História Agora e Para Sempre, Dara Cooper - Jungkook - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Blackpink, Monsta X
Personagens Hyung Won, I'M, Jennie, Jeon Jungkook (Jungkook), Jisoo, Joo Heon, Jung Hoseok (J-Hope), Ki Hyun, Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Lisa, Min Hyuk, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Rosé, Show Nu, Won Ho
Tags Bangtan Boys (BTS), Blackpink, Gukk, Jeon, Jeongguk, Jungguk, Kook, Kookie, Monsta X
Visualizações 15
Palavras 827
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Fluffy, Hentai, Mistério, Musical (Songfic), Poesias, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


  Olá, amoras! ( depois coloco um nome decente para vocês ) Está tudo tranquilo com vocês? Eu estou muito bem, e ainda mais feliz porque meu aniversário está chegando ( sim, sim! Dia 6 deste mês ) e voltando ao foco inicial, eu espero que gostem deste capítulo, pois esta é a minha primeira long fic😊 logo terei um banner ^^

      Boa leitura!!! 🌹🌹🌹

Capítulo 1 - Perfeitamente perfeito;


Fanfic / Fanfiction Agora e Para Sempre, Dara Cooper - Jungkook - Capítulo 1 - Perfeitamente perfeito;

Gosto de observar atentamente Jungkook enquanto ele não está olhando. Meus olhos cravam, detalhadamente, em todo seu rosto, captando um leve olhar seu. Meu coração congela quando o vejo sorrir, deixando seus olhos um tanto pequenos e mostrando perfeitamente seu eye smile magnífico. Retribuo o gesto igualmente, envergonhada, e voltei a falar com minha melhor amiga Roseanne Park.

               Tá’, mas quem seria Jungkook?

        Nada mais, nada menos do que o meu namorado. 

     Travo com tudo na cadeira confortável, quando minha amiga diz brevemente que meu namorado se aproxima. Engulo em seco e me recuso a olhar em sua direção, mas por um breve pedido de Rosé, atrevo - me a fazer tal ato. Mas, para quê? Para ver um ser lindo e de cabelos negros — meu ponto fraco — ir até você, com o olhar deslumbrante e de tirar o fôlego de qualquer uma? 

  — Oi, meninas — disse ele, dando um rápido sorriso e um aceno de cabeça para Rosé. Ela sorriu com a mesma intensidade e eu murmurei um símplice “oi”, ainda incerta no que dizer.

    — Hum... Dara, eu vou falar com Jimin rapidinho e já, já volto. Até depois, Jungkook — acenou subitamente, logo saindo da sala bastante extensa. Estávamos em uma festa de despedida, por assim dizer. Logo entraremos em uma universidade e dar um “até mais” para o ensino médio. Era um dos últimos dias sendo uma estudante e falta poucos para ser uma universitária, completa.

    Eu e Jungkook desejamos ir para a mesma universidade, e desfrutar da companhia do outro ainda mais juntos, aliás, não irá ser assim, caso separarmos e seguirmos nossos caminhos em universidades diferentes. A não ser à distância.

    — O que acha da notícia que lhe disse mais cedo? — Indagou ele, referindo-se a sua carta de aprovação da sua viagem à Osaka. Suspirei fundo, sentindo-me, de certa forma, relaxada, pois ele não tocou no assunto de eu estar olhando para ele, anteriormente.

    — Eu acho perfeito e uma boa ideia, e, além disso, você não está realmente querendo ir para lá? — Perguntei calma, com o tom de voz neutralizado. Olhei-o pacientemente, o vendo pensar. Em um ato rápido, Jungkook mordeu os lábios e pegou tranquilamente em minha cintura.

    — Sim, mas você sabe que eu quero ir com você — disse manhoso, dando um beijo casto em meu pescoço. Suspirei, podendo confessar mentalmente que o ato deixou-me de pêlos eriçados.

    — Você sabe que precisa da opinião da minha mãe, e ultimamente ela está de mau humor — menti descaradamente, pegando com a maior calma do mundo nos fios escuros de Jungkook. Ele rapidamente se assustou, e segurei muito para não rir ali mesmo.


  — Isso é sério? Você sabe que eu morro de medo da sua mãe, Dari — Dari é um apelido que ele deu para mim, apesar de não parecer com um. Dei um sorriso torto.

    — Ei, ela não é um monstro para você ter medo dela! — Disse irrisória, rindo de suas expressões.

  — Eu sei... — Coçou a nuca, ruborizado. — Mas, você entende. Eu tenho muita vergonha quando vou dialogar com ela, e parece que ela não gosta de mim. — Franzi o cenho, ao ouvir suas palavras.

  — Que exagero, Jungkook. Ela gosta de você, sim.

    — Gosta não.

    — Gosta sim.

    — Gosta não.

    — Como tem a certeza de que ela não gosta de você? Ela praticamente te baba, até mais do que na própria filha — falei emburrada. Quase me derreti ali mesmo, quando percebo que Jungkook está sorrindo lindamente, como sempre. 

    — Não se preocupe. Eu estava somente brincando — murmurou, ainda sorrindo. Semicerrei meus olhos.

    — Hum.

    — Eu tenho que falar algo com meus amigos agora. Daqui a pouco eu lhe levo para sua casa, Dari — deu um beijo em minha testa, seguidamente nos meus lábios. Jungkook retornou à mesa com seus amigos, — que por acaso fica na mesma sala onde estou, apenas tendo uma certa distância entre eles e mim.

  Quase dou um grito mortal, quando ouço a voz de Rosé:

 — Voltei! — Disse entusiasmada. Ainda estava tentando me recuperar do susto, o qual deu um grande efeito na minha pessoa. — Você se assusta com qualquer coisa, Dara.

  — Eu ficar perplexa com qualquer coisa? Está bem. Até parece que eu não iria me assustar com você aparecendo do nada — proferi, dizendo certas verdades na pronunciação. 

        Me surpreendo de imediato, quando escuto o som da notificação do meu celular. Abro a caixa de mensagens e rapidamente noto que era uma mensagem de Jungkook. Sorrio antes de abrir a mesma.

     Eu percebi que você estava olhando para mim anteriormente.

          E seguidamente outra:

           Eu sei que sou lindo.

    Esta última notificação me fez revirar os olhos, e encará - lo, mesmo tendo que estreitar meus olhos em sua direção devido a distância. Ele sorria descaradamente, e ato que me fez digitar a seguinte palavra:

             Convencido.


Notas Finais


E aí, galera! Gostaram do primeiro capítulo de “Agora e Para Sempre, Dara Cooper”? Eu espero ansiosamente que sim ^•^

Esta fanfic foi inspirada no livro: “Agora e Para Sempre, Lara Jean”, e como sou fanática pela Jenny Han, eu tinha que fazer uma adaptação, mas é claro que eu mudei muitas coisas na estória, para não ficar igual!

  Eu escrevi este capítulo com a maior cautela do mundo, para ficar do gosto de vocês. Esta é a minha segunda fanfic, e primeira fic ( sem ser one ), e estou nervosa devido às respostas possíveis de vocês ksskks ( não liguem para o meu lado retardado ) :)

Capa feita por: @Purrstel. Amei demais! 💜🌹

    Fiquem com Deus, amores! E tenham um ótimo dia!

    ~bjs de Changinha, Chang na minha e Kihyun pirou na batatinha. Sou fã do Changkyun, e Kihyun mais um🌹🌹 ^•^
                < []  >
                  /  \


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...