História .Afundando em águas mornas - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Kim Taehyung (V), Park Jimin (Jimin)
Tags Droubble, Fluffy, Jimin, Taehyung, Vmin
Visualizações 47
Palavras 384
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Bishounen, Drama (Tragédia), Droubble, Famí­lia, Fluffy
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Tá tarde.

Capítulo 1 - .


Fanfic / Fanfiction .Afundando em águas mornas - Capítulo 1 - .

Checando a temperatura da água, este leva o dedo molhado até a boca.

Seu leve murmúrio ecoa pelo banheiro, mas Taehyung repete para si mesmo dizendo que está tudo bem.

Olhou para cima e puxou o ar com a boca; deixar a porta interna aberta lhe fez muito mal, agora todos os pensamentos vasculhavam e reviravam sua cabeça abaixo.

Ela iria explodir.

Garoto que se encontra vermelho.

Por que choras no banheiro?

Foi um dia complicado, eu imagino.

Você recusa tomar os remédios, por que não precisa deles, precisa de atenção.

Mas não quer acorda-lo

(...)

Baixinho que dorme serenamente entre os relevos de cobertores, sua pele branquinha está aquecida.

O Kim gosta de você, durma bem. Seu sono é sagrado.

As luzes do banheiro ainda estão apagadas, apenas as velas sobre a banheira e o loiro que deixa lágrimas salgadas saírem de suas orbes.

Está chorando baixinho, ele puxa o ar mais uma vez, trancafiando este choro atrasado. Está soluçando, Taehyung, cansado disto tudo.

Entrou na banheira, sentindo o calor abraçar-lhe, ainda há lágrimas que caem e se mesclam com a temperatura da água morna.

Os seus resmungos o acordaram.

"Taehyung, está tudo bem?" Os pés do baixinho que o levaram até ali se molham ao entrar no banheiro, ele liga a luz do cômodo, vendo o rosto do Kim avermelhado. "Céus... Tae, já disse para não resolver tudo sozinho. Sabe que pode falar comigo." O park abraçou o corpo molhado do Kim, sentindo seus cabelos úmidos tocarem seu roupão. Beijou a nuca de seu marido que ainda soluçava. "Estou me sentindo um inútil por não ter notado isto."

"Jiminie...Volte a dormir."

"Eu ficarei com você, Hyung."

Após isto, os pezinhos do Park tocaram a água morna, ele sorriu.

"Quanto tempo não fazemos isto."

Suspirou em meio a quentura. Apenas com a presença do Park, as coisas pareciam aliviar-se.

Taehyung riu abafado, olhando nos olhos do baixinho que usou seus dedinhos para limpar as lágrimas do maior.

Ele não queria falar nada para Jimin, e não fez isto o banho todo. Apenas os toques na pele do menor já falavam-se por si próprio.

Deram um selar, onde ambas as línguas se conheciam bem, a quentura no corpo de Taehyung era boa, ter Jimin consigo era bom.

Os males esvaziavam-se assim como a água da banheira que escorria pelo azulejo.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...