História A princesa e a Plebéia!! (Camren) - Capítulo 54


Escrita por:

Postado
Categorias 10 Coisas Que Eu Odeio Em Você, A Bela e a Fera, A Dama e o Vagabundo, Camila Cabello, Demi Lovato, Fifth Harmony
Personagens Camila Cabello, Lauren Jauregui
Visualizações 704
Palavras 2.600
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, LGBT, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Opaaa.. Turu bom?! Kkkk

Galeraaaa passamos de 550 favoritooooos... Aaaaaah.. Surto mesmo!! Hshsh

Obg a todos vcs.. Amo demais essa apoio.. Obg pela paciência..

Compartilha o link da fic amores!

Boa leitura <3

Capítulo 54 - A batalha: Terceiro Round!


Fanfic / Fanfiction A princesa e a Plebéia!! (Camren) - Capítulo 54 - A batalha: Terceiro Round!


Camila.

Meu coração batia tão rápido que senti medo dele pular pela minha boca e sair correndo dessa festa doida. Depois de provocar e irritar a vibora em nível máximo, só me restava desejar sorte para minha rainha de gelo que teria seu tão esperado encontro com a cobra.

Sentada na mesa dos Swift, eu tentava manter a calma limpando o suor que insistia em acumular nas palmas de minha mão.

- Sério mesmo que você trouxe pipoca?! (Questionou Dinah sentando ao nosso lado) Divide aí! (Completou colocando a mão no pote).

Fitei Vero que ajeitava tudo da mesa, como se esperasse o início de um filme. Só queria ter a confiança dela pra encarar esse tipo de situação.

Antes do grande espetáculo começar, ainda vi Veronica esticar os braços como se fosse se espreguiçar e colocar eles no ombro de Lucy que conversava com Tay despreocupada.

A morena parou a conversa e cerrou os olhos encarando Vero, que continuou comendo sua pipoca sem preocupação.

- Não vai ser tão fácil assim Veronica, se quer alguma coisa, primeiro me chama pra um encontro de verdade! (Resmungou Lucy tirando o braço de Vero de seus ombros).

- Você era mais legal pelo Tablet! (Resmungou Vero de bico).

- E você parecia mais corajosa! (Completou Vives sorrindo de lado).

Vero olhou incrédula para Lucy, de olhos cerrados por estar sendo desafiada dessa maneira. A troca de olhares foi intensa até o telão ser ligado e a Vibora com Lauren aparecer como protagonistas de um filme.

Senti meu coração disparar ainda mais, quando Clara acertou o primeiro tapa em Lauren. Fechei os punhos com a respiração desregulada, sentindo um ódio percorrer minhas veias. No momento do segundo tapa triquei o maxilar e me levantei, sentindo Dinah e Vero segurar meu pulso.

- Se acalma Camila, esse era nosso objetivo, Lauren estava preparada pra isso! (Disse Dinah olhando em meus olhos).

- É exatamente por isso que a rainha de gelo ficou com essa parte, vaso ruim não quebra! (Sussurrou Vero me puxando pra sentar).

Voltei a tomar meu lugar com um nó na garganta ao ver Lolo em uma discussão terrível com sua mãe.

- Agora tenho quem lute por mim! (Falou Lolo).

Vero esbarrou em meu ombro sem tirar os olhos da tela.

- Ela está falando de nós, olha!! (Completou animada, depois encheu a boca de pipoca).

A vibora como um patinho caindo na armadilha, citou o sobrenomes das meninas, fazendo os pais ficarem ainda mais chocados com toda a revelação. 

Assim que Ally revelou que tudo estava sendo filmado, a naja correu para o jardim, recebendo os olhares incrédulos de todos.

- Agora que o circo vai pegar fogo! (Comentou Tay tomando o refrigerante de Vero, pelo canudinho).

Nós esperávamos um grande surto dos pais, mas um silêncio torturante invadiu o local, enquanto os jornalistas filmavam tudo. Até que a Swift Dark resolveu entrar em ação, deu um tapa forte na mesa e se levantou, ganhando a atenção de todos.

- COMO VOCÊ OUSA AMEAÇAR MINHA IRMÃ??? QUERO VER SE É MULHER SUFICIENTE PARA REPETIR ISSO EM MINHA CARA! (Gritou apontando para Clara que estava apavorada).

Como se tivesse sido encorajados, os pais começaram a surgir em defesa de suas filhas, se levantando para encarar a vibora.

- Quem você pensa que é, para dizer que minha filha não é boa companhia??? (Questionou a mãe de Dinah).

- Você se acha poderosa, mas no fundo é apenas uma interesseira com uma máscara na cara! (Acusou o pai de Ally).

Fitei Vero e Lucy que tinham os olhos atentos em tudo, dividindo uma barra de chocolate. Onde foi que arrumaram chocolate???

- Essas meninas mostraram muito mais poder que você Clara, uma vibora assim, não merece ter o sobrenome Jauregui! (Disse a mãe de Keana).

- Não é mulher o suficiente pra vir aqui dar aqueles tapas em mim??? (Questionou senhorita Iglesias) É muito fácil bater em sua própria filha não é?! Sua covarde, levanta essa mão outra vez pra qualquer uma das meninas, que eu te faço comer o pão que o diabo amassou!! (Completou irritada).

- Isso aii mama!!!! Mostra que você sabe fazer pão e pisa nele como ninguém!! (Gritou Vero apoiando a mãe).

Franzi a testa e olhei para Veronica com a sobrancelha arqueada.

- Você acabou de chamar sua mãe de diabo?! (Questionei confusa).

- Ela é quando quer! (Afirmou olhando na direção da bagunça).

Dei uma risada nasal e neguei com a cabeça, depois aproveitei o momento vendo uma por uma das mães se levantar acusando a naja, que ouvia tudo em silêncio, com os olhos carregados de raiva e receio.

- SAIAM TODOS DA MINHA CASAAA!!! (Gritou Clara virando a mesa de bebida).

Nesse momento o telão voltou a ligar e o vídeo dela com Matthew se beijando na gravadora começou a passar.

Rapidamente os reportes e jornalistas a cercaram a enchendo de perguntas. Sobre seu amante, sobre uma possível morte de Mike, sobre boatos dela ter planejado o assassinado de seu próprio marido.

Logo uma sequência de videos feito com a micro câmera quando Lolo estava presa se iniciou. Clara tratando mal seus empregados, falando mal de empresários que estavam presentes.

Fitei as meninas que apenas observavam o circo pegar fogo de longe, Demi cuidava dos vídeos que era revelados na lateral do palco, Ally e Mani assistiam tudo ao lado de Lolo.

- DESLIGA ISSO AGORA!! (gritou a naja tomando o Notebook de Demétria e lançando na parede mais próxima).

O telão se apagou e só era possível ouvir as vozes indignada dos empresários, as perguntas dos reportes e os cliques dos paparazzi que pegavam tudo de fora.

- JÁ CHEGA!! QUE SE DANE TODOS VOCÊS, SAIAM AGORA DA MINHA MANSÃO!! (Gritou Clara, jogando as taças em direção às mesas, fazendo todos levantar).

- COMO PODE CLARA!! EU ACHEI QUE ERA SUA AMIGA! (Disse a mãe de Lucy extremamente chocada) Sua mal caráter, sabe muito bem que tem esse sobrenome apenas porque deu o golpe da barriga no pobre Mike! (Completou negando com a cabeça).

Franzi a testa e fitei as meninas, que pareciam tão surpresas quanto eu.

- Clara casou grávida?! (Questionou Dinah confusa). Porque isso nunca vazou para a mídia?!

Me levantei rapidamente em direção a Lauren, sabia que essa informação poderia a abalar de alguma forma. Apertei os passos, mas assim que passei em frente ao palco, Clara me viu e me segurou com força.

- ISSO TUDO É CULPA SUA GARÇONETE!! (gritou levantando a mão para me bater).

Antes de sua mão me tocar, um punho fechado acertou o nariz de Clara a derrubando no chão.

- Não toca nela! (Disse Lolo entre dentes fitando a naja).

Fitei minha rainha de gelo com os olhos cheios de mágoa e decepção, uma expressão de revolta tomou conta de seu rosto, enquanto ela tentava não perder a pose ali em nossa frente. Segurei sua mão, mostrando que estava tudo bem.

A vibora se levantou sem pressa, limpou seu vestido e virou de frente para todos com o nariz sangrando. 

- Seguranças, tirem todos do meu quintal! (Completou dessa vez sem escândalo).

- Não tão rápido senhorita Jauregui! (Disse o dono de nossa cartada final).

Um homem alto, elegante, com uma postura poderosa se aproximou lentamente desabotoando seu terno cinza com uma mão, segurando alguns papéis em outra.

- Sou Harvey Specter, advogado de assuntos familiares e empresario, estou aqui em nome de Michael Jauregui, para trazer formalmente o pedido de divorcio litigioso. (Completou entregando o papel para Clara).

A vibora pegou o documento e analisou dando uma gargalhada, negando com a cabeça.

- Terá uma audiência com o juiz daqui 15 dias e poderá dar argumentos para que o divórcio não seja levado adiante, mas depois de tudo que vi aqui, acredito que juiz nenhum vai ser louco de deixar Mike casado com você! (Completou arqueando uma sobrancelha) Até a decisão do Juiz, as contas bancárias serão bloqueadas e você terá permissão de usufruir apenas daquilo que está em seu nome! E de acordo com essa escritura (Ergueu o papel) A mansão Jauregui está no nome de Lauren Michelle Jauregui Morgado! Então peço que se retire agora desta casa ou serei obrigado a chamar as autoridades! (Completou sério encarando Clara).

- NUNCA VÃO ME TIRAR DAQUI! (gritou irritada) PORQUE MORTOS NÃO ASSINAM DOCUMENTOS! (Completou rasgando o pedido de divórcio).

- Senhorita Jauregui, está admitindo que Michael Jauregui está morto?! (Questionou o repórter com o microfone em sua direção).

- Porque escondeu isso por tanto tempo? Teve algo haver com sua morte?! (Questionou o outro).

Clara olhou paras as câmeras se sentindo encurralada, sua respiração pesou, em um surto ela puxou a filmadora e lançou no chão, partindo pra cima de alguns reportes.

- SAIAM!!! AGORAAAAA!! (gritou esmurrando um deles).

- A única que vai sair é você! (Falou Lolo de forma firme). Seguranças! (Ordenou).

Rapidamente dois armários se aproximaram pegando Clara pelo braço.

- Vocês trabalham pra mim, seus incompetentes! (Resmungou ela tentando se soltar).

- Senhorita Jauregui, poderá pedir uma análise dos documentos que tenho em mãos daqui 15 dias. Até lá, terá que respeitar a decisão do juiz! (Completou o advogado).

- É melhor ir com eles, se não, NÓS vamos te tirar daqui! (Falou Senhorita Iglesias com o salto em posição de ataque).

É o que dizem, filho de peixe, peixinho é!

- Lauren se você fizer isso comigo, nunca vou te perdoar! (Falou a vibora encarando Lolo).

- Quem foi que disse que preciso do seu perdão?! (Questionou séria) Você conhece a saída! (Completou de queixo erguido).

Clara fitou novamente todos em sua volta, encarou minha rainha de gelo uma última vez e puxou os braços das mãos dos seguranças, ajeitando seu vestido.

- Vai se arrepender garota mimada! (Resmungou antes de dar as costas e seguir em direção a saída).

Rapidamente as meninas se posicionaram fazendo uma pequena passarela para Clara passar no meio. Todas encarando a vibora de igual para igual, com sorrisos vitoriosos no rosto.

A naja não baixou a cabeça, com sua pose prepotente passou olhando nos olhos de uma por uma e assim que passou por Vero, parou em sua frente.

- Aproveite o poder do seu sobrenome enquanto pode! (Resmungou entre dentes).

Veronica deu uma risada nasal, levantou um bastão não muito grande, girou a ponta, estourando e criando uma chuva de confetes na cabeça de Clara.

- Vai tarde Themonia! (Completou apoiando o bastão no ombro).

Clara trincou o maxilar, fechou os punhos e se virou, saindo pelo portão.

- NÃO ACEITAMOS COBRA NESTA MANSÃO!! (Gritou Dinah).

- Ouviu Megan, melhor você tomar teu rumo! (Provocou Keana dando uma risada nasal).

As meninas acabaram rindo também, enquanto Megan encarava Keana de olhos cerrados.

Virei para Lolo que observava tudo em silêncio, logo ela pareceu acordar e seus olhos desviaram para se encontrar com os meus.

- Conseguimos?! (Questionou com a voz falha).

- Conseguimos rainha de gelo! (Afirmei sorrindo).

Um largo sorriso surgiu em seus lábios, Lolo me puxou para um abraço apertado, enquanto as outras meninas comemoravam nossa vitória!

Meu coração aqueceu ao ver seus olhos verdes brilhando de alívio e alegria. O plano foi um sucesso e a vibora não tem mais autoridade sobre Lauren, melhor que isso impossível!



Lauren.

Depois de pedir para a mãe de Lucy dar continuidade ao evento, agradeci a presença de todos e pedi perdão pelo pequeno show que tiveram de assistir. Todos se mostraram solidários e disseram me apoiar em tudo que eu precisar, principalmente se for para me defender de Clara.

- Sobrevivemos! (Falou Ally sentando ao nosso lado, na beira da piscina).

O evento foi um sucesso, os empresários doaram uma grande quantia em dinheiro que foi direcionada para o orfanato onde Sofi costumava ficar. Agora que todos foram embora, reunimos o Squad para comemorar.

- Ainda não acredito que derrubamos ela! (Comentou Demi com os pés na água).

- Finalmente posso estar com vocês sem ser pela tela de um Tablet! (Comentou Lucy sorrindo)

- Preferia pelo Tablet! (Resmungou Vero ainda de bico).

- Para de ser frouxa e chama ela pra sair Iglesias, o toco você já tomou mesmo! (Zombou Megan de uma cadeira de descanso no fundo).

Veronica mostrou o dedo do meio para a medusa do além, que apenas revirou os olhos e negou com a cabeça.

- Porque a garota infernal ainda está aqui?? (Perguntou Keana olhando pra trás).

- Minha mãe ficou com medo da vibora voltar, aparentemente Megan tem mais veneno que a outra cobra e está aqui pra me proteger! (Comentou Tay dando uma risada nasal).

- É mais fácil ela te matar, do que a mãe da Lauren! (Disse Mani gargalhando em seguida).

... 

- Meninas, uma pergunta surgiu disso tudo! (Falou minha latina com a mão no queixo). De onde surgiu o bastão de confetes? (Perguntou Camz confusa).

- Da minha bolsa! (Disse Vero dando de ombros) Ainda tem mais uma barra de chocolate lá dentro!

- É uma bolsa ou um saco sem fundo?! (Brincou Demi sorrindo).

Respirei fundo e fitei a água pensativa, logo senti um toque macio e carinhoso em minhas mãos.

- Você está bem amor?! (Perguntou Camz me fitando).

Olhei para as meninas que me analisavam em silêncio, passei a mão na nuca e sorri de lado.

- Estou muito bem Camz! Não teria conseguido sem vocês meninas! Muito obrigado! (Completei olhando uma por uma).

- Awnnnn.. A rainha de gelo também sabe ser fofinha! (Falou Selena com brilho nos olhos).

Fechei a cara e encarei minha amiga que rapidamente perdeu o sorriso.

- Você não sabe nadar né?! (Perguntei com uma sobrancelha arqueada).

Sel sorriu amarelo e sentou mais pertinho de Demi que a abraçou pelos ombros. Acabei sorrindo e me virei para fitar os olhos castanhos de minha latina. Lentamente ela se aproximou colando nossos lábios em um beijo lento e carinhoso. Sorri ao finalizar o beijo e encostei nossas testas, respirando fundo em seguida.

- Eu tô apaixonada! (Falou Dinah olhando a água).

Viramos para encarar Hansen que estava um tomate de vermelho e não encarava ninguém.

- Não quero que se afaste de mim Mani! Porque nunca ninguém me fez sentir o que você faz! (Completou de cabeça baixa). Quero namorar com você! 

Mani abriu um largo sorriso e puxou Dinah pelo colarinho dando um beijo sedento e desesperado na protetora dos pobres e oprimidos Dinah Jane!

- Mandou bem DJ! (Falei dando uma risada nasal, enquanto Kordei engolia Hansen viva).

Todas assoviaram e aplaudiram a coragem da grandona finalmente assumir o que sentia.

- Que horror esse lance de paixão está pegando geral, Deus me free! (Disse Keana levantando da borda da piscina).

- Não se preocupa embuste, ninguém seria louco o suficiente de querer você mesmo! (Zombou Megan sorrindo de lado).

- Aaah falou a garota que corre atrás de meninas comprometidas! Chegou a essa conclusão depois de um debate intenso com sua namorada?? Aaah é, você não tem uma! (Zombou irônica sorrindo falso).

Todas gargalharam da cara incrédula de Megan, que acabou não tendo uma resposta decente dessa vez. Logo depois todas se levantaram, se despediram e foram pra casa. 

A noite já havia chegado e janeiro estava no fim, as aulas irão recomeçar, assim como minha vida agora sem Clara Jauregui!

- Dorme comigo esta noite?! (Perguntei abraçando Camz pela cintura, deixando um beijo em seu pescoço a fazendo arrepiar).

- Não existe nenhum outro lugar que eu queira estar tanto, quanto quero estar aqui com você! Minha rainha de gelo! (Respondeu abraçada em meu pescoço).

Paz e alívio, é tudo que sinto nesse momento, sei que ainda falta algumas coisas para resolver, mas a luta maior vencemos e isso nos dá uma grande vantagem, mas por hoje, quero apenas focar em uma pessoa, minha plebeia!


Notas Finais


Aaaaaah.. Será q um felizes para sempre vem por aí???

Qual a idade de vcs?? Só curiosidade mesmo...kkkk

Fui <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...