História A Minha Madrasta - Imagine Jeon Jungkook - Capítulo 40


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Big Bang, EXO, Girls' Generation, Red Velvet, Super Junior, TWICE
Personagens Cho Kyuhyun, G-Dragon, Irene, Jeon Jeongguk (Jungkook), Kim Namjoon (RM), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Mina, Park Jimin (Jimin), Xiumin, Yuri
Tags Bts, Exo, Hoseok, Imagine Jungkook, Jin, Jungkook, Kook, Seokjin, Suga, Tae, Taehyung, Xiumin
Visualizações 111
Palavras 1.298
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Famí­lia, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá, to aproveitando o horário de almoço do meu trabalho pra postar mais um capítulo. Espero que gostem, desejo-lhes uma boa leitura.

Capítulo 40 - Chapter 35


Fanfic / Fanfiction A Minha Madrasta - Imagine Jeon Jungkook - Capítulo 40 - Chapter 35

P.O.V Taehyung ON

Saí do quarto rapidamente, verificando todos os outros quartos da casa. Todos, absolutamente todos! Mas não havia nem sinal de noona.

Eu poderia muito bem desisti agora mesmo, mas eu sei que ela está aqui. Não há outro lugar. Ela saiu da casa de Jimin pra vim buscar nossas coisas. Meu pai fala que ela veio, pegou suas coisas e foi embora? Sendo que tudo dela está aqui!

Caminhei pelo corredor bufando com o sangue fervendo. Desci as escadas rapidamente chamando atenção de Appa e Yoongi.

-Anda! Fala logo onde noona está? -Gritei me aproximando de Xiumin. -Onde escondeu ela?

Xm-Como é que é? -Franziu o cenho se levantando da poltrona. -Veja como fala comigo, eu sou seu pai!

Yg-O que houve, Taehyung? -Yoongi se virou pra mim sem entender.

-Yoongi, as roupas da noona estão todas aqui!

Yg-Xiumin, disse que ela pegou as coisas dela e foi embora!? -Falou enquanto se aproximava de appa lhe encarando.

Xm-Se meta com sua vida! Eu não te devo satisfações. -Falou rudemente frente a frente à Yoongi.

Yg-Não me deve satisfações, mas deve satisfações à justiça. Seu depoimento pode ser um prova para eu usa-la em um processo contra você. -Falou calmamente com um pequeno sorriso vitorioso.

Xm-To nem ai. -Deu de ombros. -Faça o que quiser, eu irei negar tudo. Sabe porque? Por que você não tem como provar que falei isso. -Afrontou Yoongi que logo obteve uma risada debochada vindo do pálido.

Yg-Eu acho que... -Retirou seu celular do bolso e virou a tela para appa olhar. -Acho que isso pode me ajudar a provar. -Falou vitorioso revelando que seu celular estava gravando toda a conversa.

Xm-Desgraçado! -Exclamou tentando tomar o celular do advogado mas não conseguiu. -Isso não prova nada. Vocês não provam que Rabech está aqui! Vocês querem sair da minha casa! -Apontou para a porta.

Encarei o objeto de madeira e logo percebi uma um buraco... Me parecia um buraco causado por um tiro. Aigo isso está ficando cada vez pior.

-Eu não saio daqui até você falar onde noona está! -Gritei nervoso.

Xm-Escuta aqui, moleque! -Alterou-se me fuzilando. -Você conhece essa casa e provavelmente já procurou por sua madrasta pela casa toda! Por acaso eu algum lugar pra esconder uma pessoa? -Paralisei.

Flashback ON

Eu tinha 13 anos quando acordei de manhã e me preparei para escola. Eu saí do quarto e passei no quarto de Jungkook para saber se ele já estava pronto para escola, mas ao entrar no quarto ele não estava.

Eu desci as escadas e escutada várias conversas aleatórias de vozes de pessoas que eu não conhecia. Ao chegar na cozinha, Jungkook estava tomando café da manhã.

-Sabe o que está acontecendo? -Falei ao entrar na cozinha.

Jk-Appa está fazendo uma reforma no escritório dele. -Falou sem ao menos me olhar, simplesmente concentrado no seu sanduíche.

-Pra quê? -Servi meu café dando um leve gole em seguida.

Jk-Sei lá. -Deu de ombros.

Depois de algumas semanas já não havia mais aquelas pessoas desconhecida andando pela casa, essa tal reforma havia acabo.

Visitei o escritório de appa para vê como ficou e me surpreendi ao vê que nada mudou. As vezes perguntava ao appa o porquê mas ele sempre conseguia mudar de assunto.

Depois de alguns meses eu estava voltando da escola juntamente com Jungkook para casa. Eu estava alegre para mostrar ao meu appa minha prova, eu havia ganhando um 10 e estava louco para mostrar-lo.

Ao chegar em casa Jungkook foi atrás de ir pro seu quarto enquanto eu procurava appa no quarto dele mas não estava. Caminhei para seu escritório, e o encontrei saindo do chão.

Era meio estranho. Era uma porta no chão! Ele me viu ali vendo aquilo é levou um leve susto.

-Pra quê uma porta no chão? -Falei me aproximando da tal porta.

Xm-Ok, já que você descobriu eu vou te mostrar. -Pegou da minha mão e me puxou me fazendo segui-lo.

Desci uma pequena escada feita de concreto chegando em um local totalmente escuro. Appa agendou a lâmpada e pude vê o que se tratava.

Xm-Aquela reforma era isso aqui. Resolvi fazer esse quarto para guardar uma grama.

Observei o quarto, era todo branco e havia outra porta mas não sabia o qie dava acesso. Era simplesmente um quarto todo branco com uma pilha de dinheiro.

-Por quê o senhor não coloca no bando.

Xm-Ah, banco tem juros anuais e tal, queria fugir disso um pouco. -Me virou de frente para ele é se atacou ficando na minha altura. -Filho, não pode falar disso pra ninguém, ouviu? Esse é o nosso dinheiro. Não precisa comentar pra ninguém. -Assenti. -Então, estava me procurando o que queria?

-Ah, eu tirei 10 na prova de geografia. -Mostrei minha prova que até então ainda estava na minha mão.
Xm-Muito bom, Taehyung. Meus parabéns. -Sorriu olhando minha prova.

Flashback OFF

Desde aquele dia dei de ombros para aquele quarto. Eu nem andava lá e mal ia até mesmo para o escritório do meu pai.

-Droga! -Exclamei assustado me lembrando do maldito quarto. -O quarto... -Sussurrei pra mim mesmo.

Yg-O que disse?

-O quarto! -Gritei, fitei meu pai que se fez de desentendido. -O quarto que você quardava o dinheiro! -Ditei alto e em bom som para que appa ouvir.

Appa me olhava como se a qualquer momento quisesse me dar um tiro. Me virei rapidamente é corri o mais rápido que consigo.

Xm-Muleque, volte aqui! -Podia ouvir seus passos bem vindo.

Entrei facilmente em seu escritório pois a porta só estava encostada. Antes mesmo que appa posso entrar, fechei a porta e tranquei. Olhei ao redor daquele lugar é tentei procurar aquela porta no chão.

Apalpei meu bolso na procura do celular de noona. O peguei e procurei pelo o número que tinha me ligado mais cedo, do Jimin.

Ligação ON

Jm-Alô.

-Jimin! Preciso da sua ajuda.

Jm-O que houve?

-Eu tenho certeza que meu prendeu noona aqui em casa. Pois eu sei que existe um... Tipo um quarto que pode ser muito bem um cativeiro.

Jm-Tae preciso que mantenha a calma...

-Preciso que venha, e se não pôder, mande alguém!!!

Jm-Tae, eu preci... 

Ligação OFF

Não escutei o que Jimin ia dizer. Um estrondo na porta me fez assustar e deixei o celular cair no chão. Mais um estrondo e eu vi a porta ir pro chão. Appa entra no escritório com ódio nos olhos.

Xm-Muleque, você vai aprender a me obedecer! -Foi a última coisa que falou antes de me acertar um soco no estômago que me fez recuar pra trás encostando em sua mesa.

Me apoiei na mesa com uma mão enquanto a outra estava no meu abdômen resmungando de dor, sem querer afastei a mesa pra trás e assim o tapete aveludado foi junto.

Appa mais uma vez se aproximou e me desferiu mais um soco, mas dessa vez no rosto que me fez cair no chão. Vi uma pequena fechadura bem discreta no chão, a porta era ali.

-I-isso tudo... Por ca-causa que descobri seu quarto?! -Falei provocativo com uma certa dificuldade.

Xm-Tão intrometido, você e seu irmão! -Eu o vi vim pra cima de mim novamente.

Fechei os olhos já esperando os socos mas os segundos se passaram e nada. Abri os olhos e vi Senho Yoongi em cima de Xiumin lhe dandos alguns socos.

Me levantei e fui até a mesa, procurei nas gavetas por alguma chave que abrisse aquela porta, mas não achei. Afastei mais ainda a mesa para o lado e retirei o tapete, assim pude vê melhor a porta camuflada.

Tentei abri mas não, precisava de algo para abri-la. Comecei a procurar na estande pela a chave até que escutei Yoongi gemer de dor. Appa estava por cima dando alguns soco no advogado.

Caminhei em direção deles para ajudar Yoongi mas parei no caminho quando vi o escritório sendo invadido por policiais.


Notas Finais


@Bechinha 💙

Uh, então gente o que acharam? Finalmente Tae descobriu!!! "Campeão, vencedor. Deus dá asas, faz teu voo..." kkkkkkkk(Foi mal gente)

Espero que tenham gostado, e até o próximo capítulo. Um beijão, tchau!

Outras fics:
Te amando mil vezes mais - Imagine Jimin https://www.spiritfanfiction.com/historia/te-amando-mil-vezes-mais--short-fic-park-jimin-13786897

Morando na casa ao lado: https://www.spiritfanfiction.com/historia/morando-na-casa-ao-lado--imagine-kim-seokjin-11402762

Minha Army -Two short Suga https://www.spiritfanfiction.com/historia/minha-army-13302329

As quietinhas são as piores - One Short Suga https://www.spiritfanfiction.com/historia/as-quietinhas-sao-as-piores--imagine-min-yoongi-suga-12322216

Taem Challenge - One Short Suga https://www.spiritfanfiction.com/historia/team-challenge--min-yoongi-one-short-13505717

Lip&Hip - Imagine HyunA https://www.spiritfanfiction.com/historia/lipehip-imagine-hyuna-one-short-13237808


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...