1. Spirit Fanfics >
  2. Adolescente em crise - Vondy >
  3. Capitulo 167 segunda temporada

História Adolescente em crise - Vondy - Capítulo 167


Escrita por:


Capítulo 167 - Capitulo 167 segunda temporada


“ é tão bom poder lembrar de tudo “ Dulce diz ficando de bruços.

 

Já era umas 4 da tarde, passamos o dia todo na cachoeira, almoçamos num dos restaurantes que tinha perto dos bares e depois voltamos pra admirar a cachoeira. Nos deitamos sobre nossa toalha, ela estava deitada sobre meu peito, e agora estava me encarando daquele jeito que me deixa alucinado e me faz me encantar por ela mais um pouco.

 

“ Sabe, depois que eu esqueci daqueles 2 anos algo em mim ficou faltando, não acho que tenha sido as lembranças em si, acho que foi os sentimentos sabe ? eles estavam aqui mas, estavam guardados, e eu não os lembrava que tinha, era horrível, era como se eu fosse uma árvore sem frutos “ ela sussurra “ quando me lembrei de tudo, me veio um clique e, eu revivi tudo de novo entende ? eu senti tudo de novo “

 

Estreito os olhos, acaricio seus cabelos ruivos “ como assim ? “ pergunto

 

“ o dia no refeitório, quando derrubei espaguete na sua roupa e você ficou uma fera comigo, eu consegui sentir de novo a raiva que eu senti de você por ter sido grosso comigo, o mesmo quando Annie sugeriu que poderíamos ser amigas, eu senti a minha empolgação com isso, quando eu e você nos beijamos pela primeira vez, eu senti novamente as borboletas no meu estômago, eu podia até mesmo sentir a sensação que era te beijar pela primeira vez “

 

Dou um sorriso “ foi estranho ? “

 

“ foi estranho e maravilhoso, claro que tinha coisas que eu preferia não ter sentido de novo,como a Belinda ter me trancado naquele quarto com o Joaquim, nossa, que raiva eu senti “ bufa

 

Dou uma risada “ ela esta mudada “ relembro

 

“ eu sei, nunca vou esquecer a força que ela me deu quando o idiota do Pablo me atacou no desfile mas, isso não muda o fato dela ter sido uma completa vaca comigo “

 

“ é, nisso você esta certa “ concordo “ mas, o que importa agora é que você se lembra de tudo, não falta mais nada e você nunca mais ficará confusa de novo, o acidente te tirou muita coisa mas, te trouxe muito mais “

 

Ela sorri “ tem razão “ suspira “ as férias estão acabando “

 

Faço careta “ eu sei, eu sei “

 

“ você vai voltar pra Inglaterra, e mais uma vez vamos ficar afastados “ ela comenta com a voz baixa

 

Suspiro “ sobre isso, eu não acho que ... “

 

“ não desista “ ela diz me interrompendo

 

Estreito os olhos “ que ? “

 

“ não desista, eu não quero que fique, que desista de algo que sempre desejou, você esta apenas no começo amor, já deu seus primeiros passos, não pode voltar atrás agora, tem que ir atrás do seu futuro “ ela me encoraja

 

“ meu futuro é você Dulce, eu não quero ter que ir, não quero me afastar de você, eu não posso “ digo já sentindo meus olhos arderem

 

Ela toca meu rosto “ me ouça, você só esta com medo de algo acontecer mas, nada vai acontecer eu te prometo “

 

“ como pode ter certeza ? eu fui uma vez e quando voltei você não se lembrava da gente, eu não posso me arriscar de novo, não posso te perder “ rebato

 

Ela sorri “ o que aconteceu foi um acidente, eu estou bem, não vou a lugar nenhum, vou terminar meu ensino médio esse ano e quem sabe ano que vem eu não vá morar com você na Inglaterra ? “

 

Arregalo os olhos “ faria isso por mim ? “ pergunto surpreso

 

“ eu faria qualquer coisa por você “ ela beija brevemente meus lábios “ além do mais, minha profissão pode ser conquistada em qualquer lugar já a sua, ela só vai anda pra frente se você se formar na melhor faculdade, e essa esta na Inglaterra “

 

Nego com a cabeça “ não quero que desista da sua vida por mim “

 

“ não seja bobinho amor, minha vida é você “ dou um sorriso ao ouvi-la dizer isso “ vamos ficar apenas alguns meses afastados, quando eu terminar o ensino médio, te prometo que vou te encontrar e ficaremos juntos “  ela diz com um bonito sorriso nos lábios “ até lá aproveitaremos cada segundo juntos “

 

“ eu te amo “ falo alegre, seguro seus rosto entre minhas mãos e a beijo.

 

Ela se afasta ofegante “ eu te amo “ diz,  então se levanta “ vamos dar um último mergulho ? “ pergunta me estendendo a mão.

 

Me levanto e seguro suas mãos “ só se for agora “

 

A ajudo novamente nas pedras, ela entra na água e mergulha, quando emergi acena com as mãos pra mim, sorriu e entro na água mergulhando, quando emergi, estava atrás dela, a agarro e ela dá um gritinho, quando se vira esta rindo, então cola seus lábios aos meus, me deixo levar sentindo o gosto maravilhoso de seu beijo.

 

“ não vou cansar de dizer que te amo “ ela diz ofegante quando se afasta de mim

 

Sorriu “ eu não vou cansar de dizer que te amo “ repito

 

Ela suspira “ não quero ir embora desse paraíso “ comenta

 

“ eu sei meu amor mas, precisamos ir, prometo que vamos voltar outro dia “

 

Ela faz um bico “ promete mesmo ? “ pergunto

 

Dou uma risada “ prometo mesmo minha criançinha “ aperto seu bico com os dedos e ela ri

 

“ você é o melhor namorado de todos nutellinho “ ela diz passando os braços pelo meu pescoço

 

Bufo “ nutellinho não amor “ resmungo

 

Ela ri “ eu estou brincando, meu bebê “ beija minha bochecha

 

“ bem melhor “ digo sorrindo “ agora vamos, temos que ir “

 

“ me leva “ ela diz passando as pernas pela minha cintura

 

Faço careta “ não é uma boa, vamos cair “

 

“ não vamos não, vai por favor bebê, me leva no colo “ pede

 

Reviro os olhos “ como é manhosa essa minha namorada “ brinco, dou um selinho nela “ claro que te levo, mas só até nossas coisas por que você esta pesada demais e eu ainda não estou 100% bom “

 

Ela dá um tapa no peito, e eu faço uma careta “ eu não estou pesada “ protesta

 

“ ai  amor, as vezes acho que você quer me mandar de volta pro hospital “ resmungo

 

Ela faz um bico “ desculpa amor, desculpa, doeu ? “ pergunta

 

“ doeu “ respondo 

 

“ deixa eu dar um beijinho que sara “ ela abaixa a cabeça e beija meu tórax, respiro fundo “ precisa de outro beijo ? “ ela diz ainda beijando, suas mãos vão pra outro lugar, ela me aperta levemente  

 

Fecho os olhos e respiro fundo de novo “ oh deus “  sussurro rouco

 

“ o que foi amor ? “ ergue a cabeça e sorri travessa

 

“ você sabe o que fez “ retruco

 

Ela dá de ombros “ eu não fiz nada “

 

Sorriu “ aé ? também vou fazer nada em você “ afasto a parte de baixo do seu biquíni e introduzo meus dedos dentro dela, os movimentando calmamente.

 

Dulce solta um suspiro “ isso é covardia “ sussurra, aumento os ritmos dos meus dedos, ela me abraça e geme baixo no meu ouvido “ oh, meu deus, se você continuar eu vou gozar na frente de todos “ ela me alerta

 

Dou uma risada “ goza, ninguém vai perceber meu amor, somente eu “ beijo seus lábios, enquanto continuava a masturbá-la

 

“ eu quero gritar “ ela diz mordendo os lábios

 

“ sugiro que não faça isso “ sussurro em seu ouvido “ quer que eu pare ? “ pergunto

 

Ela me lança um olhar mortal “ se parar, é um homem morto “ arqueia a cabeça pra trás “ isso é muito gostoso, mais rápido, mais rápido amor “ dizia com a voz rouca em meu ouvido

 

“ goza meu amor, goze pra mim em, goze nos meus dedos “ sussurro em seu ouvido, o corpo dela treme junto ao meu, e ela solta um gemido baixo fechando os olhos “ que delicia fazer você gozar “ comento tirando os dedos de dentro dela

 

Dulce abre os olhos e me olha um pouco desorientada “ uau “

 

Sorriu, e beijo sua boca “ é, uau mesmo “ comento “ vamos, temos que ir “ ela se aperta em mim “ ainda quer que eu te leve no colo ? “

 

Ela ri travessa “ eu não te soltaria agora por nada no mundo  “ responde me fazendo ri.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...