História A Year for My "Day"(Sope) - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jung Hoseok (J-Hope), Min Yoongi (Suga)
Tags Cartas, Jikook!mention, Sope, Suicide
Visualizações 6
Palavras 1.440
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, LGBT, Mistério, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Cuidado,essa história pode te iludir no começo,e te fazer chorar no final!:3
Boa Leitura! u.u
P.S: Geralmente os capítulos são curtos,porém vão ser tipo,MUITOS capítulos,belesma?

Capítulo 1 - Carta 1-Dia Um


Fanfic / Fanfiction A Year for My "Day"(Sope) - Capítulo 1 - Carta 1-Dia Um

Era meia noite. Ainda não consegui pregar os olhos.A mesma cena se repetia várias vezes em minha mente fragilizada. Como eu pude ser tão burro e demente? Eu não deveria ter obedecido ás ordens de Yoongi,na verdade,eu deveria ter suspeitado desde o começo. Moletons para esconder cortes,uma caixa com lâminas,aqueles papéis que ele não deixava ninguém tocar,aquela auto-estima mais baixa que Jimin,aqueles olhares assustados e olheiras sob os olhos,a falta de auto-confiança. Como eu pude não ver? Como? Me permiti derramar mais alguns litros de lágrimas a mais. Eu me sinto culpado todos os dias,por tê-lo deixado saltar daquele penhasco. Por quê eu simplesmente não o puxei e o ajudei? Aquelas últimas palavras que ele disse,agora são como facas que me matam por dentro. Meu choro com certeza podia ser ouvido pelo lado externo do meu quarto,eu me arrependo de tudo,eu já ressaltei que me sinto culpado? Puxei alguns fios de cabelo para me auto-penalizar,me debati mais um pouco sobre a cama-já que nuca é demais certo? Eu apenas estava com raiva de mim mesmo. Ele se foi,e não pode mais voltar. Eu ainda me lembro;
"-Não tente me salvar Hoseok. Tens de me deixar fazer isso. Me obedeça e não tente me salvar,será pior,tentarei me matar depois... Então,me deixe apenas... ser feliz. Saiba que você não é culpado por me deixar ir assim facilmente,você me ajudou bastante,você é a pessoa que mais amo e sempre amarei,não importa onde diabos eu esteja. Sonhe,continue iluminando a vida das pessoas assim como iluminou a minha,eu deixo tu namorar com outro,ele te fará mais feliz do que um vagabundo como eu. Eu tenho certeza que irá achar o que eu deixei para você. Lembre-se para sempre, EU TE AMO."
 E foi assim que eu derramei lágrimas e me ajoelhei na grama daquela encosta perto ao mar,onde as ondas batiam e quebravam nas pedras,só pude vê-lo cambaleando para trás,ele não gritou,ele não se desesperou,ele só abriu os braços e deixou o vento leva-lo. Me pus de pé correndo para salva-lo,porém,meu arrependimento veio tarde demais,só pude ver e ouvir seu corpo se chocando contra a água lá embaixo,eu já tava chorando MUITO e foi ai que recriei o Rio Han ali. Ontem foi seu velório,eu passei o mesmo inteiro debruçado sob o corpo dele,que era mais frio,enrugado por conta da água,mas seu rosto de anjo permanecia intacto. E quando foi enterrado,meus familiares tiverem que me esperar por meio hora eu tentando cavar e retirar seu corpo dali-tudo em vão. Meus amigos me visitam diariamente,tranquei a porra da faculdade,e passo o dia trancado no meu quarto,me retorcendo de dores não físicas,mas sim psicológicas. Eu recebo comida no quarto,meus pais agendaram consultas com um psicólogo renomado. Eu admito que não estava bem. Além do mais,Yoongi era meu eixo,e sem ele meu mundo saiu de órbita. Acabei adormecendo de tanto chorar.
              

 

 

 


         O sol invadia meu quarto pela janela,meus olhos incomodados com a claridade se abriram. Me levantei,e fui tomar um banho,olhando meu reflexo no espelho não era uma das melhores coisas. Olheiras bem marcadas,o rosto inchado contando com os olhos na mesma situação,e o olhar triste e assustado. Enchi a banheira,e enquanto a mesma fazia isso me sentei na borda dela e olhei para meus pés,lembrando de novo do Yoongi,nem percebi o quanto a banheira transbordava de tão cheia,mergulhei nela,e o frio tomou meu corpo,pude sentir um pouco da sensação de estar debaixo do mar-assim como Yoongi-era calmo,frio,não tinha mar,e infelizmente me trazia a cena de Yoongi se jogando e eu parado pensando na morte da bezerra,submergi na água novamente e as lágrimas escorreram,cada misero movimento que eu fazia me lembrava Yoongi,sua última frase e seu corpo despencando do morro. Sai do banho e fui vestir um pijama qualquer,entretanto,eu tinha que pegar o pijama favorito de Yoongi,as primeiras lágrimas resolveram escapar,mas as enxuguei,para evitar mais um momento difícil. Sentei na cama e peguei o celular,milhões de mensagens dos meus amigos,ignorei. Provavelmente seriam pedindo para que eu fosse a algum lugar com eles. Os mesmo tentavam me fazer sair de casa,para me "divertir",mas eu já disse pra esses porras que eu nunca mais irei me divertir sem o Yoongi. Infelizmente meu papel de parede era uma foto minha e do Yoongi na sua festa de aniversário,não pude aguentar,o trio das mesmas coisas se repetiam: Yoongi,sua última frase e seu corpo despencando do morro.
-O que foi meu bem?- Meus pais entraram no quarto com meu café da manhã.
-Mãe! Não sai da minha mente,eu não consigo... Eu não aguento!-Me desmanchei em lágrimas. Meu pai pôs a bandeja em cima da minha escrivaninha e os dois de cada lado vieram me abraçar e consolar. Eu soluçava:
-Desculpem fazê-los perderem dias de trabalhos,eu sou uma merda!
-Não,não! A gente faz isso porque quer e sabe que você precisa de ajuda meu amor!-Depois de me acalmarem me permiti tomar o café da manhã,comi com gosto,pois além de eu não ter jantado ontem por causa da falta de apetite que me ataca recentemente eu queria mostrar que adorava tudo que meus pais faziam com carinho. Quando terminei eles saíram e me disseram que eu não precisava ficar pensando nisso. Bom,resolvi andar pelo quarto,ver minhas coisas,sei lá. Todavia começou a ficar entediante,e resolvi voltar para cama e chorar mais um pouco,porém meu dedo do pé bateu em algo embaixo dela:
-AIIIII! PUTA QUE PARIU!-Sentei na cama e olhei para baixo da mesma,e pude ver uma caixa bem decorada,eu provavelmente bati meu pé na ponta dela. A peguei,mas um bilhete colado de post-it nela dizia:

"Que bom que você encontrou isso,eu sabia que você encontraria,você não é burro!Pode abrir e saiba o motivo de tudo"

O motivo de quê? Tentei recapitular na minha mente sua última frase:"EU TENHO CERTEZA QUE VOCÊ IRÁ ACHAR O QUE EU DEIXEI PARA VOCÊ" É isso! Eureca! Desenrolei o laço que lacrava a caixa bem decorada com minha for favorita:verde. Aberta a caixa,dei de cara com MUITAS cartas organizadas e presas apenas por dois clipes coloridos,estavam ordenadas por carta um,dia um e por ai vai. Entendi rapidamente aquele sistema e peguei a primeira carta que dizia:"Carta 1- Dia Um". Desgrudei o adesivo que tinha meu nome,pensei:Que fofo! Aberto o envelope,desdobrei a carta.

Seoul,01 de Janeiro de 2017;

Caro Hobi,

Isso pode parecer um pouco estranho e assustador,porém meu suicídio não surgiu do nada e muito menos no calor do momento. Eu sou um cara de fazer muitos planos,então eu tive de criar muita coragem para cometer o ocorrido. Bom primeiro vamos ao ponto:por quê? Hobi,não é de hoje que você sabe que me sinto um bosta/lixo/erro no mundo certo? Minha auto-estima baixa e auto-confiança também não ajudavam muito,então tava tudo uma merda cagada. Bom desculpa te deixar puto agora mas eu tinha Fobia Social,Bipolaridade e Depressão. Eu só contei da parte da Bipolaridade,mas bom agora você sabe a verdade sobre meus queridos problemas. Mas sinta-se orgulhoso de si mesmo,você foi a única pessoa que conseguiu me fazer sorrir,foi quem me tirou do tédio várias vezes,foi a única pessoa que me alegrava de verdade e a única paixão que eu tive de verdade,as outras eram todas platônicas. Não importa aonde fôr,lembre-se: Eu te amo. Bom,também queria dizer que eu ia morrer mais cedo. Sim. Eu planejo meu suicídio desde os dezoito,eu ia morrer aquele ano,se você não tivesse entrado na minha vida. Obrigado por me fazer viver mais tempo do que o planejado,tive bons e maus momentos com você,e claro um inesquecível.Pode pensar naquela nossa noite quente viu safrajin?! Me lembro dos seus beijos amorosos,das nossas mãos dadas,da nossa falta de vergonha na cara de mostrar a todos que somos gays e que não estamos nem ai pra opinião dos outros. Eu te amo de verdade. Bom,pode ler as outras cartas,você ao longo do tempo entenderá os motivos,os processos,os "porquês" ,TUDO. Não fique se sentindo culpado por não ter feito nada para me salvar enquanto eu despencava do morro. Você tentou. Me obedeceu. Se tivesse me parado seria bem pior,eu tinha um plano B. Seria que eu ia cortar meus pulsos,depois meus braços,pernas e por último,minha garganta. Por quê? Eu finalmente ia descontar tudo:dores,merdas,preocupações em mim mesmo. Dai você se sentiria mais culpado sendo que não tem culpa de porra nenhuma entende? Você é o melhor ser humano da Terra. NÃO SE SENTE CULPADO PORRA! A culpa é toda minha,nem vem que é só minha. Eu te amo.

Com cuidado do seu Yoonie problemático.

Eu derramei lágrimas e pensei,eu o salvei,eu o fiz viver mais alguns anos,eu não acredito. Por quê ainda me sinto culpado? Olhei as próximas cartas e peguei a segunda,deixando a primeira de lado.

 

 

 

 

 

 

 

Eu te amo HoseokS2


Notas Finais


Continuo? Ou não?
Entraram no clima? Espero que sim,cuidado para não se iludir leitor(a)!
Espero que tenham gostado. Deixem seu apoio comentando,adicionando aos favoritos e a biblioteca de vocês! Ti Amuh!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...