História Aconteceu Comigo (Imagine Jungkook - Incesto) - Capítulo 22


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jungkook, Personagens Originais, Suga, V
Tags Bts, Imagine Jungkook, Incesto, Incesto Jungkook, Jungkook, Jungkook Imagine, Jungkook Incesto, Kim Taehyung, Taehyung
Visualizações 376
Palavras 2.215
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Ficção, Ficção Adolescente, Fluffy, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hey, y'all. Desculpa pela demorinha....

VOCÊS VIRAM O NOVO MV DO SEVENTEEN?? O COMEBACK DO MONSTA X?? COMEBACK DO ASTRO????? MEUS JAMS VOLTARAM COM TUDO PQP

PELOAMORDEDEUS EU TÔ MORRENDO COM ISSO!!!!!!!!!!!!!!!!!!

É MUITO TIRO GENTE....

Capítulo 22 - Kim Embostado Taehyung!


Fanfic / Fanfiction Aconteceu Comigo (Imagine Jungkook - Incesto) - Capítulo 22 - Kim Embostado Taehyung!

 

 

De alguma forma me doía ver aqueles olhinhos cheios de água, quando eu sabia que deveria haver, ali um sorriso. Mas foi inevitável que acontecesse.

 

- V-Você... - ___ vacilava nas palavras - Real-mente me bateu? - Perguntava mais pra si do que pra mim

 

- Sim. - Lhe respondi, e ela me olhou com incredulidade - Não me leve à mal, não queria fazer isso.

 

- Então por que fez, seu idiota?! - Gritou comigo. ___ contribuía cada vez mais para eu mostrar o meu lado nada Bonito. Isso não estava certo. Era para eu ser o seu irmão mais velho, o seu... Príncipe

 

- Você que pediu por isso! Por que diabos, dormiu com aquele infeliz, Jeon ___?! - Gritei na mesma intensidade que ela

 

- Ele estava sendo melhor companheiro do que você, JungKook. - Ditou meu nome com certa repulsa - Tu está virando obsessivo, não iria ficar aqui parado vendo o dia em que tu iria me agredir por te desobedecer!

 

- Mas é isso que um Daddy faz. - Puxei alguns fios do meu cabelo para trás em sinal de frustração

 

- Não acredito... - Murmurou - Isso está passando dos limites! Passando não, a linha do limite já até foi esquecida!

 

- ... Quê? - 'Tava confuso

 

- Eu voltei pra casa na intenção de tentar resolver as coisas, mas tu somente fez questão de piorar tudo!

 

- Por que você não simplesmente aceita o fato de que estamos juntos, Jagiya? - Perguntei, mudando drasticamente meu tom seco, para um fofo e manhoso com um biquinho nos lábios de brinde

 

- Não me chame assim! - Gritou outra vez. Ela estava me testando, e eu falhei. Olhei-a com deboche e com as mãos para trás e balançando devagar o meu corpo

 

- E como devo te chamar? Putinha? Já deve ter dado tantas vezes, que já pode ser comparada com as garotas do colégio. - Enraiveci de vez. ___ parecia que iria explodir de tão vermelha. Sua mão vinha de encontro ao meu rosto, mas antes a segurei pelo pulso - Está com raiva por quê, Jagi? Atingi seu ponto fraco, foi? - Minha Cara de Deboche estava nível 12.4

 

- No que você se tornou? - Encarava-me sem piscar e com medo

 

 

- Em nada. Apenas estou mostrando como realmente sou, tudo graças à você. - Beijei seu nariz, tendo uma reação super negativa - Eu não queria que isso acontecesse, mas você insistiu nessa palhaçada. - Mordisquei sua bochecha. À esse ponto ela não falava nada, no mínimo estava estática tentando assimilar tudo. Garotas são tão bobinhas...


 

 

Selei seus lábios em um beijo um tanto quanto calmo, Minha garota nem piscava.

 

- Vamos, princesa, facilite as coisas... - Abracei sua cintura e ___ pareceu acordar com esse pequeno puxão

 

- Me larga! - Debateu-se sem sucesso - Me larga, Jeon JungKook! - Esterizou com força

 

- Para de ma chamar pelo nome!! Isso já me 'tá me irritando muito! - Ela se encolheu. Não a culpo, nunca cheguei a mostrar como realmente sou pra ela, muito menos queria isso, porém ultimamente meu temperamento tem estado instável e meu Auto Controle acabou sendo perdido. Tudo por causa dela, não canso de dizer

 

- Por que está fazendo isso...? - Ditou baixinho, tão fofinha. Alisei seus fios de cabelo

 

- Só querendo esclarecer algumas coisas, Jagi. - Sorri doce, após algum tempo

 

- ...Que coisas? - Ela parecia ter medo de perguntar. Antes de qualquer coisa, abracei minha garota e enterrei meu rosto em seu pescoço

 

- Primeiro: Você é minha, Minha Princesa. - Seu suspiro derrotado atingiu meus ouvidos. Apenas ignorei - Eu esperei muito pra ter em meus braços, não vou desistir. - Disse convicto. Desde que comecei a reparar nela, a me tocar pensando nela, nada nem ninguém conseguia me satisfazer, precisava experimentá-la mas não podia, então tentava inutilmente cessar um terço da minha necessidade com qualquer uma, a usando e abandonando logo após sem dar satisfações - Segundo: Me recuso te perder para um otário como o Taehyung.

 

- O que ele fez de errado? - Perguntou com dificuldade pelas lágrimas que estavam aparecendo. Por mais que quisesse ver aquele sorriso esquisito morrer naquela cara esquisita e jogar na cara dele ter perdido a ___, melhor guardar isso para depois

 

- Ele é um otário, ___. - Volto a falar. Ela simplesmente se desvencilhou dos meus braços e seguiu para as escadas. Não me conformei em simplesmente ela tentar fugir desse jeito - Creio que não é burra para terminar comigo, não é? - Ela parou de andar, perguntando silenciosamente o motivo - Não acho que gostaria que alguém soubesse sobre o nosso... amor, não é? - Com cuidado e como se não acreditasse, virou-se para mim, os olhos arregalados como se quisessem saltar para fora. Dentro deles havia ódio, não o mesmo ódio que vejo nos caras que vêm atrás de mim por transar com suas namoradas, era diferente

 

- Você... realmente...? - Mal conseguia falar pelos sentimentos ali

 

- Sim. - Cruzei os braços, indiferente. ___ simplesmente voltou até mim, ergueu a mão e um tapa estralado foi ao meu encontro. Não lembrava como isso ardia tanto. Ela tentou dar outro, mas foi minha vez de segurar seu pulso outra vez, com mais força

 

 

                                                                  Taehyung Point of View

 

 

 

Minha melhor amiga... a consegui de volta...


 

 

No começo achei que sua perda de memória havia afetado sua personalidade, quando houve a festa do Jin e ela me tratou como se fosse a Gostosona do Baile, e fiquei mais aliviado ainda quando estava mentindo. Guti-Guti pareceu descobrir quem é e o que queria, mesmo cometendo erros. Sinceramente? Não achei que conseguiria me apaixonar mais por Jeon ___, mas me enganei rude e brutalmente.

 

O plano inicial era  apenas ser seu amigo, porém meu coração deixou claro que seria infeliz se ao menos não tentasse conquistar o seu Coraçãozinho de Nutella. Tenho medo que ela descubra o que eu fiz pra ela na infância. JungKook me tem na palma de sua mão, e se ele decidir de uma hora para outra contar pra minha Melhor Amiga o que aconteceu, de forma distorcida, talvez ela nunca me perdoe.

 

Me mata aos poucos imaginar o seu rosto com lágrimas, onde eu sou o principal causador. Até hoje me lembro do dia que foi embora. Eu estava de longe apenas observando, SoonShim e eu, deixando lágrimas e muxoxos de tristezas saírem de dentro de nós. O seu olhar era de confusão, olhava tudo ao redor como se nunca tivesse visto. Nunca mais quero vê-la assim.

 

 

Por outro lado, me aquece saber que ela decidiu se entregar para mim, mesmo não sendo a sua Primeira Vez. Não deixarei coisas como Mikami, ou minha esquisitisse atrapalhar o que temos, o que é muitíssimo importante, ao menos para mim.


 

 

Meus pensamentos foram interrompidos quando meu celular indicou umas mensagens novas. ___....

 

--Mensagens On--

 

GutGuti<3: TaeTae

GutiGuti<3: Vem me buscar

GutiGuti<3: Por favorzinho

 

- Claro :)

- Mas pq?

- Saudades?

- Sei que sou irresistível e tudo mais

 

GutiGuti<3: ....ta

GutiGuti<3: Mas, sim, podemos dizer que é saudades

 

- Mas já?! :D

 

GutiGuti<3: Quer que eu desista?

 

- NA~O PELOAMORSEUDEUS

- !!!11

-NAOÃ ME FLA UMA TRECXO DESSE

- TTU ME MATAA

- DESCULOA

-AAAAA

- TO NERVOUSIDO

 

GutiGuti<3: Hahaha

Até sua risada virtual é fofa. Me faz lembrar da sua risada real.

GutiGuti<3: Te encontro no seu apartamento?

 

- Okay :)

 

GutiGuti<3:G :)

 

--Mensagem Off--

 

Ai... o meu lado esquerdo do peito não aguenta. Apesar de ser grossa algumas vezes, todos sabemos que seu lado fofo está ali, esperando o momento certo. Não esperei mais e fui tomar uma ducha.

 

{...}

 

- Guti-Guti? - Perguntei preocupado, ___ está toda agasalhada e... Tinha uma droga de uma marca vermelha no seu rosto! - O que aconteceu com o seu rosto?

- Me deixa entrar...? - Seu tom baixinho me assustou, apesar de me lembrar da infância, eu nunca a ouvi falar desse jeito tão... estranho antes

 

Ela entrou e eu tranquei a casa direitinho. ___ já estava enlaçada com o SoonShim, que carinhosamente —anos atrás— ela chamava de Bolota de Pêlos. Juntei-me a ela e a enlacei em meus braços. Na verdade tentei, já que ela se afastou de supetão.

 

- D-Desculpa, TaeTae! - Exclamou, aparentemente arrependida

- L.B, o que aconteceu? - Meu semblante denunciava minha curiosidade e confusão

- Nada. - Respondeu hesitante e brincando com os dedos para evitar me olhar

- Marrentinha... - Supliquei

- Posso me deitar em você? - Perguntou algo aleatório. Suspirei

- Claro. - Acabou por ___ e SoonShim deitarem no meu colo, enquanto minha mão se movia pelos cabelos da minha Melhor Amiga e ela vagarosamente ia se entregando ao sono

 

{...}

 

Eu até estava interessado em assistir "Reign", uma série que Guti-Guti me indicou, mas no momento que a vi começar ofegar, percebi que realmente algo de errado não estava certo. Era muito estranho ela estar agasalhada no mesmo dia que estávamos correndo igual à dois Condenados no parque. Eu estava ficando com calor só de vê-la com aquela blusa de lã grossa.

Então fiz o que qualquer um faria. Com delicadeza sempre, puxei suas mangas para cima e vi algo que me deixou Estupefato: Manchas que se pareciam muito com Hematomas, roxos pelo seus pulsos. Com medo, ergui sua blusa e os Hematomas pareciam piores ali. Então aquela marca em seu rosto... Ah, não!
 

 

JungKook Point of View

 

 

O seu tapa começou a arder mais ainda. Que droga de unhas femininas!

 

Ela ficou atrevida desse jeito por causa dele! Kim Embostado Taehyung! Antes dele voltar tudo era perfeito entre ___ e eu, tudo estava dando certo. O nosso romance ia progredindo até que ele veio "estudar" para as provas. Não sei se iria aguentar fingir que não o conhecia quando queria quebrar sua cara.

 

Merda, como eu precisava de um Cigarro.

 

Encarava-a com fogo nos olhos. Meu estresse estava em um patamar paranormal. Ela queria me enfrentar? Então iríamos até o final.

 

- Você vai me bater outra vez, princesa? - Meus dedos apertavam cada vez mais seus pulsos, enquanto ela tentava se soltar - Não acho justo isso... você me bateu e não posso revidar?

- V-Você me bateu primeiro!

- Shh... - Ignorei sua fala - Fica quietinha, se não vai ser pior. - Calei sua boca, com um beijo agressivo, mordendo seus lábios a ponto de sangrarem

 

Fui a empurrando até que ela batesse com as costas no sofá, totalmente assustada. Ela realmente não entendeu o que iria acontecer?

 

- Sai de p-perto! - Reuniu forças para gritar e tentar fugir mais uma vez. Ela realmente não estava cooperando

 

Não dei ouvidos e tirei sua blusa, usando-a logo depois para amarrar suas mãos. As coisas oficialmente tinham saído de controle. Seus belos olhos negros expulsavam lágrimas corriqueiras com vontade. Eu pararia se estivesse em sã consciência.

 

Assim que a amarrei ataquei seu colo, mordendo e sugando a pele macia, deixando de brinde marcas vermelhas e roxas. Continuando com essas ações, trilhei um caminho até sua barriga, onde maltratei sem piedade enquanto conseguia ouvir soluços vindo dela. Ela não pararia de chorar.

 

Sua calça foi tirada com tanta força que pensei que rasgaria. Toda vez que podia, ___ se encolhia no sofá para evitar, de alguma forma, que eu continuasse com aquilo. Eu apenas ia e separava suas pernas novamente, não deixando de estapeá-las sempre que isso acontecia. Se desobedecer o Daddy...

 

O incômodo na minha calça crescia a cada tapa desferido no seu corpo, portanto não demorei a ficar somente de cueca, pronto para um dos melhores prazeres que ___ pode me proporcionar. Coloquei-a de joelhos e lentamente tirei minha cueca, minha garota já havia desistido de chorar e apenas olhava para um ponto qualquer com os olhos Sem Vida.

 

A fiz engasgar enquanto gemia rouco e alto, a fiz se masturbar enquanto me chupava, mas mesmo assim, ela aceitava como se não tivesse mais forças para lutar contra mim. Eu estava em puro êxtase, então não me importava com isso naquele momento. Eu só queria foder a Minha garota até ela entender de uma vez por todas, como as coisas funcionavam.

 

O momento que tanto sentia falta havia chegado. ___ estava toda aberta, prontinha para receber meu pau pulsante, só não... devidamente preparada. Não estava molhadinha do jeito que eu gosto. Mas, de novo, não me importei e a fodi com gosto, gemendo alto cessando com a saudade que tinha da sua bela vagina, minha bocetinha. Por pouco não gozo dentro dela. Foi o único momento que a ouvi urrar de dor para que eu parasse.Depois de me recuperar, Levo-a para o seu quarto, vestida de qualquer jeito, e a deixo na sua cama. Acariciei seu rosto, com a marca vermelha ainda em sua face.

 

- Minha Garota. - Disse calmo e sereno, dando um beijinho no seu nariz. Ela nada fez, apenas me olhou sem expressão. Eu sorri doce e me dirigi para o meu quarto, pronto para tirar um belo cochilo depois de um banho frio

 

 

Taehyung Point of View

 

 

Eu não tinha certeza de nada, mas uma ótima teoria borbulhava na minha mente. Podia ter certeza que as coisas não ficariam daquele jeito.

 

 

 

 


Notas Finais


Obrigada por lerem!!! >_<

Comentem o que acharem!!

Vou agora reponder os comentários que faltam!

Ps: Seus comentários são demais!!!

Uma piadinha: Qual o idol que todo mundo odeia?




O Kris.



aaaaaaaaaa


XOXO


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...