História A vida de Heather Chandler - Capítulo 2


Escrita por:

Visualizações 2
Palavras 464
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Ficção Adolescente
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 2 - Capítulo 2


Querido Diário

19 de setembro de 1989

Faz duas semanas que Verônica está conosco. Nisso, foram prescrições falsificadas, passes livres e VÁRIOS bilhetinhos falsos. Devo admitir que minha vida tem ficado mais animada com essa coisa de fingir caligrafias.

Porém, hoje foi um dia especial.

Ontem, falando com Heather sobre pessoas gordas e como elas deviam emagrecer, ela me disse que Martha Dumptruck era apaixonada por Ram Sweeney desde o jardim de infância. Tipo, COMO eu não sabia disso? Estava aí uma prova para nossa Veroniquinha no almoço. A abordei na nossa mesa oficial e, esse foi o diálogo que eu me LEMBRO de ter acontecido.

"Verônica, tenho algo a te propor!"disse a ela, animada

"E o que seria? Mais um bilhete falso?" ela respondeu, entediada

"sso! Quero que escreva um bilhete na letra de Ram Sweeney,convidando uma garota para a festa dele nessa sexta. Tem que ser bonitinho, mas também safado." cochichei

"Já já eu faço, vou só terminar de comer." falou ao colocar mais uma garfada de almôndega na boca. Eu estou de dieta. Detesto a comida da escola.

Eu já imaginava a cara de tonta da Martha vendo o bilhete. Aquela garota não cansa de ser idiota.

"Repita tudo o que falar, tudo bem?" Perguntei por educação. Ela teria que fazer de um jeito ou de outro. Ela assentiu

"Olá gata! Estava te observando e comecei a pensar nos velhos tempos. Espero que possa vir na minha festa de reencontro essa sexta. Sinto sua falta, Ram."

"Ah, e coloca Beijos e abraços depois da assinatura. Isso, assim mesmo"'

"E isso aqui vai para quem?" ela perguntou

"Eu meio que descobri que Martha Dumptruck é apaixonada pelo Ram Sweeney. Isso aqui vai ser ótimo para sexta a noite" peguei o bilhete de sua mão" Não é mesmo, Heather's?"

"Isso vai dá-la um material IMENSO de masturbação no chuveirinho para essas semanas!' Heather Duke falou

E ainda me perguntam porque eu a detesto

"CALA A BOCA HEATHER!" gritei

"Desculpa, Heather" disse em um fio de voz

"É só uma brincadeirinha, Ronnie! Ela supera"-Heather acrescentou

Verônica estava com uma de suas piores caras. A cara de quem tinha que escolher a que lado ficar: o dos idiotas, ou o dos populares.

"Kurt! Ram!" os chamei" Garotos, por favor, poderiam entregar essa carta para a Martha Dunnstock? "

" Urgh! Desde quando você fala com ela? "disse Ram

"É, ela é super estranha" disse Kurt

"Ela estava com alguns probleminhas e eu pedi ao meu ginecologista a ajudar"menti

"Argh!" disseram ambos em coro

Verônica, então, tomou o bilhete das mãos dos garotos. Ela, naquele momento, pediu guerra. Então, tivemos guerra. 

Ninguém jamais contraria Heather Chandler

Mas, como está muito tarde, eu conto depois. E não é que essa coisa de escrever vicia?

 


Notas Finais


Oiee, espero que tenham gostado. Se gostaram, favoritem e comentem o que mais gostam pq eu amaria saber e conversar com vcs. bjsss


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...