1. Spirit Fanfics >
  2. A orfã ruiva. >
  3. Desaparecimento e guardiã.

História A orfã ruiva. - Capítulo 6


Escrita por:


Notas do Autor


VOLTEI VOLTEI VOLTEI
Espero que gostem >w<
E ficou curto mesmo :p

Capítulo 6 - Desaparecimento e guardiã.


Aya estava desesperada,mas com a pessoa famíliar,isso a acalmou um pouco.

— A—Aya? Como?.. — O homem de cabelos loiros gaguejou, logo se aproximando da garota — Você está bem? Como você conseguiu sobreviver?!

Kunikida pegava no rosto da garota delicadamente, verificando se ela estava machucada ou não;

— Ei, Não me toque! — De um jeito esnobe e um pouco irritada, Aya tirou as mãos de Kunikida do seu rosto.

Mas logo a expressão de Aya ficou confusa e triste, encarando o de cabelos loiros.

— Kunikida-san.. Eu e a Yuri a gente tentou escapar sem ninguém perceber, m—mas a Mestre-Mãe tinha uma habilidade medonha e nos atacou! Na primeira vez eu—

— Primeira vez? — Kunikida a encancarou,confusa — Explica isso direito garota, por acaso você tem alguma habilidade?

Os olhos de Aya arregalaram e foram em direção aos olhos do maior; a ruiva tomou coragem e então disse:

— Na primeira vez ela,ela.. Ela me matou! — Aya falou até meio confusa, aliás,era só uma pequena criança de oito anos

— Kunikida, eu não sei como eu conseguir voltar no tempo,mas acabou que a—aconteceu aquele desastre todo! — Aya estava confusa até com o'que tinha acontecido,Aya estava confusa com tudo, até com sua suposta habilidade.

— Se acalme, o mundo não vai acabar — Tentava tranquilazar, Kunikida.

— Eu não consigo, Yuri sumiu do nada!

A garota olhou pelos arredores para ver se encontrava ela,porem fracassou. O loiro, prestando atenção tudo no que a garota disse; fez um sinal com as mãos para que Aya o acompanhasse,e assim ela fez.

— A ADA está investigando um caso de garotas sumindo misteriosamente neste metrô. Recebemos uma ligação em que ele fala que irá explodir esse local,por isso estou aqui.

Falava seriamente, Kunikida. Ajeitando seus óculos; olhando de relance para Aya.

— Então vai me ajudar a procurar-la! — A ruiva pulou de alegria e de alívio,esnobando um grande sorriso em seus lábios carnudos. Mas logo ouvia-se um barulho estranho, justamente vindo da barriga de Aya...

— Você não comeu nada? — Pergunta Kunikida,supreso.

— Gastei tudo em remédio pra Yuri — Respondia a garota na maior tranquilidade possível, fazendo com que Kunikida desse um facepalm.

— Toma essa barra de cereal, Atsushi me deu mas não sou de comer coisas assim — Falava o loiro, jogando para Aya a barra de cereal; e desajeitadamente a garotinha ruiva pegou a barra e deu uma mordida. Fazendo com que seus olhos brilhassem na hora.

— Muitooooo obrigada Kunikida! — A mesma falava animada,com uma mordida já recuperou metade de suas energias.

Os dois andando pelo metrô, Aya acabou se esbarrando em alguém;

— Me desculpa senho....ra? — Aya parou um pouco ao ver a mulher que tinha esbarrado, tinha cabelos de cor vinho escuro bagunçados,e usando uma blusa de regata que mostrava seus peitos; além de usar cintos de munição e usa uma calça colada.

— O'que foi garota,vai desbuchar ou não? — A maior respondeu de maneira rude, encarando Aya. Porem ela ficou quieta e começou a encarar uma pulseira que Aya tinha.

— Que pulseira é essa aí? — Ela perguntou,se aproximando da garota ruiva.

— Oh, essa pulseira foi a minha amiga que deu,Yuri! Estamos procurando por ela... — Aya se mostrava um pouco tristonha, mostrando Kunikida do lado dela.

— Yuri? — Então a mulher de aura misteriosa se mostrou-se alguém divertida — Você é amiga da irmã do Yuki? Pooor que não disse antes?

A mulher abraçou Aya, quase a esmagando.

— Me chamo Miya, prazer! — Miya estendia a mão para os dois; Aya abriu um enorme sorriso,mais ajuda,melhor! Enquanto Kunikida a estranhava.

— Eu sou a senhorita que irá proteger você e sua amiguinha! — Falava a mulher dando pequenos e fracos tapinhas na cabeça de Aya, logo se juntando a eles.

———————————————🌻

— Então.... Já tem algum suspeito na lista,senhor detetive dourado? — Perguntou Miya, colocando suas duas mãos na costa enquanto andava.

— Sim,tenho. — Kunikida lançou um olhar de raiva a mulher,mas logo pegou de seu bolso uma foto e mostrou para as duas ali;

— Um cara,uau.

— O suspeito.

— Sim,sim. O suspeito é um cara.

— Esse é o suspeito! — Kunikida estava perdendo a paciência com a mulher alí— Bem, apenas memorizem o homem da foto — Ordenou o loiro, Aya confirmou na hora, determinada. Enquanto Miya estava colocando o dedo no ouvido, não prestando atenção nenhuma no que ele estava dizendo.

— Apenas vamos.. — Suspirou Kunikida, logo vagando pelo metrô junto com Aya e Miyu.

A maior lançou o olhar para um estranho, alguém de vestimentas pretas,e de mãos dadas com uma garotinha de vestido azul. Logo deslizando sua mão até seu cinto,e então revelaria um revólver.

— Kunikida. — Miyu o chamou e então apontou com a cabeça para o homem; logo o homem percebeu e então saiu dali rapidamente.

— Sigam ele! — Kunikida pegou seu caderno e logo então começou a seguir ele rapidamente. Miyu colocou Aya em seus ombros e o seguiu também.

Os três acabaram no túnel, especificamente em um túnel que nenhum trem passava; pois estava abandonado.

— Cretino, apareça! — A mulher tirou Aya das costas,porem de mãos dadas com ela. E com a outra mão segurada em um revólver de longo alcance.

Ao chamado de Miyu, apareceu o homem com uma faca no pescoço de Yuri.

— Se movam e essa garotinha morre — O homem sorria, apertando mais e mais a garganta com a faca.

Aya se desesperou,e não deu nenhum passo,com medo. O mesmo aconteceu com os outros dois.

— Sim, chefe? — Uma voz observava aquilo de longe.

— Não, chefe. — A voz ajeitava o seu chapéu, encarando para os seres alí de longe.

— É apenas a ADA se metendo aonde não é chamado — Chuuya Nakahara solta um sorriso esnobe, com sua habilidade ativada; os observando no teto.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...