História A Nerd e o Popular - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7, TWICE
Personagens Chaeyoung, JB, Jeon Jungkook (Jungkook), Jihyo, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Mark, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Sana
Visualizações 193
Palavras 1.351
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 7 - Capítulo 7


Pov Jungkook

- Jungkook, deixa eu entrar? - escutei a voz de S/n então tratei de limpar as lágrimas

- Ja entrando... Pode - Disse sem nem se mecher

- Jungkook, vamos conversar...

- pode ser outra hora? Ou melhor, nunca mais? Não percebe que estou me sentindo fraco por te falar de mim? - disse e me sentei na cama

- Jungkook não é bem assim... 

- Isso era algo meu, um ponto fraco meu,eu não gosto disso, desse sentimento. Como eu disse, me sinto fraco, um perdedor completo. - disse levantando a cabeça tentando não deixar as lágrimas cairem

- pelo contrário... - fez um carinho em meus braços - Isso te mostrou corajoso, não achei fraco o que você fez, não é qualquer um que consegue dizer o que sente por outra pessoa. - sorriu e eu ri sarcástico

- Eu sou um idiota! - dei uma pausa - Mas o que você responderia? Sente algo por mim?

- Bom... - Eu ja sabia a resposta. Não tem como sentir algo de bom por alguém que sempre te tratou mal ou se quer  pediu uma desculpa. - Não Jungkook, me desculpe. Acho que você vai conseguir continuar em frente

- Que fora! - disse se levantando - Pra sua felicidade, eu prometo nunca mais falar com você, apenas trocar um oi ou um bom dia, Boa tarde, boa noite. - disse e caminhei até a porta abrindo-a - quero ficar sozinho, se puder. - apontei pra porta

- Tudo bem... - saiu triste. Quando ela saiu eu não fechei a porta, eu empurrei-a com tanta força que fez um estalo, mas eu não estava nem aí pra porta. Fui até minha mesinha e lá tinha um copo vazio, o peguei e joguei no chão ja desabando em lágrimas, sinto uma ardência em meu pé mas não ligo, Vou até a minha escrivaninha e jogo no chão meu celular...



Pov S/n



Sai do quarto desacreditada no que o mesmo tinha me dito. Fui para o meu quarto e escuto a porta do seu quarto ser batida com força, me assustando. Logo comecei a escutar vidros se quebrando, eu comecei a ficar preocupada então corri para o escritório de Sr. Jeon.

- Senhor Jeon! - entrei com tudo

- S/n! Acontece...

- Jungkook ta quebrando tudo la em cima! Vai lá fazê-lo parar! 

- Acalme-se. Vamos! - se levantou e foi na frente - Jungkook? Filho! Abra a porta! - disse senhor Jeon

- ME DEIXE EM PAZ! VAI VER SE EU TO NA ESQUINA E DEPOIS VOLTA! - Disse Jungkook, ele parecia estar chorando

- Jungkook! Abra, por favor! Podemos resolver isso numa boa. - disse

- resolver o que S/n? Conversar sobre o que? Você quer me ver mal, apenas isso! - vi que senhor Jeon deu de ombros e desceu. Que isso? O seu próprio filho esta mal e ele não ta nem ai? Me escorei na porta

- Só não quero te ver triste por minha causa. - disse para que ele escutasse - Engraçado! Só apareço na vida das pessoas para atrapalhar - sussurro

- não pense nisso, S/n. Eu sou problemático. - Jungkook parecia perto, mas estava em seu quarto. - Mesmo que você gostasse de mim, nunca perdoaria a mim mesmo por fazer tudo o que fiz você passar, não mereço um pingo do seu amor. Agora vá e vamos fingir que nada aconteceu, que tal? - ele dizia calmo - Ai! - logo ele gemeu de dor e eu me preocupei - Vou ver o que faço com isso... 

- está tudo bem? 

- Não se importe comigo S/n, apenas cortei meu pé... 

- abra a porta, quero te ajudar Jeon! Por favor!

- Okay... - abriu a porta e eu olhei sua cara toda inchada de choro. - Oi... - desci meu olhar para seu pé correndo sangue

- Jungkook! Olha isso! Vem pra cá! - o puxei até o meu quarto. - Nunca mais faça isso, olhe só seu pé! - sentei-o na cama e abri meu criado-mudo e peguei um quite de primeiros socorros. Passei um paninho sobre seu pé e o mesmo resmungou

- Aiai S/n! Ta doendo! - disse ele segurando minha mão

- Tem três cortes aí, deixe-me cuidar! - ele soltou uma risada doce, que foi até prazeroso escutar 

- Para para! - se jogou pra trás - ai ta doendo muito! 

- Acho que esse corte foi um pouquinho mais fundo...

- Foda-se! Eu to bem! Agora, me solte. - Disse enquanto tentava se levantar

- Nananinanão! Vamos ligar para o médico

- Você ta louca? Não ligue ou eu fujo! - eu ri

- Pare de ser bobo, Jungkook! Não dói nada perto de outras dores




Ligamos para o médico e ele veio até aqui. Jungkook era muito medroso, fiquei ao seu lado e ele apertava minha mão com força enquanto o médico fazia o seu trabalho

- Sabia que iria doer! - disse ele apertando minha mão ainda

- Vou ficar com uma lesão na mão, quer ver? - ele riu.

- me desculpe, mas eu disse que não queria médico nenhum. Aaaaai! Dói dói dói! - ele choramingou fofo e eu ri

- Que fofo! - apertei suas bochechas 

- Acabou!

- Obrigado senhor! - falou juntando as mãos e eu ri

- Muito obrigada doutor! - me levantei e me curvei para o mesmo

- De nada, senhorita S/n! - curvou-se também e saiu

- ai senhor! To parecendo um boneco de pano com o pé todo costurado! - Jungkook falou com voz chorosa e eu ri. Logo ele riu também com aquela sua risada gostosa e viciante de se ouvir. Quando percebi estávamos nos encarando de uma maneira carinhosa, percebi que Jungkook se aproximava.

- Bom... Vou pedir pra sua empregada limpar seu quarto - Disse tentando cortar aquele clima, ele me puxou 

- Desculpa viu, mas eu quero pelo menos um pra fazer minha greve de S/n! - riu e ele se aproximou me beijando. Seus lábios eram tão macios. Ele os comandava de uma forma calma. Sua mão que estava no meu pulso subiu até a minha nuca e a outra permaneceu na cintura. Meus braços se entrelaçaram em sua nuca e eu fazia um carinho em seus cabelos. Ele pediu passagem com a língua e eu cedi, sua língua passeava por todos os cantos da minha boca me dando umas sensações estranhas na parte de baixo. Percebi que ele sorria enquanto estávamos nos beijando. - Eu te amo - Ele disse quando cessamos o beijo, eu me senti um pouco desconfortável pois não havia tido sensações para poder dizer que também o amo. 

- Okay... - o soltei e ele também. - Vou descer




*-*-*-*-*-*-*-*




- Oi Jack! - o vi e ele me abraçou

- Oi minha pequenina! - beijou minha testa - Por que entrou com o Jeon?

- Pai dele me ofereceu uma carona pois nossos pais estão entrando em negócios. - rolei os olhos e sorri

- Oh! Entendi! Queria lhe apresentar um amigo meu. 

- Quem?

- Min-Yoongi. Ele está na quadra nos esperando, vamos? - assenti e fomos até lá. Ele estava deitado em uma das arquibancadas parecia estar dormindo. - Suga! Acorde!

- Oh! Olá! - ele levantou sorrindo e coçando os olhinhos. Que fofo! - Meu nome é Min-Yoongi!

- Oie Yoongi! Meu nome é S/n. 

- Ja que agora têm a companhia um do outro, eu Preciso ir conversar com a Lisa rapidinho. - assenti

- Sente-se aqui. - me sentei ao seu lado - então você é a tal irmãzinha de Jeon Jungkook!

- Como você sabe?

- Ele é meu primo, infelizmente. 

- Oh! Não conte pra ninguém por favor! 

- Okay! Não conto! - fingiu fechar sua boca com zíper - Mas por quê?

- Ele meio que tem vergonha de mim, eu sou feia, esquisita e nerd

- Você não é feia muito menos estranha, muito pelo contrário! - sorriu 

- Você acha?

- Sim! Você só não se produz, mas você é linda! - disse e eu corei 

- Yaa! - tampei meu rosto - Obrigada! Você também é muito bonito - corei mais ainda

- Obrigado mas não quero pedacinhos de S/n voando por ai se vocês for explodir. - riu

- Aigoo, Yoonnie! - tampei meu rosto novamente e ele riu

- Okay eu parei.














Continua....?





Notas Finais


Bom, talvez eu não atualize frequentemente dia de semana, postarei mais final de semana, tudo bem pra vocês?
Espero que tenham gostado! 💓
Chu! 💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...