História A Namorada do gângster - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Chaz Somers, Justin Bieber, Kylie Jenner, Ryan Butler
Personagens Justin Bieber
Visualizações 60
Palavras 3.227
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 6 - Gangster girlfriend


Pov Melanie 

Está no meu quarto assistindo Netflix na televisão, quando meu celular apitou.

" Vem me ver...

Chaz"

Sorri ao ler a mensagem de Chaz, só ele pra me tirar desse tédio. Tomei um banho rápido, vesti minha calça jeans uma blusa branca, e uma jaqueta por cima. Deixei meu cabelo solto e passei um gloss de menta nos lábios.

- Mãe, vou dar uma volta no bairro ja volto! - disse ao passar pela sala onde eles estavam.

- Ei mocinha, que pressa e essa? -perguntou meu pai

- Ah... N-Nada so quero sair um pouco - sorri sem graça.

- Sei... - minha mãe sorriu pra mim - Filha podemos conversar rapidinho ? - Assenti e fomos para o jardim. - Melanie, eu percebi que você anda muito próxima do Bieber...

- Oque?! - Droga - N-Nada disso que você está pensando... n-n-os somos a-migos, é amigos, eu me acostumei com a presença dele, só isso! - Disse gaguejando mas ela ria a todo momento.

- Filha, não prescisa ter vergonha eu sou sua mãe, se você não confiar em mim vai confiar em quem ? - Pegou em minha mão.

- Tudo bem - Respirei - mas, não é nada disso que você está pensando... - Riu

- Tá bom mas, confesso que vocês fazem um belo casal - disse entrando na casa.

Sai pelos portões e segui em direção a casa de Bieber.

Passei pelos seguranças dele e entrei na sala onde Chaz estava vendo TV junto com Justin.

- Seu viado nunca mais me assuta desse jeito! - dei um soco em chaz é o abracei, ele retribuiu o abraço.

- Ei calma Mel ! - Me deu um beijo na testa. Compromentei Justin e me sentei ao lado de Chaz, dês de quando conhece os meninos chaz foi oque mais ficou próximo de mim,nossa relação era muito forte, eu amo muito ele - Como amigo é claro - e sei que ele sente o mesmo por mim.

- Mel se eu fosse você não ficaria tão próximo assim do Chaz! - Ryan disse entrando na sala - Justin pode ficar com ciúmes e matar o seu amigo - Riu nos fazendo rir também.

- Conseguiu ? - Justin perguntou a Ryan

- Sim, do jeito que você pediu!

- ótimo! - Justin se levantou e foi para o jardim.

Chaz eu e Ryan subimos para o quarto de Bryan que estava dormindo igual a um bebé, Ryan jogou chantilly no rosto dele o fazendo acordar nervoso e nós chingar.

- Seus filha da puta ! - tomou o chantilly de Ryan e jogou e nós.


Pov Ryan 

Fui a uma floricultura e comprei pétalas de Rosas brancas, e vermelhas,com Justin havia pedido. Deixe as caixas no Jardim e entrei na sala encontrando o pessoal.

***

Corri pra fora do quarto antes que Bryan jogasse chantilly em mim. Peguei meu celular e vi uma mensagem de Bieber.

"Trás ela pra cá "

Subi as escadas novamente, fiz um sinal para chaz que ele entendeu perfeitamente.

- Chaz oque você está fazendo? - Mel perguntou quando Chaz a pegou no colo. - Me põe no chão!! - Ela gritava e batia nele enquanto carregava ela até o quarto do Justin.

- Tchau Mel! - disse empurrando ela dentro do quarto e fechando a porta.


Pov Justin 

Subi pro meu quarto com as caixas de flores, e as espalhei no chão do quarto, e na cama. Pedi Ryan para trazer Melanie até aqui e logo ouvi os gritos dela.

- Tachau Mel ! - Ryan fechou a porta, a fazendo bufar.

- Você fica fofa quando está brava! - Disse e ela me olhou, depois olhou para as rosas no chão.

- Justin, oque é isso? - me olhou confusa.

- Rosas não está vendo! - Rivirou os olhos, me fazendo rir.

- E sério !! - cruzou os braços.

 - Melanie... - me aproximei dela - A uns dias em venho sentindo algo que nunca senti na minha vida, um sentimento puro e verdadeiro, e tudo isso por sua culpa. - Ela me olhou, mas dessa vez seu olhar era diferente - Eu entrei na sua casa para me vingar de você mas, com a sua doçura, e seu jeito marrentade ser - Ela riu - Você me conquistou, e eu não conseguia pensar em mais nada, nada além de ficar com você. - Seus olhos estavam cheios de lágrimas - E agora que eu sei oque eu sinto por você, eu queria saber se... - Respirei fundo - Você quer namorar comigo?

- Justin, dês daquela noite em que passei aqui eu sinto o mesmo por você, apesar de eu tentar te esquecer eu não conseguia. - ri bobô - Ser sua namorada é oque eu mais quero! - Sorrimos puxei ela para um beijo, um beijo que nunca tinha dado antes, continha amor, muito amor.

***

Coloquei minha pistola na cintura e sai do carro, com Chaz e Ryan, entramos no galpão onde fica as drogas e armas, e passamos pelos seguranças. Chaz foi ver como estão as drogas, e Ryan foi olhar o carregamento de armas. Entrei no pequeno escritório que tinha ali, abri o cofre com a minha digital e peguei meu pagamento e o dos garotos em quantidades iguais, 150 mil dólares para cada. Sai do escritório com a mala de dinheiro na mão e me deparei com vários homens armados apontando as armas pros meus seguranças, dois deles tinham Chaz e Ryan de joelhos em sua frente.

- Bieber! - Ethan disse - Não sabia que você se metia nos negócios dos outros.

- Ethan! - Disse da mesma forma - Nunca me meti em negócios dos inimigos, ainda mais quando são tão pequenos comparados aos meus. - Sorri ao lembralo que eu era o dono de Atlanta.

- Por pouco tempo Bieber, por pouco tempo. - Disse olhando tudo em volta - Então agora a família Grey e sua protegida ? - riu

- Oque eu faço ou deixo de fazer não é da sua conta! - disse em bom tom.

- Que bom, mas não encosta na filha deles, aquela lá e minha, sabe né pra me divertir. - Riu e se virou fazendo seus seguranças o seguir, eu ia mata lo ainda mais agora que me provocou falando da Melanie mas, Ryan fez um sinal para mim não fazer nada.

- DESGRAÇADO !! - Chutei a mesa que estava ao meu lado.

- Calma Drew - Disse Chaz - Não vale a pena se estressar por isso.

- Chaz tem razão Dude, além do mais a família dela tem seguranças, e nós vamos a proteger nada vai acontecer com ela.

- Valeu Dudes! - Sorri pra eles - Terminem aqui vou sair um pouco, eles assistiram e eu saí. Entrei em meu carro e segui até a casa da Melanie, deixei o carro um pouco distante, pulei o moro e vi alguns seguranças andando pelo Jardim me escondi nos arbustos, e assim que eles se distrairam fui até a janela do quarto dela e escalei até chagar na sacada. Abri a porta de vidro, e vi ela dormindo de barriga pra baixo com o cabelo todo no rosto e suas mãos perto da boca. Me aproximei dela ficando abaixado próximo do seu rosto, tirei seus cabelosdo mesmo vendo ela se mexer um pouco, sorri as ver um careta que ela fez as sentir o cabelo passar em seu nariz. Peguei em sua mão e a vi abrir os olhos devagar.

- Justin? - Sua voz estava um pouco rouca. Me aproximei e depositei um beijo em seus lábios.

- Oi meu amor! - Ela sorriu pra mim.

- Oque você está fazendo aqui? - se sentou na cama - Que horas são? - bocejou

- Eu estava resolvendo umas coisas da gangue, e quis te ver. - Me sentei ao seu lado - agora são 03:20 da madrugada - ri da sua cara de espanto.

- Você me acordou! - me deu um tapa. - Eu tenho aula amanhã sabia ?!

- Eu sei,vou te deixa dormir então . Só vim ver como você estava. - Me levantei

- Eu estou bem, agora quero dormir. - Riu e se deitou novamente. - Boa noite!

- Boa noite! - Dei um Celinho demorado nela e saí.

***

Acordei com o despertador 05:00 Am, me levantei tomei um banho me troquei, coloquei minha pistola na cintura e desci para a cozinha, peguei um barra de chocolate na geladeira, e fui comendo no caminho. Passei pelos seguranças do portão e entrei pelos fundos, Olhei pela porta da cozinha e vi Melanie tomando café da manhã com os país, cumprimentei os empregados que estavam na cozinha, e peguei a chave da Bmw e segui pro jardim. Fiquei esperando por alguns minutos e vi ela despedindo dos pais que entraram com o seguranças em seus carros, ela veio em minha direção . - Oi - Disse simples por seus pais estarem saindo da mansão, assenti e abri a porta do carro para ela. Assim que entrei dei um beijo longo nela que riu.

- Oque foi ?! - Perguntei

 - Gostinho de chocolate! - Riu me fazendo rir também.Liguei o carro e fomos conversando no caminho, a deixei na escola e fui resolver os assuntos da gangue.




Pov narrador 

Cinco messes haviam se passado, Melanie se formou na escola a dois dias, sua amiga do orfanato Daniela reencontrou o seu pai e ele a recuperou a sua guarda, Amber foi adotada por uma família, e Juliana completou os 18 anos e pegou a herança da sua família para pagar uma faculdade. Justin continua trabalhando como segurança da sua namorada, e nos tempos livres ele cuida da sua gangue. A mãe adotiva de Melanie estava grávida de três meses, e com essa notícia deixou todos felizes e fazendo com que Anastácia eo Marido passam mais tempo em casa e menos tempo n empresa. Fazendo Justin e Melanie não ter tempo para ficarem juntos.

O jovem casal se encontrava ao redor da piscina.

- Justin! -Melanie gritou com ele quando o mesmo jogou água na garota, fazendo ela revidar.

- Ei! - Justin riu se aproximando de Melanie para beija la .

- Rum !! - ouviram um cosar de garganta e se afastaram asustados. - Bieber, estão te chamando na cozinha. - disse Anastácia.

- Com licença... - disse ele se levantando e indo até a cozinha.

- Eu sabia! - falou a mãe de Melanie contente.

- Você... não vai ficar brava?! - perguntou a garota.

- Não - sé sentou ao lado dela - Eu já passei por essa fase, e sei que se gostam da pra ver pelo jeito que se olham. - Sorriu - Eu e seu pai sempre soubemos, e essa não é a primeira vez que pegamos vocês aos beijos...

- Oque? Como assim sempre souberam ?! - A perguntou envergonhada - E que história e esse de não é a primeira vez ? - falou fazendo sua mãe rir.

- Depois da festa de Ethan eu e seu pai reparamos em vocês, e vimos que estavam mais próximos. E antes de você se formar vimos vocês juntos aqui no Jardim, seu pai ficou um pouco enciumado e quis vir falar com vocês mas, eu não permiti. - disse

- Que vergonha! - Melanie pós as mãos no rosto.

- Não prescisa ter filha - Riu

- Então vocês apoiam o nosso namoro? - Perguntou esperançosa.

- E claro que... sim!! - disse

- Ahh! - gritou pulando no colo de sua mãe para um abraço, que foi correspondido. - obrigada! - disse Melanie.


Pov Melanie 

Subi pro meu quarto e me deitei na cama, eu estava feliz, a dois dias eu me formei n escola, hoje descobri que meus pais apoiam meu namoro com Justin. Tudo está indo bem. "Toc toc" ouvi batidas na porta.

- Entra! - disse, a porta se abriu e eu sorri ao ver quem era. Justin.

- Seu país conversou comigo... - Se sentou ao meu lado

- E oque ele queria?! - Perguntei

- Eu não vou mais ser seu segurança

- Porquê? - perguntei

- Agora que você se formou e não sai muito não vai prescisa de mim, e se prescisa ele vai chamar um segurança da casa. - Respirou fundo

- Oque? não mas, e nós? - Meus olhos estavam cheios de lágrimas.

- Linda, eu sempre vou vim te ver ainda mais agora que seus país sabem de nós. - Rimos - Nada vai mudar entra agente, e também vai se bom para eu ter mais tempo pros meus negócios. - Me beijou

- Tudo bem! - sorri limpando as lágrimas e o abracei.


Pov Justin 

Me despedi da Melanie, e sai da mansão.

Cheguei em casa e fui direto pro meu quarto tomei um banho, vesti uma bermuda e desci pro meu escritório para resolver uns papéis.

***

Eram duas horas da manhã, estávamos em uma rua perto do Banco principal da cidade, íamos fazer um roubo que foi descidido de última hora.

- Vocês tem apenas seis minutos - disse Bryan pelas escutas. - Eu vou desligar todas as câmeras e vocês entram.

- Chaz você abre o cofre com a senha que Bryan vai passar, você e Ryan pegam o dinheiro no cofre, enquanto eu faço a escolta na porta. - Disse - Bryan qualquer sinal de polícia, segurança ou qualquer outra pessoa você avisa.

- Falou chefe! - disse Bryan

- Todos entenderam ? - perguntei

- Sim - disseram.

- Okay, vamos começar o show!

- Já desliguei as câmeras de segurança - Disse Bryan.Entramos no Banco fuzilando todos os seguranças que estavam na entrada e seguimos para a sala do cofre, entramos no elevador e subimos para o terceiro andar. - Tem oito seguranças no ardar, as câmeras ja foram desligadas. - Bryan disse pela escuta. Eu e Ryan atirava nos seguranças enquanto Cahz digitava as senhas que eram ditas por Bryan, a porta ficou Verde e logo foi aberta.

- Andem logo nos so temos três minutos - Disse, Ryan e Chaz colocava o dinheiro na mala rapidamente.

- A Polícia está a quatro quarteirões daí, saiam logo - falou na escuta. Fechamos as bolsas e saímos do cofre, descemos de escada até o primeiro andar e passamos pelo o mesmo caminho que viemos, entramos nos nossos carros e saímos em alta velocidade.

- O roubo foi um sucesso! - Disse e todos riram.


Pov Melanie 

Acordei as 10horas da manhã, tomei um banho vesti um short jeans com uma blusa que deixava um pedaço da minha barriga mostrando, calcei um vans Preto e deixei meu cabelo solto.

- Bom dia! - Disse para a Carla.

- Bom dia menina Melanie! - Sorriu - deseja algo ?!

- Só um socu - ela pegou um suco na geladeira e me entregou o copo - Meus pais estão em casa ? - Perguntei

- Eles foram paraa empresa bem cedo, devem ficar por lá o dia todo. - disse colocando a jarra de suco na geladeira.

- Se eles aparecerem por aqui diga que fui dar uma volta! - deixei o copo na bancada e sai da cozinha indo para o jardim.

- Prescisa de um segurança senhorita Melanie?! - Um dos seguranças da casa perguntaram.

- Não eu só vou dar uma volta no condomínio. - sorri sem mostrar os dentes e ele assentiu. Sai da mansão indo em direção a casa de Justin.

Bryan estava no portão conversando ao celular, assim que ele me viu encerrou a ligação - Oque foi muito estranho - e veio me cumprimentar. - Mel! - me deu um beijo na bochecha e eu sorri pra ele. - Bom queria ficar para conversar com você mas, presciso resolver umas paradas ai. - fez um toque de mão comigo - agente se vê!

- Tchau! - disse e passei pelos seguranças, entrei na sala onde os meninos estavam jogando videogame, chaz veio me abraçar e me rodou no alto.

- Oi! - me deu um beijo na testa.

- Oi ! - sorri pra ele.

- Uau, que gata ! - Ryan se levantou e me abraçou.

- onde está Justin?! - Perguntei.

- Ele ainda não acordou, tivemos uma noite daquelas... - Chaz cutucou Ryan - Trabalhamos muito - Sorriu falso, estavam escondendo algo. Subi as escadas e fui até o quarto de Justin, abria porta e vi que ele não estava na sua cama, ouvi a porta do banheiro se abrindo e ele saiu de la com uma toalha branca enrolada na cintura e bagunçando o cabelo molhado ficando bem Sexy. Assim que me viu sorriu e sorri junto com ele, se aproximou de mim e me deu um celinho demorado.

- Bom dia !- Disse para ele

- Bom dia ! - me deu outro beijo mas, o beijo foi ficando mais quente me empurrou até a cama e me deitou nela, começou a distribuir beijos pelo corpo me causando alguns gemidos sentia seu membro ja endurecido por dentro da toalha, e num piscar de olhos minha roupa ja estava no chão junto com sua toalha...

Assim que terminamos o banho descemos para a cozinha, chaz tinha feito um macarrão que ficou horrível então decidimos pedir pizzas pro almoço.

- Se o Chaz transar tão mal quanto ele cozinha as mina que ele pega estão lascadas! - Disse Ryan e Justin riu.

- Já provaram para saber ?! - Disse e dessa vez tive que rir - Vocês são tudo uns viadinhos - tacou uma almofada no Justin.

- Viado e você somers ! - tacou de volta a almofada. - Pelo menos a Mel nunca reclamou das minhas fofas! - Disse Justin , dei um empurrão nele fazendo eles rirem.

- Não sei não viu... - Ryan falou ligando a TV e ficamos ali vendo um filme, chaz se deitou no sofá colocando os pés em cima da minha perna.

- O vacilão tira esses pés daí! - Justin deu um tapa nos pés dele nos fazendo rir. E assim passamoa a tarde Chaz e Ryan toda hora faziam gracinha me fazendo rir deles, e as vezes Justin ficava com ciúmes de mim e de Chaz oque fazia ele ficar muito fofo. Depois que vimos uns três filmes, Ryan e Chaz saíram para resolver uns negócios da gangue, e Justin acabou dormindo sobre meu colo igual a um bebê.

"Onde você está? "

Recebi uma mensagem do meu pai.

" Estou com Justin "

Não tinha porque mentir eles já sabiam que estávamos juntos, e também apoiaram.

"Sua mãe passou mal tive que traz ela para o hospital, pode vir aqui ?!"

Fiquei preocupada com ela.

" Já estou indo!! "

Respondi.

- Justin! -balencei seu rosto - acorda - Ele abriu os olhos devagar.

- Oque foi ? - perguntou.

- Me leva pro hospital ? - Perguntei e ele me olhou assustado.

- Oque aconteceu?! - Levantou e ficou me olhando procurando por algum machucado ou algo do tipo.

- Não é nada comigo, minha mãe passou mal eu presciso vê-la! - Ele respirou aliviado e levantou, pegou sua arma colocou na cintura e entramos na sua bugath veyron. 


Notas Finais


Oque será que vai acontecer com o bebê da Anastácia?????
Esprero que tenham gostado, obrigada pelos favoritos eu fiquei muito feliz com os comentários, comentem ai oque vocês acharam desse capítulo ❤❤❤ E ME DIGAM SE PREFEREM DOIS CAPÍTULOS POR SEMANA OU SÓ UM CAPÍTULO????

two or one ??

Comentem ai 😍 até o próximo capítulooooo!!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...