História A vingança é doce, Mas o caos é um Prêmio! - Yoonmin - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Amor, Comedia, Jikook, Jimin, Jung Kook, Min Yoongi, Namjin, Suga, Taehyung, Vkook, Yoonmin
Visualizações 133
Palavras 439
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Lemon, Romance e Novela, Saga, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


COF COF COF COF COF
Oi

Capítulo 1 - 1. Park o chifrudo


Se tem uma coisa que eu nunca imaginaria depois de tantos anos nessa indústria vital, era que eu teria dois par de chifres na cabeça em plena sexta-feira.

Pelo simples fato de eu estar correndo o risco de levar uma multa em plena Seul por causa de uma Traição, já faz de mim, um troxa de primeira linha.

Digamos que eu sempre desconfiei da relação de "amizade" de jeon, isso inclusive arrancava muitas brigas e eu me achando paranoico de mais.

MAS ACONTECE QUE EU NÃO ESTAVA SENDO PARANOICO, E SÓ NÃO VIA A REAL POR SER TROXA DEMAIS POR JEON JUNG KOOK.

Tudo oque eu queria era contar que havia novamente ganhado nos tribunais e sair comemorar como sempre faziamos, mas era óbvio que tínhamos que ter brigado no dia anterior e ele estaria na casa do Taehyung e não na minha cama.

Eu sabia que tinha algo de errado, isso era meio óbvio! Mas queria muito acreditar que era meu fogo no cu, e mais uma paranoia.

A gente trabalhava na mesma empresa, que inclusive era a do meu irmão. Tínhamos um namoro estável com algumas discussões mas nada que levasse à esse viado me trair na cara dura.

Eu fiquei plantado na porta da casa do Kim uns 5 minutos esperando eles atenderem a maldita porta, que só faltava eu meter o chute. Eu até teria feito isso, mas a maldita tava aberta, com certeza esses retardados estavam na frente do videogame e esqueceram de trancar aquela merda antes.

Bom, eu realmente tava achando que esse era o motivo, até os gemidos bem audíveis serem ouvidos da sala de estar.

"Por favor seja o Kim vendo um porno qualquer do Red tube" - só que o porno tinha que ser muito bom para conter gemidos que apenas eu conhecia tão bem.

O caminho por aquele corredor até o quarto nunca foi tão longo, e na hora em que abri a porta a visão era ainda pior. Sabe quando você sente seu peito sendo despedaçado por ver o crush cantando outra? Ah minha cara... O meu nem tava mais aqui pra contar história. A budega tava só o pó no peito.

Enfim, rolou toda aquela cena do jeon broxando na mesma hora, catando umas roupa e tentando se explicar e eu não deixando demonstrar o abalo, saindo como a diva plena que eu sou pela porta e entrando no carro com ele batendo em minha janela sem parar.

Eu estava sim sabendo lidar com a traição, eu juro! Passei meu luto inteiro belo e pleno chorando no meu quarto a noite inteira até que o despertador indicasse que era hora de ir trabalhar. 


Notas Finais


COF COF COF

"Estou reescrevendo a história"

Banquei a esfinge, taquei esse enigma.
E sai bancando a egípcia


BAY


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...