História A Nova Geração - Interativa - Capítulo 4


Escrita por: e DarackEmber

Postado
Categorias Percy Jackson & os Olimpianos
Personagens Afrodite, Apollo, Ares, Artemis, Atena, Demeter, Dionísio, Hades, Hermes, Personagens Originais, Poseidon, Quíron, Zeus
Tags Interativa, Luta, Mitologia Grega, Romance
Visualizações 33
Palavras 1.182
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Fantasia, Ficção Adolescente, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Hoje capítulo está um pouco apimentada digamos, e também já está escolhidos os últimos campistas, a vagas foram fechadas o link dele estaram no final do capítulo, o link do whatsapp também, para o restante entrar.

Capítulo 4 - Apenas Loucuras


Math 

A festa até que estava bem controlada os semideuses curtindo junto com as ninfas e os sátiros, eu por minha vez estava encostado na mesa com taça de vinho nas mãos bebendo com moderação, quando alguém não pediu licença me empurrou.


Lucy- Pode sair da frente está atrapalhando a passagem pra pegar os petiscos. - era filha de Hades a anti social.


Math - Desculpa! - me afastei da mesa, ela pegou alguns petiscos e com livro negro nas mãos. - não vai participar da festa não? - ela me olhou com uma cara que meus deuses.


Lucy - Eu tenho cara de quem fica numa festa com monte de bêbado? Não mesmo, agora eu tenho mais o que fazer. - ela virou as costas e saiu, essa garota e bem interessante.


Airo

Estavam curtindo a festa com Willian ao meu lado, quando avisto a filha de Hades, aquela garota me traz interesse diferente.


Airon - Will alguns campistas já tentou algo com a Lucy? - o garoto faltou cuspir a bebida pra fora. 


Willian - Meu caro se algum cara já conseguiu chegar perto dela foi sorte, o último foi parar no submundo, olha tem várias garotas aqui bonitas meigas que não vão te matar se flertar com elas, sério deixa a Luh pra lá, ela não é a garota pra você.


May


A dançar com as garotas na pista a Aurora e a Hope, o Noah se aproximou e Airo e o Will, já meio alcoolizada bebi acho que umas 10 taças de vinho, talvez eu tenha exagerado demais acho.


Aurora - E aí? Quando vai pegar alguém aqui nessa festa? Hein santinha?


May - Eu? Eu quero me divertir só isso me deixa Aurora. – Eu tenho quase certeza que foi ela quem pegou meu colar, mas sempre que pergunto ela se faz de tonta... A vai ter volta...


Hope - O que vocês estão comentando? 


Aurora - Quando a Santinha vai pegar alguém aqui.


Hope- Deixa ela Aurora... Quando vai devolver as coisas que pegou do pessoal?


E como um pé de vento a garota sumiu sem deixar rastros, mas meu colar ficou para traz com um bilhete escrito:

“Sorry and let’s have fun! :P”


Tenho a sensação que mais gente achou suas coisas com bilhetinhos semelhantes.


Noah


Eu e os garotos já estávamos indo além nos nosso limites com as bebidas, nem sabia mais o que estava acontecendo. 


Airo - Quero propor um desafio, claro se vocês forem homens de verdade para cumprir! - Só podia ser ele mesmo, o filho de Afrodite, mas não nego que parece interessante... Será que da tempo de sair daqui?


Willian- Lá vem... Manda cara! – Esse aí em tanto álcool no sangue que dava pra usar como combustível...


Airo - Duvido vocês beijarem uma das garotas aqui da festa qualquer uma.


Noah - Ficou louco de vez guri?


Airon - Tá com medinho? Vou te mostrar como mestre faz meu caro! - ele foi direção a uma garota era a campistas nova a Aurora filha de Hermes que já havia voltado ao grupo das garotas, só sei ela não teve tempo de falar nada ele puxou ela pela cintura e beijou por incrível que pareça ela retribui e com gosto. 


Aurora - O que eu fiz? Garoto o que se fez?


Airon - Esse é dos meus charmes. - ele veio nossa direção com um sorriso vitorioso. - Agora sua vez Noah qualquer uma, mas eu duvido você pegar a Filha de Deméter a May.


Noah- Eu? - Desde que ela chegou aqui criamos uma amizade legal e divertida, não queria estragar isso...


Airon - Vai lá duvido. - Tomei coragem e fui não sabia o que tá a fazendo o álcool já tomou conta de mim eu admito, fui tremendo que nem vara verde mas fui, só não sabia se tremia de animação ou era o álcool...


Noah- May! - ela olhou pra mim bem nos meus olhos e eu puxei ela pelo braço, agarrei sua cintura nossos corpos se ligaram, ela não teve tempo de falar nada, dei beijo nela ela retribui colocando seus braços sobre envolta do meus pescoços, teve direito a pegada, língua e mordida.


Airon - Esse meu garoto! Aprende com ele Willian.


Após aquele beijo não sabia se ela ia me bater, eu não sei o que deu em mim eu puxei ela pelo braço, e levei ela pro meu chalé


May - Noah… - lasquei outro beijou só que dessa vez foi bem diferente mais envolvente e quente me deixou arrepiado e animado.


Noah - Desculpa… o que tô fazendo? - Me afastei meio assutado. - Desculpa May deve ser o álcool ou o néctar, ela se aproximou de mim e me beijou mordendo meus lábios, segurei no seu cabelo agarrei sua cintura puxei ela pra mais perto.


May - Só deixa rolar Noah. - peguei ela no colo e levei pro meu quarto coloquei ela na cama com cuidado e fiquei por cima dela.  


Noah - Tem certeza disso May? - disse isso enquanto ela beijava meu pescoço. 


May- Tenho, só usa proteção por favor. – Assenti com a cabeça peguei uma camisinha tinha guardado na minha gaveta se houvesse alguma coisa, na verdade que me deu foi Airo, não qualquer uma que trago aqui... Na verdade, nunca havia trazido ninguém, muito menos beijado ou chegado a esse ponto, estou muito nervoso...


Deixa ela em cima da cama voltei a beijar descer pelo seu pescoço. 


May


Em segundos ele foi tirando meu vestido, fazendo uma trilha de beijos pelo meu corpo, passando pelo meus seios e descendo pela barriga até chegar na minha intimidade ele tocou seus lábios e com sua língua  lambeu toda a extensão me fazendo arrepiar e dar leve gemidos, seus dedos subia e descia sobre meus clitóris enquanto ele chupava, coloque minhas mãos sobre sua cabeça fazendo com que fosse mais fundo, ele subiu depois de tempo.  Tirou sua roupa toda, fiquei fascinada pelo seu corpo definido, ele sempre está de roupas largas é difícil ver algo. Pegou o preservativo em mãos e colocou e com cuidado foi colocando seu membro dentro de mim, segurei os lençóis e ele colocou a mão sobre meu ouvindo e chegou perto do meu ouvindo.


Noah - Não geme alto, eles podem ouvir... - Aquela voz maravilhosa com um pouco de timidez e nervosismo me fez ficar arrepiada.

A cada movimento de ida e volta me deixava com mais tesão, ele beijava meu pescoço e minha boca, aquilo me fazia suspirar, até que puxei ele e virei ficando por cima. Ele me olhava surpreso e meio confuso.


May - Minha vez. - E sobre ele subia e descia, as vezes dava leve reboladas que faziam ele gemer, enquanto ele mordia os lábios e massageava meus seios agora sem um pingo daquele nervosismo ou timidez, estava sentindo que estava quase lá, ele disse que também, dei reboladas mais rápidas até que cheguei no ápice e ele também, sai de cima dele, ele tirou a camisinha, deitei na cama cansada olhamos um pro outro temos um selinho sorrimos um pro outro deitei no seu peito e logo dormimos.







Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...