História A morte usa máscara - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Black Veil Brides (BVB)
Tags Black Veil Brides
Visualizações 15
Palavras 317
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Hentai, Luta, Mistério, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror
Avisos: Álcool, Canibalismo, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Minha primeira fic, espero que gostem

Capítulo 1 - Meu amor, meu inimigo


Fanfic / Fanfiction A morte usa máscara - Capítulo 1 - Meu amor, meu inimigo

Minha respiração estava ofegante, eu não sentia minhas pernas, e meu cabelo grudava em minha testa por conta do suor, a única coisa que se ouvia eram seus assobios, aquilo parecia não ter fim, não tinha coragem de olhar para trás, porque eu sabia que ele estaria lá, andando tranquilamente, vindo para me matar, enquanto eu corria da morte, essa foi a primeira vez que eu tive medo.... Medo de morrer, e eu sabia que se eu não encontrasse um meio de despista-lo, eu não teria uma chance, uma chance de ver a luz do dia novamente... Nesse dia, eu aprendi uma lição, nunca desafie a morte, ou nunca ria da cara dela, porque ela vai se sentir traída, e fazer de tudo para te arrastar para o inferno...

 

Seu assobio cessou, pensei em parar, e olhar para trás, e assim foi feito, ele não estava mais lá, soltei um suspiro de alívio, mas logo sinto uma dor aguda em minha barriga, olho para a mesma, e consegui ver sua adaga atravessando minha barriga, sinto meu corpo pesar, e caio de joelhos no chão, agora, em vez de assobios, eu conseguia ouvir sua risada, uma risada insana, enquanto eu tossia sangue, e tentava respirar, ele ria, ou melhor, gargalhava, ele estava amando ver aquilo, mas logo ele parou de rir, e me encarou, seus olhos, mais escuros do que a noite, e começou a falar, aquele maldito discurso

- Meu amor, meu inimigo

-Será que ainda me resta esperança? - Eu perguntei agonizando no chão

- Estou nadando em suas veias. Agora você não pode escapar.. Eu posso sentir você em minhas veias, a dor está a caminho. E agora é tarde demais, agora estou te deixando, você deveria ter fugido.. Eu assistirei você sufocar, e agora você não pode escapar, Eu sou a escuridão e eu estou acordado..

 

~~ 02/07/2003 Quatro anos antes do ocorrido ~~



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...