1. Spirit Fanfics >
  2. A Teia >
  3. Capítulo 6

História A Teia - Capítulo 7


Escrita por:


Notas do Autor


Música:

Adore you - Miley Cyrus

Capítulo 7 - Capítulo 6


A teia

" A verdade será revelada"


Eu espero a reação de Naruto, reação essa que não vem. Ele me olha como se eu fosse louco.

Como assim nossa mãe? - Ele arqueia a sobrancelha direita - Isso por acaso é uma pegadinha? 

Não Naruto, não é uma pegadinha - Falo sério, trocamos olhares significativos sem nenhum dos dois pronunciar palavra alguma.

Cara, acho melhor você parar com a brincadeira - Diz depois de se levantar do banco que nós dois compartilhavamos.

A sua mãe sofreu um acidente de trem muitos anos atrás - Me olha em choque - Não sofreu? - Ele volta a se sentar no banco

Como sabe disso? - Diz em um sussurro

Depois te conto a história inteira, eu juro que conto - Ele está a ponto de dizer alguma coisa, mas falo antes dele - Vamos fazer um exame de DNA


*****


Itachi - Ouço a voz irritante de Izume, nem desvio meus olhos dos papéis a minha frente.

O que quer? - Digo seco demonstrando meu total desinteresse pela mulher parada na porta de meu escritório.

Querido - Fecho os olhos com força, enquanto ela caminha até a minha mesa a contornando - Não seja mal, estava com saudades de você - Ela põe as mãos em meus ombros começando uma massagem, a olho friamente e ela para a massagem

Já disse que não quero que me chame de querido - volto a olhar para meus papéis e mantendo o tom seco digo - E também já lhe disse pra não me procurar, quando precisar dos seus serviços eu mesmo lhe procuro - Ela se afasta de minha cadeira enquanto assino um documento.

Quem ouve você falar pensa até que sou apenas uma vádia qualquer pra você - Diz rude.

E é exatamente o que você é pra mim - Falo a olhando com tédio - Se era só isso já pode se retirar - Disco o ramal da minha secretária avisando que vou antecipar minha reunião para agora.

Como ousa me dizer isso? - Fala em fúria já parada em frente minha mesa, suspiro cansado.

Eu nunca lhe enganei Izume, eu queria sexo e você me deu - Me levanto da minha cadeira - Sabe muito bem que não é a única, e que tudo o que me interessa em você fica no meio das suas pernas - Me aproximo e ela ofega - Não vou negar que você é sim gostosa e uma boa amante - A analiso de cima a baixo e ela estremece apenas com meu olhar tão frio quanto meu tom de voz - Mas não passa disso, agora se me der licença tenho uma reunião pra ir.

Ela olha pra minha mesa e demora seu olhar no porta retrato que descansa ali, uma foto minha e de Sakura na maternidade com Sasuke. Ela olha pra mim mais uma vez e sai da sala, suspiro forte e vou para minha reunião.


•••••


Naruto aínda confuso abre e fecha a boca inúmeras vezes.

Se você tem tanta certeza assim que somos irmãos - Ele suspira pesadamente e me encara - Como você explica o fato dos meus pais não acharem nada sobre uma família da minha mãe, Sasuke - Ele põe a mão no meu ombro - Você é só dez meses mais velho que eu, isso o que você está propondo é praticamente impossível.

Abro minha boca pra lhe responder mas a fecho logo em seguida, respiro fundo me viro pra minha bolsa onde pego uma carteira de couro preta com o brasão da família Uchiha bordado. Vejo que Naruto me analisa atentamente o tempo todo, pego uma foto que levo em um dos compartimentos da carteira e entrego a ele que arregala os olhos de imediato.

Eu não tenho todas as respostas, nem sei o que aconteceu de verdade - Meus olhos se enchem de lágrimas - Pode até não ser ela - Minha voz falha - Mas também pode ser, eu sei que você entende o que é perder alguém - Ele me encara - Mas diferente de você eu não tive tempo com quem eu perdi, eu nem me lembro dela - Naruto segura minha mão forte e me interrompe.

Eu faço - O olhei de olhos arregalados - Talvez exista a chance da gente ser irmão - Sorri mas tem os olhos marejados - E se você realmente for meu irmão, saiba que vou ficar muito feliz com isso.

Nós abraçamos e sinto que agora finalmente vou ter uma chance de ter minha de volta, e ainda com um irmão de bônus.


•••••



" O aperto em minha cintura causado por suas pernas aumenta, aspiro aquele cheiro tão bom e me aconchego mais em seu abraço engraçado e familiar. Vejo o topo de sua cabeça coberta de fios rodados.

Amor, amor

Você está ouvindo?

Me pergunto por onde você andou toda minha vida

Eu acabei de começar a viver

Oh, amor

Você está ouvindo?


Por que você demorou tanto Ita? - Ela susurra em minha orelha.

Eu não sei amor - Nós olhamos - Senti sua falta - Aliso seu rosto e ela me sorri com o brilho de mil estrelas em seu olhar.


Quando você diz que me ama

Saiba que eu te amo mais

E quando você diz que precisa de mim

Saiba que eu preciso de você mais

Garoto, eu adoro você, uh-uh-uh-uuh

Eu adoro você, uh-uh-uh-uuh


Não mais que eu - Me beija, é um beijo saudoso e apaixonado.

Nós afastamos quando o ar se fez necessitado. Encosto nossas testas, abro meus olhos e vejo suas duas esmeraldas me encarando atentamente.


Amor, pode me ouvir?

Quando estou chamando por você

Eu estou assustada, oh, tão assustada

Mas quando você está perto de mim

Eu sinto que estou de pé ao lado de um exército

De homens armados, hey oh


Acha que seu pai se importaria de você dormir aqui? - Ela sorri com a proposta.

Sabe a resposta - Ri divertida com a careta que faço - Papai é muito ciumento com a sua princesa, que por acaso sou eu.


Quando você diz que me ama

Saiba que eu te amo mais

E quando você diz que precisa de mim

Saiba que eu preciso de você mais

Garoto, eu adoro você, uh-uh-uh-uuh

Eu adoro você, uh-uh-uh-uuh


Sei bem disso - Lhe dou um selinho demorado - Mas logo você será minha esposa, Sakura Senju Uchiha.

Não vejo a hora - Sua boca busca a minha e roçando nossos lábios digo baixinho.


Eu amo deitar ao seu lado

Eu poderia ficar lá eternamente

Você e eu fomos feitos pra ficar juntos

No sagrado matrimônio

Deus sabia exatamente o que estava fazendo

Quando me levou até você


Nós formamos esse ano, e depois disso seremos senhor e senhora Uchiha pra sempre - Ela sorri.

Sempre? - Concordo com a cabeça - Me promete isso? - Ônix contra esmeralda.


Quando você diz que me ama

Saiba que eu te amo mais (eu te amo mais)

E quando você diz que precisa de mim

Saiba que eu preciso de você

Garoto, eu adoro você, uh-uh-uh-uuh

Eu adoro você, uh-uh-uh-uuh


Prometo - Então a beijo.

~~~ Lembranças off ~~~


Itachi, você está ai? - Vejo minha mãe perguntar de olhos estreitos


Quando você diz que me ama

Saiba que eu te amo mais

E quando você diz que precisa de mim

Saiba que eu preciso de você

Garoto, eu adoro você, uh-uh-uh-uuh

Eu adoro você, uh-uh-uh-uuh


Só estava pensando... distraído talvez - Falo ainda um pouco aéreo

Eu vi - Ela exita por um momento - Era ela outra vez? - A olho afetado - Querido você não acha que...

Sasuke fez um amigo novo - A interrompo mudando de assunto, Sakura era a minha lembrança mais doce e também a mais amarga que tenho, sei exatamente o que mamãe irá dizer: não acha que está na hora de seguir em frente querido? Eu não preciso ouvir esse discurso outra vez e espero que ela entenda.

Magnífico - Sorri fraco aí perceber meu desconforto.

Esse realmente não foi um bom dia, penso cansado.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...