1. Spirit Fanfics >
  2. Akumas >
  3. Minha casa

História Akumas - Capítulo 29


Escrita por:


Capítulo 29 - Minha casa


*HARUMI ON*



Eu me teleportei pra porta do meu quarto, e quando cheguei, logo fui ver se o escudo estava ativo. Ainda bem ele ainda estava ativo, e não parece ter sofrido dano nenhum.

Eu abri a porta um pouco tensa, afinal, não estava acostumada a deixar Zack sozinho, na verdade nunca fiquei tanto tempo longe dele, e pelo o que eu saiba, não se pode confiar em quase ninguém aqui.

Quando eu entro no meu quarto, eu não o vejo de primeira. Eu ando mais um pouco com passos rápidos, mas ele não estava lá. MERDA.

Logo eu dilato minha pupila e começo a ver aonde estava a alma dele. Ela estava em um quarto estranho. O tal quarto parecia ser longe.

Rapidamente eu tirei minhas asas pra fora e comecei a voar o mais rápido possível atrás de Zack.

Eu virei várias vezes corredores, passei por incontáveis portas e portões. Até que eu finalmente cheguei. Eu não parei, eu simplesmente invadi o quarto, e em menos de um segundo, eu identifiquei o meu ajudante.

Eu então pulei na frente dele e fiz minha foice aparecer.

— QUEM SÃO VOCÊS? - eu gritei em pose de defesa.

— Harumi calma - eu ouvi Zack falar.

— Elas são amigas, não inimigas - ele disse pegando em meu braço esquerdo com delicadeza.

— Hum...- eu o olhei por um instante, e logo olhei pra todas com mais calma.

Haviam umas cinco garotas. Uma era híbrida, outra tinha guelras ,outra era uma vampira, outra parecia um anjo caído e outra tinha pele com escamas vermelhas.

— HARUMII - eu ouvi me chamarem. Quando me virei, fui surpreendida por um abraço da Vanna.

— Vanna...por que trouxeram o Zack pra cá? - eu perguntei meio em alerta.

— Nós o trouxemos por que ele tava bem entediado, e também por que elas são pacíficas - a musculosa explicou.

— Ta... - eu falei meio em dúvida.

— Trouxe o que eu te pedi? - ela perguntou erguendo uma sobrancelha.

— Ah sim sim - eu falei erguendo o pacote, e eu aproveitei pra esconder minhas asas e a foice.

— Nos perdoe por não te avisar - Flori disse ficando ao lado de Vanna.

— Dessa vez passa, mas avisem da próxima vez - eu falei cruzando os braços.

— Certo certo, nos desculpe - Vanna disse me abraçando com o braço direito. Mas logo eu saio de baixo, e fui até Zack.

— Você tá bem? - eu pergunto olhando o rosto e braços dele pra ver se ele está realmente bem.

— S-sim, não precisa se preocupar tanto assim - ele falou colocando as mãos nos meus ombros.

— Então tá - eu falei ainda pensando na expressão de minha mãe.

— E você ?Ta bem? - ele perguntou me olhando nos olhos.

— Sim, to - eu falei tirando as mãos dele de mim.

— EU LEMBRO DE VOCÊ - ouvimos uma voz fina gritar, quando eu olhei, vi que era a anja caída que havia gritado. Ela estava vermelha.

Ela veio em minha direção, e tentou me olhar nos olhos ficando nas pontas dos pés — Você é a nova aluna da sala 9S -

— Sim...? - eu falei pensando em como que ela sabe disso.

— Eu vou estudar com você - ela disse me abraçando. Nossa, como gostam de abraços.

— Hum...tá - eu falei meio sem jeito, não sou acostumada com contato físico de estranhos.

— Eu espero que possamos ser amigas no futuro - ela disse com um sorriso fofo.

— Vamos ver - falei suspirando.

Eu então me lembrei que tinha uns dias antes das aulas começarem, então eu falei — Eu tenho umas coisas pra fazer - e me teleportei dali.

Assim que eu estava no meu quarto , comecei a pensar...como será que está a Melnya? Minha amiga que me ajudou naquele momento complicado.

Mas antes de eu completar meu pensamento, ouvi baterem na minha porta.

— Quem é? - eu perguntei indo até a entrada do quarto.

Quando abri, vi um guarda, e ele falou — Senhorita Harumi, a sua casa já está pronta, o mestre gostaria de falar vom você -

— Certo - eu concordei com ele. Então nós começamos a caminhar. Mas por que que eu simplesmente não utilizo meu teleporte? Já foi deixado claro que é proibido interferir nos guardas que não tem esses tipo de poder.


Quando chegamos, eu logo vi o mestre a frente, então não perdi tempo e perguntei — E então? -

Ele se virou e falou sério — A sua moradia já está pronta, espero que goste - ele se afastou, e quando ele saiu, tinha um pequeno holograma de uma casa.

A tal casa era com dois andares, muito bem decorada por fora, as cores de fora variavam entre cinza forte e claro. O telhado era escuro e pontudo. Havia uma chaminé, típico dos EUA. O jardim era enorme, com uma cerca de madeira rodiando a casa, acabando em um portão pequeno na frente da porta da casa. As janelas variavam entre grandes e pequenas.

— Gostou do lado de fora? - o mestre perguntou.

— Sim, está muito bonito- eu falei olhando fixamente.

— E aqui está a parte de dentro - ele disse fazendo a parte de dentro do primeiro andar aparecer.

A decoração era uma vitoriana, realmente sempre achei lindo esse estilo. A sala havia uma grande estante vazia, acho que era pros livros. Os sofás e a poltrona eram de cor preta. Havia um grande tapete no meio da sala e uma TV atual.

A cozinha era maravilhosa. Com vários aparelhos pra cozinhar, uma grande janela. E variava entre as cores cinza e branco.

O resto da casa era lindo, não vou descrever tudo, não há necessidade.

— É perfeita essa casa - eu falei o olhando com um sorriso largo.

— Que bom que gostou, eu fico feliz - o senhor disse me abraçando. Ele realmente estava feliz.

— Mudando de assunto, os materiais necessários pra sua aula, eu pedi para que entregassem em seu quarto daqui, algumas amostras, e a que você gostou iria ser utilizado - ele falou desfazendo o abraço.

— OK, alguém virá buscá-los? - eu perguntei cruzando os braços.

— Sim, você vai ter duas horas pra escolher os materiais - ele disse fazendo desaparecer o holograma.

— Certo, então eu já vou indo pro quarto - eu falei logo me teleportando em seguida.


Quando vi, tinha algumas coisas encima de minha cama. Eu olhei e eram três bolsas de alça das cores preta,azul e roxa escuro. Dois estojos grandes de cor vermelho e rosa. Lapiseiras, uma roxa, uma verde e outra laranja. Borrachas de cores branca ou preta.

   OK então, vou escolher, a bolsa roxa, o estojo vermelho, lapiseira roxa e borracha preta. Acho que é isso. Só esperar virem buscar os que eu não escolhi.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...