História A Outra Face - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Backstreet Boys, Originais
Personagens AJ MacLean, Brian Littrell, Howie D, Kevin Richardson, Nick Carter, Personagens Originais
Tags Backstreet Boys, Bsb, Fanfics
Visualizações 6
Palavras 721
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Policial, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


UM NOVO CAPÍTULO CHEGANDO...

Capítulo 3 - Capítulo 3


Fanfic / Fanfiction A Outra Face - Capítulo 3 - Capítulo 3

 A jovem alisa mais uma vez seu tórax, arranhando-o com as unhas afiadas. Ele estremece, com mistura da sensação de dor e prazer. Ela senta por cima das pernas dele, cruzando as pernas logo na frente.

            O beija de leve, segurando firme seu cabelo, puxando-o para trás, fazendo-o levantar o pescoço. Coloca um pequeno morango em sua boca e ele começa mastigar. Ela o beija, e mesmo ele com o morango ainda dentro ela enfia sua língua, misturando as salivas.

            Pandora o deixa engolir a fruta, começando novamente a beijá-lo. O beija com vontade, empurrando seus lábios com força nos dele. Os mordendo de vez em quanto. A jovem levanta-se, saindo mais uma vez.

            Seus passos são escutados voltando, mais uma vez. Ela alisa o rosto do rapaz, que já ofegava a algum  tempo.

 

            - ... vamos devagar... – ela sussurra em seu ouvido

            - ... aí..  o que é isso? – Nick acaba sentindo algo perfurando seu pescoço

 

            O loiro abre os olhos, tudo estava escuro, mas não tinha nada o vendando. Observa o ambiente sem acreditar. Ele estava em seu quarto, em sua cama. Coloca a mão no pescoço, sentindo um pouco de dor.

            Levanta-se com um pouco de cuidado, estava um pouco zonzo. Consegue chegar até o interruptor, o aperta, a luz ilumina todo o local. Volta para a cama, pega o celular, 10 chamadas não atendidas.

 

            - O Kevin vai me matar... – ele fala, olhando para o relógio do próprio aparelho - ... o que aconteceu? – falando sozinho, pergunta

 

            Um silêncio incomum toma conta do quarto. Ele acaba olhando novamente para o aparelho, antes mesmo que possa fazer a rediscagem, o celular começa a tocar, era o autor das 10 ligações anteriores.

 

            - Oi! – Nick atende apreensivo

            - NICK CARTER... ONDE VOCÊ ESTAVA? ESQUECEU DO SHOW DE HOJE A TARDE... – Kevin esbraveja

            - Caramba!... – o loiro senta-se na cama, passando a mão na cabeça

            - SEU IRRESPONSÁVEL... TIVEMOS QUE DIZER QUE VOCÊ ESTAVA DOENTE... – Kevin continua o sermão - ... QUER ACABAR COM O GRUPO?... ESTÁ FAZENDO UM ÓTIMO TRABALHO...

            -Não... não... me desculpa... é... é... – o loiro acaba pensando se deveria mesmo falar a verdade - ... eu estava passando mal e acabei tomando um remédio e acabei dormindo.... foi isso... – e acaba mentindo

            - QUE ISSO NÃO SE REPITA... – Kevin fala desligando

            - ... não vai se repetir... – Nick responde

 

            O rapaz olha novamente em volta, pensando ter tido um sonho, levanta-se indo para o banheiro, retira a camisa e vê alguns arranhões; rapidamente olha para os pulsos, olhando os dois braços.

 

            - Foi real!!!... – ele acaba concluindo, olhando de volta pra seu reflexo no espelho - ... tenho que voltar a aquela boate...

 

            O loiro tira a calça, indo para debaixo do chuveiro. Sentindo a água bater em seu corpo, ele fecha os olhos, lembrando-se de sensações sentidas, vindo em flashes. Acaba respirando fundo, continuando a deixar a água continuar seu caminho pelo seu corpo.

            Lembrando-se de Pandora, abre novamente os olhos, passa o sabonete, terminando finalmente o banho. Logo veste roupas, indo para o carro. Ele acelera, correndo pelas ruas, já vazias da cidade.

            Assim que vê de longe o letreiro, freia o veículo, deixando-o um pouco distante. Saindo do carro, caminha à passos apressados. Chega na frente do lugar, respira fundo e entra.

            Começa a sua busca, andando por todos os ambientes. Vai e volta várias vezes, nos mesmos locais. Quase desistindo, senta-se na frente do bar e pede uma bebida leve. Assim que o rapaz o entrega o copo, ele vira-se para olhar a pista de dança e acaba “esbarrando” na jovem que tanto procurava.

           

            - O que fez comigo? – ele segura forte em seu braço, impedindo-a de ir adiante

            - Olá!!!... Nick... – ela sorrir olhando em seu rosto sério - ... não fiz nada... que você não quisesse... – Pandora responde chegando bem perto do seu ouvido, mordendo-o

            - ... eu não pedi pra ser furado... – Nick comenta, “trincando os dentes”, ainda a segurando firme - ... você enfiou uma agulha em mim...

            - ... desculpe por isso... mas... como falei... temos que ir devagar... – ela responde desdenhando dele

            - Devagar?... você me excitou e depois... NADA!!! – o loiro acaba demonstrando sua insatisfação

            - ... Calma... é um jogo... – ela fala, beijando a ponta de seu nariz - ... lembra? – ela sorrir maliciosamente


Notas Finais


Aguardem próximo capítulo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...