1. Spirit Fanfics >
  2. Adolescente em crise - Vondy >
  3. Capitulo 144 segunda temporada

História Adolescente em crise - Vondy - Capítulo 144


Escrita por:


Capítulo 144 - Capitulo 144 segunda temporada


Dulce Narrando ( Capítulo especial )

 

Não sei o que esta acontecendo comigo, minha cabeça a cada vez mais entra em uma confusão sem fim, principalmente quando se trata de Christopher. Quando o vi a ponto de beijar outra quase pirei, e acabei agindo como uma louca desvairada, sei que fui eu que pedi um tempo e é claro que ele tinha o direito de seguir em frente mas, não suporto imagina-lo com outra desde daquele dia na sorveteria.

 

Quando ele me beijou, senti que ia ao céu, mas, isso só serviu pra me deixar mais inquieta então pedi que não me pressionasse, ele se irritou e me virou as costas, fui pra casa e quando dormi acabei sonhando com ele. Ontem eu que o beijei, o beijei por que queria sentir aquela sensação maravilhosa de novo, ele me despertava diversos sentimentos, e todos eles me agradavam.

 

Ergui os olhos e o vi desfilando, ele estava absurdamente lindo como sempre, meu coração parou no estante que seus olhos se encontraram com os meus, seus olhos eram como grandes piscinas, e nesse momento eu entendi, entendi que quero mergulhar profundamente nessas piscinas, na verdade acho que sempre quis.

 

" é inevitável negar " comento ainda o olhando como uma abobada

 

Pablo vira seu rosto e me olha com uma expressão confusa em seu rosto " o que é inevitável negar Dul ? "

 

" o que sinto por Christopher "

 

Ele revira os olhos " já conversamos sobre isso "

 

" não é mentira Pablo, não é mentira " insisto

 

" ele esta se aproveitando da sua condição, eu tenho quase certeza que vocês dois nunca estiveram juntos, isso deve ser uma brincadeira sórdida dele com aqueles amiguinhos pra tentar te levar pra cama "

 

Nego com a cabeça " não, Christopher não faria algo assim, nem ele nem a Mai "

 

" Mai deve estar sendo influenciada, assim como Annie " ele insisti, desde que contei tudo a Pablo, ele insistia de que eu estava sendo enganada

 

" tem fotos, existem fotos minhas com ele e não é só isso, há presentes que trocamos, e minha dedicatória no caderno que meu pai me deu e eu o presentei com letras que fiz pensando nele" eu sussurro

 

Pablo bufa " tudo pode ter sido muito bem implantado Dulce "

 

" e você acha que fariam tudo isso só pra ele conseguir me levar pra cama ? " pergunto descrente, ele apenas dá de ombros " não Pablo, é verdade, eu e ele tivemos algo, essa atração, essa vontade de estar com ele não é de agora, eu sinto isso " falo convicta, volto a ergue o olhar e vejo ele dá mais uma volta

 

" acho que você esta sendo bem burra deixando eles te enganarem assim " ele resmunga

 

Fico com raiva " não estou deixando me enganarem ok ? Estou certa de que tudo é verdade, Mai não mentiria pra mim sempre fomos amigas e eu confio nela mais que em qualquer um "

 

" é, eu também confio mas, ela é irmã dele " ele aponta discretamente pra Christopher " e pode muito bem ter se deixado levar por isso "

 

" não, ela nunca faria isso " debato irritada " e ele também não, Christopher não é assim "

 

" você não o conhece Dulce "

 

" sim, eu conheço, eu o conheço mais do que você pensa, podemos sim ter nos afastado mas, eu praticamente cresci com ele, conheço seus pais, sei como foi criado e conheço sua índole, ele nunca mentiria pra mim " digo entre os dentes, Pablo já estava me dando nos nervos

 

Ele trava a mandíbula e então cerra os olhos " ótimo, você quer acreditar nisso ? Então acredite, só preciso saber o que isso vai mudar ? Por acaso pensa em voltar com esse cara ? " pergunta parecendo impaciente

 

Novamente olho pro palco, Christopher agora estava sorrindo abraçado com Annie e Mai, Annie manda beijo pro seu namorado e então o encontro na multidão, ele estava ao lado de Christian que também sorria. Então me recordei da conversa que tive com Mai, quando ela me contou que éramos muito amigos, todos nós. Uma alegria me invadiu ao vê-los felizes, a confusão sumiu e eu percebi que queria estar ali  junto com eles, sorrindo, abraçando-os, eu queria estar ao lado de Christopher.

 

Dou um sorriso " eu quero ser ela " finalmente me toco de que é isso que quero 

 

Ele franzi a testa " ela quem ? "

 

Meus olhos ardem, e eu me emociono " eu quero ser ela Pablo, eu quero ser a Dulce de antes " digo sorrindo, nunca tive tanta certeza na minha vida

 

" o que isso quer dizer ? " ele ainda estava confusa

 

" isso quer dizer que quero minha vida de volta, a minha verdadeira vida " digo olhando fixamente pra Christopher, que no mesmo estante também me olha, como demorei tanto pra vê que era ele que eu queria ? Como fui tão burra, sinto um aperto em meu braço e me viro " o que esta fazendo ? "

 

" você esta louca Dulce, esta louca " Pablo dizia entre os dentes enquanto apertava meu braço

 

Arregalo os olhos " esta me machucando, me solta agora Pablo "

 

" como pode querer voltar a ser aquela Dulce ? Como pode querer me deixar ? Eu sempre estive com você Dulce, eu te amo, te amo e você ainda pensa em me trocar por aquele idiota? " ele estava transtornado

 

O medo toma conta de mim " me solte, você esta louco, me solta Pablo " peço me desesperando

 

" não, nós vamos embora daqui e eu vou te fazer mudar de ideia Dulce " ele diz me puxando entre as pessoas

 

Me debato " me solta, seu maluco " grito chamando a atenção de todos

 

" ei você não esta ouvindo ela ? Solte-a agora " Christopher diz parando me frente a Pablo, como ele chegou aqui tão rápido ? O olho com lágrimas nos olhos, Pablo ainda me segurava e apertou meu braço com mais força, acabo gemendo de dor " seu maldito, você esta surdo ? Eu mandei você soltar ela agora " ele ordena 

 

Pablo ri " eu não tenho medo de você "

 

Christopher dá mais uns passos e fica frente a frente com Pablo " pois deveria ter " rosna, fecho os olhos e choro.  



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...