História Adolescentes de Eddsworld - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias Eddsworld
Personagens Edd, Matt, Tom, Tord
Tags Amor, Comedia, Drama, Futuro, Morte, Revelaçoes, Romance
Visualizações 79
Palavras 1.081
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo
Avisos: Adultério, Álcool, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 10 - "Não pule da sacada! Eu te amo!"


Fanfic / Fanfiction Adolescentes de Eddsworld - Capítulo 10 - "Não pule da sacada! Eu te amo!"

Na manhã de segunda..

Hoje era segunda-feira. Jaqueline não tinha mais sido vista depois que Madley e Trinity se foram e Esther e uma garota nova apareceram recentemente. Tord é o amigo mais próximo dela então decidiu a visitar em sua casa que eram apenas 10 minutos de viagem de carro da casa de Tord até a de Jaqueline na cidade grande,já que a morena azulada pegava Ônibus para ir pra casa.

Apartamento 609 no andar 40. Tord entra sem pedir permissão porque os dois já se conheciam a bastante tempo e não tinham privacidade um com o outro.

Tord- Jaque?

O Norueguês começa a andar pelo apartamento da adolescente e vê Jaqueline sentada na grade da sacada já que a porta do acesso na sacada era de vidro. Tord não pensou em nada que ela poderia fazer de errado então abriu a porta e encostou seu braço na grade da sacada ao lado dela quando ela larga um suspiro longo.

Tord- E aí...Como você tá? e oque aconteceu que nunca mais eu vi você..

Jaqueline- Tord..

Tord- Hmm?..

Jaqueline- Responda com sinceridade..Oque você faria se alguém importante para você ou que seria seu melhor amigo morresse?

Tord- Haha,quer dizer..bem..eu não sei,se essa pessoa fosse realmente importante para mim eu poderia acabar ficando doente como depressão ou algo do tipo,pena que não tenho mais ninguém de tão importante assim pra mim tirando meus pais e você..

Jaqueline- Eu sou importante?

Tord- Claro,somos amigos desde os meus 9 anos que eu entrei na sua escola. E Se passaram eu acho que 5 anos e ainda somos amigos cada vez mais próximos kkk

Jaqueline- Hahaha...ha..obrigado,era pra ser um elogio? me senti melhor com isso..

Tord- Como assim se sentir melhor?

Jaqueline- A Trinity e a Madley eram minhas melhores amigas mas acho que você não sabia. Madley e eu eramos vizinhas e melhores amigas só que...quando ela foi expulsa ela contou que a diretora ameaçou ela de chamar a policia porque inventaram que ela tentou matar o Hargreaves..

Tord- Matt?..Ela fez isso?..

Jaqueline- Ela não fez nada,inventaram isso para expulsar ela por causa que o tal Edd se apaixonou a primeira vista por ela e os amiguinhos dele ficaram com ciúmes principalmente esse Matt. Depois de eu tentar consolar ela no dia seguinte ela desapareceu,falaram que o quarto dela foi interditado e eu nunca mais a vi. Suspeitam que ela tirou a própria vida..

Tord- Então foi isso...como que eles tiveram coragem de fazer isso com ela? Porque tipo..eu com apenas uma semana de amizade com a Madley já sabia que ela tinha problemas mentais como depressão e esquizofrenia. Eu me odeio por não ter feito algo.

Jaqueline- Eu também me odeio por estar ao lado dela mas não conseguir ter conseguido a ajudar da maneira certa na hora que ela precisava. E Como vai sua irmã que eu fiquei sabendo que ela foi expulsa também?..

Tord- Ela se matou assim dizendo,ela entrou na frente de um carro vindo muito rápido na estrada a frente da vila da nossa casa e o impacto vez o coração dela parar,a cena dela se esborrachando no chão era chocante..Ainda bem que minha mãe compreendeu que aquilo me deu um choque e me deixou vir aqui em vez de comparecer no velório dela..

Tord olha para o lado e vê lágrimas escorrendo pelo rosto dela enquanto fazia soluços de boca fechada.

Tord- Calma Jaque,pelo ou menos ainda temos um ao outro.

Jaqueline- Eu sei,mas você mora muito distante daqui e essas duas eram as únicas que podiam me visitar,me divertir e que eu podia confiar.

Tord- Eu entendo como você se sente,elas também foram importantes para mim. Mas..podemos tentar fazer amizade com as duas novatas.

Jaqueline- Quem são elas..

Tord-Bem,uma é uma garota de laço e uniforme feminino vermelhos com cabelo castanho e olhos da mesma cor chamada Esther e a outra é uma menina de cabelo bem diferenciado chamada Hannah mas o apelido dela é bem engraçado kkkkk

Jaqueline- Hannah é o apelido dela? Espera...ESTHER?! U-Uh..Eu..Ah...DEFINA DIFERENCIADO!

Tord- Nossa calma,diferenciado de tipo cabelo rosa e uma franja rosa. E Não o apelido dela é batata kkkkk você conhece a Esther?

Jaqueline- Si-semp-nu-NÃO!! Eu não conheço ela.. batata,funny heheh..Tord acho melhor você sair daqui,não quero ouvir o nome Esther novamente..eu te vejo terça na aula.

Tord- Okay..te vejo amanhã.

Tord vai embora mas esqueceu seu telefone encima da bancada na sacada.

NOITE: Segunda-feira.

Era de noite e Tord estava em casa,por tédio ele decidiu mexer no celular mas decidiu ver o celular mas não estava onde sempre deixava,ele olhou sua casa de cima para baixo até no quarto de sua irmã falecida e não achou nada quando lembrou que deixou o celular na casa da Jaqueline.

Ele mandou mensagem para ela pelo celular de sua mãe,última vista foi ontem e ela não respondeu as 6 mensagens dele. Ele decidiu voltar lá porque começou a pensar oque ela poderia estar fazendo porque sempre respondia ele.

Ele subiu no apartamento do andar quarenta correndo,antes de abrir a porta ele caiu para trás porque lembrou que hoje tinha jogo de futebol do time azul com o time de Portugal. O Time de azul ganhou e centenas de fogos azuis começaram a surgir todos ao mesmo tempo. Depois de se levantar ele vê que ela não estava em lugar nenhum e só sobrou um lugar.

A Sacada.

Ele viu a cena de Jaqueline que estava sentada na grade de pé como se fosse pular e os cabelos dela balançando para trás com o vento,não tinha como ser uma brincadeira ou uma pegadinha até por causa que ela já estava estranha hoje de manhã. O Vento frio entrava pelas portas abertas quando ele percebeu que ela estava tomando impulso e o norueguês correu para agarrar-lá gritando apenas uma frase.

"Não pule da sacada! Eu te amo!"

Tord agarrou o pulso dela antes dela cair.

Jaqueline- Tord?...

Tord- Não faz isso por favor! Jaque eu te amo!!

Jaqueline- Eu...também te amo. Me ajude por favor..

Tord puxou Jaqueline pro piso da sacada de novo,foi por segundos que ele não conseguiria a segurar,os dois se abraçaram chorando depois daquela cena aterrorizante para ambos.

Jaqueline- Me desculpa por fazer isso com você! 

Tord- Nah,tá tudo bem,só o fato de você continuar viva já me deixa feliz.

EM ALGUM LUGAR...

Esther- Eu não acredito..

Esther cai chorando de joelhos no chão.

Esther- EU VI TUDO SUA FALSA!! NINGUÉM TIRA ELE DE MIM!! EU VOU TE MATAR!



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...