1. Spirit Fanfics >
  2. Akai Ito o maldito fio vermelho >
  3. Princess e gatinho

História Akai Ito o maldito fio vermelho - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


UwU

Capítulo 3 - Princess e gatinho


Fanfic / Fanfiction Akai Ito o maldito fio vermelho - Capítulo 3 - Princess e gatinho

○○○○

As meninas já aviam ido fazer a matricula na faculdade com os meninos fazendo com que marinette e adrian ficassem sozinho no apartamento delas

- eeeh...Então os móveis vão chegar quando? - adrian puxou o assunto pois estava um silêncio desagradável no ambiente onde eles estavam

- chegam hoje....pra falar a verdade vão chegar daqui a pouco as meninas sairam e vou ter que montar sozinha.... - a azulada pois uma mão na cabeça desviando o olhar que estavam encarando os olhos verdes

- ué vc esqueceu que eu vou ficar aq até elas chegarem?  - o loiro se aproximou da  garota que estava um pouco corada

- a-ah n-não precisa se não quiser....se bem que eu quero que vc fique - marinette sussurrou a última frase mais adrian conseguiu ouvir e deu um sorriso

- eu tbm quero ficar perto de vc princess - o loiro levou uma mão ao queixo da garota a fazendo o encarar 

Marinette ficou sem reação só sentia seu rosto queimar mais e mais 

- p-princess? - ela perguntou olhando diretamente para aqueles olhos esmeralda que tanto amava mas não sabia

- que foi não gostou do apelido?  - adrian ficou com uma expressão triste puxando a azulada para mais perto de si

- e-eu gostei s-sim g-gatinho - ao perceber oq falou tampou a boca e fechou os olhos

- eu gostei do gatinho - adrian pegou as mãos da marinette colocando em volta do seu pescoço oq fez a garota corar mas logo dar um sorriso envergonhado 

A campainha toca os tirando do transe que estavam pois eles se encaravam fixadamente os olhos um do outro

- d-deve ser os móveis - marinette tirou suas mãos do pescoço do loiro e se direcionou até a porta - olá podem por ali

○○○○

Após os homens terem ido embora marinette olhou para cada caixa escolhendo qual seria a primeira

- vamos montar aquela primeiro - a garota apontou para um caixa marrom 

- humm a mesa de centro blz - o loiro foi até a caixa e a abriu

- e lá vamos nós gatinho - marinette foi até a caixa onde estava adrian e o ajudou a por as peças no chão

○○○○

Depois de terem montado quase tudo eles se jogaram no sofá que tinha posto um pouco no meio da sala 

- eu tô morta - marinette pois a cabeça para trás

- somos dois - adrian fez o mesmo e fechou os olhos

- mas eae como vc conheceu as meninas? - o loiro a olhou e deitou um suas pernas

- foi bem engraçado pra falar a verdade nós estávamos andando por ai e do nada caimos no chão kkkkk foi ai que minha vida começou a ficar mais alegre....- marinette acariciou os cabelos do loiro

- mais alegre? - o mesmo a olhou curioso

- eu meio que tenho mais traumas do que pareço.... sabe minha infância não foi uma das melhores não tinha amigos, os que se aproximaram de mim era por interesse....eles meio que nunca tinham visto uma garota de cabelos azuis escuros..... - sem que a garota percebesse uma lágrima escoreu por uma de suas bochechas

- ei não fica assim tudo um dia passa veja o agora vc é linda, cheia de pessoas maravilhosas a sua volta que te amam pelo jeito que vc é - adrian enxugou a lágrima que estava na bochecha da mesma logo vendo um sorriso em seu rosto

- não sei pq mas me sinto bem perto de vc gatinho - marinette se deitou no sofá junto a adrian pondo sua cabeça do peito do mesmo

- eu tbm me sinto bem perto de vc....sabe eu posso ter tido um dia estressante mas que vejo vc ele melhora completamente - adrian acariciou os fios do cabelo da azulada enquanto ela o abraçava mais forte

- adrian vc promete que não vai deixar o luka chegar perto de mim? - a azulada o encarou quase fechando os olhos e logo voltou a ficar do peito do mesmo

- eu prometo....vou te proteger nem que isso custe minha vida princess - adrian da um beijo da cabeça da azulada que avia adormecido em seus braços - não vou deixar que ninguém te toque, vc já tem traumas demais não quero que tenha mais um

- marinette? - alya entrou junto com os outros

- shhhh - o loiro pois um dedo na boca pedindo silêncio

- obg por ficar com ela adrian - tikki deu um sorriso

- não tem de que - adrian se levantou e pegou marinette no colo

- hun?gatinho? - marinette abriu os olhos ainda sonolenta

- pode voltar a dormir princesa - adrian deu um sorriso para a mesma que logo fechou os olhos novamente

- oq será que aconteceu aq quando estávamos fora? - clhóe cochichou para todos enquanto via adrian pondo marinette no colchão que ainda estava na sala

- gatinho e princesa acho que devem ser apelidos ai que fofos - alya tbm cochichou

- não via adrian assim a anos marinette mudou ele completamente - plagg chegou mais perto das meninas

- isso é verdade ele tá mais protetor - nino apontou avisando que ele estava vindo pra cá

- meninas não perguntem nada quando ela acorda ela pode acordar com um pouco de dor de cabeça pois ela chorou um pouquinho, se ela chorar me chame , me avisem se ela ficar triste,se ela pergunta se eu prometi algo falem que sim ok? - adrian parecia mesmo outra pessoa não era mais aquele cara que não ligava pra nada 

- eu posso saber qual é a promessa?  - tikki perguntou dando uma olhada para a azulada que estava dormindo tranquilamente

- eu prometi pra ela que não vou deixar o luka chegar perto dela, eu acertei é claro não quero que ela tenha mais um trauma ela já tem demais - adrian olhou para a azulada e deu um pequeno sorriso

- ela te contou sobre a infância dela? - clhóe olhou para adrian com um olhar triste adrian assentiu que sim

- então por favor qualquer coisa me chamem não quero vela triste por nada nesse mundo - adrian fez uma expressão preocupada

- pode deixar adrian vamos te chamar se acontecer algo - alya deu um sorriso

- ah e se ela fala gatinho tbm me chamem ela vai querer falar comigo, apelidos sabem como é né - adrian pois uma mão na cabeça e sorriu envergonhado

- pode deixar adrian elas vão cuidar bem da sua princesa - nino deu uma risada irônica e adrian corou

- tsc - adrian foi até o colchão onde marinette estava se abaixou e deu um beijo na bochecha da mesma e voltou para onde todos estavam - vamo logo seus imbecis

- olha como vc fala comigo muleke - plagg fez uma careta

○○○○

-meninas? - marinette boceja e olha pras meninas que estavam no sofá assistindo tv

- oi meu amor td bem? - alya levanta e vai até ela

- eu tô sim só com um pouco de dor de cabeça mas vou tomar um remédio - marinette deu um sorriso

- tá bom, se estiver com fome vamos pedir comida japonesa agora - alya acariciou o cabelo da azulada

- já pode pedir eu vou tomar um banho e já volto - marinette levantou do colchão e foi até o banheiro 

○○○○

Marinette estava tomando banho de água quente e pensando no que aconteceu hoje mais cedo

- pq vc mexe tanto comigo garoto? -mmarinette falou sozinha e deu um sorriso bobo - gatinho bobo

- MARINETTE A COMIDA CHEGOU - tikki deu um grito que a azulada chega se assustou

- JÁ TÔ INDO 

A mestiça pega uma toalha e se enrola, quando a mesma teminou de se enxugar vestiu pijama confortável, ela vestiu uma calcinha de renda vermelha um shortinho preto com bolinhas brancas e uma camisetinha branca

Saiu do banheiro e foi até a cozinha onde estavam suas amigas sentadas na mesa conversando

- do que vcs estão falando? - a azulada perguntou curiosa

- estavamos falando da hora que chegamos quando vimos vc dormindo nos braços do adrian - tikki deu um sorriso perverso que deixou a azulada corada

- não aconteceu nada demais - azulada puxou uma cadeira e se sentou - ele prometeu? - marinette pegou um prato 

- sim e ele pediu que chamasse ele caso vc ficasse triste se acontecesse algo com vc muita preocupação não?  - clhóe pegou os raxis ( acho que é assim que se escreve; -; ) e ofereceu a azulada

- e-ele falou isso mesmo -  marinette corou 

- sim e que história é essa de gatinho? - alya pois um sushi na boca enquanto a azulada corava mais ainda


- e-eeh apelidos sabem coomo é né - marinette desviou o olhar dos das meninas logo encarando o prato

- nossa que engraçado ele falou a mesma coisa - clhóe logo chamou a atenção da mestiça que ficou espantada

- calma mari foi só uma conhecidencia - tikki pegou um copo de vidro e despejou um pouco de suco no mesmo

- quem tá me mandando mensagem a essa hora? - marinette pegou seu celular que estava em cima da mesa o olhou e ficou assustada - o-oq? Não não não não como ele conseguiu meu número?  - a mestiça começou a chorar na mesma hora pondo seu celular na mesa que logo foi pego por clhóe

- " oi amor quando vamos nos ver de novo" tikki vai chamar o adrian agora! - clhóe pois o celular de volta na mesa logo indo até a azulada e a Abraçou

Tikki foi até o apartamento do lado e tocou a campainha o mais rápido possível

- t-tikki oq faz aq? - plagg abriu a porta e tikki entrou de pressa

- ADRIAN! - a avermelhada estava em desespero

- tikki? Aconteceu algo? - adrian foi correndo até a sala

- a mari ela tá chorando não da tempo de explicar agora só ajuda minha amiga por favor - tikki começou a chorar deixando adrian muito preocupado

- c-claro vamos logo - adrian correu para o apartamento das meninas

- shhhh calma mari vai ficar tudo bem - alya estava abraçando a mestiça fortemente

- princesa! - adrian chegou a azulada correu até ele logo o abraçando o mais forte que pode - ei eu tô aq shhh vai ficar td bem, alya oq aconteceu?  - adrian pegou a azulada no colo e foi até o sofá se sentando com a mesma ainda em seu colo

- eu prefiro mostrar eu não quero falar......adrian ele da muito medo - a morena pegou o celular da mestiça e mostrou a mensagem que o luka avia mandado e logo começou a chorar

- n-não deixa ele me pegar gatinho não deixa por favor - marinette estava com muito medo oq fez com que suas amigas tbm ficassem com medo e chorando junto com ela

- ei olha pra mim....eu não vou deixar ele tocar em vc ok? Ele nunca mais vai pegar em vc, eu não vou deixar......eu não vou deixar - ele olhou nos olhos da azulada e depois a abraçou , sem que ele percebesse seus olhos já estavam cheios de lágrimas

- f-fiquem com a gente por favor nós não vamos conseguir lidar com ela nesse estado - tikki Abraçou plagg e logo cairam mais lágrimas sobre o seu rosto

- a gente vai ficar ok? Jamais iamos deixar vcs sozinha nesse estado - plagg correspondeu o abraço da mesma



Continua........




Notas Finais


Gente do céu pra vcs terem noção eu chorei escrevendo esse capítulo kskskksksksk

Um beijinho na bochecha e xau ♡ ~


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...