História A traição e o Beijo que trouxer e levou a Paz - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Festa, Inveja, Musica, Romance
Visualizações 11
Palavras 1.705
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Musical (Songfic), Poesias, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Não aguentei, tive que posta. Talvez vcs ser assustem mas esse vai ser o ponto crucial da história! De como todo pode acontecer tão rápido que vc nem cai saber o que tá fazendo. Fiquem com mas um cap...

Capítulo 2 - - Errado? -Sim, mas eu não me importo! Eu quero eu posso!


Que porra é essa ?!?!
- Miga calma, Pfvr!
- Michely?!?!

- cala a boca!!! Como vc tem coragem de fazer isso? Eu te amava, nos dois namoramos a 2 anos, 2 anos!!!!- falei já gritando- como vc teve a coragem?- falei sentando num dos bancos.- Rodrigo e nossas juras de amor? Elas foram pra onde ? Me fala o que eu fiz? É aqueles planos nossos de ir pra Londres e fazer faculdade e ter uma família? Onde foi que eu errei? Eu juro que eu apontei nosso amor pro céu, mas como ele foi cair no Inferno? Caralho !!! Vai torma no cú Rodrigo! Quer merda tu fez com o nosso namoro? Mano pelo último fio de respeito que eu tenho eu te Falo... Acabou!

- não Michely eu posso explicar, calma! Não é nada disso, eu posso explicar! Vc intendeo tudo errado ! Eu tava aqui trocando de roupa e ela entrou me agarrando e só tava eu aqui. Eu sou homem, eu nunca aí resisti! Eu nunca ia te trocar por uma vadia como...- A Fernanda se Exaltou e começou a gritar...

- Olhar eu posso até ter culpa nisso mas não sou nenhuma vadia não!! E outra nos estamos a escondidas a 1 ano e vc lavando chifre esse tempo todo! eu só posso rir e da cara do Rodrigo...(ela começou a rir e bater palma)Pq Não querendo limpar minha barrar mas eu nunca tinha ti visto e pra mim eu tava fazendo um favor pra ele, pq do geito que ele me falava de vc, tu era só uma Puta barata,muito feia e Mal educada! Ele sempre falou isso é então não jogar a culpa só pra mim senhor Rodrigo! É desculpa mas tu perdeu uma menina Muito gata (ela apontou pra mim)! E sinto em ter dizer mas a "Vadia" aqui vai em bora e vc vai ficar sozinho pq eu não admito que me xinguem não! E pelo único frascos de Amor próprio que eu tenho...Eu te peço desculpa Michely! - É ela foi em bora deixando um Rodrigo estático.

-Michely...

- não me dirija a palavra Seu Desgraçado!! Como vc pode falar disso de mim ? E como poder xingar essas ela? Por mas que ela não tenha sido rocoreta ,vc não tem direito! Olha eu pensei que ter conhecia, mais acho que eu me enganei!

-Michely para,Pfvr! Eu sei que eu errei mas pfvr entender que eu sou Homem! Mais principalmente que eu te amo!- Aquilo foi de mais pra mim eu não aguentei e dei um tapa na cara dele.
- Calar a boca! Calar a boca !! Quem ama não trai! Me desculpa mas acabou a única esperança que eu tiver que talvez a gente pode - se ainda se amigo... vem Gaby, vamos em borar!

- Não my, espera!- ele gritou quando eu já tava na porta. Eu só virei e mostrei um belo dedo do meio pra ele . Como era hora da saida eu só corri pra minha sala de aula. Eu tava correndo tão rápido que eu nem via onde eu tava só fui repara quando eu senti uma dor na perna. Eu tava em cima de um menino. Eu fiquei olhando pra ele por uns segundos, ele era bem bonito tinha os verdes misturados com azul o cabelo preto como a noite e usava um óculos que combinava com ele. Ele era tão lindo é fascinante que parecia que o tempo tinho parado. Até que eu me toquei de que eu tava em cima de um desconhecido. Me levantei e ajudei ele a se levanta.

- É me desculpa, eu não tivi. Tava muito distraída, perdão.- respondi enxugando os olhos.

- Não tudo bem! Não se preoculpa é ... - ele apontou pra mim com uma cara de Interrogação.
- Ahn ...Meu nome é Michely mas pode me chamar de My como todo mundo.

- Prazer Michely meu nome é Sandro!

- Prazer! Mas uma vez me desculpa, eu não sou distraída assim só que eu tô tendo um dia difícil.- Abaixei a cabeça.

- sei como é ter um dia difícil... mas não precisa ser explicar.- Ele respondeu carinhosamente. Eu olhei pro outro lado do chão e vir que que tinha alguns livros no chão provavelmente dele me Abaixei recolhendo-os e entregando a ele.
- Toma, acho que são seus!- falei já entregando os livros a ele.

- É, são sim! É... - eu tava conversado com ele quando percebi que o Rodrigo e a Fernanda passarem abrasados pelo corredor. Foi impossível não chorar.- Ei o que foi?- ele me olhou e por impulso eu me joguei não praços dele chorando no seu peito. Ele me acolheu nos seus braços me abraçado. Nunca senti isso com ninguém, mas nunca me senti tão... tão...Acolhida, protegida e por incrível que pareça...Amada. Ele me olhou amigavelmente e eu me deixei me leva por aqueles olhos que me acalmavam de uma maneira que eu não sabia explicar. E quando eu me toquei estava experimentando um doce que eu nunca tinha experimentado. Eu provava seus lábio... era um beijo calmo e doce. Eu sabia que era errado pq eu tinha acabado de conhecê-lo e não deveria está fazendo aquilo mas por incrível que pareça só me separei dele quando já estávamos com falta de ar. Depois de um tempo olhando pro chão me toquei do que eu havia feito. Ai meu Deus o Que eu fiz?? Me separei dele é olhei nos olhos dele nunca fiquei tão envergonhada dava pra sentir minhas Bochechas Quentes.

- Aí meu Deus!! Me desculpa eu não... Aí o que eu fiz?! Me.. me ..me des..Descu.. Desculpa!- ele sorrio pra mim e começou a coça a nuca.

- Bom eu que te beijei então desculpa...- ele me olhou envergonhado.

- É ,mas eu asseitei.- Olhei pra traz e vi o Rodrigo. Ele tava vindo na nossa direção!!

- Parabéns(ele veio rápido batendo palmas com uma cara de sinico)!! Acabou de terminar comigo e já tá se pegando com outro... Beleza. E eu ainda tive a coragem de dizer que quem era vadia era a Fernanda. Tu quer e uma vadia !!- Eu olhava pra ele assustada e chorando muito.- Vai me conta "my" quem é esse nada que tu tava se Agarrando?!- Ele segurou meu Braço e aí eu comesei a chora mais. 

- Me soltar!! Pfvr para!

- Aí cara, legar ela! Vc não tem vergonha? Ela só é uma menina, vai brigar com alguém do seu tamanho!- Ele falou apontando o dedo pro Rodrigo.

- Ei seu merda não se mete!!! Eu tô falando com ela!

- O merda aqui e vc !!- o Rodrigo olhou pro Sandro por alguns segundos e deu a volta mas depois virou com tudo e seu Um soco muito forte nele. Eu fiquei desesperada. Me meti na frente deles e comesei a grita

- Para Rodrigo! Vai em bora e não faz nada com ele o problema é nosso!!- peguei as coisas do Sandro que tavam no chão e ajudei ele a se levanta. Nos formos saímos da escola e eu levei ele até uma praça deixei ele sentado no banco e fui à farmácia que ficava na frente da praça. Fui logo e voltei com alguns remédios.

- Olha toma esse remédio aqui, e pra passar a dor.- Paguei o remédio e minha garrafinha com água e dei pra ele. Ele tomou e me devolveu a minha Garrafa. Eu comesei a fazer um curativo nele...
- Aí tá doendo!- ele começou a resmungar.

- Mais eu preciso fazer o curativo pra não inchar!- Falei com um ar de Risada.

-Tá!- Ele falou se Redendo.- Ei pq vc tá me ajudando se vc nem me conhece direito?- ele perguntou de pós de alguns estantes.

- Primeiramente pq vc me defendeu, coisa que foi muito nobre, Segundo vc levou esse soco por causa do meu Ex-namorado e Terceiro pq a gente se Beijou e eu não sou o tipo de menina que beija alguém e cai fora.- Ele me olhou por alguns segundo.

- hum... vc não acha estranho a gente te se beijado?

- Sim,muito!- comesei e rir e ele também.

- O mas estranho e que a gente se conheceu tipo, hoje!

- É,Realmente. Bom... Eu já terminei o seu curativo. Então vc já tá liberando(Riso)! E me desculpa mas uma vez por causa disso(Apontei pro seu rosto) e por causa do ...Beijo.

- Como eu te falei Não precisa ser desculpa! E já tá tarde e melhor a gente ir. - olhei pro tempo e percebi que realmente estava tarde

- Eu não sei o pq mas eu... Eu...olha eu sei que vou me arrepender mas quando eu quero uma coisa eu Fasso então... - olhei pro chão e pensei " quer saber? Eu quero é eu posso aliás eu tô separada é não tenho nada a perder. E também eu não vou mas ver ele, então..." Eu só pulei no pescoço do menino e tô nem aí !! E sou abusada mesmo! Beijei ele com desejo e ferocidade. Ele se assustou de início mas retribuiu. E de novo a sensação de está provando doce. Ele vicia mas quer Nicotina tu é doido ! E por isso eu precisava botar um ponto final nisso, eu não podia machucar ele é nem eu! Ele só foi diversão e passa tempo,Certo (tá eu sei que não é só isso,mas ...)?. Nos beijamos por muito tempo, só depois de um tempo quer percebi que tava no colo dele (Aí meu santo Brasil!!). Depois de quase morrer por falta de ar eu me levantei do colo dele tampando seus olhos com as mãos. E me aproximei do ouvido dele e disse "- eu sei que nos conhecemos a pouco tempo, mas ja fizemos o que fizemos, foi bom, mas eu não posso isso não avançar isso. Infelizmente não... desculpa." E foi em bora...

- Essa garota apareceu do nada e já fez minha vida vira do lado avesso. O que vc tá fazendo garota?- foi a última coisa que eu ouvi ele falar.

Contínua?? 


Notas Finais


Espero que tenham gostado! Vc devem tá falando: Isso não aconteceu rápido de mais? Bom sim! Mas, isso vai se de estrema importância! Mas tem muita água pra rolar então só acompanhem! Bjs e boa noite


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...