História A Noiva do Meu Melhor Amigo - Capítulo 16


Escrita por:

Postado
Categorias Once Upon a Time
Personagens Capitão Killian "Gancho" Jones, Emma Swan, Regina Mills (Rainha Malvada), Robin Hood, Ruby (Chapeuzinho Vermelho), Xerife Graham Humbert (Caçador), Zelena (Bruxa Má do Oeste)
Tags Emma Swan, Morrilla, Once Upon A Time, Regina Mills, Swanqueen, Swen
Visualizações 248
Palavras 1.202
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 16 - Talk who it is! - Fala quem é!


 

Até as melhores relações entre pessoas falham. Em um minuto você está pisando em terra firme, no outro minuto você não está. E sempre há duas versões. A sua e a dela. Ambas versões começam do mesmo jeito, ambas começam com duas pessoas se apaixonando. Você acha que é o que vai fazer acontecer. Então sempre é um choque, o momento em que você percebe que acabou. Em um minuto você está pisando em terra firme e no outro minuto você não está.

    Você tem o que é preciso? Se o relacionamento tem problemas você pode resistir a tempestade? Quando o solo desmorona… e seu mundo entra em colapso… talvez só precisa ter fé e acreditar que podem superar isso juntas. Talvez precise aguentar firme e não importa o que aconteça.... NÃO DESISTA. - Grey, Meredith.

 

Regina Mills - 2018 - Nova York

.

..

...

..

.

- Alô. - Digo ao atender o telefone. Estava em casa, mais precisamente, na sala com uma taça de vinho em minhas mãos e assistindo a um filme que passava na TV.

- Oiê, sua safada. - Diz Killian ao telefone.

- David acabou de me mandar uma mensagem. Ele disse que se encontram no parque hoje. Joga na roda: Circuncidado? - Ele pergunta e dá uma risadinha.

- Quando iria me contar que estava procurando uma casa? - Mudei de assunto.

- Como você soube? - Faz uma pausa. - Aahh, o pai do David! Bem, não era um segredo. Espera só até ver a casa que nós amamos. Meu Deus, a gente amou aquela casa!

- Não decidimos nada ainda. - Escuto a voz de Emma.

- Eu estou no viva-voz? - Pergunto não acreditando que ela estava ali ouvindo.

- Oiê, Regina. - Diz Emma.

- Oiê, Emma! - Falo. - Gostou da casa também?

- Aahh… é… é legalsinha. - Ela fala.

- Do que você está falando? - Começa Killian. - Nós adoramos!

- Que ótimo, eu tenho que desligar. Mas Killian?

- Sim? - Ele fala.

- Sim, ele é circuncidado! - Digo rápido e desligou o celular, antes que eu me arrependa. E continuei assistindo ao filme e bebendo vinho, muito vinho.

 

---/---/---

 

No dia seguinte, estava trabalhando em meu escritório, hoje o dia estava cheio, eram só reuniões. e não tinha tempo de nada. Quando estava descansando um pouco, minha secretária me entregou um papel. Escrito:

 

Emma no telefone

Já ligou 3 vezes !!

 

Ela se retirou e eu olhei para meu celular:

De: Emma

Vamos nos encontrar? Preciso falar com você.

 

Peguei o celular e respondi para ela:

Vá falar com sua nova casa!!!

 

Guardei meu celular em minha gaveta para ninguém me interromper mais.

 

---//---//---

Alguns dias depois

 

Killian tinha me convidado para uma saída de amigos, com Marian, o que se tornou uma mini despedida de solteiro adiantada para ele. Que na verdade convidou mais amigos e alugou uma grande limusine para passear pela cidade. Foi uma loucura! Como amanhã cedo tinha que trabalhar, pedi para ele me deixar em frente de minha casa. Desci do carro e ele logo veio atrás de mim.

- Só temos uma noite. - Alguém, que eu não sei quem era falou.

- Tchau pra vocês! - Falei.

- Tchau Regina! - Falaram em conjunto.

- Aahh ar, precisava respirar ar puro. - Fala Killian.

- Killian? Onde você vai? - Perguntou Marian que estava com a bebida na mão.

- Ah, quer saber? Eu acho que vou dormir na casa da Regina hoje. - Falou Killian vindo ao meu encontro.

- Ah, vai? - Perguntei.

- Não durmo na sua casa faz séculos e a Emma vai passar a noite toda com as amigas soleira dela, até a Ruby vai, eu odeio aquela mulher. - Killian fala Já andando.

- Mas e nos? - Perguntou Marian que foi ignorada por ele. - Tá, tchau! - Ela grita.

- Eu te amo! - Gritou Killian.

Entramos em casa, trocamos de roupa e eu estava no banheiro escovando os dentes, quando Killian perguntou:

- O que está rolando na Davidlândia? Vai se casar com ele?

- Pare. - Falei tentando cortar o assunto.

- O quê? David não serve para casar com você? - Ele pede rindo e o telefone tocou.

- Quem está ligando essa hora da noite? - Ele perguntou e saiu para atender o telefone, mas eu passei na frente e peguei ele primeiro. - Quem é? - Ele perguntou.

- Alô. - Falei ao telefone.

- Regina, sou eu. Por favor não desliga. Regina? - Emma falou ao telefone e eu me afastei de Killian.

- Fala quem é! - Pediu Killian.

- Estou com saudade de você. Só quero dizer isso.

- Aahh… é… - Comecei mais ele me interrompeu.

- Será que eu posso subir aí? Eu só quero conversar.

- Quem é? - Gritou Killian.

- O Robin. - Falei.

- Robin? - Killian falou surpreso.

- Robin? Não, é a Emma. Eu estou aqui embaixo. Eu posso te ver?

- Espera você está aí embaixo? - Falei alto demais e Killian abriu a boca em surpresa. - Não, Killian está aqui, então… - Continuei.

- Ele está aqui em baixo? - Perguntou Killian. - E quer subir aqui a essas horas?

- Então… eu vou.... - Killian me interrompeu.

- Oh minha nossa! Ai o que é isso? - Ele fez cara de nojo.

- O que foi? - Pedi.

- Oh meu Deus! - Ele fez cara de nojo novamente. - Você está tendo um rolo com o Robin? - Não respondi nada. - Oh meu Deus, você está ficando com o Robin! - Falou ele afirmando.

- Olha, eu tenho que desligar. - Falei ao telefone.

- E ele está lá embaixo. - Falou ela de direcionando para a janela.

- Não ele… merda! - Falei correndo atrás dela.

- Robin? Ah, Robin! Mandou bem, garotão! Eu não sabia que você era capaz, seu merdinha. - Ele saiu da janela, graças a Deus Emma tinha se escondido em algum lugar e ele não a viu. - Sua safadinha, em Regina! - Ele falou para mim assim que fechei a janela.

- Por que você não me contou? - Ele pediu indo em direção a sala.

- Sabe, só aconteceu. - Menti descaradamente, eu sei que vou me arrepender disso depois.

- Hum, “Só aconteceu”! - Ele deu uns pulinhos. - Bom, vamos comemorar o que “só aconteceu” agora mesmo! - Ele falou mexendo no rádio.

- O que eu estou fazendo? Você vai adorar! - Ele disse colocando uma musica e empurrando alguns moveis para trás.

- Killian, não.

- Você vai amar, é a sua coisa favorita!

- Sexta séries, segundo lugar. A gente deveria ter ganhado. Vem cá agora! - Ele falou já dançando.

- Eu sou péssima nisso.

- 5… 6… 7… 8… Aah Push it - Começou Killian e eu comecei a cantar e dançar com ele.

Aah Push it

Ooh Baby, baby, baby

Ooh Baby, baby, b-b-baby

Aah Push it

Aah Push it

 

Depois de matarmos a saudade de quando eu e Killian éramos mais novos, nos deitamos e dormimos na sala mesmo.


Notas Finais


Musica que Regina e Killian dançam no final: Push it - Salt n Pepa - https://www.youtube.com/watch?v=lH14N3QctaE

Até Breve.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...