nao quer admitir para si própria.

Mas também nao e fácil né? Depois de tanta desilusão que teve, ela não quer se machucar de novo.


Enfim, obrigado por ter lido. Sei que nao fico tão empolgante. Prometo trazer capítulos mais...excitantes mais pra frente.

Até a próxima ❤

Ah.. comentem o que acharam ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...