História A vanguarda da zoeira - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Apenas Um Show, Hora de Aventura, No Game No Life, Sword Art Online, Undertale
Visualizações 3
Palavras 773
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Bishounen, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Festa, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Romance e Novela, Saga, Shonen-Ai, Shounen, Universo Alternativo, Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá!!! aqui é aquele que renasceu das cinzas pra trazer cap novo para vocês, felicidade não? Como sempre pessoas, música no fim do cap, bom... até as notas finais e bom proveito!!! Ah e desculpe por demorar pra trazer cap novo, eu tinha esuqecido, mas agora eu vou tentar trazer com mais frequencia

Capítulo 4 - O piquenique


(Bonniebel PoV)

   Eram 00:00, Marcy estava dormindo e eu estava assistindo uma série chamada “how to get away with murder” quando eu ouvi um barulho de rangido de madeira e percebo que Marcy está acordada- Bom dia Marcy, dormiu bem? -pergunto mesmo sabendo a resposta- Sim, só estou um pouco doída de ontem. E você? – ela pergunta massageando o olho- É, o mesmo, vamos fazer o que hoje Marcy? Eu tô precisando de movimento- falo fazendo carinha de cachorro pidão- hmmm, que tal uma caminhada pelas montanhas? Podemos fazer um piquenique por lá, o que você acha? – ela pergunta meio sonolenta ainda- acho que gostei da ideia, eu vou voltar pra casa e você me busca umas 16 horas, pode ser? – pergunto procurando minha camiseta no chão do quarto- ok, vamos tomar café antes de qualquer coisa né? Acho que a senhorita Bonniebel está com fome né? – ela pergunta com um ar irônico- heh, você me pegou Abadeer, vamos tomar café então- eu falo e ela ri.

 

~quebra-tempo~

(Marceline PoV)

Vou aproveitar que são 14;30 da tarde e vou comprar umas coisinhas pra ela hehe, como por exemplo doces, principalmente chocolates, ela ADORA chocolate(e morangos mais, isso eu vou guardar pra outra coisinha(aquela carinha)),um urso de pelúcia e um anel, bom é bom torcer pra não encontrar com ela aqui né?

~quebra-tempo (de novo) ~

Eu estava na frente da casa da Bonnie e eram 16:30, sim eu me atrasei, mas foram só 10 minutos, e ela que não aparece... ah, aí vem ela- hey Bonnie, como vai? – pergunto- ah, eu estou bem, vamos? – ela pergunta- sim, mas primeiro tem uma coisa pra você no banco de trás do carro- digo e ela franze a sobrancelha. Ao olhar ela encontra um urso de pelúcia e uma dúzia de chocolates (N/A: O anel está no bolso dela numa caixinha preta, pros curiosos de plantão) – WOW, Marcy, pra que isso, não íamos fazer uma caminhada pelas montanhas? Cadê as águas, a cesta de piquenique e o resto? – ela pergunta maravilhada e ao mesmo tempo confusa- ah isso? Tudo está no porta malas, as bebidas e águas estão num cooler também no porta-malas- digo respondendo suas perguntas- então... Vamos? – pergunto para a rosada que assente com a cabeça positivamente- então vamos.

~quebra-tempo~

Chegamos ao pé da montanha, eu estava levando a cesta enquanto a Bonnie levava o cooler, sério, ela é mais forte do que parece, estávamos andando quando a Bonnie cansou, é... parece que ela tem pouca estamina, enfim, eu peguei o cooler e dei a cesta para ela, bom, pelo menos ela aguentou até o ponto final da nossa caminhada, era o lugar com a melhor vista do país, na minha opinião claro; nós montamos o nosso piquenique e começamos a comer.

(Bonnie PoV)

Nós estávamos conversando bastante, eu estou amando cada momento desse dia;
Era 18:30 a vista era divina de tão bonita quando a Marcy me chamou- Bonnie, quando eu te conheci a 10 anos atrás eu não entendia o que eu sentia, eu sentia uma atração incrivelmente forte por você, desde o dia que eu te conheci, mas, apenas depois de 3 anos, exatamente no 5° ano eu finalmente descobri o que eu sentia por você, agora ainda depois de 6 anos a minha ligação com você ficou ainda mais forte, o que eu quero dizer é que- nesse momento eu chorava de emoção- olha Marcy, eu também tenho que lhe confessar uma coisa, no 1 ano que eu te conheci não, mas do segundo em diante eu percebi algo também, algo tão forte quanto o que você sentiu, mas eu já sabia desde o primeiro dia que eu te conheci, que eu... eu... eu... eu te amo Marcy- eu disse já chorando- que alivio que você não me odeia por isso, porque eu tenho ainda outra coisa pra dizer- Marcy respirou fundo, tirou uma caixinha preta do bolso e perguntou- Bonniebel Bubblegum, você aceita namorar comigo? – ela pergunta abrindo a caixinha revelando um par de anéis com fitas amarradas, uma preta e uma rosa, e eu já estou chorando de alegria e emoção ao mesmo tempo- sim, Sim, SIM, SIM!!! Eu aceito namorar contigo Marcy!!! – ao terminar de dizer isso, ela coloca o anel preto no meu dedo e eu coloco o anel rosa no dela, depois disso nós selamos nossos lábios mais uma vez, mas dessa vez é um sinal de uma união eterna.

~quebra-tempo~

Já estava totalmente escuro, eram 21:30 da noite e Marcy tinha me deixado em casa, ainda não acredito que eu estou namorando com ela, mas de uma coisa eu sei, isso vai ser incrível.


Notas Finais


Olá de novo amiguinhos, tudo bem? segue em anexo o link pra musica do cap, ok? Abraço!!!
música:https://www.youtube.com/watch?v=jLSUSJ4qKMc


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...