História A Shade Of Dark Red - imagine (hot) Jennie (Blackpink) - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Blackpink
Personagens Jennie, Personagens Originais
Tags Blackpink, Blink, Hot, Imagine, Jennie, Jennie Kim, Kim Jennie
Visualizações 234
Palavras 1.749
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


De madrugada pq é a melhor hora pra ler uma hot...

Perdoem se estiver ruim, tô pegando o jeito...

Espero que gostem...

Kisses♥️

Capítulo 1 - Tempting


Fanfic / Fanfiction A Shade Of Dark Red - imagine (hot) Jennie (Blackpink) - Capítulo 1 - Tempting


Tentador...essa era a palavra que descreveria o momento...


A este exato momento você estava em um salão com a aparência muito elegante e sofisticada,o motivo? Seu pai é dono de uma das maiores empresas de Seul e propôs que sua linda filha o acompanha-se em uma festa de negócios que teria nesse salão para que ele pudesse fechar negócios com outros sócios.Seu pai queria que sua filha seguisse seus mesmos passos e um dia pudesse assumir a direção da empresa

Você não era muito de ir em festas e odiava ter que interagir com outras pessoas, principalmente se for por causa o trabalho de seu pai,teria que ouvir a noite inteira conversas e palestras sobre o futuro da empresa e os lucros que ela irá gerar.

Já não estava mais aguentando aquilo, principalmente pelos inúmeros caras que chegavam perto para tentar puxar um papo,mas sempre mantendo respeito e o máximo de cuidado já que sabiam que você era a filha do CEO,mas mesmo assim não podiam deixar uma bela moça escapar tão facilmente assim só porque é filha de alguém tão importante.

Entediada com tudo aquilo,pegou sua taça de vinho e caminhou pelo longo salão deixando o cara de cabelos ondulados falando sozinho,passando por um espelho avistou sua bela imagem.

S/n era uma garota realmente belíssima,especialmente hoje que estava usando seu vestido longo preto,um pouco colado marcando suas curvas com um grande decote em formato de V, não podia deixar de se notar também seus cabelos presos em um coque alto e folgado,junto a isso usando um salto alto e um batom nude.

Soltando um beijo junto a uma piscadela para o espelho continuou a caminhar em busca de algo interessante, até que avistou uma garota conversando com um cara,ao que se podia perceber a garota estava na mesma situação que S/n,estava distraída olhando para o copo de shamppang enquanto o garoto de cabelos loiros a sua frente falava sozinho,S/n a entendia então resolveu a ajudar com isso.

— Com licença–S/n diz chegando perto da mesa parando de frente para ela.— Podia deixar a moça em paz por favor?

O garoto deu uma leve risada irônica ignorando S/n.

— Você não me escutou? Porquê não saí daí? Não vê que ela não está interessada?

— Garota, porque você não fica na sua Hum? Não vê que estamos conversando?

A garota não falava nada apenas observava S/n discutindo com o garoto.

— Eu mandei você sair,por acaso é surdo? Sabe quem é meu pai?

Claro que S/n não se gabaria por ser filha do dono mas o garoto já estava a deixando sem paciência e S/n não queria a perder.

— Garota eu estou me fudendo pra seu pai e aliás, dá logo o fora daqui.

S/n possuída pela raiva jogou todo seu copo de vinho aos poucos na cabeça do garoto o deixando furioso.

— Você é louca?! Perdeu o juízo?

— Bem…alguns dizem que sim–enrrolou uma mexa de seu cabelo com o indicador sorrindo para o rapaz.

—Aishh!!–disse empurrando S/n para o lado indo ao banheiro se lavar.

— Bom…parece que ele realmente ficou irritado…–Diz se sentando ao lado da garota.

— Gostei de você,tem atitude,ele já estava me irritando–A garota de cabelos castanhos comentou.

— Acredite,sei como se sente–deu uma pequena risada—Park S/n,é um prazer…

— Kim Jennie,o prazer é todo meu.

S/n não pôde deixar de reparar em como a garota a sua frente era bonita,seus olhos castanhos claros combinado com o tom de seus cabelos cor de mel,os lábios carnudos num tom de vermelho vinho,o vestido vermelho também combinado com o batom,podia se notar o grande decote nas pernas o que deixava Jennie ainda mais sexy.

— E então…o que faz aqui?

— Meu pai é o dono desta empresa e você?

— Bom,meu pai irá fechar um contrato com essa empresa,se tudo der certo,mas…encarando a realidade acho que papai é incapaz de fazer isso,talvez eu terei que dar um jeito de conseguir o contrato…–disse um pouco pensativa.

— Como irá fazer isso?–S/n perguntou curiosa.

Jennie chegou mais perto de S/n a fazendo recuar para trás,chegando perto de seu ouvido.

—Levando a filha do dono para a cama–Sussurrou no ouvido de S/n a deixando desconfortável e nervosa.

Jennie sorriu de canto dando um gole em seu shamppang,fazendo S/n engolir em seco.

— Bem, esta festa está tão indediande,O que acha de nos divertimos?–Diz chegando perto de S/n cheirando seu pescoço a causando arrepios.

— Depende do que você chama de diversão–S/n agora decidiu entrar no jogo de Jennie.

— Bem…–deu uma risada fraca—Eu posso te mostrar na prática–disse mordendo os lábios ao mesmo tempo que fitava os de S/n.

— Então me mostre.

— Hum–Deu uma risada logo dando leves mordidas no pescoço de S/n.

— Se vai fazer isso é só pelo dinheiro não é?

— Talvez…mas se me mostrar que é uma boa garota eu posso lhe surpreender–disse se afastando e dando uma piscada.

—Então me surpreenda.

— Hum..–disse olhando para os lados—Aqui está um pouco cheio não acha? Que tal darmos uma volta por aí?

S/n apenas concordou e seguiu a garota.S/n nunca se interessou por mulher alguma mas quando viu Jennie mudou de idéia,a garota era realmente tentadora que até aquelas que se diriam héteros não resistiria ao charme da garota e afinal S/n não suportava o tédio,o que tem de mais se divertir um pouco,se gostar…que seja! O que S/n quer mesmo nesta noite é sentir prazer.

S/n seguiu Jennie até um corredor escuro no décimo quinto andar, aparentemente não tinha ninguém,entraram em uma sala qualquer se sentando em um sofá que tinha lá enquanto Jennie trancava a porta.

— Então…por onde quer começar?–Pergunta se virando lançando um olhar sexy para S/n.

— Comece por onde quiser e me faça delirar.

Jennie estava gostando do que S/n falava,achava tentador o jeito da menina e não estava mais suportando o fogo que estava no momento.

Jennie puxou a Alsa de seu vestido vermelho para baixo o tirando lentamente enquanto S/n observava tudo quieta e concentrada no corpo de Jennie que também usava uma lingerie da mesma cor do vestido.

Tentador era a palavra que descreveria o momento,S/n apenas fez o mesmo que Jennie,tirou seu vestido aos poucos junto de seus saltos caminhando em direção a Jennie que mordia o lábio enquanto massageava seus próprios seios cobertos pelo sutiã,S/n não resistiu a cena e atacou os lábios da garota,Jennie beijava bem,S/n realmente gostou dela,sua língua explorava cada canto da boca de S/n deixando um tom amargo de shamppang misturado com vinho junto ao seu batom que deixou marcas no pescoço e lábios de S/n.

Possuída pelo rítimo que tudo estava acontecendo empurrou S/n para o sofá a fazendo cair sentada,Jennie sentou em seu colo e começo a rebolar arrancando gemidos da mais nova.S/n não queria perder tempo,empurrou Jennie no sofá ficando por cima,tirou os saltos da garota com a boca logo subindo uma tirilha de beijos do pé de Jennie até a boca,depois do beijo caloroso se posicionou entre o meio das pernas de Jennie começando a rebolar alí deixando a garota sedenta ao ato de S/n que não exitava em parar.

— Pa-ara quem nunca fe-ez ii-isso,até que você está indo bem…–Jennie falava com dificuldade.

— Como Sabe que nunca fiz isso?–Pergundou mordendo os lábios rebolando ainda mais.

— você tem cara de que gosta de ho-oomens AH!

— E você gosta do que?

— Eu gosto de mu-uitas coisas princesa–disse se levantando e empurrando S/n—Principalmente de chupar garotas que me causam prazer.

S/n engoliu em seco com a atitude da menina que não perdeu tempo e retirou o sutiã de S/n jogando em qualquer canto daquela sala.

Jennie logo começou a chupar e mordiscar os seios de S/n levando a menina á loucura.

Jennie também retirou seu sutiã o jogando logo fazendo com aque S/n os chupe deixando Jennie com prazer a fazendo querer ainda mais.

— Bom…chegou na minha parte favorita–Jennie diz se abaixando sorrindo travessa enquanto acariciava a intimidade de S/n ainda por cima do fino tecido da calcinha preta.

— Aahh!

— Não acha que isto está atrapalhando?–diz se referindo a calcinha,S/n apenas concordou com a cabeça e logo Jennie já havia tirado a calcinha de S/n com a boca a deixando totalmente exposta para ela que sem exitar atacou aquela região sugando com toda a força que conseguia enquanto se estimulava com uma de suas mãos,S/n apenas gemia,definitivamente este foi o melhor oral que a garota já recebeu.

— Agora é minha vez gatinha–S/n trocou de posições depois de atingir seu ápice,agora ficando por cima de Jennie que já estava sedenta pela garota.

S/n tirou a calcinha da menina e não deixou de fazer o tal comentário.

— Oh Jennie Kim! Já está tão molhada…–disse passando sua língua entre os lábios.

S/n nunca tinha feito um oral em uma garota antes mas acreditava que não era tão difícil assim,apenas rasgou a calcinha de Jennie que riu com aquilo, lambendo a intimidade de Jennie do começo ao fim S/n levava Kim as alturas como nunca antes.

— Aa-hh S/n! Arhh!–segurava no cabelo da garota enquanto observava a cena–Você é tão boa nisso

S/n apenas deu uma leve risada antes de colocar dois dedos na intimidade da garota a estimulando até chegar em seu ápice.

— AHR!!–Jennie gritou alto

— Shiuu quietinha, não queremos que ninguém nos pegue–S/n sussurrou antes de dar um beijo na garota.

— Foi bom

— Acha que agora seu pai vai conseguir?–S/n pergunta enquanto vestia sua roupa novamente.

— Eu tenho certeza,desde o começo, aliás,ele já é sócio–Jennie deu uma piscada para s/n que sorriu.

— Ah garota, você é muito má–comentou enquanto beijava Jennie.

— ham–riu–E você?–chegou próximo ao ouvido de S/n–rasgou minha calcinha,como irei sair? Estou de vestido–sussurrou.

— Eu te empresto a minha–Sussurrou de volta–assim eu vou ter um motivo para te ver de novo.

— hum–Jennie riu–Você é esperta garota.

— Sei disso–beijou Jennie

Juntas saíram daquela sala enorme,com seus vestidos amassados os cabelos bagunçados,as bocas manchadas pelo batom,marcas pelo corpo,mas quem liga? As duas tiveram o que quiseram.

  E enquanto a calcinha de S/n, será que Jennie a devolveu? Quem sabe? Quem sabe se elas se encontraram de novo,mas de uma coisa é certa,Park S/n não se esquecerá da noite que teve com a garota de vermelho.





Notas Finais


Me perdoem qualquer erro,dps concerto...

Espero que tenham gostado

Beijooo ♥️ @babygirlls


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...