História A Seleção - Capítulo 26


Escrita por:

Postado
Categorias A Seleção, Bangtan Boys (BTS), Blackpink, Park Ji-min (Jamie Park)
Personagens Jennie, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Rei Clarkson, Rosé
Tags A Seleção, Ação, Americasinger, Aventura, Bangtan Boys (BTS), Blackpink, Drama, Jennie, Jimin, Livro, Romance, Rose, Selecao, Suga
Visualizações 32
Palavras 553
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 26 - Capítulo 26


Capítulo 26: A guerra começa!

- Vão embora? – Repeti.

- Sim, parece que o príncipe nos escolheu a nós para irmos embora hoje. – disse Seoyul que saia de trás de Da-Hyun com também duas malas em suas mãos.

Enquanto olhava para Seoyul pude ver Lisa a sair de seu quarto também com inúmeras malas que pareciam estar a transbordar, suas aias puxavam elas até o corredor com a maior força que conseguiam.

Kystal e Yoona passaram em seguida do nosso lado, pelo corredor enquanto olhavam principalmente para as três com um sorriso controlador no rosto, como se tivessem se librado apenas de mais concorrentes.

 - Um dia elas vão perder aquele sorriso. – falou Seoyul revoltada.

- Espero que fiquem bem. – Falou Da-hyun enquanto nos abraçava.

Logo, Seoyul também se juntou ao abraço coletivo, embora ainda parecesse zangada.

- Posso também juntar-me? – sussurrou Lisa do nosso lado com lágrimas em seu rosto.

- Junte-se logo, boba. – Resmungou Seoyul.

Pude sentir lágrimas que pareciam não parar, em meus ombros, quando olhei era Lisa que estava a chorar com um bebé, acariciei suas costas para tentar a acalmar, para que ela parasse com seu choro alto.

- Vai ficar tudo bem. -sussurrei.

Enquanto isso, nos Jardins do palácio: (narrado pela escritora):

- Porque estamos aqui, você não está com medo de sermos apanhados?

- As criadas e os guardas estão demasiado ocupados para se aperceberem da nossa presença, com a inda de outras selecionadas para casa, eles precisam se certificar que tudo está pronto e em segurança para que elas possam partir- - Respondeu Catherine com calma.

- É assim que você pretende-me conquistar? Pensei que faríamos algo mais “intimo”. Disse com uma voz ronca.

- Algo mais intimo? Isso não resultaria para tipos como você, eu quero ser vista por você como uma mulher e não simplesmente um de suas dezenas de brinquedos. – respondeu enquanto caminhava ao lado de Suga, em passos lentos.

- Que tipo eu sou?

- Mulherengo, talvez, mas acho que o verdadeiro príncipe Suga está escondido aqui. – Respondeu Catherine com o dedo apontado para o peito do Suga, onde se encontrava o coração. – Eu vejo em você um humano que teve dores que fizeram com que ele não conseguisse confiar em ninguém, que destino cruel. – continuou e em seguida, retirou seu dedo de seu peito.

Um pouco furioso, o Príncipe direcionou seu rosto ao dela e disse:

- Baseado em quê? Fofocas? Não me impressiona o facto de já ter ouvido “a história trágica do príncipe Suga”. As diferentes versões da história fazem-me rir… você não me conhece e não pense que vai conseguir a partir dessas fofocas me conhecer. – disse num tom mais rude, agarrando a mão de Catherine com uma força superior ao que deveria ser esperado.

- Você pode libertar-se de isso que te prende ao falar comigo…- disse agarrando sua mão ainda com maior força. – Você é humano, você tem o direito de ter o coração magoada, antes de um príncipe com todas as suas responsabilidades, você é humano. – continuou Catherine.

Flashback ( passado) :

– Você é humano, você tem o direito de ter o coração magoada, antes de um príncipe com todas as suas responsabilidades, você é humano. – disse uma garota sorridente enquanto brincava com a mão do pequeno jovem príncipe ao seu lado.

Continua…

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


Espero que tenham gostado, e sim eu vou continuar então não se preocupem, tenho estado mais ocupada então os episódios podem demorar mais um pouco a ser publicados, este capítulo ficou curto mas espero que tenham gostado na mesma. Até à próxima.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...