História A Posse Interna - Capítulo 18


Escrita por:

Postado
Categorias A Lista Negra (Hate List)
Personagens Nick Levil
Tags Crimes
Visualizações 1
Palavras 738
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Luta, Mistério, Policial, Suspense
Avisos: Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Alexa ou Samantha?

Capítulo 18 - Figths


Assim que sai da casa de Mattew ele pediu para que eu fosse pra casa e não falasse com ninguém, apenas fosse pra casa. Mas eu estava curiosa demais pra saber quem é Samantha, e o que ela fez de tão preocupante assim. Ao estar andando pela praça, eu fui bem longe da central e acabei me esbarrando com uma menina loira que olhava para o chão

-Desculpe.. (Fala ela muito baixo e logo corre)

Eu fiquei intrigada e quis seguí-la

-Ei menina!

Ela corria cada vez mais, só pode ser a Samantha. Corri para conseguir encontrar ela, ela entra em um beco e eu entro junto, ao olhar pra frente havia uma gangue da central que me procurava achando que eu que tinha feito a bagunça toda na central -puta merda-

Tentei correr de volta e mais gangues me incurralam. -que merda- agora eu me fodi, gangues querem me matar e eu sou apenas uma, pensei na possibilidade de eu lutar, mas eram muitos. Um vem pra cima e eu tinha que contra-atacar de algum jeito. Ele ia me dar um soco na cabeça, então lembrei do treino em Mattew, peguei todo o meu medo e passei para o pulso, e descarreguei tudo no homem, e deu certo. Assim que viro vejo um já preparado pra me bater mas logo leva um tiro na testa e morre -da onde saiu esse tiro?- MATTEW!!

-CORRE DAÍ!(Grita Mattew)

Eu não tinha escolha, eu tinha que correr, mas não queria deixar Mattew alí. Ao estar saindo do beco encontro a garota loira de novo, dessa vez eu vou te pegar. Antes que ela corresse eu consigo a segurar e a viro

-Samantha?

-Me solta!

-ME RESPONDE!

-Me obriga..

-Você quer mesmo? (Falei e logo fecho o punho ameaçando bater)

Ela olha para meu punho e logo fala

-Me obriga Alexia..

ESSA GAROTA QUER MORRER.

-Como sabe meu nome?

-Me obriga garota! (Ela fala e logo tira minha mão que segurava o braço dela)

-Se mete tão de valente que correu quando te chamei.(Falei)

-Eu não sou obrigada a falar nada com você.

-Mas está falando.

-Verdade, aproveitando, fala pro Adler que eu tô com saudades.

-Você não disse isso...

-Disse, e tem mais.. Pergunta pro Adler quem fode mais, eu ou sua irmãzinha..

-CALA A BOCA ! (Gritei e não segurei o soco que eu estava pra dar, e dei)

Ela segura o soco com a mão e fala mais próxima de mim

-Se quiser tirar suas dúvidas eu fodo você também.

-Vai pro inferno!

Empurro ela e saio daquele local imundo. Eu ainda consigo ver ela me olhar sair do local, aquela puta vai ver, além de falar merda de Adler e de mim.. Espera.. Como ela sabe que eu tenho uma irmã? E como ela sabe que ela e Adler transaram? SE ADLER CONTOU EU VOU MATAR ELE! Mas antes preciso ver como Mattew está. Olho de longe para o beco onde eu estava e impressionante, Mattew conseguiu acabar com 3 gangues.. Ele vai me ensinar a fazer isso sim! Pra mim acabar com duas pessoas, essa oxigenada e a minha cópia. Mas antes eu preciso dar um murro em Adler por está falando com essa oxigenada de merda. Chego em casa e abro a porta, encontro Adler sentado no sofá..

-ADLER SEU IDIOTA!

-O que eu fiz dessa vez?

-ME FALA AGORA QUEM É SAMANTHA ANTES QUE EU BATA EM VOCÊ!

-Samantha? Quem é essa?

-NÃO SE FAZ DE IDIOTA ADLER!

-ALEXIA EU NÃO SEI QUEM É SAMANTHA!

-Como assim não sabe?

-De quem você ta falando?

-Daquela oxigenada de merda que você fica falando.

-Bethany?

-Bethany? O nome dela é Samantha!

-Que Samantha o que Alexia.

-Adler! Foda-se o nome dela, ela é uma vaca, você não vai mais falar com essa piranha ouviu?

-Você não manda em mim Alexia. Ela precisa de mim..

-Ae, precisa, pra transar isso sim!

-CALA A BOCA ALEXIA! EU NÃO TENHO CULPA SE VOCÊ NÃO TEM COM QUEM BEIJAR E EU TENHO

-Que?

Ele continua calado..

-Eu não vou discutir com você sobre transa.. Eu vou discutir com você sobre pra quem você abre a boca pra falar da minha vida!

-Do que você ta falando?

-Como Samantha..

-Bethany!

-FODA-SE! ELA SABE QUE EU TENHO UMA IRMÃ E SABE QUE VOCÊS DOIS TRANSARAM.

-Alexia que erva você fumou hein?

-ADLER VOCÊ TA ME PROVOCANDO?

-Você que ta maluca!

Eu abro a porta pra sair

-A ONDE VOCÊ VAI?(ele pergunta irritado)

-Mattew!

-TODO DIA VOCÊ VAI PRA CASA DESSE MALUCO.

-Não tenho culpa se eu tenho com quem transar e você não tem.

E saio.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...