História Acampamento Puleun(HIATOS) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, Jimin, Jin, Jisoo, Jungkook, Lisa, Mark, Personagens Originais, Rap Monster, Rosé, Youngjae
Tags Bambam, Blackpink, Bts, Got7, Jikook, Jin
Visualizações 24
Palavras 961
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Ficção Adolescente, Luta, Mistério, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi... Boa leitura até as notas finais; )

Capítulo 1 - Capítulo 01


 Jin P.O.V
6:30 AM

   Estava no carro, indo em direção a minha nova escola, minha mãe quis me colocar em um acampamento nas montanhas, ela disse que séria bom pra mim passar um tempo na natureza *prefiro ficar mil vezes em casa* 

   - Vc vai gostar do acampamento Puleun.

  - Pq eu tenho q ir mãe? - falo tirando os fones de ouvido.

   - Vai ser bom pra vc ficar um tempo no campo, já estudei nesse acampamento vc vai ver o quanto ela pode ser incrível.

   Minha mãe não gosta que eu passe muito tempo cercado de tecnologia, mais ela tem que entender que eu gosto.

Quebra de tempo.

    Minha mãe parou o carro ao lado de uma pequena estrada de terra que levava para a montanha.

     - Temos q seguir a pé - ela fala saindo do carro.

   - Pq? - falo ainda dentro do carro.

      - Vc vai ver.

    Sai do carro e segui minha mãe, ela ñ parava de falar como a escola era linda, as aulas, a arquitetura do lugar, e eu tava me prestando muita "atenção" em tudo que ela tava falando. Paramos na frente de um grande arco de madeira, parecia um portão, tava escrito nele Floresta Puleun.

    - Vc vai ter que ir sozinho agora. - ela fala olhando pra mim.

    - Pq?!

  - Pq eu ñ tenho permissão de entrar.

  Sério isso? Minha mãe me trás aqui pra esse fim de mundo e ainda quer que eu encontre o lugar sozinho?

   - Como eu vou achar o acampamento? -falo pegando minha mala.

   - Vai achar, é só seguir em frente na trilha.

   - Tá...

   - Vou sentir saudades filho.

   - Eu tbm mãe -falo andando em direção ao grande arco de madeira. Saio andando pela mata sem rumo, acho que me perdi...

Quebra de tempo

Agora é sério, tô perdido, eu poderia voltar mas... não sei como.                   Estou andando sem rumo por uma floreta densa, quando esbarro em alguma coisa *sou muito lezado pq eu bati de frete com o negócio*

- Merd*, oq é isso? - falo olhando para frete -Ohn!? - me deparo com um grande muro, e na minha frente um portão de metal enorme - Será que eu devo bater? - minha mão estava prestes a bater no portão quando ela abre de repente - Acho que mijei nas calças.

Tinha uma mulher parada na minha frete, parecia ter uns 42 anos por aí.

- Você deve ser o Sr. Kim Seok Jin não é? - fala me olhando com uma expressão bizarra.

- S-Sim sou eu *Pq eu gaguejei?*

- Está atrasado, mais como você não sabe as regras ainda, deixarei passar, agora siga-me - fala virando-se de costas e entrando para dentro.

Nossa que mulher assustadora. Ela passeia pela escola e eu só à seguindo, fui vendo aos poucos cada canto por onde passava, e percebendo que aqui era um prédio muito grande e bonito.

- Sr. Kim, Quero que conheça a Sra. Song Ha Yoon - ela fala parando em frete a uma menina de cabelos claros - Ela é representante de turma e vai mostrar o resto do prédio pra você.

- É um prazer conhece-lo - ela fala com um sorriso estampado em seu rosto.

- Bom, mostre o predio para ele e não esqueça de mencionar as regras. - a mulher assustadora fala se retirando.

- Bom, me acompanhe Kim - Ha Yoon fala parando em minha frete.

- Quem é aquela mulher - falo sem da a mínima para oque ela tinha falado.

- Ah... Ela é a vice diretora, Sra. Im Eun Mi.

- *aquela mulher é a vice diretora?!* Hum... qual seu nome mesmo?

- Song Ha Yoon.

- Ok Ha Yoon, você vai ou não me mostrar o prédio?

- Ah c-claro vamos lá - fala meio nervosa. HaYoon parece ser uma garota legal, ela chega a ser fofa as vezes.

Ela me mostra todo o prédio, falando dos melhores lugares para ler livros e passar o tempo. Fomos para o terceiro andar onde ela disse que ficava os dormitórios.

- Esse é seu dormitório - fala parando em frente a uma porta com o número "14" - Antes de mais nada, eu tenho que te falar das regras, regra número 1, nunca se atrasar para nenhuma aula, regra número 2, nenhum aluno deve está fora do dormitório depois das 10h, regra número 3, sempre siga as regras.

- Sim senhora - falo fazendo continência.

- Kkkkk, quando terminar de arrumar suas coisas, passe na diretoria para pegar os horários das aulas.

- Tá  onde fica a diretoria?

- Segundo andar 5 porta a esquerda.

- Obrigado. 

- De nada - ela fala se retirando.

Abro a porta de vagar, o quarto era grande, tinha 2 camas, será que eu vou ter que dividir com alguém? Eu não sou do tipo que gosta de dividir, prefiro ficar sozinho. Jogo minha mala em cima da cama e vou para o banheiro, quando abro a porta, vejo oque não queria ver... Tinha um cara tomando banho no meu banheiro.

- Meu deus, se cobre cara - tampo os olhos e fecho a porta. 

Ele sai do banheiro enrolado em uma toalha.

- Você deve ser meu novo colega de quarto, prazer, meu nome é Namjoon.

- Prazer, o meu é Seok Jin. 

- Bem, você pode ficar com essa cama mesmo.

- Beleza, agora eu vou deixar você se vestir em paz.

- Pra onde vc vai?

- Pra diretoria - saio rápido deixando o mesmo falando sozinho.

Sério? Logo no meu primeiro dia eu me deparo com um cara  pelado no meu banheiro. Saio procurando a diretoria, onde fica mesmo? Acho que é segundo andar Quinta porta a esquerda. Vou andando até parar na frente da porta.

- Espero que seja aqui - estava prestes a bater ñ porta quando de repente ela abre e bate no meu nariz.

- Po*ra, você ñ presta atenção não?



Notas Finais


Desculpem qualquer erro ai sz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...