História A santa e o nerd perverted - Kim Taehyung (HOT) - Capítulo 34


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Hot Bts
Visualizações 543
Palavras 2.453
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


A Omma vós deseja uma ótima leitura

Capítulo 34 - Vim cumprir sua fala...


Fanfic / Fanfiction A santa e o nerd perverted - Kim Taehyung (HOT) - Capítulo 34 - Vim cumprir sua fala...

DEMORA DA OMMA NEH?

MAIS AKI ESTOU!

BOA LEITURA!

"MUSICA - PLAQTUDUM"♡ 


S/n On. 

Tae olhava em meus olhos e eu sabia exatamente o que se passava,suas pupilas dilatadas demostrava luxúria sobre a visão que o mesmo tinha do meu corpo tampado apenas por um Lengerie.

Mais dela também via uma certa confusão,sim,eu sabia que ele estava confuso em me ver em pé próximo do mesmo.

Continuei ali esperando por alguns segundos mais parecia uma eternidade,seu rosto se mantia em sério mais mudou repentinamente para um sorriso malicioso.

O mesmo se aproximou tão rápido,beijando meus lábios com voracidade,ele me prendeu contra a parede e desceu seus beijos para meu pescoço.

Eu sabia que marcas roxas ficaria ali marcadas por semanas.

Minha boca entreaberta pela sensação maravilhosa que estava sentindo.

Eu sabia que estávamos sensível,pois fazia meses que não nos tocávamos.

Pulei e coloquei minhas pernas ao redor do seu quadril e o mesmo colocou suas mãos em minha bunda e me guiou rápidamente rumo a cama,eu nem senti quando o mesmo já alcançou a cama e me jogou sobre ela com uma certa força que me fez sorrir,pois eu tinha consciência que o resto da minha noite seria muito boa.

O mesmo desceu seus beijos pelo meus seios ainda cobertos pela Sutiã,tirou o mesmo e jogou em algum lugar do quarto e logo alcançou meus seios e os sugou de uma forma que me fez arquear as costas em prazer.

Tae apertou com os dedos os bicos durinhos dos meus seios,o que fez sair um certo gemido agudo falando seu nome.

O mesmo desceu uma de suas mãos até minha calcinha,colocando a mesma de lado e passando um dedo por minha intimidade molhada.

O mesmo aproximou sua boca do meu ouvido dando uma respirada quente que me fez arrepiar.

Tae- Não sei como voltou a andar,mais pode ter certeza que eu sei como vai voltar a ficar sem novamente.

O mesmo desceu com beijos por meus seios até alcançar minha virilha abrindo minhas pernas ficando totalmente exposta a ele,Tae beijou minha intimidade e aprofundou a língua na mesma.

O mesmo penetrou dois dedos ali e eu quase gritei,pois estava "Completamente" sensível,o mesmo começou a estocar vagarosamente com seus dedos enquanto eu gemia e na maioria das vezes mordia meus lábios.

S/n- T-tae..mais..mais rápido.

Olhei para o mesmo que sorria malicioso,seus grandes dedos alcançaram meu ponto "G" e assim que o mesmo percebeu ele tocou lá mais e mais vezes me fazendo gritar.

Mais algumas estocadas com seus dedos e sua língua mexendo em meu interior,senti meu corpo estremecer e meu orgasmo chegar.

Tae passou a língua limpando os resquícios do meu orgasmo e voltou a olhar para mim com um sorriso malicioso e perfeito nos lábios.

O mesmo voltou com seu corpo acima do meu e voltou a me beijar,fazendo sentir meu próprio gosto.

Passei minhas mãos pelo corpo de Tae enquanto sentia sua língua passeando por minha boca.

Minhas mãos alcançaram seu membro e com ela comecei a masturbar o mesmo,Tae mordeu meus lábios inferior e gemeu sobre minha boca ao sentir minhas mãos "lá".

Empurrei Tae e fiquei por cima do mesmo e rápidamente voltei minha atenção ao que estava fazendo segundos antes.

Minhas mãos fazia um bom trabalho,mais decidi utilizar a boca e assim fiz.

Passei minha língua delicadamente pela a base do pênis de Tae e sentir o mesmo arfar,coloquei todo seu membro em minha boca e Tae gemeu.

Fiquei mais alguns minutos ali acariciando seu pênis e ouvindo os bons sons de gemidos de Tae.

Tae- S-s/n...a-assim eu..eu vou...gozar..

Sorri em meio a chupada e senti o mesmo estremecer,depois de alguns minutos Tae gozou em minha boca,passei a língua tirando os resquícios de seu gozo.

Subi mais a seu corpo e beijei seus lábios,Tae se afastou um pouquinho e olhamos um para outro...Eu sentia a luxúria em apenas olhar naquelas orbes escuras o mesmo deu um sorriso insano e me puxou pelos braços.

Tae- Hoje eu vou te foder até você cansar de gritar...

Sorri maliciosa.

S/n- E se eu não cansar...

Tae- Você já sabe!

S/n- Então não perca seu tempo,faz isso logo.

Tae me beijou com voracidade,o mesmo abriu minhas pernas e passou a cabecinha do seu membro em minha entrada.

Aquilo é um sofrimento.

S/n- Tae anda l...

O mesmo nem me deixou terminar,me penetrando fortemente.

Dei um grito de dor e prazer,Tae sorriu e continuou a me estocar sem descanso algum.

Tae- V-você está tão...tão apertadinha querida...

S/n- M-mais rápido..TaeTae..

O mesmo sorriu e tirou seu membro mais voltou e investiu com rapidez fazendo meu corpo todo tremer.

A cada investida eu sentia a sensação boa de estar deixando a saudade para trás.

Sensações boas passavam pelo meu corpo e eu já sentia meu segundo orgasmo daquela noite,chegando.

S/n- T-tae...vou go..gozar,amor.

Tae sorriu ainda me estocando.

Tae- Goza pra mim S/n...

Não demorou muito para sentir meu gozo e o de Tae revirando juntos no meu interior enquanto ainda Tae me estocava.

Tae saiu de mim e se sentou,respirando fundo.

Tae- De quatro,gostosa.

Respirei fundo e fiz o que o meu "Dominador" pediu ficando bem empinada para o mesmo.

Senti seu corpo atrás do meu,seu membro roçando em minha bunda e me deixando mais molhada.

Tae deu um belo de um tapa forte em minha bunda,aquilo ardeu mais eu gostei muito...foi tão intenso.

Mais o mais intenso é que enquanto eu processava a dor e prazer do bumbum,Tae me penetrou com uma forte cadência.

Meu corpo respeitava cada movimento que o mesmo definia para meu corpo.

Tae alcançou meus seios e apertou os mesmo com certa força que fez eu sentir meu orgasmo chegar mais perto.

Sua outra mão estava em meu quadril me impulsionando contra suas investidas gostosas.

Minhas pernas começaram a fraquejar e meu orgasmo chegar.

Tae começou a massagear meus clitóris e isso só ajudou mais...pois em segundo meu terceiro orgasmo chegou e com vontade.

Minhas pernas fracas e minha respiração descompassada,meu corpo se tremendo todo,mais eu queria mais.

É isso ai...Mais.

Agora deitada na cama e Tae do meu lado,olhando para o nada e tentando de alguma forma melhorar a respiração.

Me sentei na cama e olhei para Tae o mesmo sorriu me olhando.

Tae- Senta..

Entendi seu recado e sorri maliciosa,sentando agora no colo do mesmo que antes se sentou na cabeceira da cama.

Comecei a me mexer e rápidamente senti o membro do mesmo,duro como uma pedra.

Toquei o mesmo com minha mão e coloquei diretamente na minha entrada e me penetrei no mesmo de forma gostosa.

Agora subia e descia,mordendo os lábios para não gritar.

Tae chupava meus seios com vontade,agora mais do que nunca eu não conseguir segurar meus gemidos.

Tae- Isso...geme...geme pra mim,S/n...

O mesmo colocou suas grandes mãos em meu quadril me impulsionando contra seu corpo peniano a cada investida gostosa em um sobe e desce.

Senti que não demoraria a gozar,então fui lentamente e isso de alguma forma deixou Tae necessitado,pois o mesmo me pediu para ser mais rápido,antes dando um belo tapa forte em minha nadégas.

Isso só me atiçou mais,pois fui subindo e descendo rápidamente e quando fui perceber,estava gritando de prazer pelo recém orgasmo maravilhoso e sensação do jato quente de sobrevoou em meu interior com a gozada de Tae.

Respirei fundo em seu pescoço e vi o mesmo se arrepiar.

Deitamos sobre a cama,agora tentando voltar ao normal.

Depois de alguns minutos,Tae olhou para mim e sorriu meigo.

Tae- Vamos tomar um banho?

Afirmei e fui me levantar,mais foi algo difícil...minhas pernas estavam bambas .

Tae me levou para o banheiro no colo.

E você,acha que não teve um segundo round no banheiro?

Com a sensibilidade do recém ato no quarto,quando entramos no banheiro...lá foi onde eu mais soltei gritos de prazer "até cansar".

É...agora eu fico mesmo sem andar.

......................

Olhei novamente para Tae e vi o mesmo vir em minha direção.

Tae- Tem certeza que vai contar hoje? Consegue andar?

Encarei o mesmo e sorri ao lembrar da noite anterior.

S/n- Você sabe que eu estou nessa cadeira de rodas porque preciso fingir ainda até o jantar e sim porque minhas pernas estão bambas.

Tae se aproximou e beijou meus lábios brevemente.

Tae- Adoro quando você é sincera,da vontade de te foder mais algumas vezes.

Arrepiei com sua fala e sorri fingindo não estar nervosa.

Tae se aproximou mais e olhava fixamente para o meu pescoço enquanto sorria bobo.

S/n- Tem algo no meu pescoço?

Antes do mesmo responder,a campanhia tocou e Tae foi abrir a porta e nela vi entrar Jungkook e minha mãe Lya.

Os mesmo vieram em minha direção e Jungkook parou abruptamente,olhando para mim.

S/n- Que foi?

Jungkook sorriu malicioso.

Jungkook- A noite de vocês parece ter sido boa,maninha.

Encarei o mesmo e agora a minha mãe,me sentindo envergonhada.

.......................

Olhei mais uma vez no espelho,vendo as marcas que ficariam por uns bons dias.

S/n- Aahsss!! Agora vou ficar cheia de marcas...

Tae- Assim todos sabem que você tem dono...

Assuntei com a entrada repentina de Tae no quarto e encarei o mesmo.

S/n- Vou ficar com isso por semanas!

Tae me encarou e colocou suas mãos no bolso de sua calça e me sorriu.

Tae- Você não reclamou enquanto eu te marcava...

Corei instantâneamente com sua fala.

....................

Olhei mais uma vez para a mesa posta com belos talheres,Tae ficou em casa hoje e pude contar a verdade sobre ter na fisioterapia durante esse tempo e conseguido voltar a andar.

Agora estava quase no horário de todos chegarem para o jantar,Tae e eu colocamos Fanny em um berçário pequeno e deixamos a mesma usufruir do tempo.

...................

A campanhia tocou e Tae abriu a porta e simplesmente todos entraram já conversando.

Se meu pescoço ainda tava marcado? Sim .

Todos vieram em minha direção mais pararam abruptamente assim como Jungkook fez pela manhã.

Yoongi- Aparentemente você teve uma noite maravilhosa.

Lorena bateu no ombro de Yoon e o mesmo riu junto dos outros.

Após terminarmos de nos comprimentarmos,ficamos conversando por uma parte de tempo na sala e em minutos a empregada veio avisar que o jantar estava pronto.

Eu ainda estava na cadeira de rodas,fingindo ainda estar com certos problemas.

Durante o jantar,todos conversavam.

Lorena falando sobre sua gestação,Kim dizendo sobre o casamento e Jimin dizendo sobre o bom relacionamento que tem com a noiva.

Jin dizendo que ama o jeitinho fofo de Dayse enquanto a mesma sorri toda boba.

Após terminar o jantar,bebericavamos um bom vinho,o assunto entre a gente nunca acabava...Por mais que fosse tirar sarro de um,dar sermão em outro.

Bati um de meus talheres no meu próprio copo onde se encontrava um vinho que eu bebericava ao poucos.

Todos me olharam e eu sorri.

S/n- Alguém de vocês tem alguma novidade?

Kim ergueu a mão e todos olharam na direção da mesma que pegou na mão de Jimin.

Kim- Vamos nos casar em algumas semanas.

Todos aplaudiram e desejaram felicidade.

Yoongi- Sei que toda semana marcamos um jantar ,mais esse parece tão diferente.

Sorri.

S/n- É diferente sim...tenho uma novidade.

Todos me encaram e então respirei fundo e me levantei da cadeira de rodas e todos ficaram de olhos arregalados.

Então dei um passo normalmente e mais passo,indo até o outro lado da mesa e pegando a taça de Yoongi e bebendo um pouco de sua bebida.

Yoongi- Logo a minha?

Kim- Como assim você voltou a andar?

S/n- Continuei a fisioterapia escondido de todos menos de Jeon.

O mesmo sorriu e depois sumiu o sorriso.

Jungkook- Eii,mais contou para Tae primeiro...mal agradecida!

Todos riram assim como eu.

Yoongi- Então você contou ao Tae e os mesmo decidiram matar a saudade a noite...

Corei enquanto todos me encaravam maliciosamente.

Passamos horas conversando sobre o mesmo assunto,claro ...minha fisioterapia e a transa que me causou muitas marcas a ponto de ser comentada entre os amigos o quanto foi boa.

............................

Olhei no espelho mais uma vez,meus cabelos amarrados em um coque,vestindo uma roupa casual.

Olhei para Fanny na caderinha,a mesma em pouco tempo faria um aninho.

Já chama "papa" e "mama"...Jungkook tentando ensinar coisas que as vezes dá vontade de bater no mesmo.

Peguei a mesma em meu colo enquanto sorria boba.

....................

Kim- Como ficou?

Olhei mais uma vez enquanto a mesma se encarava no espelho.

S/n- Prefiro o que vc vestiu antes desse...

Ela sorriu e respirou fundo,agora olhando para mim.

Kim- Também cunhadinha,percebi que temos gostos muitos semelhantes.

Sorri e olhei para os lados,lembrando do meu casamento que foi arruinado por aquele homem.

Kim saiu dos vestiários depois que escolhemos seu vestido de noiva,encarei a mesma e percebi sua confusa por eu encarar a mesma por muito tempo.

S/n- Pode cuidar de Fanny para mim?

Kim- Claro..Onde vai?

Respirei fundo e peguei minha bolsa colocando em meu ombro.

S/n- Preciso resolver um problema.

Ela afirmou ao perceber que eu não queria dizer diretamente onde iria.

Entreguei Fanny para a mesma e sai daquele grande shopping de vestidos para noivas e fui rumo ao estacionamento.

Entrei em meu carro e apenas se passava uma frase em minha mente que me causava ódio.

"Volte quando estiver andando,assim poderá alcançar minha cara para um tapa".

Acelerei e fui em direção a delegacia.

........................

Entrei naquela delegacia,meus saltos fazia certo barulhos autoritário naquele lugar.

Fui até a recepcionista que me encarou.

S/n- Quero marcar um dia para conversar com o...meu pai...

Fiquei olhando para ela que procurou saber diretamente quem é "meu pai".

Então vi um policial se aproximar e sorrir para mim,me comprimentando.

S/n- Quero marcar um dia para me encontrar com ...

Policial- Ah! O homem que dizia ser seu pai,Hairton.

S/n- Isso...

Agora sim,o nome dele é Hairton.

Policial- Quer vê-lo agora?

S/n- Tem como?

Policial- Me acompanhe.

Saímos andando por um grande corredor,lembro de ter passado ali quando ainda estava na cadeira de rodas na última vez.

Meu salto ainda continuava a fazer um certo barulho,o policial pediu para ir até a sala de visita e eu fiquei sentada esperando.

Em poucos minutos,dois policial entraram carregando Hairton.

O mesmo sorriu debochadamente.

Hairton- Vei reclamar de novo por ter te colocado em uma cadeira de rodas?

Então me levantei e vi o mesmo arregalar os olhos e olhar para as minhas pernas enquanto eu olhava para o mesmo sorrindo sinica.

- Vim cumprir sua fala...


A OMMA TEM QUE CONTAR QUE ESSA FIC ESTÁ TERMINANDO.

MAIS ALGUNS POUCOS CAPÍTULOS E TERMINAMOS ESSA PARA PARTIR PARA OUTRA!

ESTÃO PRONTOS?!

A OMMA IRIA POSTAR AMANHÃ,MAIS TENHO UM COMPROMISSO.

TAMBÉM QUERO MANDAR UM BEIJÃO PARA A @DHANYZINHA...CAPITULO DEDICADO A ELA E TODOS VOCÊS.

SE CUIDEM E SE ALIMENTEM ADEQUADAMENTE.

COMENTEM E ME DIGAM COMO VCS ESTÃO E SUAS IDEIAS SOBRE O PRÓXIMOS CAPÍTULOS.

ESPERO OS COMENTÁRIOS.

♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡




Notas Finais


Espero que tenham gostado Bjos de Omma Kahkpop,comentem!♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...