História A Outra Face - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Backstreet Boys, Originais
Personagens AJ MacLean, Brian Littrell, Howie D, Kevin Richardson, Nick Carter, Personagens Originais
Tags Backstreet Boys, Bsb, Fanfics
Visualizações 3
Palavras 1.454
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Policial, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem!!
Ps.: Cena de violência no final do capítulo

Capítulo 7 - Capítulo 7


Fanfic / Fanfiction A Outra Face - Capítulo 7 - Capítulo 7

Pandora não liga muito para o desespero do rapaz, ele saí, nem olha para trás. Procura a saída, correndo pelo corredor, acaba encontrando sozinho a porta secreta. Ao chegar finalmente à porta de saída da boate, lembra-se de que todo o local estaria fechado.

 

            - ... nem um beijinho de despedida? – a jovem aparece atrás dele

            - Abre!!! – ele ordena - ...estou muito atrasado... isso não devia acontecer...

            - Tchau!... – ela acaba abrindo, fazendo “cara” feia

 

            O loiro resolve não passar em casa, corre para o estádio. Estaciona o veículo um pouco distante. Passando pelos carros em movimento chega em frente ao local do espetáculo.

            Acaba sendo reconhecido por algumas fãs, e corre o máximo que pode, entrando por uma porta, que o segurança havia avisado, deixado para ele entrar, sem mais problemas.

 Anda pelos corredores, com pessoas indo e vindo terminando a organização do evento. Todos o observam, ele sorrir e acena para todos. Parando em frente ao camarim, com o nome do grupo.

Ele abre a porta já fazendo caretas, imaginando os gritos do mais velho da banda; que é justamente o primeiro a se virar para ele.

 

- Quê isso?... Foi atropelado? – Kevin pergunta, olhando a aparência do rapaz

- Foi assaltado? – AJ abre a boca para perguntar também

- Não!... Não!... – ele só consegue dizer uma palavra, sentando-se no sofá, respirando junto

- Você já se olhou no espelho? – Howie pergunta, apontando para o enorme espelho à sua frente

- Não!... Peraí, gente... deixa eu respirar... não aconteceu nada... – finalmente ele diz algumas palavras

- ... “cara”... vou te dizer... você aparece neste estado... e diz que não foi nada... estas usando drogas? – Kevin pergunta, esperando resposta

- Uau... – Nick finalmente se olha no espelho e se assusta - ... aff... caramba!!! – passa a mão no cabelo que estava todo assanhado e em pé, sem falar em sua roupa toda amassada, dos pés a cabeça

- ... estas com novo estilo de cabelo e roupas? – AJ brinca

- É melhor agente ir se arrumar logo para o show... – o rapaz finge não escutar as indagações do tatuado, e levanta-se do sofá

- ... você não recebeu a mensagem que mandei para o seu celular? – agora o Kevin senta no sofá, o seu lugar - ... não vai ter mais show... o local está com inúmeros problemas... soubemos... pouco antes de você chegar... e mandei uma mensagem para você – o homem termina a explicação

- Menos mal!!! – o loiro coloca a mão no seu lado esquerdo, aliviado – podemos ir embora... então? – e pergunta ansioso

- Claro!!!... pode ir... – Kevin responde, olhando para o Howie

 

Antes mesmo que o homem de olhos verdes, possa falar mais alguma coisa, o loiro despede-se de todos saindo. Ele corre para o carro, a rua já sem movimento, indo direto para sua residência.

Os outros integrantes da banda, continuam um pouco mais no estádio. Terminando de recolher alguns objetos.

 

- Vocês não acham que o Nick está muito estranho? – Brian acaba começando uma conversa

- Só estranho?... vocês não viram o estado dele hoje? – AJ comenta, relembrando - ... nem eu... ando daquele jeito... E acho sim que... ele está se drogando – e acaba tirando conclusões 

            - ... não vamos nos precipitar... – Howie fala - ... tenho uma idéia e ... bom...  eu vou descobrir o que está acontecendo... agente se fala depois – e revela saindo com algumas roupas nas mãos

            - O que você vai fazer? – curioso AJ pergunta

            - ... confiem... – Howie responde, guardando segredo, já saindo

 

            Nick, em casa, já mais calmo, toma um banho relaxante na banheira. Fecha os olhos, ficando um pouco de “molho”. Logo seus pensamentos voltam-se para Pandora e seus últimos momentos.

            Mesmo dentro da água fria da banheira, seu corpo começa a esquentar. Resolve voltar a boate, naquela mesma noite. Abre os olhos, olhando a hora. Sai da banheira, terminando o banho no chuveiro.

            Vestisse socialmente, coloca um pouco de gel no cabelo e perfume atrás das orelhas. Pega as chaves e o celular. Abre a porta da frente e dá de “cara” com Howie, pronto para bater na sua porta.

 

            - Howie? – Nick espanta-se

            - Oi!... vai sair? – o latino pergunta - ... eu estava querendo espairecer um pouco... – começa a se explicar na porta mesmo - ... posso ir com você? – acaba perguntando

            - É!!... é... – Nick sem saber o que responder, acaba concordando com a cabeça – Claro! – e sorrir sem graça

 

            Os dois encaminham-se para o carro do loiro. Assim que o amigo entra, o rapaz dá partida no carro. Nick, mesmo temeroso, acaba levando o latino para a boate. Estaciona a uma certa distância.

            Nick segue na frente e Howie sempre o seguindo, sem falar uma palavra. Eles entram e o loiro começa a procurar por Pandora com os olhos. Os dois sentam-se no bar.

           

            - Voltou? – a jovem toca no ombro do loiro, a assustando

            - Oi! – ele sorrir - ... esse é o ... – e aponta para o latino para o apresentar

            - Olá, Howie... – ela fala antes, aproximando-se do homem e beijando seu rosto

            - Oi! – Howie responde envergonhado

            - ... vamos para uma mesa... – Pandora os convida

 

            Os três seguem para uma mesa, um pouco recatada. Pandora acaba sentando de frente para Howie, que a encara a todo tempo. Ela chama um garçom e pede bebidas para todos.

            - ... para vocês... é por conta da casa... – Pandora avisa, mordendo os lábios, olhando para Howie; ele sem querer confusão, olha para o outro lado, disfarçando

            - ... você... está linda hoje... – Nick tenta puxar conversa, vendo os olhares dela para seu amigo

            - Sua cantada está um pouco fajuta... – ela encara o loiro, rindo

 

            As bebidas chegam. Cada um pega a sua. Nick toma um gole bem generoso. Pandora, por debaixo da mesa, discretamente retira um dos sapatos, passando o pé entre as pernas de Howie, dando-lhe o maior susto, quase fazendo-o se engasgar com a bebida.

 

            - Quer dançar? – Pandora pergunta para Howie, ao escutar uma música lenta

            - Posso? – Howie olha para o Nick

            - ... vai em frente... – mesmo não gostando da situação, Nick concorda

 

            Pandora levanta-se, Howie logo depois. Caminham até a pisca, onde tinha vários casais. A jovem agarra o homem, mesmo sem ele querer, fazendo seus corpos ficarem bem juntos.

            Ela aperta mais seu corpo contra o do latino. Nick os observa de longe. A moça dá uma mordida na orelha dele.

 

            - Eu sei que você me quer? – ela fala sussurrando em seu pé do ouvido

            - Pare com isso... – Howie a responde - ... eu sei o que você está fazendo... – ele a repreende - ... você não vê o que está fazendo com ele? Deixe o Nick em paz?

            - ... o que estou fazendo com ele? – ela pergunta - ... só estou mostrando a ele... quem realmente ele é... – e revela, passando a mão na bunda do latino

           

            Nick, que já tinha bebido várias doses, ao ver a cena de Pandora passando na parte de trás do amigo, não se contém, levanta-se “cego” de raiva. Separa os dois, gritando.

 

            - Vocês acham que eu sou otário? – Nick fala, saindo enlouquecido

            - Não!... Nick... – Howie preocupado, sai correndo atrás do amigo, passando com dificuldades pelas pessoas – NICK... NICK...

 

            Pandora, demonstrando satisfação, fica no mesmo lugar por alguns minutos, logo depois senta-se na mesa vazia, tomando um gole da bebida na mesa.

            Howie consegue alcançar o loiro já no carro, chegando respirando fundo. O amigo, mesmo sem o consentimento do dono do carro, abre a porta do carona e entra.

 

            - Nick... não é nada do que você deve estar pensando... – Howie começa a falar, tentando se explicar

            - ... EU NÃO ESTOU PENSANDO... EU VI!!! -  o loiro revoltado grita, dando partida

 

            Howie, percebendo o amigo agitado demais, decide ficar calado, para não piorar mais a situação. Nick começa a aumentar cada vez mais a velocidade até chegar em sua residência.

 

            - Nick... me escuta... – Howie começa, entrando na casa o loiro - ... essa mulher não presta...

            - Não presta?... E VOCÊ ESTAVA DANDO EM CIMA DELA... – Nick começa a falar baixo e logo em seguida grita, virando-se para o latino

            - EU? ... você não está bem!!!... – Howie fica chateado, balança a cabeça

 

            Os dois começam uma briga corporal; pegando o latino de surpresa, o loiro dá uma gravata, quase enforcando o amigo. Howie consegue se desvencilhar do Nick, mas acaba sendo empurrado com toda a força, para cima de uma mesinha de vidro.

            O homem se desequilibrando, cai, quebrando a mesa em pedaços. Com o impacto, acaba desacordado.

 

            - Howie?... Howie?... – Nick se desespera - ... o que eu fiz? – ele pega o celular e chama uma ambulância 


Notas Finais


Aguardem as próximas emoções!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...