História Agust D X Kitty Gang - Yoonmin - a love between criminals - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Visualizações 35
Palavras 725
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Yeh
Desculpa a demora, pessoinhas 🌹
Esse broto azulado aqui estava morrendo de dor de cabeça 🤕
Mas, estou melhor
GLÓRIA A DEUXXXX

Então, vamos né?

Capítulo 7 - She is fast and smart too!



Voltando umas três ou quatro horas atrás, Agust D já tinha subido uns três andares, a procura de Jeon Yoohyun. Pelo visto, a garota que estava sendo procurada, se escondeu bem por alí

- ah... Foda-se! - Agust D retirou uma pequena lanterna do bolso, começando a iluminar o lugar por onde andava - hmn... - olhou para alguns respingo de sangue pelo chão, achando um estilete mais a frente 

Desconfiado, olhou em volta com a lanterna, achando um rastro de sangue até uma entrada. Cautelosamente, andou até lá, mas não encontrou nada, apenas mais sangue. Se virou para sair, mas deu de cara com alguém que o empurrou. Sacou seu canivete e o lançou. Se escutou o barulho do canivete cair no chão. Pelo visto, não acertou nada.

Se pôde ouvir passos, Agust direcionou a lanterna para onde estava vindo o som. Agust D viu uns fios de cabelos azulados, que passaram rapidamente, vendo o canivete que lançou, sendo lançado de volta, logo desviando.

- o que foi? Quer brincar de esconde esconde? - se levantou do chão, olhando em volta, a procura da garota

- se quiser, podemos brincar! - escutou uma voz feminina, provavelmente era a de Jeon Yoohyun - faz tempo que não me divirto!

Agust riu, notando a ironia da garota. Apanhou o canivete do chão rapidamente, o lançando novamente.

- o que foi? Não quer? Vou pegar par mim! - Agust escutou rápidos passos, levando um corte no braço - hahahaha! 

- ah!... Está se divertindo só porque não estou te vendo, não é! 

- isso não é óbvio? - novamente escutou passos, recebendo outro corte - hahahaha... Pobre gatinho... Está sem saber o que fazer, hm? Achava que gatos enxergavam no escuro

De certa forma, Agust estava meio indefeso alí. Não sabia a qual momento e onde ela iria atacar. Ela estava sendo a dominante dos ataques alí. Esperta e rápida.

- isso está ficando sem graça... Porque não reage, gatinho? Vai deixar eu me divertir sozinha mesmo? - mais passos. Agust tenta desviar, mas acaba recebendo um leve arranhão

Agust D raciocinou um pouco. Depois de notar os ataques de Jeon, notou que ela só está focando o braço direito. A lanterna estava na mão esquerda. Como qualquer um, a maioria, se tem mais habilidade na mão direita, e a cada ataque da garota, passava para trás de Agust. Jeon estava tentando desabilita-lo. Agust D passou a lanterna para a mão direita, bem quando Jeon iria atacar, conseguindo desviar.

- já estou querendo acabar com essa brincadeira!

- por que? Se ela está apenas começando!? 

Agust se virou, dando de cara com Jeon. Ela estava com os pulsos marcados e cheios de sangue, sorrindo diabólicamente. Partiu para cima. Agust desviou e pegou outro canivete do bolso, dando o primeiro ataque, pegando Jeon por trás e a derrubando no chão.

- hahahaha... Você aprender rápido - ela riu irônica, se deixando por vencida, fazendo Agust D ficar confuso.

- já desistiu? Seu limite de diversão é tão pouco assim? - ergueu uma sobrancelha

- não, é que já estou cansada... E fraca. - tossiu

- oxi! 

- hahaha... Foi divertido por um instante... Agora faça o que deve fazer... Me mate.

- você realmente vai se entregar fácil assim?! Que patético e sem graça! Nem para fugir um pouco? - resmungou indignado

- realmente. Mas não tenho muito a fazer nesse mundo mesmo... Já sofro muito, sabe? - Suspirou - vida de uma garota é difícil. - deitou o rosto no chão frio

- entendi... Mas você parece jovem - deu de ombros - é raridade eu fazer isso... Mas eu vou poupar você... 

- o que!?

- haha... - se aproximou - se quiser parar de sofrer, porque não trabalha para mim, hm? Vou dizer que matei você, vou receber minha recompensa, e dividir com você, o que acha?

- está me subornando?

- provavelmente. Mas isso será melhor para você, aliás, sou mal, mas não com todos - saiu de cima da garota, a ajudando a levantar - uma reviravolta, eu sei. Mas não posso cuidar da porra de todos os pedidos sozinho... Você poderia... Me ajudar... - falou baixo a última parte, pois odiava ser ajudado. - enfim! Vai querer ou não? - cruzou os braços

- sim Oppa! - deu pulinhos, como uma criancinha.

- é, realmente uma reviravolta, mas fazer o que... Não queria matar você mesmo...















Notas Finais


Yeh uh uh


Espero que tenham gostado, e desculpa algum erro 👌🏻
Bye bye bebês 🌹💙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...