1. Spirit Fanfics >
  2. A Primeira Neve (Yuta) >
  3. Futuro Incerto

História A Primeira Neve (Yuta) - Capítulo 1


Escrita por:


Capítulo 1 - Futuro Incerto


Fanfic / Fanfiction A Primeira Neve (Yuta) - Capítulo 1 - Futuro Incerto

Isabelle observava Yuta dormindo tranquilamente a seu lado enquanto a chuva batia na janela, o inverno havia chegado em Seul e a primeira neve ja estava próxima, ela pegou o telefone para checar suas mensagens e havia duas em especial, uma de Taemin e outra de Sofia. 

Sofia e Isabelle não moravam mais juntas. Sofia foi morar com Baekhyun desde o fatídico episódio no quase casamento do mesmo, Yuta por outro lado para não deixar a namorada sozinha veio de mudança para o apartamento com a condição de que jantaria com seus pais todo domingo a noite.

Yuta acabou atraindo a atenção de Isabelle quando se mexeu na cama abrindo os olhos em seguida

- Bom dia. O menino disse preguicosamente

- Bom dia amor, dormiu bem? Isabelle perguntou sorrindo

- Como uma pedra e você? Yuta perguntou e Isabelle confirmou que sim com a cabeça

- Vou tomar um banho e ja volto.

Yuta saiu da cama e caminhou até o banheiro sobre os olhares de Isabelle ainda deitada na cama, as costas marcadas pelas unhas dela de repente a deixaram excitada e louca para repetir aquilo.

Yuta entrou no banheiro e Isabelle escorregou seus dedos para sua intimidade começando massagear de leve aquele lugar ja sentindo seu corpo reagir ao contato. Ela abriu a boca soltando um gemido baixo enquanto se contorcia sobre seus próprios dedos. Ela não sabia quantos minutos ficou imersa naquele momento mas tomou um leve susto ao ver a mão de Yuta afastando a dela de sua intimidade tomando o lugar da dela

- Deixe que eu faço isso. Yuta disse beijando a mesma em seguida que agora gemia sobre os lábios do loiro e se contorcia com mais vontade implorando a Yuta por mais contato.

- Porque você fez isso sem mim? Ele dizia tirando a roupa de Isabelle rapidamente

- Você estava no banho e eu não quis atrapalhar você. Isabele disse entre gemidos enquanto sentia a língua de Yuta em um de seus seios

- Até parece que ver você gozar é me atrapalhar né Izzy. Yuta disse arrumando seu membro na entrada de Isabelle 

- Amor por favor. Isabelle pedia sôfrega. Seu corpo estava no máximo de excitação que ela precisava gozar se nao iria explodir

- Nunca mais use seus dedos ouviu? Yuta falou autoritário. - Você tem a mim e só a mim ouviu?

Sem esperar Isabelle responder Yuta a penetrou e ela cravou suas unhas nas costas do namorado enquanto Yuta gemia e beijava o pescoço da ruiva. Seus corpos dançavam sobre a cama enquanto gemidos eram ecoados pelo quarto

Isabelle sentia lágrimas correndo de seus olhos e Yuta notando isso parou os movimentos 

- O que houve? Porque você esta chorando? Ele perguntou com a mao no rosto de Isabelle 

- Eu te amo. Isabelle disse olhando no fundo os olhos de Yuta. A preocupação, o cuidado de Yuta, o rosto suado, o cabelo molhado grudado a testa, o lábio vermelho de pequenas mordidas ali depositada era a perfeita combinação que fez Isabelle se apaixonar, ela era muito grata por ter Yuta em sua vida

- Eu também te amo. Yuta sabia que Isabelle era elétrica mas tinha esse lado sensivel e carinhoso que encantava o loiro a cada dia, o jeito doce e dedicado de Isabelle faziam ele se apaixonar mais a cada dia

Isabelle sorriu em meio as lágrimas e beijou o namorado 

- Casa comigo? Yuta perguntou agora abraçado em Isabelle 

- O que? Isabelle sentou na cama assustada com o que tinha acabado de ouvir

- Isso mesmo que você ouviu amor. Yuta confirmou sua proposta. - Eu quero passar o resto da minha vida ao seu lado.

Isabelle levou as mãos a boca e pulou em cima de Yuta repetindo inumeras vezes a palavra sim! 

- Precisamos comemorar! Vamos ligar para o Taemin? Isabelle tinha trazido de volta seu lado elétrico fazendo Yuta rir. - Mas ele está em Chicago. Isabelle fez um bico fazendo Yuta rir

- Posso chamar meu irmão e a namorada dele pra sairmos nos 4. Yuta sugeriu

- Ai amor vai ser ótimo! Isabelle comemorou. 

- Agora se me der licença eu preciso ir comprar uma coisa muito importante. Yuta se aproximou de Isabelle dando um beijo em sua testa e falar com meu irmão. - Nos vemos depois ta!

Isabelle concordou e Yuta saiu do apartamento deixando uma Isabelle feliz da vida em casa.


A noite havia chegado e Isabelle se arrumava para encontrar Yuta no restaurante que o irmão dele sugeriu, ela vestia um sobretudo branco com uma bota taco fino e o seu cabelo estava preso em uma trança com um arco. 

As horas haviam se passando e as risadas corriam soltas naquela mesa e o único mais ou menos sóbreo ali era Isabelle porque o resto estava só por Deus. Johnny cantava com um garfo, Yuta tocava guitarra em uma garrafa vazia e a namorada de Johnny que se chamava Stacy tentava segurar o namorado embora estivesse pior que ele

Os 4 saíram do restaurante antes que o dono chamasse a policia e foram caminhar pela rua.

- Porque o chão está girando? Johnny falou

- Eu achei que estavamos andando de apé mas parece que estamos de montanha russa. Stacy falou e Johnny riu imaginou um carrinho de montanha russa e saiu correndo pela rua.

- Johnny olha o carro. Stacy tentava segurar o namorado mas acabaram os dois caindo e Yuta se jogou no chão também fazendo apenas Isabelle ficar de pé.

- Aqui bebam isso! Isabelle deu uma garrafinha de água a eles. - Precisamos chamar um táxi.

- Já estamos melhor. Johnny levantou e ajudou Stacy que ainda ria

- Mesmo? Isabelle disse desconfiada 

- Sim! Stacy responde. - É sempre assim com nós, precisamos cair pra ficar melhor e essa água ajudou

Isabelle olhava para Yuta sentado a beira da calçada e ele parecia estar reagind

- Amor você está bem? Isabelle estava começando a ficar preocupada 

- Estou otimo. Ele disse tomando a água.

Os 4 se levantaram e sairam andando agora mais civilizadamente quando dois caras de moto abordaram eles

- Eu sei que vocês sao ricos então passem tudo pra cá. O cara falou com raiva

Quando o assaltante se aproximou de Stacy Johnny se meteu na frente do corpo da menina

- Não me testa garoto que eu mato vocês e ela aqui mesmo. O cara falou

- Vai ter que passar por cima de mim primeiro. Yuta rebateu e o outro homem que até então estava em cima da moto quieto se meteu

- Não será problema. O cara puxou a arma apontando para Yuta e um barulho de tiro foi ouvido fazendo o mundo de Isabelle parar. Yuta se assustou ao ver Isabelle se meter na frente recebendo a bala em seu lugar 

- NÃO. Yuta gritou ao sentir o impacto do corpo da noiva contra o seu apos a bala perfurar as costas dela.

Isabelle caiu no chão chorando enquanto Johnny tentou partir pra cima do homem mas o mesmo ja havia fugido com o capanga

- Vou chamar a ambulância. Stacy disse pegando o celular tentando parar de tremer 

- Amor... amor... Yuta passava a mão pelo rosto de Isabelle que agora tinha seu sobretudo branco manchado de sangue 

- Eu te amo amor. Isabelle disse com dificuldade. - Por favor cuide do Taemin para mim ok?

- Amor nao fale isso, você vai sobreviver, você vai ficar bem. Yuta falou enquanto segurava o corpo de Isabelle no chão e lagrimas corriam de seus olhos 

De repente flocos de neve começaram a cair fazendo Isabelle olhar para o céu 

- A primeira neve. Ela disse ja sentindo seu coração bater mais devagar. - Yuta eu te amo meu amor. 

- Isabelle acorda! ACORDA!


Notas Finais


Até qualquer hora!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...