1. Spirit Fanfics >
  2. A protegida - in love with a mobster >
  3. The prom - o baile

História A protegida - in love with a mobster - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Hoje vamos conhecer uma nova história espero que gostem nunca fui boa com histórias mas estou tentando

Capítulo 1 - The prom - o baile


Fanfic / Fanfiction A protegida - in love with a mobster - Capítulo 1 - The prom - o baile

Xx:Anda logo garota você já trocou de vestido três vezes!! 

Xx: sabe que estou indo obrigada né, se eu não for eu não completo o terceiro ano e minha mãe me mata.

Xx:eu sei, você vai querendo ou não aliás este vestido ficou horrível coloca o outro.

Xx: Maria fica quieta, eu odeio esse tipo de coisa, todo mundo vai para bailes, fica com um galã, sempre tem o rei e a rainha, fala sério quem inventou isso ?

Maria: sei que você odeia coisas assim, mas curte essa noite pelo menos é a nossa despedida, vamos beber, dançar e esquecer que homens existem tá legal ? 

****

The prom 

Vejo meus amigos de longe dançando e bebendo, vou sentir falta disso, eu sempre odiei despedidas, até parece que nunca mas vamos nos ver na vida, nunca tive uma vida de uma adolescente normal,pais separados, poucas amizades, e nunca fui a mas inteligente da sala, mas saber que estava com os meus amigos amenizava esses sentimentos. 


Xx: vamos dançar andaaaa 

- eu não sei dançar 

Xx: vamos logo,para de palhaçada s/n 


Já teve a sensação de que encontrou uma pessoa na qual nunca pode perder? Eu tenho essa sensação sempre que estou com o meu melhor amigo,somos amigos desde os meus 5 anos, quando eramos crianças estudávamos juntos, uma vez a professora sorteou nomes para o amigo chocolate, mas ele é alergico a leite e eu tinha pego o nome dele e ele o meu e a gente nem imaginava, no dia do amigo chocolate eu dei um carrinho pra ele e ele me deu uma caixa de bombom, ele tinha ficado meio tristonho porque todo mundo tava comendo chocolate menos ele, então sentei perto dele e só fui abrir a minha caixa quando já estava em casa, e foi aí que nossa amizade começou, hoje estamos nos formando ver como nossa amizade cresceu me deixa feliz, não consigo me ver sem ele por perto, todas as vezes que algum menino partiu meu coração ele estava lá para me consolar, quando alguma amiga brigava comigo por coisas bobas como brinquedos ele me defendia, e isso segue até hoje, mas não somos mas crianças os problemas são outros, agora vem a faculdade, decisões,contas e não tenho mas as preocupações de qual boneca eu iria levar na sexta feira pra escola, agora é a vida adulta e tenho que decidir qual faculdade devo fazer.

Xx: porque tá chorando? 

- Nada só me peguei pensando como as coisas agora vão ser diferentes 

Xx: vem cá s/n, não chora é o dia da nossa formatura   me puxa para um abraço 

- Já parei tá tudo bem, vamos beber e dançar muito João 

E assim foi a noite toda dançamos muito,rimos,bebemos e sabe programos até uma viagem kkkk estávamos tontos, também teve a grande breguice da noite Maria e João foram rei e rainha do baile e não é que eles formam um casal bonito ou deve ser o álcool, João pediu um táxi pra mim e ele foi embora com a Maria. Enquanto estava no táxi, mandei uma mensagem para o meu pai avisando que logo estaria em casa, e que a festa já tinha acabado, pedi para o motorista me deixar na esquina da rua da minha casa, olhei o relógio era 4:45  da madrugada, não havia ninguém na rua apenas uma uma única moça ao lado da árvore que tem no portão do meu vizinho,imaginei que era filha do meu vizinho já que ele é divorciado e a menina mora com a mãe, peguei minha chave e abri o portão olhei para a menina de jaqueta preta e entrei sem fazer barulho, meu pai estava deitado no sofá da sala me esperando, o acordei e disse pra ele deitar na cama dele, ele disse que tinha brigado com a minha madrasta e amanhã resolveria tudo com ela, falei pra ele ir dormir na minha cama então, aliás ele precisa de uma boa noite de sono pois amanhã ele acordaria cedo para trabalhar enquanto eu dormiria no sofá. Depois de ter me trocado mandei mensagem para Maria, e ficamos conversando, disse a ela que tinha visto uma garota na rua sozinha, até aí pra mim era normal porque achava que era filha do meu vizinho mas Maria colocou algo na minha cabeça, o que ela estava fazendo fora da casa de madrugada sem ninguém na rua, não fazia sentido mas parei de pensar sobre isso e fui dormir, porque pelo o que eu sei amanhã o dia vai ser longo e nada agradável.



 


Notas Finais


Capítulo bem pequeno logo vocês vão saber mas sobre a S/n e sobre a história dela bjoxx da Maduu


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...