História A staff - Capítulo 30


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, Got7
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Lisa, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Revelaçoes
Visualizações 25
Palavras 1.413
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem
Boa leitura ❤️

Capítulo 30 - Condenada!!!


Fanfic / Fanfiction A staff - Capítulo 30 - Condenada!!!

—Isso mesmo que você escutou lisa,sai dessa empresa ! —s/n fala vindo até mim 

—Jennie!,eu ia te dar o dinheiro!,você é uma traidora ! —falo indo pra cima de Jennie mas,s/n se intromete no meio 

—vai tentar matar ela como fez comigo? Lisa,teu lugar é na cadeia —s/n fala e hyuk olha sério 

—como assim s/n? —hyuk pergunta 

—quando eu estava fora,a lisa me atropelou,passei 3 semanas no hospital,e teve um dia que ela foi lá,e desligou um aparelho que eu era dependente dele —s/n fala e hyuk liga pra polícia 

—mentira! Você não tem provas contra mim ! —falo 

—ter eu tenho,por que em nenhum dia sequer a Jennie foi me visitar no hospital —ela diz colocando a lista na mesa 

—o que? Mentira  que você quis colocar a culpa pra cima de mim lisa —Jennie fala 

—vocês estão malucas! Eu não quis matar ninguém —digo 

Taehyung on 

Estava no dormitório com os meninos,quando escutei a sirene do carro da polícia,eles entraram na empresa e subiu até o corredor 

—licença,o que fazem aqui? —pergunto 

—fomos chamados,por favor levem-nos até a sala do Sr.hyuk —ele fala e eu e os membros levamos os dois policiais,os mesmos abriram a porta e eu e os outros membros viram lisa,hyuk,s/n e Jennie 

—o que está acontecendo aqui? —pergunto 

—Tae,meu amor....eles querem me levar,tão dizendo que fui eu que atropelei s/n e tentei matá-la,por favor ...diga que eu não fiz isso,e que quem fez isso foi a Jennie! —ela fala me agarrando e percebo os olhares de todo mundo sobre mim 

—não vou ser como você,que mente demais,desde que chegou na empresa,você não para de implicar com a s/n!,já tentou enforca-la uma vez,atropelou ela,e quase a matou no hospital,você sempre teve inveja dela,por que a única coisa que ela tem e você não,sou eu,tá na hora de você conhecer o seu lugar ! —digo sinalizando pros policiais pegarem ela e levarem,e assim fizeram lisa me empurra,caminhando pra trás e olhando pra todos 

—quer saber? Euuuu fiz isso sim,eu tentei matar ela ! Eu confesso!,quis tirá-la do meu caminho,por que eu te queria pra mim ! —ela fala enquanto dos policiais puxam ela pelo braço

S/n on 

desceram com lisa,a mesma entrou no carro,mas antes do carro dar a partida,Jennie fez um sinal pra que esperassem ela falar uma coisa pra lisa 

—toma,eu não quero esse seu dinheiro sujo,eu tenho tudo o que você queria ter,tenho a atenção é o carinho dessa empresa —ela fala jogando o pacote com dinheiro em cima de lisa,me aproximo do carro,pra falar as últimas palavras antes de lisa ir 

—apodreça na cadeia! —falo,observando lisa deixar escapar lágrimas de raiva,o carro logo da a partida,quando o carro foi embora,abracei os meninos 

—que bom estar de volta pra vocês—digo abraçando os mesmos 

—que bom te ter de volta s/n ! —os meninos falam e eu percebo que Jennie está pra trás 

—venha Jennie! Você foi corajosa,devo muito a você —digo e a mesma se junta pra o abraço 

Lisa on 

—eu não acredito,eu fracassei....mas,isso não acaba aqui!,não acaba —digo em meus pensamentos,chegamos na delegacia,fui presa e fiquei naquela cela,suja com as outras prisioneiras 

—olha quem chegouuuu,mais umaaaa —uma prisioneira fala chegando perto de mim 

—qual teu nome ? —ela pergunta mas eu fico calada 

—qual teu nome rapaz? —a mesma pergunta me dando um chute nas minhas pernas e ainda sim eu fico calada 

—olha,pra tu ficar aqui nessa cela,tu vai ter que obedecer minhas regras ta ligado? —ela fala 

—não vou obedecer ninguém —resmungo mas,a mesma me escuta 

—é o que? Quer ser a rebelde é? Pois venha cá —ela puxa meu cabelo,e junto com outras prisioneiras da cela,elas começam a me dar chutes em todo meu corpo,viver ali,era como ser condenada a morte ....

S/n on 

Entro em meu quarto,e me jogo na cama,toda feliz 

—meu deus,ainda bem que estou de volta —digo ainda na cama,logo a porta se abre revelando os meninos

—a s/n tá de volta!!!!!! —eles falam pulando em cima da cama e me abraçando 

—aaaaa quanto amor meu deus —digo 

—parece que no final tudo deu certo —tae fala 

—por enquanto,tá tudo tranquilo —digo soltando um sorriso,até que hyuk aparece na porta do quarto 

—meninos,podem sair um minutinho?,preciso conversar com s/n a sós —ele fala e os meninos saem 

—o que foi hyuk ? —pergunto 

—vim aqui,te pedir desculpas de novo,você passou por tanta coisa e eu sempre estava inocentando lisa,te devo muitas desculpas —ele fala 

—Olha,o que importa agora,é que eu to de volta,e os meninos estão felizes,eu te agradeço por me contratar de novo,e te perdoo por tudo —digo abraçando ele 

—obrigado s/n —ele diz se desfazendo do abraço e saindo,quando hyuk abriu a porta viu que os meninos estavam escutando tudo 

—Meninos! —hyuk fala 

—desculpa,mas estávamos vendo se você não iria demitir s/n outra vez —jin fala 

—não farei isso,até por que,o lugar dela é com a gente —hyuk fala olhando pra mim e eu sorrio,olhei a hora e vi que tava na hora dos meninos jantarem 

—Eita,bora bora! Vamos comer!—digo puxando eles 

—vish,já começou a pegar no pé —Hope resmunga 

—eu escutei hopeeee —digo indo pra cozinha e preparando algo pra eles,quando os mesmos terminaram de jantar,me chamaram pra ir pra sala de prática,e eu fui 

—o que tá acontecendo? —pergunto 

—nada,apenas fizemos uma música e a dedicamos pra você —suga fala 

—nossa,quero muito ouvi-la —digo e começam a cantar

Você é o sol que se ergueu de novo na minha vida....A segunda vinda dos meus sonhos juvenis,Eu não sei o que isto é,Se isto é tudo um sonho.....Pegue minhas mãos agora,Você é a causa da minha euforia....

Quando eles terminaram,eu estava com lágrimas nos meus olhos 

—que lindo meninos,meu Deus,como eu to feliz em estar de volta —digo indo pra um abraço 

—você aguentou muita coisa s/n,você é tão forte,temos que aprender com você —jungkook fala me abraçando 

—muito obrigada por fazer a staff mais feliz do mundo —digo,ficamos conversando até que ficou muito tarde,fomos cada um pros seus quartos,tomei um banho morno pra relaxar,sinto umas pequenas dores em minhas Costas,mas com certeza foi ainda por causa do acidente,deito na cama e adormeço,mas minutos depois sinto o colchão da cama se afundar,me viro pro lado e dou de cara com o tae abraçando minha cintura 

—tae ......por favor,sabes que eu ainda to pensando em relação a aquilo —digo e o mesmo aperta ainda mais minha cintura 

—por favor,volte pra mim ....—ele diz quase chorando,ele selou nossos lábios com um beijo doce e delicado,aquilo pra mim parecia certo....mas,não tinha esquecido aquela foto que me mandaram ....

—tae por favor....—digo pegando no rosto dele 

—s/n,eu nunca trairia você com a lisa,por favor,acredite em mim —ele fala me abraçando 

—eu te amo jagi....—ele diz olhando pra mim e eu apenas fico calada 

—posso dormir aqui pelo menos? —ele pergunta e faço que sim com a cabeça,e ali dormimos de conchinha,ali naqueles braços,parecia certo,eu me sentia protegida,e ainda mais ...sem lisa pra atrapalhar ....

quebra de tempo ...

Lisa on ​

Meu julgamento seria hoje De manhã,então sai da cela,e fui acompanhada pelos policiais,até  local do julgamento 

s/n on 

hoje seria o julgamento de s/n,por isso,eu,o tae e a Jennie teria que estar lá,nos arrumamos e fomos até o local 

—a senhorita lisa,foi acusada de atropelamento por intenção de matar,e de querer matar a senhorita s/n duas vezes,concorda? —o juiz pergunta pra mim

—sim! —disse e o juiz olha alguns papéis,lá N- coreia,as leis eram bem rígidas,lisa poderia até ser condenada a morte ! 

—o Senhor taehyung e a senhorita Jennie,confirma todas as acusações? —o juiz pergunta

—sim! —os dois disseram 

—Então,eu declaro lisa,acusada de homicídio doloso,quando há intenção de matar e atropelamento,a morte na cadeira elétrica! Esta manhã ainda,Encerra o caso! —o juiz bate o martelo,e eu fico de boca entreaberta,e lisa sai chorando acompanhada pelos policiais,eu,o tae e a Jennie fomos até o local em que lisa seria morta...

—tae,eu não quero ver —digo no carro,abraçando o tae 

—Entao não veja....na hora —ele fala e logo chegamos ao local,lis foi amarrada na cadeira

—quer dizer suas últimas palavras ? —policial pergunta 

—eu não me arrependo de nada,faria tudo de novo,e ainda mais...faria com mais gosto —lisa fala deixando escapar lágrimas de fúria e raiva,e o policial liga a cadeira,fechei meus olhos e Jennie e tae viram a mesma sendo queimada,a sala foi tomada pelo cheiro de carniça,saio logo da sala e entro no carro,abraço o tae e voltamos pra empresa 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


Espero que tenham gostado
Beijinhos
Até o próximo ❤️❤️❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...