História A outra dimensão - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Sobrenatural
Visualizações 4
Palavras 888
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Famí­lia, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Digo nada... Só escrevo 😂

Capítulo 7 - Socorro...


•Reed ON•

EU NÃO CREIO NO QUE EU ESTOU VENDO! NÃO ACREDITO QUE ESSE CANALHA, IDIOTA, PERVERTIDO, ESTÚPIDO, DESGRAÇADO ESTÁ FAZENDO ISSO, ah se você me paga Hyde, VOCÊ ME PAGA! 

Solto a mão da Selene e que me olha assutada, (Autora: Hyde é o filho do diretor) Hyde estava prendendo Gerry contra a parede em cima de uma mesa e tava beijando seu pescoço enquanto o menor chorava baixo pedindo pra que parasse, enquanto ele tentava tirar a calça de Gerry a força, ta certo que o Gerry e ômega e o Hyde alfa, mas não precisa disso. 

Vou pra cima do Hyde o puxando brutalmente o jogando no chão, dando um soco com tudo em seu rosto, dou socos um atrás do outro, ele me empurra ficando em cima de  mim me batendo também, jogo ele pra longe o acertando com uma cadeira quebrando a mesma. 

Vejo Selene correr até Gerry o ajudando a se acalmar, e usando magia para que sua roupa que estava rasgada voltasse ao normal, eu e o babaca do Hyde começamos a brigar mais sério, eu usei uma espada e ele um tridente de demônios, faço vários cortes nele assim como ele também faz em mim. Me teletransporto atrás dele e o jogo com tudo na parede, logo depois não sei como mas ele some e aparece em minha frente me jogando nas mesas, quando ele me perfurar escuto um grito. 

Selene - PAREM COM ISSO AGORA! - ela faz uma rajada de vento arremessar Hyde pro outro lado e fazendo nossas armas voarem longe - eu sei que não tenho nada a ver, não conheço ele nem você - diz apontando pro Gerry depois pro Hyde - mas se você encosta o um dedo no Gerry pra assédia-lo ou fazer qualquer outra coisa, você vai de ver é comigo - sua voz engrossa e seus olhos ficam vermelhos aos terminar a frase, eu e Gerry ficamos assustados e Hyde também mas logo em seguida de levanta com raiva e sai. 

Gerry - O-o-obrigado Selene por me ajudar... E... Obrigado Reed por tirar ele de cima de mim... - diz chorando novamente indo abraçar a Selene depois vem me abraçar. 

Selene - Não precisa agradecer, mas se ele fazer isso de novo conta pra gente ok? 

Gerry - Ok... - diz com um sorriso fraco. 


~Depois de algumas aulas, na hora do intervalo~

•Gerry ON•

Eu ainda não acredito que ele tentou fazer aquilo de novo... Mesmo depois da bronca que levou da vice-diretora sobre isso, mas ele não para... Por que..? Por que ele faz isso comigo, o que que eu fiz? Por que ele me chantageia dessa maneira pra que eu não conte a ninguém..? Por que... Tem que manter minha irmã em cativeiro...? 

Vou andando sem rumo pra longe do pátio e dos outros, eu queria ficar longe das pessoas pra pensar um pouco, quando estou no jardim, perto de uma cabaninha sinto alguém me puxar pela cintura e tampar minha boca, quando olho vejo Hyde com os olhos vermelhos. 

Ele me arrasta a força pra cabana onde ficam as coisas de jardinagem, entramos e ele tranca a porta, logo em seguida me joga em cima de uns panos q formavam tipo uma mini cama, vejo ele pegar algumas cordas e um lenço, me levanto correndo pra porta mas ele me segura. 

Hyde - Nãnaninanão, você não vai fugir agora... Ninguém vai saber que você vai estar aqui - diz me jogando no mesmo local ficando em cima de mim amarrando meus braços em uma madeireira que era fixada ao chão. 

Eu - Socorro... Alguém me ajuda... Porfavor - Digo começando a chorar e me debater pra me soltar mas não consigo. 

Hyde - Calma meu gatinho... Você vai gostar, aliás, gatos não gostam de leite? Hahahahaha - diz dando uma risada... Maléfica... 

Eu - Não... N-n-não! P-p-por favor, n-n-não faz isso... Por favor.... - Começo chorar mais quando vejo ele tirar seu membro da calça e subir em cima de mim pra colocar dentro da minha boca. 

Ele força minha boca pra abrir e enfia seu membro com tudo me forçando a chupa-lo, ele fica puxando meus cabelos e precionando seu membro mais forte contra minha garganta me fazendo ficar com dificuldade de respirar, sinto ele tentar tirar minha calça. 

Hyde - Ahhh.... Isso gatinho, chupa mais vai, chupa, hmm... - diz forçando mais seu membro na minha garganta. 

Um tempo depois ele ejacula na minha boca e depois na minha cara me fazendo engolir seu esperma, fico tentando acalmar minha respiração quando ele sai de cima de mim e tira minha blusa, logo em seguida minha calça e minha cueca. 

Eu - P-p-para... Por favor... - digo ainda chorando ofegante. 

Hyde - Não, vou fuder você gostoso agora, e vai por mim você vai ficar uma semana sem andar hahaha - fala colocando dois dedos na boca e depois me penetrando. 

Eu - AAHHH! 

Hyde - Saiiii 

Depois de um tempo me preparando, ele me penetra com muita força me fazendo gritar e chorar mais, ele tampa minha boca e fica dando estocadas muito fortes, depois começa a lamber meus mamilos me fazendo erguer um pouco o corpo. 

Eu - Ahhh.... D-d-doi... Para... Ta d-doendo H-Hyde.... Por favor... Chega... - digo em meio as lágrimas. 

Hyde - Não! 




  Continua... 


Notas Finais


Ixiiiii


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...