História A nerd e o Popular - Gastina - Capítulo 29


Escrita por:

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Ámbar Benson, Gaston, Luna Valente, Matteo, Nina, Personagens Originais, Simón
Tags Gastina
Visualizações 159
Palavras 1.090
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Luta, Mistério, Sobrenatural, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Um ep mais clim espero que gostem!!
A é quase esqueci
Maratona: 3|4
Boa leitura!

Capítulo 29 - A revelação


Fanfic / Fanfiction A nerd e o Popular - Gastina - Capítulo 29 - A revelação

*Matteo*

*No dia Seguinte*

Acordo Luna com beijinhos no rosto, eu e ela fazemos tudo o que temos pra fazer, e eu proponho algo pra ela

- Amor você quer ir para casa da Nina hoje? – perguntei

- Sim claro, só vou colocar uma roupa mais arrumada né – ele disse

Concordo rindo e ela vai pro closet assim colocando uma calça jeans, uma blusa de mangas longas preta e um tênis qualquer, ela pega a bolsa e vamos em direção a casa da Nina, eu e ela marcamos hoje de manhã que íamos contar para os dois que erámos irmãos, depois nós iriamos contar para Simon e Âmbar, chegando lá toco a campainha {...}

 

*Nina*

Acordo com uma mensagem de Matteo

 

*Mensagem On*

- Oi mana

- Oi Matt

- Lembra aquele negócio de contar para a Luna e Gaston?

- Sim sei, que nós somos irmãos não é?

- Sim isso mesmo, e ai quer falar isso hoje á tarde?

- Por mim tudo bem, mas que horas você quer vir aqui?

- Umas 14:00 que tal?

- Ok, vou acordar o Gas, tá bom? Um beijo até mais tarde

- OK kkk até bye bye maninha

- Bye bye

Desligo meu celular e acordo Gaston, dizendo que teríamos visitas, ele perguntou quem era e dormiu de novo, vou deixar ele dormir por mais um tempinho enquanto eu me arrumo, vou até o banheiro e começo a fazer tudo que era preciso, sai e fui até o closet, percebi que Gaston já estava sentado na cama mexendo em seu celular – Menos mal – pensei, vesti uma saia cor vinho, e uma blusa florida, coloquei a mesma dentro da saia, calcei uma sapatilha do mesmo tom da saia e sai indo até Gaston

- Bom dia!! – o abracei sentando em seu colo

- Porque toda essa animação? – ele pergunta colocando as mãos em minha cintura

- Não sei, acho que só porque eu te amo!! – disse dando um selinho no mesmo

-Também te amo – ele diz retribuindo o selinho

- Vamos levantar porque hoje temos um almoço para preparar – eu digo saindo de cima dele e batendo levemente em suas coxas

- Tá bom – ele diz saindo de baixo do lençol indo até o banheiro, eu observo cada movimento dele – Que sorte eu tive por achar um homem desses – penso sorrindo igual boba, arrumo a cama rapidamente lembrando das cenas de ontem, sorrio novamente, depois da cama arrumada jogo um cheirinho no quarto e vou até a cozinha, lá eu começo a preparar o almoço porque acordamos as 11:00 esse dia, comecei a preparar Bruschetta, para a entrada depois eu comecei a fazer o Gnocchi, que é basicamente Nhoque, e para a sobremesa por coincidência eu tinha comprado a uns dias atrás um Gelato que é sorvete, em fim preparei tudo rapidamente por ser 13:30 e eles podem chegar a qualquer momento, eles sempre chegam antes do combinado – Isso as vezes dá muita raiva – penso rindo logo em seguida.

Uns 10 minutos depois Gaston já está arrumado, ele veste uma calça jeans, uma blusa cinza azulada e um tênis branco, ele me dá um selinho e me ajuda com os últimos preparativos, até que a campainha toca, me arrumo um pouco no espelho que ficava do lado direito da porta e abro a mesma

- Oi man... Nina – diz Matteo me abraçando

Essa foi por pouco

- Oi Matt – digo retribuindo o abraço

- Oi amiga – diz Luna me abraçando

- Oi amigaa – eu digo a abraçando de volta

- Podem entrar – diz Gaston surgindo do meu lado e cumprimentando Luna e Matteo

Nós nos sentamos e começamos a comer, conversamos, rimos, foi uma ótima tarde, depois de comermos Luna me ajuda com a louça e vamos até a sala

- Nossa amiga o almoço estava divino – diz Luna sentando ao meu lado

-É verdade Ni estava maravilhoso – Matteo se pronuncia sentando no sofá que estava na nossa frente 

- Pois é amor estava um espetáculo – diz Gaston sentando do lado de Matteo

- Que isso gente assim eu fico com vergonha – eu digo fazendo todos rirem

- Eu não vou nem perguntar sobre a sobremesa – diz Matteo

- Eu ia oferecer mas eu e Matteo temos uma notícia para dar e quero que Gaston sente-se ao lado de Luna por favor – eu disse levantando e Matteo levantou comigo, Gaston fez o que eu disse

- Esse segredo nosso não é de hoje, é desde da escola, quando eu conheci Nina, percebi que já conhecia ela de algum lugar – Matteo dizia

- E eu a mesma coisa com Matteo, quando ele me levou até a sua cada pela primeira vez a mãe de Matteo me olhou com curiosidade, como se já me conhece mas não me reconhecendo, quando ele disse meu nome ela realmente ficou bem surpresa isso eu estranhei muito, me tratava como se eu fosse uma conhecida da família a anos – eu digo completando Matteo

- Em fim em dia qual quer minha mãe diz para eu buscar alguma coisa no seu quarto e eu fui mas eu percebi uma caixinha estranha, não contendo a curiosidade abri e vi uma bebezinha no colo da minha mãe, eu virei e tinha algo atrás que era “Minha querida filha....” o nome estava rasgado só tinha a data de nascimento que era 20|12|2000 – Matteo disse

- Mas essa é a data de aniversário da Nina – Luna disse

- Mas eu não sabia Luna – Matteo disse

- Continuando a história Matteo me contou, depois é claro que foi pesquisar um pouco mais sobre a irmã que havia morrido, essa investigação não deu em muita coisa, eu já estava com algumas dúvidas em relação ao Matteo então fui até o escritório do meu pai com Cati em busca de algo, nós não achamos muita coisa já que quase tudo estava trancado e não sabíamos onde estavam algumas das chaves, pegamos algumas no palito do meu pai e tentamos abrir várias coisas sem sucesso a não ser uma caixa que dentro dela eu encontrei algumas fotos de um garotinho que parecia o Matteo, no começo não dei muita bola sabe – eu disse me sentando

- A coisa pegou mesmo no ano passado, eu e Nina décimos fazer um exame de sangue mas nunca conseguimos nos encontrar então decidimos para este ano, fizemos e o resultado saio ontem e deu que..... – Matteo deu uma pausa para que falacemos juntos

- Nós somos irmãos... – dissemos em uníssono

- O QUEE!! – gritaram Luna e Gaston como resposta

 

 

 

 

Continua....


Notas Finais


Espero que tenham gostado
Maratona: 3|4
Um beijo
Até...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...