1. Spirit Fanfics >
  2. A troca dos príncipes >
  3. A troca dos príncipes - parte - 29

História A troca dos príncipes - Capítulo 30


Escrita por:


Notas do Autor


Boa tarde!
Obrigada a todos que me ajudaram chegar até aqui.
😘😘

Capítulo 30 - A troca dos príncipes - parte - 29


Capítulo 30- A troca dos príncipes - parte - 29

As servas do castelo, juntamente com Sara, e a senhora Higurashi, ajudava as duas jovens noivas.

As meninas sentia-se ansiosa a cada passo que seu penteados era feito especialmente para a ocasião.

Os fios castanhos era enrolados cuidadosamente a maneira que se formava um lindo coque no topo da cabeça sendo preso por presilhas com detalhe colorido.

Os rostos da jovem por não acabar com o semblante harmonioso, foram pinceladaos por experientes maquiadores do castelo deixando-os olhos no destaque perfeito, diminuindo a tonalidade nos lábios deixando apenas um brilho e a coloração rosada.

Com os cabelos pronto e maquiagem, levantaram dos assentos para por o kinomo.

Cuidadosamente as camadas iniciaram com as meias branca, o kinomo branco feito de algodão e amarado com um cinto, colocado no pescoço um lindo colar feito por Totousay, por último seus olhos brilharam ao receber em seu corpo um pesado kinomo bordado especialmente para a ocasião, sendo preso por obi.

Seus delicados pés receberam zori.

Caminharam a frente do espelho, seguraram a emoção para não borar a maquiagem, as duas jovens ficaram extremamente lindas.

- Estão lindas minhas meninas. Elogia Senhora Higurashi feliz.

Não demora aparece Satory elegantemente com duas tiara em mãos.

- Para completar, trouxe esse presente para minhas futuras Princesa.

As duas jovens, feliz, aceitaram, durante esse tempo tudo que sonharam era ficar juntinho com seus amores.

No outro andar do castelo, se arrumava dois jovens, ambos estava ansiosos, fazendo os servos várias vezes tentar arrumar o cabelo que não ficava no coque frouxo.

Impaciente Jaken ordenou que ficassem quietos, quem se atrasa é a noiva, não o noivo, acabou levando um cascudo de InuYasha, porém compreendeu.

Aceitaram então, optar a deixar os cabelos presos em um rabo de cavalo alto.

Os noivos vestiram um quimono preto de seda que leva o brasão da família Taisho e meias pretas compridas, não demora Jakem entrega a gravata branca para o servo ajudar Sesshomaru e InuYasha.

- Meu príncipe vai se casar! Fala Jaken sentando e já ficando emocionado.

- Estão lindos meus pequenos, suas noivas vão apreciar. Responde Izayo entrando no quarto limpando as lágrimas que teimava em cair.

O salão da festa estava repleta de youkai e humanos, o ambiente mostrava feliz, cordialmente, Satory desceu juntos com os anciãos para iniciar a cerimônia.

Todos ficaram em silêncio, fizeram as reverência, Satory ordena que levante-os.

Olhando para as crianças e adultos, a youkai iniciou o procedimento de aprrsentar os novos Príncipe e Princesa para firmar a união com o sacerdote que aguardava próximo a um altar do trono do reino.

- Como todos sabem, hoje iniciamos um novo ciclo, com muito esforço e determinação, esse quatros jovens humanos e youkai venceram a distância, a intriga, desunião, e a guerra, deixando o amor vivo para lhes guiar no melhor caminho.

- Respeitosamente, reverenciei os Príncipes e as Princesas.

Todos presente ao salão, fizeram a reverência ao ver entrar pela porta do salão, em passo firmes porém leves, sincronizado os quatros jovens com sua postura invejável e olhar penetrante, mas demostrando o como estão felizes pelo momento.

Caminharam até o ancião, reverenciaram, para depois receber as coroas.

- Príncipe InuYasha Taisho!

- Príncipe Sesshomaru!

- Princesa Kagome!

- Princesa Rin!

- Recebendo esa coroa, esteja ciente do seu dever perante a seu povo.

Assim que a parte da coroação termina, os anciãos firma a aliança fazendo ambos os jovens casais tomar o saquê compartilhado e a marcação realizada.

Rin sentia seu coração fora do compasso quando segurou a mão de Sesshomaru após terminar todo o processo.

Sesshomaru tentou acalmar, mas ele também, não cabia em si de amores pela sua pequena humana.

InuYasha ficou todo corado, quando segurou a mão de Kagome depositando um cálido beijo.

Kagome desviou o olhar para não ficar corada, mas suas pernas falharam, fazendo InuYasha, envolver os braços ao redor da cintura para apoiar.

Como manda o figurino, os noivos saiem da festa antes do término.

InuYasha guiu sua noiva até seu quarto que foi preparado para ocasião.

O quarto ficou mais afastado de todos para dar privacidade.

InuYasha pega Kagome de surpresa ao erguer seu corpo e envolver em seus braços.

Os olhares se cruzaram, a cada passo que InuYasha dava para dentro do quarto, seus corações jovens apaixonados aumentaram os batimentos cardíacos.

- Eu te amo. Ambos falam em uníssono.

Cuidadosamente, deposita o corpo de Kagome no futon, InuYasha sem deixá-la assustada, deita tomando seus lábios de maneira lenta.

Aos poucos iniciaram as preliminares, despindo as camadas dos sofisticado tecido, cada um contemplou o corpo um do outro, já estava ciente do que acontecia, por serem avisados por Satory sobre o momento íntimo.

Kagome respirou fundo tentando conter o grito com a dor lhe surgida, aos poucos as sensações íntimas, e o fogo da paixão de ambos deram uma maravilhosa troca de experiências e sabedorias declarando seu amor em cada investida, em cada gemidos, em cada carícias, cada beijo trocado, cada puxão de cabelo, cada vontade de libera o que sufocavam, assim InuYasha e Kagome termina seu ato íntimo de maneira acalorada aliviando com seu orgasmo.

- Foi maravilhoso InuYasha! Te amo muito! Fala Kagome acariciando o peitoral de InuYasha.

No quarto com Rin e Sesshomaru, ambos estavam testando a nova posição que o youkai pediu após iniciar mais uma jogada de puro amor.

Sesshomaru, ajudava Rin a cavalgar com cuidado, enquanto apreciava os mamilos enrijecido da morena, sabendo que não aguentaria muito, ambos se abraçaram com mais intensidade , e o beijo aplacou o grito rasgando a garganta de Sesshomaru por ter deixado sua fera lhe dominar.

Com a respiração acalmando e sua fera adormecendo, Sesshomaru, aninhou Rin em seu peitoral, afagou os cabelos da morena, até se declarar.

- Eu te amo minha pequena.

- Eu também, Sesshy!

Aos poucos o sono levaram os quatros corações apaixonados para seus sonos perfeitos.

O salão da festa estava vazio e Satory, Izayo, Sara e Senhora Higurashi, sentada próxima a mesa tomavam o saque, enquanto conversava o rumo de suas vidas.

- Sabe que as portas sempre vão está aberta para vocês! Sinto-me feliz em saber que nossa amizade é recíproca. Fala Satory sorvendo o líquido.

- Sei que é muito ocupada, mas não deixe de mandar notícia para nós. Fala Izayo encarando Senhora Higurashi.

- Pode deixar! Nesse tempo de guerra, não podemos deixar os amigos. Responde Sara encarando Satory.

- Partiremos amanhã cedo! O bom que Sesshomaru pode nós levar. Fala Izayo terminando de beber o saquê.

O clima no castelo dia seguinte, foi de total alegria, todos sabia que apartir dali suas vidas ganharia outros rumos.

Satory quebrou o protocolo de mulher fria, abraçou Sara, Izayo, e Rin. Encarou para Sesshomaru dando um abraço e entregando uma das espada que foi de seu falecido Inu noTaisho.

- Desejo boa viagem! Fala a youkai deixando sua mente levar as lembranças que passou com o grupo.

InuYasha surgiu abraçando Sesshomaru, desejando felicidades.

- Estou feliz em te conhecer irmão, apesar de nossas desavenças, se precisar, sabe onde me encontrar.

Sesshomaru aceitou o abraço.

- Obrigada irmão! Digo o mesmo.

Os corações de Izayo e Satory, pularam de felicidade, seus filhos unidos, tudo que pediu quando descobriu que era meio irmãos.

Rin abraça Kagome,  depois InuYasha, não demora os orbes dourados da youkai ver ao longe o cão branco sobrevoando os muros do castelo.

Suspira, olha para InuYasha e Kagome, sabia que apartir dali suas vidas mudaria.

Ao longe Izayo avistou o grande feudo que teve que fugir para criar seu filho, ela decidiu não tomar pose como Satory lhe pediu, causando estranhaza em Sesshomaru, pediu para seguir para sua cabana.

Concordando, após algumas horas, Sesshomaru pousou no meio da floresta, desfazendo sua transformação, caminharam até o vilarejo onde cresceu com sua amada, a cabana que morava com sua mãe, continuava intacta.

Alguns moradores correram para desejar boa vindas.

Izayo e Sara sentiram seus corações em paz, sabendo que agora poderá viver sem medos ou trauma do passado.

Com olhar cúmplices, Sesshomaru e Rin deram uma fugidinha para seu lugar secreto.

Ali mais uma vez se amaram e juraram amor eterno.

Dois anos depois, Satory recebe um pergaminho lacrado, sentada em seu trono abre, seus olhos se transborda de alegria.

Izayo lhe escreve contando e convidando a princesa do Oeste a conhecer seu Feudo, criado com ajuda de Sara e seus filhos, não queria nada que remete-se o passado doloroso, explicou a desistência do antigo feudo da família.

Ao terminar de ler o pergaminho, Satory sorri satisfeita, levanta do seu trono e avisa seu servo Jaken.

- Prepare as coisas, visitaremos o feudo da princesa Izayo, avise o príncipe InuYasha e a princesa Kagome.

Seus olhos transbordam um brilho intenso, o coração se aquece, o amor é algo sublime, independente das circunstâncias, sempre há um tempo para visitar os amigos e família, não deixe o que pode te fazer feliz para depois, pois o que te agrada não deixe escapar.

Novas aventuras.


Notas Finais


Muito obrigado a todos.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...