História Acho que te amo...(sasunaru) (narusasu) - Capítulo 12


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Akamaru, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Itachi Uchiha, Kiba Inuzuka, Naruto Uzumaki, Personagens Originais, Sasuke Uchiha, Temari
Tags Sasunaru Narusasu
Visualizações 200
Palavras 2.694
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Famí­lia, Festa, Lemon, LGBT, Poesias, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa noite galera..
Como o prometido está aí o CAP de antes de dormir 😍😍
Até amanhã
Boa leiturinha 💓😘

Capítulo 12 - O pedido...


Fanfic / Fanfiction Acho que te amo...(sasunaru) (narusasu) - Capítulo 12 - O pedido...



 Acordo com o sol invadindo o quarto, olho em volta e percebo que esse não é o meu quarto, mais é um quarto familiar e esse cheiro doce, parece que eu já senti antes.

Tento me levantar e minha barriga dói um pouco mais consigo me sentar na cama, eu tento ficar de pé mais tenho uma tonteira muito forme e me sento de novo.

Começo a me lembrar de tudo que aconteceu e de ligar para Sasuke, isso esse quarto é do Sasuke e esse cheiro é dele mais, como vim parar aqui? Sou interrompido dos meus pensamentos com Sasuke atravessando a porta, ele traz uma bandeja com suco de laranja, pães doces e salgados, frutas, e doces, também tinha  uma xicara de café mais acho que era pra ele, estava tudo tão lindo e bem arrumado que dava pena de comer.


Sasuke- olha quem acordou- diz ele com um sorriso enorme, mais seus olhos estavam vermelhos e inchados, será que ele andou chorando? – trouxe um café reforçado para você, bom dia meu amor – ele abaixa a bandeja e me dá um beijo 


Naruto- Sasuke não precisava tudo isso, não quero te dar trabalho, obrigada por tudo isso mas eu preciso ir – digo tentando me levantar mais Sasuke segura meu braço


Sasuke- Naruto- eu o olho e vejo seus olhos ardendo em pura raiva- eu quero saber exatamente o que ouve com você ontem, quero saber quem foi o desgraçado que te fez isso, mais agora preciso que você tome o café pra daqui a pouco tomar seu remédio pra dor, então por favor , vamos tomar café ,e quando acabarmos conversamos sobre isso- nossa eu nunca vi o Sasuke assim.


Naruto- tudo bem então. - nós tomamos o café em silêncio, Sasuke cuidou muito bem de mim, depois do remédio fiquei com um pouco de sono e Sasuke acabou me puxando para deitar no seu colo, ali fiquei com ele afagando meus cabelos até  acabei adormecendo.


Quando acordei, já estava me sentindo melhor, Sasuke ainda estava dormindo, acho que ele ficou muito tempo acordado essa noite, deve estar cansado, me levantei e fui até o banheiro, as dores já tinham passado, só doía se encostasse e estava roxo o lugar das pancadas , peguei minha roupa na ponta dos pés e fui direto pro banheiro , a intenção era tomar um banho rápido e ir embora, não conseguiria me despedir de Sasuke, botei a banheira para encher , tirei as roupas que sasuke pós em mim devagar e entrei mesmo a banheira não estando totalmente cheia, sentei sentindo a agua quentinha tocar a minha pele, eu estava tentando não pensar mais meu coração não parava de doer a cada vez que eu lembrava das palavras de meu pai, der repente ele estava certo, eu devo mesmo ser uma aberração, eu decepcionei minha família e agora não tenho coragem de voltar pra casa, mais eu preciso, preciso ir até ele e dizer que ele estava certo afinal o certo é um homem e uma mulher, não consigo parar de chorar com aquelas lembranças dolorosas, a minha mente fazia questão de me lembrar daquele momento horroso de meu pai me batendo, ele nunca me bateu, nem nos seus momentos mais nervosos.

Tentei mudar meus pensamentos para coisas boas, mais só conseguia imaginar meus momentos com Sasuke, e em como ele me fazia me sentir bem e amado, mesmo que só por sexo ele me trata como um príncipe, mais essas lembranças me doeram mais ainda, como iria deixa-lo pra trás ,como dizer a ele que não posso mais ve-lo ? Acordo dos meus devaneios quando sinto uma mão tocar meu ombro .


Sasuke- eiii, conversa comigo, não precisa passar por isso sozinho. - ele diz se sentando na beira da banheira 


Naruto- Não Sasuke, não quero passar meus problemas pra você. - digo ainda de cabeça baixa. 


Sasuke - Tudo relacionado a você é problema meu também, então ou você me conta ou eu descubro. - ele diz firme 


Naruto- ontem quando cheguei pra me arrumar, meu pai soube de nós dois e, digamos que… as coisas.. ficaram fora do controle ..- digo percebendo a irritação de Sasuke


Sasuke- fora do controle?- Diz dando um sorriso sem humor - Eu não acredito no que eu estou ouvindo Naruto, seu pai te bateu até te deixar inconsciente jogado em uma calçada, eu só te achei por que rastreei seu celular até aonde você estava, 

Naruto olha pra você, olha o seu estado, ele tem que pagar, vou ligar pro meu advogado e ele vai saber o que fazer ..- ele diz possesso já discando o número no seu smartphone  


Naruto- Sasuke não faz isso, por favor ele… Ele só estava nervoso, e talvez... ele... ele até esteja certo- digo abaixando a cabeça e as lagrimas ainda escorrem pelo meu rosto


Sasuke- Certo? Naruto do que você esta falando?- ele diz com a voz tremula se abaixando próximo de mim 


Naruto- eu sou uma aberração sasuke, eu decepcionei meus pais e joguei fora tudo que eles imaginaram pra mim, eu me envolvi com você e Deus sabe como foi maravilhoso, mais… Eu não deveria, eu sinto muito por tudo, por todo o tempo que fiz você perder comigo mais meus pais estavam certos, eu não posso amar um homem e mesmo que isso signifique abrir mão da minha felicidade, nós precisamos nos afastar , desculpa ... 


Sasuke- Eu.. - Percebo que duas lagrimas escorrem dos seus olhos negros  e ele fica sem reação olhando pra mim ainda não acreditando no que eu estou dizendo- Naruto ... por favor, eu sei que contar pros seus pais da sua sexualidade pode não ter sido fácil, mais você não pode desistir da gente assim, eu to aqui pra te apoiar, eu sou seu e você é meu lembra? eu.. - ele diz segurando meu rosto com as mãos.


Naruto- Eu me lembro Sasuke, me lembro de cada minuto, e isso que faz ser mais torturante pra mim, eu não quero abrir mão de você, mais é nescessário...- digo sem conter as lagrimas.


Sasuke- Não pode fazer isso comigo, Não pode fazer eu me apaixonar por você, e depois dizer que vai desistir de tudo e vai embora,- ele se levanta e vira de costas pra mim, chorando , mais parece que teve uma ideia e se ajoelha de novo na beira da banheira e segura meu rosto com as duas mãos.- Naruto, nós.. Nós podemos fugir, podemos ir pra onde você quiser, Podemos ir a Paris, França, Eslováquia, Romênia, Brasil, qualquer lugar, seu sonho não era conhecer o mundo? Podemos fazer isso agora, eu conheço um cara, ele faz documentos falsos, posso pedir uns pra gente e nos vamos, não se preocupe, deixarei dinheiro o suficiente pros seus pais, pra viverem no conforto que merecem durante o resto de suas vidas... por favor não me abandona, eu estou implorando Naruto...- ele esconde a cabeça no meu pescoço e começa a chorar.  


Naruto-Eu não posso te fazer abandonar a empresa Sasuke, e tudo que construiu com tanto esforço, não seria justo.


Sasuke- Foda-se a empresa, Foda-se tudo, Por você eu sou capaz de qualquer coisa...- ele segura meu rosto com uma mão e pegando algo no bolso com a outra, ele tira uma caixinha do bolso e abre pra mim, era um lindo par de anéis de compromisso, cada um tinha o nome de seus parceiros, era simplesmente lindo e parecia muito caro também.- eu sei que você pode pensar que está muito cedo , e esse não era o cenário que eu imaginei ,você dentro de uma banheira e eu ajoelhado fora dela- ele dá um sorriso em meio as lagrimas- mais olha pra mim- ele segura meu queixo e levanta meu rosto fazendo meus olhos fixarem nos dele- Naruto eu era um homem morto até o dia em que te encontrei naquele clube, e quando eu olhei pra você eu tive certeza é você o homem que vai me fazer feliz, eu ainda não posso falar de amor pra você por que eu desconheço esse sentimento, mais nunca senti por ninguém o que sinto por você, então por favor aceite esse anel de compromisso, e eu prometo fazer de tudo pra te ver sorrir todos os dias..



Naruto- eu.. Sasuke eu.. Eu não sei de é uma boa ideia.. 


Sasuke - Por Favor Naruto, eu preciso de você . - ele diz e meu coração se aquece com isso


Naruto-Eu aceito – puxo ele para um beijo, ele acaba entrando dentro da banheira de roupa mesmo e põe o anel na minha mão, ele está com um sorriso enorme , eu amo esse homem, mais não posso ficar ao seu lado, e pensar nisso acaba comigo, mais não quero estragar esse momento que talvez seja o nosso último - Sasuke , eu quero você , quero agora – digo abrindo o fecho da sua calça.


Sasuke- Naruto não podemos, você está machucado, eu não Aah..- ele geme- Não quero que sinta dor-  eu consigo tirar totalmente seu membro pra fora da calça e massageio- Aah Naruto.. Eu.. - ele não consegue terminar de falar, consigo mudar as posições e ficar por cima, eu me sento em cima dele e começo a roçar minha bunda no seu membro já muito duro.


Naruto- Eu sei que você quer, por favor, quero sentir você dentro de mim agora– sussuro no ouvido dele e sua pele estremece, na mesma hora ele me segura firme contra a sua cintura, me leva da banheira até a cama no colo, nem se preocupando em nos secar ele me joga na cama e vem pra cima de mim me beijando, e eu só sei gemer.


Sasuke- aaa Naruto, você me deixa louco garoto- diz ele mordendo meu pescoço e me virando de costas, ele sobe em cima de mim e beija toda a extensão das minhas costas, desliza sua mão em toda a minha coluna e deixa um tapa na minha bunda, eu gemo e consigo sentir o seu sorriso na minha nuca, ele levanta minha cintura me deixando de quatro e despeja um liquido gelado na minha entrada, ele enfia o primeiro dedo e eu gemo de novo, enquanto ele me prepara me beija no pescoço me fazendo arrepiar , eu quero muito esse homem , quando terminou de me preparar ele me vira de frente pra ele , e sem aviso nenhum me penetra, eu sinto dor mais não muita, afinal ele lubrificou bem o local, começa a se mover dentro de mim e eu arqueio as costas, as estocadas lentas agora estavam rápidas, passo a unha nas suas costas arranhando o local e ele geme meu nome , com isso eu fico mais excitado ainda.


Naruto- isso Sa..suke... fode, eu quero com força - ele para e ergue uma perna minha até seu ombro deixando minha entrada bem exposta e começa a meter, com força como eu pedi, e ele mete muito gostoso. - Aah Sasuke fode isso


Sasuke- Aah Naruto.. eu vou.. - eu o puxo para um beijo profundo e gozamos juntos, foi uma sensação única, ele deita em cima de mim de uma maneira que não me machuque e ali ficamos abraçados, um curtindo o calor do corpo do outro, Sasuke levanta o rosto e olha bem no fundo dos meus olhos.- Acho que te amo Sr.Uzumaki- ele diz e dá um sorriso, aquele sorriso perfeito que eu amo


Naruto- eu também te amo- digo pra ele e ele apoia a cabeça na minha barriga e eu continuo fazendo carinho nos seus cabelos.- mais do que minha própria vida- sussurro de uma maneira que só eu escuto. estávamos ofegantes e o cheiro de sexo estava por todo o quarto, mas eu não me incomodei, queria aproveitar até o ultimo minutos já que não o teria nunca mais em meus braços, namoramos mais uma vez e foi divino.


Sasuke- Naruto, quero que conheça meus pais, quero que vejam a joia preciosa que encontrei – diz ele sorrindo acariciando meu rosto


Naruto- vai ser ótimo, vamos marcar um dia – digo com meu coração em pedaços, não posso fazer mais isso, preciso ir embora, ficar perto dele só está me fazendo querer abandonar tudo e fugir – eu preciso ir agora.


Sasuke- gostaria de ir com você, quero conversar com seu pai, mostrar a ele que nos amamos, e quem sabe fazer ele entender, e se não, te ajudar a arrumar suas coisas pra você vir pra cá morar comigo.- ele diz decidido 


Naruto- parece uma boa ideia, mais gostaria de conversar a sós com meu pai primeiro, tenho certeza que posso faze-lo intender, ele só precisa me escutar.


Sasuke- mais e se ele te agredir de novo, não posso deixar você entrar lá sozinho-  diz ele se levantando


Naruto- Sasuke ele não vai, confia em mim, eu o conheço.


Sasuke-Não Naruto, por favor não ensista, você não vai entrar lá sozinho. 


Naruto - confia em mim, tudo vai dar certo.. 


Sasuke- Desculpe Naruto, mais não posso arriscar, se não quiser que eu vá tudo bem, mais Heitor vai, e vai ficar do lado de fora pra caso aconteça qualquer coisa ele entrar e te tirar de lá 


Naruto- Sasuke por favor, não precisa disso, vai ficar tudo bem eu prometo, - eu seguro seu rosto apreensivo e trago pra mais perto.- promete que não vai fazer nada contra ele? 


Sasuke – Ta bom eu prometo, mais se ele te encostar um dedo, considere esta promessa quebrada- ele diz e dá um beijo na minha testa e depois cola nossas testas me olhando no fundo dos olhos..-Promete que independente do que seus pais vão achar, independente de qualquer coisa, você vai voltar pra mim? 


Naruto- Prometo.. - uma mentira final pra não estragar esse momento maravilhoso.


Sasuke- Eu prometo que seremos muito felizes..- ele me da um selinho seguido de um sorriso contagiante, como queria acreditar.


Sasuke me pega no colo e me leva para o banheiro novamente e dessa vez tomamos um banho, ele lava meus cabelos e meu corpo sem malicia nenhuma, apenas aproveitamos a companhia um do outro, brincamos e conversamos sobre coisas da faculdade e do trabalho dele, o tempo passa e a gente nem vê, o sorriso dele me enche de força e esperança de que eu vou conseguir enfrentar meu pai, enfim saímos da banheira e vamos nos vestir.

Sasuke me veste enchendo meu corpo de beijo, se fosse a mais de um mês atrás, eu jamais imaginaria que Uchirra Sasuke, um dos homems mais importantes e cobiçados de Tokyo é tão romantico e me pediu em namoro..


Estamos em direção ao carro, Sasuke segura minhas mãos tão forte que parece que ele está com medo de eu fugir, quando finalmente chegamos ele abre a porta do carro pra eu entrar..


Sasuke- Por favor, prometa que você vai se manter em segurança. Não me perdoaria se algo de ruim te acontecesse, me deixe ir com você- ele pede mais uma vez com a testa encostada na minha 


Naruto- prometo, só não esqueça que eu te amo, muito, obrigada por me fazer feliz.


Sasuke- por que parece que você está se despedindo? - ele franze a testa


Naruto- É impressão sua – digo e dou um sorriso – agora preciso ir, bom trabalho.- digo e ou um beijo apaixonado em Sasuke, der repente poderia ser o último.


Entro no carro e fecho rapidamente o vidro, Heitor dar a partida e vejo pela janela sasuke sumindo aos poucos. Não consigo conter as lagrimas, mais foi o certo a se fazer, não posso ofender meus pais desse jeito, não posso estragar todos os sonhos e planos que eles tinham pra mim, mesmo que eu tiver que abrir mão da minha felicidade e minhas escolhas , preciso fazer o melhor para velos felizes, as lagrimas escorrem pelo meu rosto sem eu conseguir conte-las, Heitor vê o meu estado pelo retrovisor e me estende um lenço branco, mais permanece em silencio, ali eu choro tudo que tinha pra chorar, pois quando chegar em casa precisaria me esforçar para meu pai me desculpar..  assim foi todo o caminho


Notas Finais


Desculpem qualquer erro de digitação, é que eu tô morrendo de sono kkkk
Até amanhã 😘😘😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...