História Adotados! - Capítulo 25


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Tags Itadei, Naruto, Revelaçoes, Romance, Sasunaru
Visualizações 116
Palavras 1.476
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Lemon, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 25 - Mais um dia na casa Uchiha.


 Naruto


      Me joguei no sofá ligando a Tv. 


      Não tem muitas coisas pra fazer. Agora é fim de tarde de sábado e eu estou de molho aqui no sofá assistindo. Isso ficaria perfeito se tivesse meu daddy king aqui comigo. 


     Como se lesse meus pensamentos Sasuke aparece e senta ao meu lado me abraçando.


    Ficamos assim uns quinze minutos até ouvirmos a campainha tocar. Olhamos um pra cara do outro com preguiça de levantar. 


     Naruto: vai você... 


     Sasuke: não, vai você...


    Naruto: se você for vai ter recompensa. 


    Ele se animou e sorriu levantando e indo atender. Fiquei  esperando ele voltar e nada de Sasuke uchiha. 


    Acabei ficando curioso e fui ver o que ele fazia. Encontrei ele encostado no batente da porta da frente conversando com alguém. 


    Fiqueu mais curioso ainda pois a conversa está boa. 


    Naruto: Sasuke o que você... - olhei pra porta e lá estava uma garota. Uma garota conversando com Sasuke alegremente - Oi.. - ela apenas olhou pra mim e depois olhou pra Sasuke sorrindo pra ele. 


     "Masoq....?''


     ??: Oi, quem seria você? 


    Naruto: Uchiha Naruto. - disse com orgulho meu sobrenome e Sasuke sorriu com isso.


    ??: Ah... Outro Uchiha...?  Não tinha só o Itachi?


    " Quem é essa? Nunca a vi antes"


    Sasuke: sim mas... Eu ainda não falei sobre meu irmão. Como sabe dele? 


    ??: A-ah...! Eu ouvi por aí. Sabe como é a vizinhança hoje em dia, né? - ela riu nervosa.


    " O que? Vizinhança? Ela mora qui?


     Naruto: desculpa mas... Eu estou perdido. O que está acontecendo? Quem é ela? 


    Sasuke: ela é nova na cidade. Veio por causa do pai doente. Ela veio conhecer os vizinhos. Até me trouxe um pedaço de bolo. Tenten não é? - ele perguntou e ela confirmou com a cabeça sorrindo 


    Só agora percebi que Sasuke segurava um pote com bolo dentro. 


    Naruto: hm, tenten, certo? Eu sou irmão dele. Prazer. - estendi a mão e ela pegou me comprimentando. - quer entrar? 


    Mesmo lá no fundo querendo que ela não aceitasse. Eu não posso ser mal educado.


     Tenten: não obrigado. Eu só estou de passagem. Conhecendo pessoas novas... - posso jurar que agora eu vi ela sorrir sedutor para o Sasuke. 


    " Ah, não! Isso não! 


     Fechei a cara e encarei a cena enquanto ela se despedia e ele agradecia pelo pedaço de bolo. 


     Esperei ela ir embora e fechei a porta com força. Sasuke até pulou de susto. 


     Sasuke: nossa. Que vento! 


     Naruto: não foi o vento. Foi minha mão. 


     Me ignorando completamente Sasuke foi até a cozinha e pegou dois garfos sentando no balcão e me chamando. Cheguei perto e olhei pro pedaço de bolo cortado cimetricamente como se fosse um pedaço de pizza estragada.  


    Sasuke: ora, vamos lá... Não é como se estivesse envenenado. - ele deu a primeira garfada e fez "ok" com a mão - está gostoso! 


    Acabei desistindo e Peguei o garfo e comi.


     " Nossa! Está gostoso mesmo! " 


      Dei várias garfadas junto a Sasuke e rapidamente o bolo acabou. Acabei ficando com raiva do bolo por não conseguir fazer um também. 


     Bem nesse momento Mikoto apareceu na cozinha e eu quase se joguei no chão agradecendo aos deuses. 


      Naruto: Mikoto!  me salvaaa! eu preciso aprender a fazer bolo! - abracei sua cintura pedindo para me ensinar enquanto ela ficava constrangida com tudo isso. 


     Mikoto: n-não precisa de tudo isso. Eu te ensino.


     E logo eu e ela começamos a fazer. Foi bem divertido. E eu decorei tudo rapidinho. 


     Enquanto isso Sasuke me ajudava a pegar os ingredientes e mexer a massa ou rir de mim Enquanto eu me sujava. Deidara se juntou a nós e fez um bolo de cenoura com cobertura de chocolate. Claro, brincando com nós também.


     Logo o Itachi veio também é  ficou na porta da cozinha às vezes rindo das nossas palhaçadas ou corrigindo as medidas das coisas. 


    No meio da bagunça a secretária de Itachi ligou pedindo que ele apareça na empresa por que precisam dele. 


     Se não me engano a moça se chama Hinata. Um doce de pessoa. Adoro ela. 


    Ele acabou indo embora o que deixou o Dei bem tristinho. Mas logo de recompôs quando comeu o seu bolo. 


    Todos foram pra sala e ficaram assistindo filmes enquanto eu me matava na cozinha. 


    Quando acabei tudo Sasuke pediu pra provar. 


    Espereia reação dele e ele entortou a cara.


      Sasuke: tá bem ruinzinho... - 


    " Vou me jogar da ponte..  "


     Deitei a cabeça na mesa e estava quase chorando quando ele me interrompeu.


      Sasuke: é brincadeira! Não chora! - ele correu e enfiou o pedaço de bolo na minha boca. - viu! Tá gostoso! 


     Logo era ele que estava chorando enquanto eu estava me segurando para não rir da cara dele. 


     Naruto: é... Tá gostoso. 


 *************&*************


     Itachi


     O dia foi bem chato hoje. Tirando a parte em que eu via os garotos e minha mãe cozinhando. Foi divertido. Mas logo tive que voltar para o escritório. 


    Agradeço muito por ter uma Hinata na minha vida agora. Ela é muito eficiente. Se não me engano ela tem um namorado. Pelo menos assim sei que ela não está nesse trabalho para tentar algo comigo. 


    E Se fizer isso, vai perder feio pois meu coração já tem dono. 


    Falando na pessoa que me faz de pau mandado -mesmo sem saber- eu não tô falando com ele ainda. Tô fingindo estar chateado. E Isso faz ele se sentir culpado. E eu gosto disso.


    Não me julguem. Pois ele mereceu.


   Itachi: boa noite, Hinata. - falei entrando no escritório.


  Hinata: boa noite Itachi-sama. 


  Itachi: por que me chamou? - ela logo veio a minha mesa e me deu vários papéis para revisar. - sério? Você sabia que hoje é sábado? E esta de noite? 


    Hinata: me desculpa Itachi-sama... 


    Itachi: tudo bem - suspirei e comecei a folhear e assinar. 


    Hinata: como está sua família? 


   Itachi: estão bem. Por que? 


   Hinata: nada. Só perguntei. E seu irmão? Como vai?


   Itachi: também está bem.


   Hinata: ótimo. - ela sorriu e saiu da sala para buscar um café pra mim.


   -------&-------


    Acabei terminando tudo aquilo muito tarde e tive que voltar pra casa de madrugada. 


   A minha surpresa foi que quando eu cheguei encontrei Deidara no sofá. Me lembrando que não é a primeira vez que isso acontece. 


   Me aproximo sem fazer barulho e vejo que ele não me percebeu ainda. Passo a mão no seu cabelo e assopro no seu ouvido o fazendo tomar um susto e até pular no sofá. 


   Deidara: i-itachi...! - ele me olha feio. 


    Dou de ombros não ligando pra sua reação e volto pro meu caminho indo para as escadas. 


   De soslaio vejo ele se desesperar e levantar do sofá rapidamente me seguindo. 


   Deidara: Itachi espera! - me virei pra ele e parou no lugar. Dava pra ver que estava nervoso. 


   Itachi: sim? 


    " Queria pular toda essa parte de perdão. Quero logo meu loiro pra mim! "


   Deidara: ah... Eu... Queria que me desculpasse, não! Quer dizer, me perdoasse por tudo isso... Por favor...? 


   Itachi: não. - ele arregalou os olhos e por um momento vi suas pernas tremerem - a menos que se ajoelhe na minha frente e beije minha mão me pedindo perdão por 10 vezes. 


    " Só de zoas... "


   Mal eu acabei de falar e ele já estava de joelhos no chão se preparando para beijar minha mão.


     O interrompi Pegando em seu queixo


    Itachi: não precisa...


    Deidara: eu sei. Mas ia fazer assim mesmo... - ele desviou o olhar constrangido.


     Ergui ele do chão e entrelacei suas pernas na minha cintura e fui o levando até chegar no meu quarto. Aproveitando para roubar alguns beijos e acariciar seu roto. 

   

   Deidara: mas eu queria para provar o quanto te amo. - ele disse manhoso e eu o encarei  sentindo vontade de morder sua bochecha. 


   Itachi: não precisa provar, eu acredito - sussurrei rente ao seu ouvido e vi seus pelinhos se arrepiarem. - duvida? - perguntei a ele e ele negou com a cabeça várias vezes. - ótimo. Pois eu estou a alguns passos de confirmar o quanto eu te amo também. De todos os jeitos. - sorri malicioso para ele que entendeu o recado, mas não deixou de ficar vermelho. 


     Entrei no quarto e tranquei a porta. 


     "As coisas que vão acontecer aqui não são permitidas para menores de 18 anos." 


    **************&*************


      ??: Alô. Sim. Já me infiltrei. Está tudo sobre controle. Descobri algumas coisas importantes. Tenho um informante valioso. Obrigado por me apresentar ela. Ela é super interessante... as coisas vão ser rápidas eu prometo. Só tenho que descobrir mais. Certifique-se que vou ter meu dinheiro depois disso tudo. Certo. Adeus. 


      ??: Hmm... Esses Uchihas... São tão sexys! Quero muito um dia poder cortar sua pele branca e os ver sangrar até morrer... Seria tão excitante!



Notas Finais


Não quero ter que explicar pq sumi. Me desculpem.

Mas eu voltei 😆

SL-sama


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...