História A revolução histórica de Sakura Haruno - Capítulo 15


Escrita por:

Postado
Categorias Fullmetal Alchemist, Mirai Nikki, Naruto, Silent Hill
Personagens Akamaru, Asuma Sarutobi, Chiyo, Deidara, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Guren, Haku, Hashirama Senju, Hidan, Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Kabuto, Kaguya Ootsutsuki, Kakashi Hatake, Kakuzu, Kankuro, Karin, Kiba Inuzuka, Killer Bee, Kisame Hoshigaki, Konan, Kurenai Yuuhi, Kushina Uzumaki, Maito Gai, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Obito Uchiha (Tobi), Orochimaru, Pain, Personagens Originais, Rock Lee, Sai, Sakura Haruno, Sasori, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Shino Aburame, Shizune, Sora Uchiha, Suigetsu Hozuki, Tayuya, Temari, TenTen Mitsashi, Tobirama Senju, Tsunade Senju, Utakata, Yahiko, Zabuza Momochi, Zetsu
Tags Naruto, Saku, Sakura, Sakura Haruno, Sakura Não Clichê
Visualizações 43
Palavras 2.293
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Luta, Romance e Novela, Shounen

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Sim, eu disse que iria sair essa semana, e eu cumpri, não foi? Ficou comprido mesmo, eu sei, todavia valeu a pena cada minuto que passei escrevendo(pelo menos, pra mim)
Agora, para de perder seu tempo lendo as notas e pula direto pra a história.
APRECIE :)

Capítulo 15 - Iniciação


Fanfic / Fanfiction A revolução histórica de Sakura Haruno - Capítulo 15 - Iniciação

            *Laboratório da víbora* 

Orochimaru, apesar de ser um ótimo estrategista, não conseguia ser paciente em todas as circunstâncias, e bem, eu fiz parte, náo só de uma, mas de quase todas elas. A víbora não deixava passar nem sequer um detalhe que conseguia. 

Orochimaru 

-A minha bela morreu. 

-Quem, senhor Oroch....

-A MINHA BELA, KABUTO! MINHA BELA, UMA DE MINHAS COBRAS...ahhmm...e quem a matou...foi a minha última vítima.... 

-Fala da pessoa a qual foi intoxicada? 

-Sim, Kabuto. Sim. E deveria estar morta...deveria...mas a SUA arma é absolutamente inútil.... 

-S...Senhor, eu fiz tudo exatamente como me ordenara, agrupei tudo o que teve selecionado em únicas moléculas,e.... 

-Ou então....a pessoa infectada é muito incomum.....ou quem sabe, alguem de....grande relevância. 

-Re-relevância? 

-AHAHAHAHAH KABUTO, ISSO É GENIAL!! Ahmm...minha vítima não morreu com o veneno artificial, e nem com o ataque da minha cobra...mas ela iria trocar de pele justamente esta noite, o que significa que..ahm... 

-Do que fala, Senhor? Não consigo lhe entender desta forma! 

-Claro que não, Kabuto, claro que não. Você é um incompetente e não sabe de nada, mas isso significa a iniciação... 

-De q... 

-De poder!!! Evidencia uma nova espécie de CHAKRA!! Prova a teoria que formulei e estudei todos esses anos!! Evidencia que a minha vítima possui............. a beleza da serpente! 

-A..a belez....!!Mas por que nunca me disse nada disso??? 

-Nunca imaginei que seria necessário, muito menos agora!!! Todavia já que o sinal chegou até mim, mudaremos nossos planos em relação a TUDO!!!! 

A víbora segue para a sala, ao fundo daquele mórbido corredor, onde máquinas trabalhavam na exploração de sua “arma” bélica. Kabuto então, o segue, pronto para atender a qualquer pedido que seu líder lhe fizesse. 

-Vê tudo o que está ligado aqui, Kabuto? 

-Certamente, senhor Orochimaru. 

-Hoje, exatamente no momento em que a bela morreu, ele se transformou no que almejávamos: Em um Pyramid head

-...  

-Logo, iremos desligar os aparelhos que exploram a força do Rokubi, mas permanecerá ligado um dispositivo que nos dá o controle de sua mente. Continuará perdido, sem rumo, mergulhado nas suas próprias desgraças, mas desta vez.....ahmm...ficará solto aos arredores do templo de Minerva... 

-O que tenta fazer, é com que a sua vítima tenha pesadelos? 

-Isso!!! Quanto mais for perturbada por acontecimentos remetentes à mim, mais a minha presa evoluirá. E desenvolverá poderes e mais poderes, até que.... Quando a tomar como próxima pele, terei muito mais poder pelo seu potencial, e mais influencia por seus...seus olhos. 

-Senhor, entendo o que quer fazer. E é sim interessante, mas a pergunta é....quando fará? 

-Depois que tomar o Sharingan do Sasuke e, finalmente, conseguir o poder do Itachi, atacarei esta. Porque, até lá, terá mais tempo de se desenvolver. 

-Já que quer assim, vamos desconectar os vetores dele. Agora, de uma desgraçada maneira, ele irá vagar àquelas terras, caminhará até os pés sangrarem, continuará, até que enlouqueça a sua presa, e faça, de um modo ou de outro, com que venha até o senhor! 

Como a boa víbora que era, Orochimaru susurra as suas asquerosas palavras ao ouvido do Pyramid, lhe dando a ordem: 

-Fará o meu infectado chorar lágrimas de sangue, todo o tempo em que te ver. Agora vá, e faça....Utakata!!  



           *Templo de Minerva*  

Sakura 

Sim, tudo ao meu redor estava bem agitado..mas o meu cansaço falava mais alto. Antes de deitar-me, eu deixei as luzes do quarto acesas, pois naquele momento, queria mostrar que apenas queria ficar sozinha, comigo, Deus, com meus pensamentos. Enfim, queria me isolar daquele bando de estranhos que me encaravam. Mas algum tempo, depois de deitada, senti que estava pegando no sono, então, apaguei os lampiões..e, fiquei observando o feixe de luz lunar que atravessava a janela. Eu me sentia tão...sei lá, encrencada, talvez. 

Então, dormindo, acabei sonhando com algumas coisas que não entendia direito...eu apodrecia em meio a uma sala vazia, enquanto detritívoros tratavam de prolongar o meu sofrimento e adiantar a minha morte. E eu chorava, e chorava. Até o momento em que eu passei a ser a decompositora, mas que ao invés de devorar, preparava a “terra” para o desenvolvimento de briófitas. 

Apesar de conferir todo dia o meu mapa astral e procurar saber quais eram as chances que tinha com o Sasuke, nunca fui uma ninja de ligar para sonhos, e saber se eles tinham algum significado oculto. Certa vez, eu li um livro, não lembro qual, a biblioteca de Konoha era tão grande que mal sei o nome dos clássicos, mas dizia que os sonhos eram uma criação do subconsciente das pessoas, que misturavam as lembranças do dia, com nossos desejos, e terminavam naquilo que conhecemos. 

O caso é: Os sonhos poderiam estar revelando algo que estava ocorrendo conosco, como por exemplo, acusar uma doença de difícil diagnóstico, ou apontar para alergias. Enfim, foram coisas das quais eu me lembrei quando acordei no dia seguinte,mas BAH, fala sério, não é como se isso valesse pra toooodo mundo....n-não era como se valesse pra mim, certo?...Errado!  

Por algum motivo, ao amanhecer,foi dada a ordem de que nenhuma “casa” poderia sair de seus respectivos quartos... Isso não foi bom para mim, pois havia acordado um pouco mais cedo que os outros e estava completamente entediada. Quando Yuno acordou, a primeira coisa que fez foi pegar um mini diário que estava escondido sob seu travesseiro, e a partir dali, começar a escrever. Quando perguntava sobre, a resposta era sempre a mesma: 

-Sobre o que tanto escreve, Yuno? 

-Escrevo sobre o MEU Yukkizinho!!! 

Isso quebrou um pouco o gelo que foi estabelecido, até porque, grande parte do tempo que passei junto dela foi somente brigando com o Envy. Ela começou a me contar sobre esse tal dela aí, como conheceu, como ele era, do que ele gostava, qual a cor da última cueca que o cara usou.....Ah, basicamente, foi ouvir ela dizer o quanto o Yukki dela é maravilhoso, perfeito, um deus grego, um cara CDF e blá blá blá... Quem disse foi ela, não eu, antes que pense que distribuía elogios gratuitos. 

E o Envy? Então, resumindo a situação dele.....o cara tava de ressaca. Sim, ele literalmente conseguir ficar bêbado até sair tombaleando pelos quatro cantos do quarto....COM VINHO!!! Yuno até disse que ele teve de vir nas costas dela porque não sabia que direção tomar, sinceramente, eu...eu, não sei o que pensar desse garoto. 

Algum tempo depois, todos fomos liberados e convidados a ir para o lado de fora. Foi o primeiro treino SÉRIO mesmo, iríamos aprender a concentrar o nosso chakra em qualquer parte do corpo, até que ele passasse para o estado físico em que queríamos 

-Iremos começar com os “principais" estados: Sólido, líquido e gasoso. E como ainda não possuem domínio suficiente do chackra para regular a vossa temperatura, vamos aos pouquinhos dominando o estado sólido. 

-Puxa, já vi que essa coisa vai ser boa-Fala Envy para mim e Yuno, ainda doido de uva. 

-Tsunade-sensei, depois desses,quais estados iremos dominar?-Perguntou uma garota, uma tal de Sajanta sei lá o que... 

-Mais quatro! O estado de plasma, condensado de Bose-Einstein, o gás fermiônico.....e....o superfluido de polaritons 

Então, essa vadiazi....então, essa garota olhou para mim e cochichou algo com o pessoalzinho de seu grupo, que logo levou um lindo “cala a boca" no meio de todo mundo. Ela, então, virou-se para mim novamente, e depois virou a cara. 

-Em primeiro lugar, pensem em um ponto do corpo para centralizar todo o seu chackra... 

-HIHIHIH!!!!-Envy soltou uma risadinha, que logo foi repreendida por Angebiba-sensei 

-Se pensar em fazer esse tipo de gracinha, eu corto esse seu piruzinho sem pelo antes de voçê descobrir pra quê que ele serve... 

Ele arregalou aqueles olhos de desgraça dele, e ela completou: 

-Acha isso suficiente?

(Eu já disse que é uma vergonha ser da mesma equipe que ele?!) 

Pelo menos, só quem ouviu fui eu e a Yuno...Tsunade, então, depois de todos já se concentrarem, continua: 

-Feito isso, vocês redirecionarão todo o chackra para este ponto....Concentração!! 

Tinha escolhido redirecionar para o centro da minha mão direita, porque, ah, só quis isso mesmo.... 

A minha mão começou a pesar e a sobrecarregar por causa do chackra, na verdade, todos começaram a se cansar bem rapidamente. Até que alguns não aguentaram e pararam. Tsunade-sensei dizia para os que ainda estavam aguentando que não parassem, e aos que desistiram, que respirassem profundamente e fizessem de novo. 

-Para aqueles que estão resistindo, parem de ser mexer. E comecem a respirar friamente. 

Começamos a fazer o que ela pediu. Quando fiquei imóvel, respirando, senti que a minha mão começou a refrescar,refrescar e refrescar....Então, todo o esforço que comecei a fazer terminou em uma forte liberação de energia, a qual me fez voar para trás, e novamente, TODO MUNDO parar o que estava fazendo pra olhar pra mim. E dessa vez, a repercussão foi ainda maior. 

-SAKURA 

-SAKURA 

-SAKURA 

-SAKURA 

-SAKURA......OHHHHH..YERRR....FAZ DE NOVO?! 

Tsunade-sensei correu na minha direção, tentando me “reanimar", as senseis Jackexista e Angebiba somente olhavam a situação querendo saber o que aconteceu, Yuno fez um escândalo..... E Envy achou legal. 

Acontece que não, não estava machucada, pelo contrário, até me sentia melhor que antes. 

-Sakura,você está bem??? Está me ouvindo? 

-Claro, Tsunade-sensei. Não estou ferida. 

-Mas é claro que está f...

Nesse instante, passei a mão pelo meu rosto e terminei tirando o meu cabelo da frente dos olhos. Então, Tsunade-sensei me largou e se afastou: 

-Solidificou. 

-O que? 

-Seu chackra...ele...solidificou. 

Nesse instante, olhei para a minha mão. O chackra que havia concentrado se solidificou em um cristal de gelo roxo

-Mas assim, de primeira?-Disse Jackexista, a qual recebe uma, talvez, explicação de Angebiba-sensei

-Provavelmente, seu chackra é volátil... 

-Não. Ele não é.

Olhei para Tsunade-sensei curiosa, queria saber onde ela tentava chegar. 

-Porque o chackra ainda corre em suas veias!

Naquele momento sim, eu gelei por completo. Não era normal....então, a primeira justificativa que me veio à mente foi de que os sonhos denunciavam patologias. 

- Ela...ela....ainda está mal por causa do gás de alguns dias atrás. 

Tsunade-sensei parecia pensar que aquela era a resposta óbvia. 

-Sim, claro. A coitada ainda não está tão bem, por isso, ela conseguiu em partes! 

-M-mas Tsunade-sensei, eu já estou be... 

-Mostre a sua mão, Sakura. 

-Aqui está... 

-Voçê só concentrou metade do chakra, eu tenho CERTEZA

-Na verdade, o concentrei por complet- 

-Também tenho CERTEZA de que foi por isso que liberou tanta energia! 

-Tsunade-sensei.....:/ 

-Consegue realizar uma fusão? 

-Consigo... 

Quando retomei o chackra ao estado normal, o cristal desestruturou-se e produziu uma espécie de pó roxo, o qual voou seguindo a direção dos ventos. Tsunade-sensei ordenou que eu sentasse e respirasse profundamente, como os outros estavam fazendo: 

-Tem que aprender a controlar o nível de energia que a passagem de estado físico produz. Sente-se com os outros. 

Ela e o resto dos senseis voltaram a orientar o restante dos alunos. Para o meu azar, nenhum dos que estavam conseguindo liberaram níveis de energia tão estrondosos quanto o meu, o que só fez contribuir para que, mais uma vez, o meu rosto recebesse um certo destaque ao meio dos outros. 

Se querem saber, acho que esse é o pior jeito de ganhar popularidade. Quando eu mais almejava por ela, em Konoha, quase nunca era notada. E quando mais eu queria FUGIR dela....ela veio, da pior forma possível. Três escândalos em menos de uma semana, o que eu tinha feito pra merecer isso?! 

Eu sabia que o que a Tsunade-sensei estava falando não era verdade. Claro, ela estava falando de mim. Mas eu sei que solidifiquei todo o meu chackra, eu sei que o fiz. Além de que não sentia mais nenhum efeito referente ao suposto veneno do Orochimaru. 

Mas, sabe. Daquela vez, eu não ficaria ali, parada, sem fazer nada. Fui até Angebiba-sensei e lhe disse que iria no banheiro, ela me deu a permissão e fui....adentro da floresta que tinha ido no dia anterior, queria aprender a me controlar....sozinha. E quando cheguei lá, passei a treinar: 

-Respira,Sakura, respira.Voçê consegue 

O resultado foi o mesmo. Tentei novamente. 

-Calma, calma. Agora, respire profundamente... 

Igual. Novamente.... 

-Precisa de calma. Respire, Sakura....e tente..... 

A mesma coisa!!!!!! Novamente!!! 

Depois de umas seis tentativas, consegui controlar um pouco da energia. Vitória. Depois, mais ou menos em cinco, consegui controlar mais um pouco. Sucesso. Depois, em quatro tentativas, controlava um pouco mais de energia. Mas então quando fui tentar novamente, estava muito cansada. 

Assim, segui até a árvore a qual descansei pela última vez. Um pouco daquele âmbar pegajoso escorreu pelos meus ombros. Olhei para o tronco da árvore, e pensei: 

-Preciso conferir isto! 

Tirei duas pederneiras do meu bolso e despejei um pouco do âmbar sobre algumas folhas que caíam no chão. Então, eu acendi uma faísca. Em contato com o líquido, produzia fogo, mas o convencional. Estranhei.

Então, fiz o mesmo procedimento, mas ao invés das pedras, usei o meu jutsu, que havia feito no dia anterior. Resultou em chamas mais eficientes, mas ainda assim, em fogo convencional. 

Então foi aí que a minha ficha caiu. Quando produzi o fogo para a academia, o chackra que usei a minha vida inteira estava no limite....logo, eu precisei recorrer a uma “fonte" alternativa, e era esta a que estava solidificando. 

-...É....é isso? 

Repeti o mesmo procedimento. Mas desta vez, eu utilizei esse chackra que desconhecia.....e o resultado.....foram as labaredas azuis, as mesmas que tinha produzido anteriormente. 

-Isso significa que possuo dois tipos diferentes de chackra? Mas....mas como isso é possível?  

Tinha começado a chuviscar. Quando isso aconteceu, os dois primeiros fogos que acendi se apagaram, mas o azul continuou aceso. 

-Um fogo imune a água...isso começa a ficar interessante

A chuva ficou mais forte, então me levantei, e resolvi correr apressadamente para o templo, antes que Angebiba-sensei sentisse a minha falta, mas tudo teria sido mais fácil e muito mais rápido....se seguisse em frente, e não resolvesse olhar para trás......











.









Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...