1. Spirit Fanfics >
  2. A year to start over >
  3. Capítulo 1

História A year to start over - Capítulo 1


Escrita por:


Capítulo 1 - Capítulo 1


Era uma tarde agradavel de outono, o vento soprava, as folhas caiam.o habitual... bem, pelo menos era para ser um dia comum, mas não era... eu estava me mudando hoje, uma nova casa, nova vida, nova perspectiva. Era o que eu sempre dizia para mim mesma.

Só que não era um bom dia, nem uma boa semana.. bem, não era um bom ano. O pior da minha vida para ser franca.

A duas semanas eu havia descobrido algo terrível. Meu namorado Rayan estava me traindo com uma fulana cujo nome não lembro agora. Muitas coisas aconteciam, minha vida estava uma bagunça descomunal, eu precisava me afastar... das pessoas, da cidade.. de tudo. Três semanas atrás eu decidi passar uma temporada no campo, bem, para ser mais honesta, Rosa me aconselhou. Seria bom recomeçar em um lugar calmo e Rosetown era exatamente esse lugar calmo. Estava pensando algo mais afastado como o Canadá, mas resolvi seguir o conselho de minha querida amiga.

De acordo com o GPS eu estava perto de minha nova moradia.

Disquei o conhecido número de Rosalya.

-Rosa tem certeza que é a casa rosa? Ela não parece desabitada..

-claro que é. É a casa rosa a direita.

-certo..tenho que desligar, quando me instalar ligo de novo.

É... tudo indica que é aqui. Eu olhava com admiração para a casa a minha frente. Uma linda casa rosa, com janelas de vidro e uma vista para as árvore a frente. Minha nova vida começa aqui.

Respirei fundo e entrei na casa. Era adorável paredes brancas, piso de mármore e uma sala espaçosa. Passaram 20 minutos e o caminhão de mudança havia chegado.


Depois de muitas horas de trabalho duro e consegui arrumar metade da bagunça, estava organizando meus livros quando senti meu estômago roncar.

-nem percebi o tempo passar. Não tem nem um pãozinho aqui. Vou ter que ir ao mercado...  25 km de distância das casas. Quando cheguei   ao mercadinho estava pegando tudo que via pela frente.

-devo lembrar de comprar alface para Floppy, o pobrezinho deve estar faminto.

Disse Me dirigindo as hortaliças. Estava escolhendo calmamente um alface adequado quando me deparei com uma figura estranhamente conhecida olhando para mim atentamente.

Era Lysandre... poderia eu estar ficando louca? Lysandre o garoto que eu havia namorado no ensino médio...não podia ser...não tinha como...

- l-lysandre..  gaguejei atônita

-Eliza...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...