História A vida fora do campo - Capítulo 20


Escrita por:

Postado
Categorias Inazuma Eleven (Super Onze)
Personagens Afuro Terumi (Aphrodi), Atsuya Fubuki, Endou Mamoru, Fuyuka Kudou, Haruna Otonashi, Ichinose Kazuya, Kazemaru Ichirouta, Kia Hiroto, Kidou Yuuto, Midorikawa Ryuuji, Natsumi Endo, Shirou Fubuki, Shuuya Goenji, Someoka Ryuugo, Tachimukai Yuuki, Tobitaka Seiya, Tsunami Jousuke, Utsunomiya Toramaru
Tags Inazuma Eleven(super Onze)
Visualizações 17
Palavras 854
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, LGBT, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


oiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii
oi gente , olha eu aqui di novo
ta parei , amo voçês
espero que gostem
ate logooo<3

Capítulo 20 - No quintal do vizinho


kido on 

- é isso!!!!

hiroto- isso oque?

-pensa só, o jean acabou de se mudar parar o brasil, fubuki era seu namorado , logo apos fubuki sumiu , então....

endo-  fubuki deve ter ido atras dele, é claro.

no outro dia nos reunimos com o tecnico kudou para falar sobre a possibilidade de fubuki ter ido para o brasil.

-isso é totalmente equivocado , disse o tecnico kudou com a cabeça meio baixa 

-por mais que fubuki esteja sofrendo , não seria possivel conseguir viajar para o brasil em tão pouco tempo.

kido- então , onde ele pode estar , ja olhamos por toda inazuma e nada.

kudou- ja tentaram o telefone de jean.

hiroto- ja , apenas caixa postal.

kudou- não temos ouitra opção , vamos ter que substitui-lo.

hiroto- mas , nos de pelo menos mais um dia.

kudou- apenas mais um dia.

dessa forma , tinhamos apenas 24 horas para achar o fubuki caso contrario , poderia ser desistencia total.

enquanto isso 

seja bem vindo ao brasil senhor fubuki.

fubuki on

ok , ok , eu , sei , não era para eu estar aqui , porem , eu sou rebelde , agora eu tenho que achar um taxi.

- ei taxi , pode me levar a esse endereço?

- claro , apenas 60 reais.

o carro desbravava o grande oceano verde conhecido como manto brasileiro , era lindo , simplesmente isso.

o taxi estacionou na frente da grande mansão , com todo o medo do mundo , toquei a campainha e esperei.

- um som de escadas soava entre as paredes da casa e log em seguida a porta se abriu.

-pois não?

era ele , estava lindo como sempre , parecia mais que fazia uma eternidade que não o via , e mesmo assim me lembrava de cada marca de expressão em seu corpo.

sem reação , o agarrei , o abracei e pude sentir a tranquilidade e a segurança que seu corpo passava.

- é me desculpe , mas por que o abraço?

- como assim , por que o abraço?, não se lembra de mim?

-desculpe ,mas acho que nunca te vi na vida.

- por um momento meu coração quebrara , ao ouvir aquelas palavras.

- Ryan? , quem esta na porta?

- não sei , é um mlk meu louco da cabeça , deve ser algum fã seu, por que não vai la ver.

jean se aproximava da porta e.

-fubuki?

-jean? , é mesmo voçê?

- claro que sou eu bobo.

altomaticamente nos beijamos , a felicidade entre nos dois era imensa , o mundo parecia ter parado , aquele momento poderia durar para sempre que ninguem iria reclamar ,por uma fração segundos podiamos nos sentimos vivos de novo.

-oque voçê faz aqui? 

- vim te ver , por que voçê é a razão da minha vida jean abataky.

-owwth , que lindo , disse ryan que assistia tudo da escada mais a fundo da casa.

- quem é ele mesmo?

- hamm, por que não entra fubuki.

um tempo depois

- ual , quanta coisa para assimilar , mas o importante é que voçê esta bem, e eu queria te entregar isso.

- meus oculos , onde estavam?

- com toramaru

- ha , é claro.

- jean 

-- fala ryan oque foi?

- o pai chegou , o fubuki tem que sair daqui , agora.

- eu vou pelos fundos , vou estar em um hotel a alguns metros daqui , fale comigop assim que puder ,

- fubuki espera 

...

- eu te amo

- tambem te amo.

.. , aporta se abria , o sr abataky adentrava a casa junto ao seu fiel escudeiro aquiles.

- boa tarde meu filho querido.

sem responder , apenas subi para o meu quarto.

- Ryan venha aqui , precisamos conversar.

- ja estou aqui ,sobre oque temos que conversar?

- preste atenção Ryan.

endo on 

( telefone)

olha gente , é o fubuki 

- fubuki?

- ola capitão , como estão as coisas?

- fubuki , onde você esta? estamos preocupados

- não se preocupe capitão , voltarei em breve.

(chamadada encerrada)

 hiroto- então endo desembucha.

- ele disse que esta bem , e que voltara em breve.

kazemaru- ufa graças.

despois disso , todos foram embora e puderam dormir sabendo que fubuki estava bem , exceto endo , que encarava o telhado de seu quarto , questionando-se 

por que isso , oque é esse sentimento , por que esse encomodo me persegue noite apos noite.

-não se preocupe capitão , tudo vai passar.

 -ka..kazemaru

- boa noite capitão.

-como voçê entrou aqui.

kazemaru se aproximava cada vez mais da minha cama.

- eu gosto de agir mais e perguntar menos endo.

endo , endo , ENDO , ENDO

-endo acorda.

acordei e estava no campo , meio nauseado , com uma pequena dor na barriga.

- esta tudo bem endo ,aquela bolada te apagou. 

- ka.. kazemaru , esta tudo , tudo bem sim , foi apenas um susto.

- venha vou te levar ao banco , vai ficar tudo bem.

 


Notas Finais


eai , endo e kazemaru hemm, sei não , oq sera que vem por ai
espero que tenham gostado
sugestões
até o proximo cap <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...