História Ágape - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 5
Palavras 424
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Suicídio, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Apenas ambientando o capítulo :
A noite estava levemente chuvosa e a vento vinha do litoral para a cidade, as poucas nuvens no céu derramavam filetes de água e a lua parecia brilhar mais por estar cheia e em evidência em meio o coliseu de nuvens. As pequenas ondas da água batiam levemente na estrutura de madeira do pier e mesmo assim o faziam ranger. A água em si estava cristalina até certo ponto, no centro do "lago" que ia oceano refletia tudo que havia no céu e o horizonte não paria distinguir oque era céu ou mar, talvez a escuridão noturna estivesse ajudando esse fator.

Capítulo 2 - Realidade


Fanfic / Fanfiction Ágape - Capítulo 2 - Realidade

Alayla
Mal meu pai tivera saido do quarto e eu saltei da cama de empolgação e finalmente estar só em meu quarto!
E a lua brilhava e brilhava eu estva muito animada para o meu dia na escola no dia seguinte e então eu me pus na janela...
"Oh lua, será que um dia conseguirei brilhar tanto quanto você ?" Eu devia parecer uma lunática desse jeito mas eu adorava a vista do mar e das ruas a noite...
haviam tão poucas pessoas passando mas oque mais me intrigava era o senhor do pier, ele sempre estava lá admirando as coisas como eu o fazia também...
Eu me perguntava se ele tinha um nome ou oque mais na noite ele gostava mais, mas era impossivel para mim alcança-lo... pelo menos eu não deveria. Gostava de pensar
que ele era um amigo...
E lá estava ele denovo sozinho no pier... mal posso imaginar o frio que esteja lá fora...
"Humn?" Alguém está se aproximando dele agora... "Alguém... quem será ?" E então eu vi graça ao brilho da lua a lâmina cintilando no punho do estreifador
"Não, não, não, não, não!" Eu não poderia gritar, mesmo que pudesse a minha voz não o alcançaria e eu tive que pensar rápido... "Que minhas aulas de balé tenham servido para algo"
eu pulei da janela com sucesso, eu não poderia permitir... eu tinha que chegar a tempo!

Henric
O casaco me serve, seu dinheiro era pouco mas ele tinha um recipiente que guardava algum tipo de bebida e é claro aquela arma...
"Velho, para você o resto será silêncio..." Amarrei-o a um balde cheio de pedras que havia perto e o lançei ao mar, era o suficiente por enquanto
Novamente eu estava sozinho, naquele momento dentro do meu mundo ainda não havia um outro alguém, apenas eu existia... eu ainda sentia frio...
E então eu escuto um passo no pier... "Eu estava sozinho não ? Droga, alguém me viu ? B-bem e-eu ainda tenho a arma mesmo que com só uma bala" eu estava pensando
enquanto eu estava hesitante em virar... eu tinha que pensar rápido, aquele podia ser o meu fim e... eu viro!

Alayla
Eu não tinha nada, apenas minhas lágrimas e o meu pijama... eu tinha visto ele jogando o pobre senhor ao mar...
"V-você... maldito! porque você fez isso com ele !?" Eu sucumbia a tristeza enquanto falava...

Henric
Uma segunda vez naquela noite eu era expulso do meu mundo e voltava a realidade... e dessa vez por um ser tão... bonito ?
 


Notas Finais


"A melancolia dos homens vem de sua solidão, sozinhos eles podem representar boemia ou simplesmente Deus" - Álies, filósofo conhecido dentro do mundo da fanfic, junto a outras figuras criou diversas linhas de pensamento que resultou no que há nos dias de hoje. Entre suas frases mais conhecidas estão : "O amor é coisa do futuro, nós vivemos no presente. O ódio é coisa do passado, nós vivemos no presente." e "Nós surgimos, evoluímos e dominamos tudo que há... oque mais o nosso mundo nos deve ?"


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...