História A Tale of Fate - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias The Originals, The Vampire Diaries
Personagens Bonnie Bennett, Camille O'Connell, Caroline Forbes, Damon Salvatore, Davina Claire, Elena Gilbert, Elijah Mikaelson, Enzo, Hayley Marshall, Katherine Pierce, Klaus Mikaelson, Kol Mikaelson, Lexi Branson, Malachai "Kai" Parker, Marcellus "Marcel" Gerard, Matt Donovan, Rebekah Mikaelson, Stefan Salvatore, Tyler Lockwood
Tags Amor, Delena, Drama, Hylijah, Klaroline, Kolvina, Mabekah, Romance, Steferine, The Originals, The Vampire Diaries
Visualizações 132
Palavras 887
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Literatura Feminina, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


OIII gente!!!
Obrigada pelos comentários.
Esse capítulo será sobre o casal Haylijah, a estória deles é uma das minhas preferidas.
A parte desse casal na estória foi baseada no filme " Um conto do Destino" é um dos meus filmes favoritos, quem puder assistir, recomendo.
Por favor comentem e favoritem.

Tradução do Capítulo: Amor à Primeira Vista

Capítulo 4 - Love at Frist sight


Fanfic / Fanfiction A Tale of Fate - Capítulo 4 - Love at Frist sight


( Acordo solitário com você ao meu lado
Mais uma noite sem sentir
Há filmes passando em seus olhos
Você sonha com nossos destinos


Mas você está errada
Eu não pertenço a você


A lua é a unica amiga que eu tenho aqui fora
Mais uma bebida e estarei curado
Eu te disse as palavras e depois soube que era mentira
Queria poder oferecer algum recurso


Você está errada
Eu não pertenço
Você está errada
Eu não pertenço a você


O que eu não daria por aquela primeira noite, quando você foi minha!
Tentei com tudo o que tinha te manter viva


Eu não aprendi assim
Com mil coisas para dizer
Nasci com o coração partido
Que eu daria por aquela primeira noite, quando você foi minha
Pensei que você fosse minha


Então vou pôr o cigarro na cama
Puxar alguns lençóis para o lado
Coloquei meu braço ao seu redor, segura durante a noite
Ainda sonhando com o destino
Mas você está errada
Eu não pertenço
Você está errada
Eu não pertenço
Eu não pertenço )

Belong  - Cary Brothers

 

 

- Eu não quero ver você conversando aquele rapaz novamente, entendeu? - Esther fala para filha enquanto a puxa pelo braço para dentro da mansão.

- Mas mãe.... eu só estava o agradecendo por ter salvo minha vida. - Rebekah fala para mãe enquanto tenta se soltar.

Esther para de andar, agarra os braços da filha com força e diz:

- Eu já fui jovem, Rebekah, sei como as coisas funcionam na sua idade, eu vi jeito que vocês olharam um para o outro. E por causa disso você deve se manter afasta daquele rapaz. Jovem, bonito e pobre. Ele é pobre minha filha, e você é rica, praticamente da realeza e está de casamente arranjado com alguém rico, como você. E isso que importa.

Rebekah solta os braços e diz brava;

- É só com isso que a senhora se importa, não é, mãe? Com dinheiro, riqueza, mas nunca com a felicidade da sua própria filha. - termina de falar e sai andando triste.

- Rebekah, volte aqui... - Esther fala para filha que não lhe da atenção.

- O que aconteceu? - Elijah o outro filho de Esther pergunta.

- Sua irmã, Elijah, está com aquelas fantasias na cabeça novamente. - Esther alto o suficiente para a filha ouvir.

Elijah apenas balança a cabeça negativamente.

- Bem, eu vou ajudar as empregadas a organizar as compras. - Esther fala e vai para cozinha.

Elijah se senta ao lado da irmã no sofá e pergunta:

- O que aconteceu, Rebekah?

- Nada, Elijah. Só nossa mãe que não se importa com o que sentimentos.  - ela responde, suspira e diz: - Vou para meu quarto . - então se levanta e vai para seu quarto. 

Elijah fica sozinho no sofá e logo escuta alguém bater na porta, ele se levanta e vai atendê-la, ao abri-lá , ele se depara com uma linda jovem de cabelos ruivos presos com um leve coque, pele branca e lábios vermelhos, bochechas rosadas, a moça veste um lindo vestido marrom que arrasta no chão, mangas curtas e leves babados na ponta. Um grande e também marrom chapéu e uma pequena bolsa branca.
A moça está com  o olhar baixo, pois está arrumando suas que pequenas e delicadas luvas brancas.  Então, a jovem ergue o olhar que se encontra com o de Elijah. Só então, ele percebe seus lindos olhos verdes. O Mundo parece parar nesse momento. Eles se olham olham de forma intensa e ao mesmo tempo doce, chega ser hipnotizante.

A moça sai do transe, balança a cabeça e pergunta:

- A Sra. Mikaelson está?m

Ele então percebe que sua voz é doce e gostosa de ouvir, então pergunta:

- Quem gostaria?

A jovem leva a mão direita até o peito e fala:

- Que falta de educação a minha. Sou Hayley Marshall. - ela estica o braço para apertar a mão de Elijah, mas ele a pega delicadamente, dá  um leve beijo e fala:

- Elijah Mikaelson.

A moça suspira decepcionada e ele pergunta:

- Algum problema?

- Nenhum.  Sua mãe está? - Hayley responde e pergunta sorridente.

- Está sim. Por favor, entre. - responde e dá passagem para ela, que sorri e entra na mansão.

- Hayley, querida. Que bom que você veio! - Esther diz alegre ao entrar na sala.

- Como vai Sra. Mikaelson? - Hayley pergunta sorrindo.

- Muito bem, querida e você - Esther responde sorridente.

- Bem, obrigada. - a jovem responde.

- Venha, vamos conversar no escritório de meu marido, lá podemos falar mais a vontade. - Esther diz.

- Está bem. - Hayley responde. Ela então se vira para Elijah e fala sorrindo: - Foi um prazer conhecê-lo, Elijah.

- O prazer foi todo meu. - ele fala sorrindo.

Hayley  dá um sorriso leve para ele, volta a olhar para frente e vai caminhando com Esther até o escritório. Antes de entrar e olha mais uma vez para trás e percebe que Elijah ainda está a olhando. Ela então arruma o cabelo, sorriso para ele e entra no escritório.

Ambos sabiam dentro de seu peito que aquilo que haviam sentindo no momento que se olharam, era algo que nunca haviam sentindo antes e tinha grande chance de ser Amor.








 


Notas Finais


Gostaram?
Por favor comentem e favoritem.
Música do Capítulo: https://youtu.be/rx7h2thalzQ


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...