História A Serpente e o Leão - Scorose (GRCPNR - Temporada II) - Capítulo 42


Escrita por:

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Alvo Potter, Astoria Greengrass, Draco Malfoy, Gina Weasley, Harry Potter, Hermione Granger, Hugo Weasley, Lílian L. Potter, Ronald Weasley, Rose Weasley, Scorpius Malfoy
Tags Amizade, Amor, Harry Potter, Romione, Scorose
Visualizações 400
Palavras 3.231
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Ficção Adolescente, Luta, Magia, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 42 - Tudo em família


Fanfic / Fanfiction A Serpente e o Leão - Scorose (GRCPNR - Temporada II) - Capítulo 42 - Tudo em família

POV Rose

 

Malfoy era inacreditavelmente irritante, tão convencido, sentia o cheiro dele em meu suéter, não podia negar era uma mistura que apreciava, roupa nova e menta e não parava de pensar no beijo que ele tinha me dado a minutos atrás. Fui atrás de Key na biblioteca, não a via desde o começo da festa de Lily na noite anterior, ela tinha sumido logo depois da dança de Tiago com a irmã, parti para a biblioteca e a encontrei olhando para a janela de nossa mesa de estudos favorita.

- Finalmente te encontrei, aquela Malfoy é impossível – Disse irritada, Key me olhou com um sorriso bobo – Você está esquisita – Comentei observando o estado da minha amiga.

- Tenho uma coisa para te contar – Ela disse ainda esquisita, me sentei – Ontem Tiago e eu... – Ela ficou muito corada.

- Sério? E como foi? É o que estou pensando? – Perguntei curiosa e ela confirmou com a cabeça.

- Ele foi incrível – Ela suspirou – Foi na estufa ao lado da festa, apesar dele ser mais experiente teve todo cuidado – Key dizia com brilho nos olhos.

- Tiago realmente mudou então, fico feliz por vocês dois! – Disse com sinceridade, era estranho pensar que há pouco menos de quatro anos atrás eu me imaginava com meu primo e agora só pensava naquele babaca loiro.

- Será que ele mudou tanto assim? – Nick nos surpreendeu saindo de trás de uma prateleira de livros, fiquei ainda mais surpresa por tê-la encontrado ali, ela nunca ia a biblioteca – Desculpe Key acabei ouvindo – Ela se desculpou e se aproximou.

- Tudo bem, mas o que quis dizer com isso? – Key perguntou preocupada.

- É que bem, Tiago é famoso por tirar a virgindade das garotas e tomar um chá de sumiço depois, não estou dizendo que ele fará isso com você – Nick disse.

- É diferente, eles namoram Nick! – Comentei segura – Tenho certeza que eles já se viram depois de ontem, só eu passei o dia em detenção – Falei rabugenta.

- Falou ou viu Tiago depois de ontem Key? – Ela insistiu e Key nos olhou preocupada, depois finalmente negou que o tivesse visto.

- Ele deve ter passado o dia treinando – Tentei acalmar minha amiga.

- Eu sou do time e Hugo também e ele passou o dia com Lily nos jardins, não treinariam sem goleiro – Nick disse séria.

- Nick deve estar certa! – Key disse desanimada, quase chorando – Ele já teve tantas por que se apegaria a uma pessoa sem graça como eu? – Ela secou o rosto com as mãos.

- Você é incrível, pare com isso, vamos procurá-lo, tenho certeza que ele deve ter um ótimo motivo – Falei um pouco menos segura.

- Rose você sabe que comigo antes da copa... – Nick começou, fiz sinal para ela se calar, mas era tarde.

- O que houve com você? – Key perguntou.

- Eu perdi minha virgindade com Tiago durante as férias – Nick por fim falou, podia sentir a tensão no ar – Vocês ainda estavam em uma relação aberta e estávamos nadando no lago da toca e ... – Ela gaguejou.

- Você sabia Rose? – Ela me olhou magoada.

- Key eu ... Nick me contou, mas achei melhor esperar ele mesmo te contar, pressionei Tiago por cartas e na copa – Disse com sinceridade – Não achei correto dizer, mas quando decidi contar vocês dois se acertaram – Key me olhava confusa.

- E ele fugiu de você depois? – Key insistia em saber cada detalhe – Me conte como foi! – Ela elevou um pouco a voz irritada.

- Key acho que é desnecessário – Tentei argumentar, mas ela fez sinal para me calar e me calei.

- Estava muito quente naquele dia, fui visitar meus avós, Louis não quis me acompanhar porque tinha brigado com Lysander por carta e tinha medo de encontrá-lo por lá, viajaria na semana seguinte para a França e queria aproveitar antes de irmos, ainda mais que em casa estava um saco com mamãe e Vick discutindo sobre a criação de Sky o tempo todo, ela fica em casa quando Ted sai em missão para reuniões com lobisomens – Ela suspirou cansada lembrando da minha tia e prima – Chegando lá encontrei apenas os Potters, Rose estava com os pais na Romênia, os gêmeos estavam de castigo pelo que soube e não iriam na toca durante as férias e tio Percy tinha viajado com a família para a Itália. Alvo e Lily estavam ajudando meu avô com um aparelho estranho e vovó mostrava animada para meus tios as blusas da copa que ela tinha pintado, cumprimentei todos e parti para um mergulho no lago, sempre passo os dias quentes de férias no lago, não gosto muito da água salgada da praia onde moramos – Nick explicou – Tirei as roupas ficando apenas de biquíni e mergulhei, quando estava quase chegando a superfície alguma coisa prendeu minha perna me assustei, mas era apenas Tiago que me viu e fez de propósito. “Seu idiota, podia ter afogado” reclamei quando ele me soltou “Que belo corpo prima” ele se aproximou “Tiago nem vem que se Key souber...” o ameacei “Ela não é minha namorada e já ficamos” Tiago me puxou “É uma relação aberta, ela andou se engraçando de novo com meu irmão passeando com ele por ai então por que não podemos aproveitar de novo?” ele sorriu me puxando e desculpa Key, mas ele me atrai e acabei não conseguindo – Ela encerrou.

- Quero os detalhes – Key continuou.

- Tem certeza? – Nick perguntou e ela confirmou – Está bem, ele beijou meu pescoço e pressionou meu corpo contra uma margem, quando ele me beijou correspondi, Tiago soltou meu biquíni e disse “Que seios lindos, adoro quando são assim cheios” eu falei “Tiago eu sou virgem” e ele riu “é sério?” confirmei com a cabeça “Sempre foi a menos certinha da família achei que tinha acontecido com alguém da escola! Mas vou ser gentil, relaxa” ele me beijou e acabei cedendo, seus dedos percorreram meu corpo até alcançar a parte de baixo do meu biquíni e ele o tirou “vai sentir um incomodo no começo, mas depois vai gostar se te machucar me avisa” ele sussurrou em meu ouvido e concordei ele me acariciou com os dedos antes e comecei a ficar muito excitada foi quando ele me penetrou “calma, nossa como você é gostosa” ele me disse, estava incomodada, mas logo melhorou, ele aumentou o ritmo e senti meu corpo se contraindo não conseguia controlar meus gemidos “isso princesa aproveita comigo” ele me falou e logo senti ele me soltando sem folego “Foi incrível” Tiago disse e concordei “melhor voltarmos antes que percebam”, voltamos com ele me abraçando e quando entramos minha avó colocou o almoço, depois ele disse que precisava falar com Fred e partiu para a loja de nosso tio, não estranhei no inicio, mas depois percebi que ele passou a me evitar e piorou quando começaram a namorar, ele achou que íamos o que casar? – Ela falou irritada.

- E você reclamando do Malfoy! – Key bufou.

- Tiago sempre fez isso com as garotas e Fred é igual, falam que é um tempo para as coisas esfriarem, mas sou da família isso é tão cruel – Nick reclamou – Agora eu que não quero mais nem amizade com esse babaca – Ela prosseguiu.

- Acho melhor procurarmos Tiago para saber – Disse percebendo o quanto a situação estava saindo do controle – Não estou falando que ele foi correto com você Nick, mas ele estava confuso no meio de uma briga com Key e bem vamos atrás dele – Insisti.

- Eu não vou atrás de ninguém, agora tenho um cara que me respeita e que não sumiu depois de tudo – Nick anunciou.

- Quem? – Perguntei perdida.

- Logo saberá, estamos mantendo segredo por enquanto! – Ela disse confiante.

- Eu também não vou, se ele quiser que venha falar comigo, vamos jantar? – Key disse orgulhosa, sabia que a preocupação dela com a janta era encontrar meu primo, mas concordei e partimos as três.

No salão Tiago estava em uma conversa animada com Fred, Rox e Jordan. Key foi para sua própria mesa o fuzilando com o olhar, me sentei ao lado de Lily e Hugo que estavam cheios de carinhos um com o outro. Louis olhava a cena impaciente, Nick sentou a minha frente e ao lado do irmão, por costume olhei em direção a mesa da sonserina e meu olhar cruzou com o de Malfoy ele sorriu convencido e eu desviei. Aquela conversa só me fez pensar será que ele era como Tiago? Ele certamente já devia ser experiente e com quem teria feito? Amanda e a prima atirada sem duvida, suspirei irritada e Tiago como pode ter feito isso com Key? Ela confiou nele, assim como eu um dia já confiei em Scorpius e por mais que estivesse com raiva dele nunca tinha imaginado ter aquele momento com outra pessoa.

Pelo menos Hugo parecia feliz, não o reconhecia sendo tão gentil e carinhoso, ele costumava ser sempre rabugento e mimado, mas ali com Lily parecia um hominho como diria mamãe. O observava pegando as coisas para Lily e às vezes tirando uma mecha de seu rosto a fazendo corar, sentia falta de ter uma relação como aquela cheia de cuidados, parecida com meus pais e a que tive com ele, virei novamente para Scorpius que me analisava profundamente.

- Ah o amor! É ótimo está apaixonada! – Nick suspirou, Tiago pela primeira vez se voltou para nossa conversa a observando atentamente, ela logicamente percebeu – Espero Hugo que você seja homem de verdade e não faça mal a Lily ou a ignore depois que ela te der algo valioso! – Nick o provocou.

- Valioso? Um filho? – Hugo perguntou inocentemente – Nunca deixaria Lily, mais fácil ela me dar um pé na bunda! – Ele sorriu.

- Nunca te deixaria, amor! – Ela o abraçou.

- Malandro esse nosso primo, comeu pelas beiradas e gozou da minha proteção para chegar na minha irmã – Tiago comentou enciumado.

- Ele sempre te admirou seu babaca, não misture as coisas! – Acabei soltando deixando todos surpresos.

- A priminha mostrou as garras para defender o irmão, bem feito! – Fred zombou de Tiago.

- Acho que ai tem bem mais coisas, quer conversar Rose? – Tiago perguntou desconfiado.

- Não eu não tenho mais nada para te dizer, estou aprendendo com você esse método – Disse irritada fazendo Nick rir.

- Que diabos você aprontou? – Rox nos observou confusa – O que fez com as meninas? – Ela insistiu.

- Parem de discutir, aqui não é a sala da nossa avó ou darei uma advertência para cada um – Molly reclamou nos observando.

- Rose venha comigo! – Tiago me puxou pelo braço para fora do salão, vi Key me olhar preocupada de relance e meu irmão se levantar. Apenas o segui sem muita escolha.

- Larga ela Potter! – Scorpius apareceu do nada – É uma ordem! – Ele disse, nem mesmo o tinha visto se aproximando.

- Não se mete que é uma conversa de família, acha mesmo que machucaria minha prim.. – Tiago parou assim que recebeu um soco, quando percebi os dois rolavam pelo chão entre socos e chutes.

- Já chega! – Hagrid os separou segurando cada um pelo colarinho com um braço – Tiago brigando de novo? Harry não vai gostar disso – Ele falou preocupado.

- Os dois na minha sala! – A diretora apareceu oponente logo atrás. Eles a seguiram assim que Hagrid os soltou.

- Desculpe Rose eu queria te defender, mas prometi a Dinda não me meter em confusão – Hugo me alcançou e disse culpado.

- Tudo bem, Tiago não ia me fazer mal, acho que seria apenas uma conversa, Malfoy se descontrolou – Comentei observando eles se afastando.

(...)

Fiquei preocupada com os dois e aguardei Tiago voltar para a sala comunal ainda naquela noite, quando ele chegou a sala já estava deserta.

- Precisa controlar melhor esse seu namorado – Ele disse irritado.

- Não somos namorados – Respondi irritada – O que queria me dizer? – Insisti.

- Eu que te pergunto, me atacou quase de graça, sei que não foi apenas por Hugo – Ele me observou atentamente – Te conheço muito bem, Lily é minha irmã e preciso cuidar dela, mas Hugo é minha família também sabe que não faria mal a ele ou a você, então por que diabos comprou a briga de Nick? – Ele insistiu.

- Sei o que houve entre vocês no verão e o que houve com Key ontem – Disse secamente, ele me olhou ainda confuso.

- De Key imaginei, é sua melhor amiga, achei que ficaria feliz por nos dois – Ele comentou com cautela.

- Dela ter decidido que você era o cara certo para isso e depois a abandonar? Como que aprovaria isso? – Perguntei irritada.

- Abandonar? – ele ergueu uma sobrancelha.

- Exatamente! Não falou com ela desde que aconteceu – Insisti.

- Eu fui ajudar Fred e Rox com uma coisa contra o Pirraça e isso acabou levando mais tempo que calculei, mas não me preocupei porque imaginei que ela estudaria o dia todo, tinha falado de um exame na segunda e como no domingo ela sempre fica o dia todo comigo, vai até no treino pela manhã imaginei que usaria o dia todo para estudar. Eu nem fui a Hogsmeade, Pirraça não é fácil de ser pego – Ele coçou a cabeça nervoso – E sabe como sou novo com isso de namorada, só me toquei quando Rox perguntou se tinha dado apoio emocional a Key depois, na noite até que sim, mas nem imaginei que era importante no dia seguinte. Vou ser sincero eu sempre faço o do mesmo dia meio forçado pra menina não ficar muito magoada, mas com Key foi diferente eu juro – Ele me olhou com sinceridade – Eu fiz porque quis e porque gosto dela e de Nick vamos dizer que toda história tem três versões, uma de cada lado e a verdade e você como minha prima podia ter ficado neutra ou pelo menos ter me perguntado – Tiago disse magoado.

- Tem razão, eu estava neutra, mas é difícil... Key é minha amiga, então me conte sua versão – Exigi.

- Eu acho que nem vale a pena, parece que por mais que me esforce ninguém confia que pela Key eu melhorei. Eu me esforcei para termos uma noite especial, mas ela ouviu um papinho de dor de cotovelo e acreditou – Ele disse irritado.

- Tiago me conte logo – Insisti.

- Bem vi Key com Alvo no beco diagonal e não gostei, ele estava investindo nela, sei que ela fez para me provocar, mas com ele foi golpe baixo e bem nossa relação era aberta e eu fiquei sim com a Nick – Ele falou – Key ficou maluca com os estudos e mal a vi nas férias, queria me divertir e Nick também, foi bom para os dois na hora e concordamos que aquilo ficaria entre nos dois – Tiago deu de ombros – Key sabia que ficava com outras garotas inclusive nesse grau, ela que não quis que falasse mais com quem e quando então não tem motivos me cobrar que contasse isso, por isso não falei quando você ficou me pressionando, era um acordo nosso e ficaria tudo bem se o babaca que Nick anda se engraçando por ai não tivesse dado em cima de Key, acho que só deu o troco – Ele falou cansado – Mulheres são doidas, Key não devia ter entrado na pilha de Nick.

- Quem está com Nick? Alvo? Zambini? Goyle? – Perguntei perdida.

- Eu não sou como ela, não vou falar nada da vida dos outros – Ele falou sério – Só ignorei Nick porque ela ficou no meu pé depois que aconteceu, sempre ficamos e ela era super desencanada, mas acho que passei dos limites quando avançamos mais, achei que ela não levaria a sério – Ele disse preocupado.

- Qual sua dificuldade em pedir desculpas? Devia conversar com Nick, ela é nossa prima – Falei com sinceridade.

- É acho que preciso mesmo, Key está muito brava? – Ele perguntou e confirmei com a cabeça – Me deseje sorte? Acho que vou precisar e Rose acho que devia sair comigo, Malfoy está discutindo com a mulher gorda para te ver desde que passei – Ele riu.

- E como não me avisou? – Perguntei surpresa.

- Digamos que foi o troco pelo soco que ele me deu! – Tiago sorriu e saiu e eu o segui – Por nada Malfoy – Tiago o provocou quando passou, ele ia responder, mas se calou quando me viu.

- Oi, estava preocupado que esse tonto te fizesse algo quando voltasse então o segui, mas esse quadro idiota me barrou – Scorpius falou olhando torto para a mulher gorda que o olhava desconfiada.

- É meu primo ele não me faria nada, foi apenas um mal entendido envolvendo ele, a Key e Nick e me envolvi por ser enxerida – Sorri sem graça.

- Ah – Ele sorriu de volta – Não paro de pensar naquele beijo – Ele se aproximou.

- Você se aproveitou de mim – O provoquei – E nem tente, ainda não vi nenhuma montanha se aproximando – O afastei.

- Garota você vai me deixar maluco – Ele sorriu – Não mereço nem uma dica por te proteger? – Malfoy me olhou galanteador.

- Me protegeu porque quis, não precisava de proteção sei me virar sozinha – Falei orgulhosa.

- Sei que pode! – Ele me puxou e quando percebi já estávamos nos beijando – E por que não se defendeu agora? – Ele sorriu.

- Sai daqui antes que eu te azare! – O ameacei.

- Vou descobrir a dica Weasley!  E quando menos esperar terá montanhas a seus pés! – Ele se afastou rindo.

No dia seguinte quando estava indo tomar o café encontrei o salão fechado com Pirraça colado na porta e xingando todos.

- Quem te fez isso Pirraça? – A diretora perguntava séria.

- Eu não sei Dumbledora, eu estava cuidando da minha vidinha quando fui vendado, o corredor estava deserto, ia me desmaterializar, mas me congerlaram! E usaram esse grude que os Weasleys vendem – Ele falou irritado.

- Pode ter sido qualquer um, essa cola é vendida na loja do meu pai em Hogsmeade, quem sabe quem comprou! – Fred disse cinicamente.

- Podia jurar que você está envolvido, só esse nome já devia ser prova que foi ele! Freds Wesley não são confiáveis Dumbledora – Pirraça dizia desesperado.

- Preciso de provas mais concretas Pirraça, acho que Hagrid deve ter alguma coisa que te tira dai, essa cola não sai com feitiços, vamos aproveitar o domingo ensolarado, vou transferi as mesas para o terreno da escola, acredito que o café e o almoço serão ao ar livre, no jantar voltamos para o salão – A diretora anunciou.

- E eu Dumbledora? Vou esperar até o fim da tarde? – Pirraça se desesperou.

- Infelizmente sim, Hagrid está visitando o irmão nas florestas da Escócia e só pegará uma chave do portal ao entardecer – A diretora disse sem se preocupar, Pirraça começou a protestar, mas ela o ignorou – Todos aos jardins e hoje não teremos divisão de mesas – Ela anunciou.

- Então podemos tomar café juntos – Scorpius se aproximou – Sabe Alvo anda me ajudando, estamos mapeando tudo o que disse! – Ele sorriu lindamente.

- Quem disse que foi algo falado? – O confundi.

- Você sempre me surpreende Weasley – Ele disse em tom de desafio.

- E você sempre usa esse mesmo tom de surpresa – Disse – Tudo bem pode tomar café comigo, mas só porque Key está ocupada – Falei indicando minha amiga que era apertada em um abraço de Tiago, sem duvida com as coisas já resolvidas. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...