1. Spirit Fanfics >
  2. Agente Freire - Sariette >
  3. Quarto

História Agente Freire - Sariette - Capítulo 20


Escrita por: DonnaRachel

Capítulo 20 - Quarto


- Calma – Pocah estava de um lado de Juliette e a Sarah estava do outro, as duas levando a morena até o sofá do apartamento.

De oito horas da manhã daquele dia, Juliette recebeu alto do hospital após duas semanas em observação depois que acordou do coma. Já tinha feito a última cirurgia no joelho e o que restava a se fazer era a fisioterapia, que só vai começar no mês seguinte, quando ela estiver totalmente recuperada.

- Pelo menos meu apartamento está inteiro – Ela comentou após se sentar, ela colocou a perna em cima de uma cadeira, que Pocah pós ali. Sarah está morando no apartamento da morena, depois da prisão de Rodolffo, ela não se sentia confortável em voltar para a mansão, tinha muitas lembranças.

- Pega teu filho – Arthur brincou com a morena quando entregou o Seung e mulher apenas riu enquanto ajeitava o bebê em seu colo.

Apesar de ter se passado duas semanas, nem dos agentes achou um familiar do bebê, ele passou todos esse tempo com a Sarah após ela ganhar a guarda provisória do garotinho, ele sempre ia para o hospital com a mulher, Juliette se apegou ao garoto assim como Sarah também, que passava mais tempo.

Seung foi o nome que elas escolheram para o bebê, queriam que ele tivesse algo do país dele com ele por isso escolheram um nome coreano. Como eles sabiam que o bebê era coreano, resolveram avisar ao governo do país, mas não obtiveram respostas, então resolveram esquecer.

- Quero saber como vamos fazer você subir... – O quarto de Juliette fica no andar de cima, que só tinha apenas o quarto dela, não tinha paredes que o dividia de outros cômodos, tinha apenas uma grade que impedia alguém de cair no meio da sala de estar do apartamento.

- Não é a primeira vez que eu quebro a perna, Pocah, já subi essas escadas, sei qual é o macete – Juliette piscou para a melhor amiga, que bufou, sabia que a morena se machucava e não avisava a ela.

- Cuidado, Sarah, essa se machuca e esquece de avisar – Pocah falou para a loira, que estava sentada do lado da morena, brincando com o Seung.

- Ela nem é doida de não avisar – Ela deu um tapinha no ombro da morena, que reclamou com ela e depois deu um sorriso lindo, que quase fez a Sarah derreter por ela - Não faça esse sorrisinho que eu estou falando sério.

- Ei, cadê o meu cachorro? – Juliette questionou os amigos após não ver seu cachorro pelo apartamento, sem falar que ele não pulou nela - Pocah, você não deu um fim no meu cachorro não, né? – Ela olhou desconfiada para os amigos e a cantora começou a rir da desconfiança da morena.

- Carla foi pegar Toyah na escola e aproveitou para dar um passeio com ele, você sabe que Toyah ama o Max – Pocah respondeu e Juliette suspirou, ela realmente tinha medo do cachorro ter ficado em Washington, sozinho após a mulher ter entrado em coma, mas estava feliz por ele estar bem.

- Mas se prepare que ele está trocando você pela Sarah – Arthur falou e ela olhou para a empresária, que fingiu que nem estava vendo ela.

...

A noite estava caindo e Juliette estava aborrecida no sofá da sala, não tinha se levantado daquele sofá, tinha tentado, mas recebeu olhares negativos e voltou a se sentar no sofá enquanto assistia coisas aleatórias na televisão.

Ela estava deitada no sofá, a perna sobre uma almofada e Seung dormia em sua barriga enquanto sua mão quase encostava no Max, que dorme no chão da sala, perto do sofá. Ele passou o dia com a morena, deitado perto dela e deixando poucas pessoas se aproximarem da mesma.

Juliette brincou um pouco com Toyah antes de Pocah mandar ela ir fazer os deveres de casa. Ela estava quase terminando de assistir uma série, Elite, as cenas que rolavam na série não era apropriada para crianças, então a Toyah estava no quarto dela, com certeza assistindo algum filme infantil.

- Série bonita para você assistir – Ela sorriu quando viu Sarah se aproximar, a empresária teve que dar um pulo na empresa e depois na mansão, apenas para pegar algumas coisas. Sarah tinha deixado de morar na mansão depois de tudo e Pocah a convidou para morar com elas.

- Da próxima vez vai ser pornografia – Juliette brincou com a namorada.

- É com esse tipo de linguajar que você pretende criar um filho? – Pocah se manifestou antes de empresária e a morena gargalhou baixo.

Sarah se inclinou dando um beijo na cabeça do Seung e um selinho na Ju, a morena sorriu mais e observou a loira subir para o quarto, para deixar todas as coisas que trouxe da mansão. Ela colocou as malas perto da cama, olhou em volta mais uma vez, durante a correria com a Juliette no hospital, Sarah não teve tempo para olhar os detalhes do quarto da morena.

O quarto tinha toques industriais, as paredes eram cinza queimados, a cama era box e sempre coberta de lençóis brancos ou cinzas, uma foto enfeitava a parede que a cama está encostada, uma foto da morena com os amigos e Toyah, que ainda tinha dois anos na época. Tem uma escrivaninha perto da porta do closet, o notebook de Sarah e Juliette estavam em cima, uma foto da more na com a loira estava perto, as duas na adolescência.

Era simples. Juliette já tinha comentado que não tinha decorado o quarto e que não tinha tempo para fazer por conta do trabalho, então ela deixou as coisas como o antigo dono tinha deixado, só colocando as coisas dela.

Depois de conseguir a guarda temporária de Seung, Sarah colocou um berço no quarto, um berço branco de madeira, com alguns aviões pendurados, Gil tinha escolhido a pedido da loira e ele falou que aviões faz parte da família.

Alguns toques de Sarah começavam a aparecer no quarto, coisas simples, a foto na escrivaninha, algumas coisas que ela espalhou no banheiro, o berço e o quadro delas que estava pendurado na parede perto da escrivaninha. A empresária estava aos poucos ocupando as partes vazias do quarto, tão aos poucos que ela apenas percebeu quando parou para prestar atenção.

- Sarah – Pocah apareceu no quarto e levou a atenção da loira - Acho que é melhor dar um banho na Juliette antes do jantar – Ela comentou e a loira a olhou enquanto assentia, lembrando que a morena não tomou banho após sair do hospital - Só não transa com ela machucada, ok?

- É claro que não vou fazer isso, Viviane – Pocah riu antes de descer de novo, a empresária suspirou e desceu atrás da cantora - Vamos tomar banho, Ju.

- Meu Deus, eu pareço uma criança – Juliette brincou, vendo Sarah pegar o Seung no colo e Pocah entregar as muletas para ela.

Subir as escadas não pareceu complicado para a morena, ela sabe quais são as formas mais seguras de subir sem machucar a perna. Pocah desceu para o quarto da Toyah e deixou as mulheres sozinha no quarto da morena.

- Aviões... Me lembra do seu quarto em Los Angeles – Juliette relembrou, o que fez a empresária sorrir enquanto colocava Seung no berço - Sarah, você está tomando conta de tudo, hein, do meu coração e do meu quarto.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...