História Acho que é amor! (Vkook) - Capítulo 14


Escrita por: ~ e ~J-florzinhah

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jungkook, V
Tags Bts, Jung Kook, Taehyung, Vkook
Visualizações 204
Palavras 941
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Bissexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiiiii posvineo aq e a co autora com mais um capitulo quentinho pra voceeeis

Boa leitura hehe

Capítulo 14 - Barulhos indesejáveis


Eu não queria ver romance pois eu sabia que ia chorar, por ver aquele casal perfeito e eu aqui, na friendzone. Então escolhi ficção, e vimos qualquer filme. 


~ Quebra tempo: na escola. 


Eu estava sentado num banco esperando o sinal bater, quando Jimin se senta ao meu lado e diz:


Jimin: Oi, Tae. Você ficou sabendo que Jungkook acabou de se assumir, e de dizer que namora com Yoongi?? 


Eu: eles estão namorando...? - olho pra baixo e tento conter as lagrimas, mas as mesmas foram mais fortes e teimaram em escorrer pelas minhas bochechas. 


Jimin: espera, você gosta do Jungkook? - me olhou espantado. 


Eu: Agora v-vai me julgar? - olho ele, mas por conta das lagrimas vejo apenas o seu borrão. 


Jimin: Não, é que eu.. Hm... Ainda g... Quer saber, deixa pra lá! -forçou um sorriso. 


Eu: por acaso, você ainda não gosta de... Mim? 


Jimin: que droga, eu e minha boca grande - ele resmungou. - bom, sim... 


Eu: Como alguem pode gostar de mim...?- suspiro cabisbaixo e meu coração se aperta. 


Jimin: Como? - segurou meu queixo e levantou minha cabeça, fazendo-me olhar para ele. - Primero de tudo você é lindo, um homão da porra! - eu coro - depois que você é legal, gentil, sincero, fofo e.. - a cada palavra ele se aproximava mais do meu rosto. - meu! - ele selou nossos lábios, mas na mesma hora eu escuto :


JK: gostava de mim, hein - riu. - fico feliz que tenha superado tão rápido - sorriu e saiu. 


Olho ele andar e vejo que o mesmo vai em direção ao Yoongi, e os dois ficam andando de mãos dadas, até que o sinal bate. 


Jimin: Vamos, meu Taezinho... - Ele entrelaça nossos dedos e fomos em direção à sala. 


"Eu realmente tenho que aprender a controlar meus sentimentos... "


Eu: Você acha certo fazer ciumes? - olho para o Jimin. 


Jimin: nao muito, porque? - ele diz e para- você não quer fazer ciumes para o Jungkook, né? E não esta pensando em pedir minha ajuda, né? - deu ênfase no segundo "né "


Eu: U-uh... Não! - disse nervoso. E claro que ele não ia me ajudar, ele gosta de mim! 


Jimin: Bom... Eu acho que te ajudaria. - suspirou triste. 


Eu: Como? P-porque se você g... - ele me interrompe. 


Jimin: Eu gosto de você, Tae. Por isso te ajudaria! Mesmo que, não comigo, eu desejo que você seja feliz... E se você for feliz com o Jungkook, o que eu posso fazer? - sinto o tom de sinceridade em sua voz. 


Naquele momento, percebi que, Jimin realmente me amava. A atitude dele foi linda... 


E eu acho que vou aceitar a sua ajuda. 


Chegamos na sala e sentamos em nossas carteiras. 


Jungkook e Yoongi ficavam sorrindo bobos entre si, e isso fez o meu sangue ferver. 


Eu: Jimin, eu preciso da sua ajuda para aquilo! - dito com uma pitada -bem grande- de raiva. 


Jimin: Certeza... Absoluta? 


Eu: Ne. (Sim)


Ele começou a fazer carinho no meu cabelo, depois fingiu que contou algo no meu ouvido, percebi o olhar de Kook e de Yoongi em nós.


Eu: Esta funcionando. Continue.


Jimin: Finge que esta rindo de algo que eu acabei de contar.


Eu fiz oque ele pediu. Jimin por fim acariciou minhas bochechas e logo em seguida o professor chegou.


\Quebra de tempo/


A aula foi um tédio. Ver aqueles dois sorrindo quase toda hora um para o outro, não foi facil.


Na hora do recreio eu e Jimin saimos juntos. Logo depois, Suga e jung kook vieram até nós.


Jk: Hummm. Temos um novo casal entre nós certo?- ele olha maliciosamente.


Eu: N...


Jm: Sim.


Jk: Que bom! Sempre quis vcs juntos.


Olho para Jimin o encarando e ele se inclina perto do meu ouvido e sussurra:


Jm: Você quer ou não que ele acredite? Se quiser que ele acredite, temos que fingir estar namorando.


Ele se afastou e eu assenti com a cabeça dizendo que havia concordado.


Suga: Sobre oque estavam cochichando?


Eu: Nada...eu e Jimin vamos ir comer algo. Vocês vem?


Kook e Suga: Nós vamos com vocês.


Fomos para a cantina.


<...mais tarde...>


Jung kook havia ido para casa dele sem mim porque eu avisei a ele que teria que passar em um lugar antes para fazer um favor para minha omma. Ele me deu dinheiro para que eu pegasse um taxi e fosse para a casa dele depois.


Quando acabei oque tinha que fazer, peguei um taxi e fui para a mansão.


Chegando lá percebi que a criança nao estava por ali, então pensei que ele poderia estar em seu quarto.


Eu: Aonde está o jung kook?- perguntei a uma empregada.


Xxx: Ele está em seu quarto com o Min Yoongi.


Meu coração fraquejou.


Eu: Ta..ta obrigado.


Subi para o meu quarto e deixei minha bolsa na minha cama. Fui até o quarto e antes de entrar pensei: "Devo bater na porta?"


Encostei minha mão na maçaneta e percebi que estava aberto.


"Se esta aberto então significa que eles não devem estar fazendo nada de errado."


Entrei sem pedir. Me deparei com uma cena que preferia nunca ter visto em minha vida.


N/c- de novo, coitado dele kkkkk


Os dois sem camisa, sem calças e, bom... Prestes a tirarem as cuecas. 


Eu fico horrorizado com aquela cena e, antes mesmo deles perceberem que eu vi tudo, saio correndo para longe. 


Pego o meu celular e ligo para Jimin. Não para ele vir aqui e fazer ciumes para aqueles dois idiotas, mas sim para ele vir e me consolar daquela cena que eu preferia nunca na minha vida ter visto. 


Em meio as lagrimas e soluços, conto o acontecido, e peço para ele vir em casa. 


Enquanto esperava meu amigo chegar, escutava os barulhos indesejáveis do andar de cima. 


Notas Finais


Nossa genti fiquei MT triste com esse final :(

Kook- mar minina c q fez o finalzinho e VC fica triste?

Eu: EU SOFRO DE BIPOLARIDADE TA? (zuera kaka)

Kook- anoza, mim sorry; -;

Tchau posvu ate amanha


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...