História A volta na cidade - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Agatha, Alexy, Ambre, Castiel, Dakota, Debrah, Iris, Leigh, Li, Melody, Nathaniel, Nina, Personagens Originais, Rosalya, Violette
Visualizações 89
Palavras 561
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 5 - Noite com cassy


Fanfic / Fanfiction A volta na cidade - Capítulo 5 - Noite com cassy

Nos saimos do bar e caminhamos até a casa dele eu estava com muito frio na barriga parecia que era a primeira vez que nós iremos passar uma noite juntos nós caminhamos até a casa dele sobre nós passar dentro de nossas vidas depois da minha mudança cada palavra que eu falava pra ele  apertava mais o meu coração meus olhos cheio de lágrimas por ter falado dificuldade de ter esquecido ele ele ficou bem sem graça Estávamos falando sobre esse assunto

Chegando no apartamento dele é o mesmo endereço não mudou nada incrível

Quarto tá muito mais a cara dele tá incrível mente dele a gente tá numa energia bem boa entre nós parece que a gente tá matando uma saudade não sai de um lado dos dois isso é incrivelmente bom

ei lyss você tá bem Eu tô te chamando 5 minutos

-desculpa Castiel tá um pouco distraído nos meus pensamentos

–você ainda continua perdidinha nesse seus pensamentos né garotinha

–é...é(no momento em que ele me chamou de garotinha meu coração gelou ele me chamava assim quando a gente tava junto)

–quer algum suco celular alguma coisa para beber?

–se você tiver você toma cerveja

–ótima pedida vou pegar para mim também fica à vontade

Enquanto ele foi pegar as cervejas eu sentei na cama dele olhei para o lado e lá estava Sua Guitarra 

Me veio nos pensamentos hoje no dia que ele tocou aqui para mim a primeira vez que vim dormir aqui 

Peguei que tava de como devo me arriscar eu fiz algumas aulas então vamos lá

Eu fui fazendo algumas melodias e fui cantando

–Olha se fosse outra pessoa eu com certeza brigaria muito tá segurando minha guitarra

–desculpa eu não levaria ter pegado sem autorização

–eu já disse que só brigar ia se eu fosse outra pessoa

–haha aí eu não sei muita coisa só fiz umas aulinhas Não Aprendi muita coisa não

–toma sua cerveja 

–obrigada (peguei a cerveja deixando a guitarra dele ao lado da cama como estava)

Nós tomamos a nossa cerveja batemos um papo rápido assim que acabou a garrafa dos dois Castiel pegou novamente sua guitarra

–vem aqui vou te ensinar as coisas olha vai ser grátis Então me agradeça... Toma pega a guitarra

–como quiser

Eu peguei a guitarra e ele sentou atrás de mim isso mexeu muito comigo o corpo  dele encostado comeu meu Deus que que tá acontecendo já passou 4 anos e parece que eu ainda amo ele como se a gente tivesse namorando Eu dei um suspiro

–Olha você faz assim

Ele me deu algumas expectativas eu fui seguindo como ele mandava

Estava me sentindo muito confortável com a presença dele perto de mim a inspiração dele juntinho aos meus ouvidos estava totalmente arrepiada sem ele precisar nem fazer um gesto que me provoque só a presença dele me faz isso

Eu inclinei a minha cabeça olhando levemente para ele e com esse meu gesto Ele olhou para mim e foi aí que eu não me arrependo nem um pouco de ter olhando para ele, ele colocou Sua Guitarra chão me levantou me virou para ele e fiz que eu sentasse em cima dele de frente cara a cara meu coração bate a mil parecia que explodir e ele sabendo como eu estava perto dele sabendo como ele me deixava ele me deu um beijo apaixonado que demonstrava muita saudade isso mexeu muito comigo






Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...