1. Spirit Fanfics >
  2. A Piece of the Puzzle >
  3. Capítulo XV

História A Piece of the Puzzle - Capítulo 15


Escrita por:


Capítulo 15 - Capítulo XV


Sean gostava de dormir até tarde, quando podia. Quando não havia trabalho ou escola, ou qualquer outro lugar para estar. Ele gostava de deitar na cama com os fones de ouvido e apenas se deixar entrar e sair da consciência, a música flutuando em sua mente como borboletas.

Os beijos e Finn eram melhores, no entanto.

Aqueles lábios se tornaram seu despertador, desde que Chris jogou aquela bola de neve. Daniel saia da cama ao amanhecer e ia para a casa de árvore de Chris pouco depois disso. Sean rolou de volta e deixou o sono recuperá-lo, até o peso de Finn pousar em seu peito. Um zumbido suave fez com que Sean abrisse os olhos, lábios mais suaves abriram sua boca.

– Mal posso esperar para chegar em casa... – Finn sussurrou, balançando os quadris descaradamente. – Para ver você bater nessa bundinha gananciosa...

Sean gemeu para Finn. Ele podia ouvir Claire lá embaixo, movendo pratos e panelas na cozinha. Eles ficariam tão fodidos se ela entrasse agora, o que só tornava tudo mais quente. Seu pau se mexeu sob os cobertores, o de Finn fez o mesmo, acima dele. Eles estavam vestindo as roupas um do outro novamente; a camisa de caveira de Sean e lobo de Finn foram pressionadas juntas, peito contra peito.

– Vou jogá-lo bem naquele chão, montar o seu caralho até que eu não possa mais andar... assim que chegarmos em casa, baby...

O coração de Sean vibrou. Casa.

Casa, o destino inevitável no final deste trem. Finn iria rastejar de volta para aquele buraco com lixo no chão e caçadores à espreita, e Sean não poderia mais visitá-lo, agora que seu pai sabia que Sean havia perdido o emprego...

Mas Finn o beijou e o pensamento foi embora, e eles passaram outra manhã pressionados um contra o outro, beijando-se lentamente e moendo ainda mais devagar, até que Finn estremecesse acima e Sean por baixo, a liberação quente se acumulando dentro de suas cuecas.

Finn os limpou. Eles teriam que lavar as roupas em breve... Claire ficaria espantada.

Sean observou Finn vestir uma calça. Ele vasculhou os bolsos, recuperando os anéis e depois os colocando-os nos dedos. FREE PIZA.

Isso significava que ele gostava de sexo, não importa quem estivesse oferecendo. Assim como uma fatia de pizza grátis.

– Finn?

Um sorriso.

– Sim, querido?

Sean se moveu, ainda quente e saciado contra o colchão.

– Há quanto tempo você sabe... que gosta de homens.

– Merda... eu não sei. – Finn encolheu os ombros. Ele sabia que a resposta não era boa o suficiente, mas apenas se deitou na cama ao lado de Sean. – Eu brinco com isso com meus irmãos adotivos desde... desde sempre.

– Você nunca teve uma... uma preferência?

– Não. Meninas, meninos... foi bom de qualquer maneira. Isso era tudo que me importava. Parecia bom.

Finn estava deitada tão perto dele, seus narizes quase se tocavam. Sean admirou como seu cabelo caia sobre a testa.

– Eu acho que é diferente para mim – Sean disse, olhando mais para a franja azul do que os olhos claros. – Eu não tenho certeza do que eu... do que eu sou.

– Você não precisa saber. Apenas... esteja com quem você gosta. Nada mais.

Sean sorriu de lado. "Apenas fique com ele." Era o que Lyla havia dito.

Mas ele meio que desejava saber.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...