1. Spirit Fanfics >
  2. Adolescente em crise - Vondy >
  3. Capitulo 146 segunda temporada

História Adolescente em crise - Vondy - Capítulo 146


Escrita por:


Capítulo 146 - Capitulo 146 segunda temporada


Me sento na cama, enquanto observo Dulce pegar as coisas pra limpar meu machucado. Ela se abaixa e pega o algodão, depois se vira e caminha em minha direção. Algo nela estava diferente, não sei exatamente o que, só o que sei é que ela parece bem mais receptiva do que antes.

 

Ela pega o algodão e o molha, depois se aproxima mais de mim, ela fica parada olhando meu rosto, parecia querer gravar cada detalhe em sua mente. Ela toca meu rosto e acaricia levemente minha bochecha, depois sorri fraco e passa o algodão no corte da minha sobrancelha.

 

Gemo de dor, e ela ri " aguente, vai arder um pouco mais " sussurra

 

" eu odeio isso " comento emburrado

 

" não me importa, eu tenho que cuidar disso, pode infeccionar e ai sim você terá um problemão depois " ela jogo o algodão fora e então pega outro " isso esta bem feio " faz uma caretinha

 

Dou uma risada, e depois faço careta " você não viu ? Eu deixei o outro cara bem pior "

 

" eu vi sim " ela me encara " o que fez foi incrível Christopher, onde aprendeu a lutar tão bem assim ? "

 

Estreito os olhos " não aprendi "

 

" sério ? Por que do jeito que bateu em Pablo parecia um profissional " ela sussurra, e então passa novamente o algodão, gemo " aguente firme, é pro seu bem " aconcelha

 

" eu sei mas, mesmo assim dói " faço um bico, ela ri " não ria de mim " resmungo

 

" você parece aquelas criancinhas manhosas, quem vê jamais pensaria que foi capaz de deixar Pablo cheio de hematomas " ela diz brincalhona

 

Bufo " ele mereceu "

 

" sim, ele mereceu " ela concorda, então joga o algodão fora e pega outro " esse talvez doa um pouco mais " assinto, ela passa no canto da minha boca e eu dou um sobressalto " eu disse " ri

 

Me levanto " não, deixa, já me sinto bem não quero mais limpar nada "

 

" não, nada disso Christopher, vou colocar um bandeide ou um curativo ai, anda se senta " eu me sento contragosto " onde esta sua coragem agora? " brinca

 

" foi embora " digo rindo " ai, isso é tortura "

 

" já vai acabar " ela limpa, e então coloca um bandeide nos dois cortes, e suspira " eu queria te agradecer por ter me defendido, se você não tivesse aparecido só Deus sabe o que ele faria comigo " ela parece sincera

 

Suspiro " o que houve Dulce ? Vocês não eram tão próximos ? Por que ele agiu desse jeito com você ? "

 

" ele ficou completamente louco, não sei explicar o que houve por que a verdade é que nem eu entendi " nega com a cabeça

 

Mordo os lábios e desvio o olhar " sobre aquilo o que ele disse " engulo a seco " era verdade ? "

 

" ele falou tantas coisas Christopher " diz parecendo entediada

 

" ele disse que vocês iam fazer as pazes fazendo amor como fizeram ontem " repito as palavras ditas por ele, Dulce cora e abaixa a cabeça " sei que não tenho nada a ver com isso mas, preciso saber se era verdade Dulce, você realmente dormiu com ele ? " pergunto

 

Agora ela ergue o rosto e parece indignada com minha pergunta " realmente acha que fiz isso ? "

 

Dou de ombros " ele pareceu bem seguro "

 

" que se dane a segurança dele Christopher, eu nunca tive nada com Pablo, fui super sincera todas as vezes que te disse que ele era apenas um amigo e outra, eu sou virgem e nunca me entregaria pra qualquer um, quando for perder minha virgindade quero que seja com o amor da minha vida " afirma

 

Dou um meio sorriso, ao me lembrar que ela já havia feito isso " então, você e ele nunca ... ? "

 

" por deus, claro que não, eu sigo virgem " diz séria

 

Sorrio " Dul, sobre isso eu ... "

 

" podemos por favor mudar de assunto ? Eu não me sinto bem conversando sobre isso " ela me interrompe e noto que esta mais vermelha que um tomate

 

" sim, podemos mas, antes preciso te dizer uma coisa, é super importante " insisto, ela tinha o direito de saber que havia perdido a virgindade comigo

 

" tem a ver com fazer amor , transar ou qualquer outro termo referente a sexo ? " pergunta encabulada, assinto " então não me conte " pede

 

" mas, .... "

 

" por favor Christopher, se continuar com essa conversa não vou ter onde enfiar minha cara, facilita pra mim e acaba o assunto " pede, prendo o riso e assinto " obrigada " ficamos um tempo calados " então, posso fazer uma última pergunta pra encerramos esse assunto depravado ? " pergunta

 

Dou uma risada " eu pensei que já tinhamos encerrado "

 

" é sério Christopher " revira os olhos

 

" esta bem, esta bem, pode perguntar o que quiser " digo

 

Ela morde levemente os lábios " nós no nosso relacionamento já tinhamos tocado nesse assunto ? "

 

Sorrio abertamente " muitas vezes " respondo, fizemos muitas vezes também, quero acrescentar mas, acho que seria demais

 

Ela arregala os olhos " muitas ? Muitas mesmo ? "

 

" muitas " afirmo

 

" e eu estava bem com isso ? Eu não tinha vergonha ou nada disso ? " pergunta surpresa

 

Acaricio seu rosto " não, você sempre esteve muito a vontade comigo " sussurro

 

Ela parece se abalar, seu rosto cora novamente e então ela se afasta " entendi, bem, é melhor voltarmos não ? Os outros estão esperando "

 

" claro " me levanto " obrigada por ter me ajudado com os machucados "

 

Ela sorri " não precisa agradecer, eu que agradeço por ter me ajudado com Pablo "

 

" não precisa agradecer " repito, e então rimos, e é melhor sensação de mundo, voltar a ri com ela.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...